Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
cristianoback

Entendendo melhor o formato AVI/DV.

Recommended Posts

Pessoal,

Andei pesquisando aqui no proprio forum mesmo e vi que uma otima opção para quem quer editar seus videos sem perda de qualidade é a captura por um Conversor A/D ou por uma MiniDV para o formato AVI/DV.Tinhamos começado o nosso papo em "Filmadoras Digitais Compactas" mas como pulou um pouco do assunto, criei um topico para este assunto das AVI/DV.

Bem continuando....

RedBeard e Somaniaco.

"Onde você conseguiu um arquivo DV sem compressão? Não confunda AVI DV com DV sem compressão!!.."

Fiz 2 testes ao mesmo tempo, uma configurando o procoder com o presset da AVI/DV Canoppus e outra com AVI/DV Microsoft. Ao importar o video com configuração da canoppus o premiere não reconheceu ficando com a faixa vermelha para renderização, da microsoft reconheceu sem problemas (ate agora!!) sem a faixa vermelha para renderização.

Somaniaco, agora você me confundiu!! qual seria a diferença entre o AVI/DV com o DV sem compressao?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cristiano,

Ainda acho que você tá confundindo alguns conceitos diferentes...

Postado Originalmente por cristianoback+23 de janeiro de 2006, 11:18-->
A diferença é que o conversor A/D comprime o AVI/DV por hardware, e não por software.

Ok, correto.

cristianoback@23 de janeiro de 2006, 11:18

Para outros formatos de video comprimido na hora da captura por um conversor seria feita por software, dando talvez algum tipo de problema como perda de frames etc...

Aqui a coisa tá confusa.

Cada hardware tem um formato "padrão" de saída mas na maioria das vezes há outros padrões possíveis.

Um conversor A/D (ou filmadora) ligado no micro via firewire tem como padrão o envio dos dados com compressão DV, mas nada impede de programar o micro para fazer via software a compressão MPEG e gravar o arquivo de vídeo em MPEG.

Uma placa de captura, dessas comuns, fornece ao micro os dados em AVI sem compressão, mas a maioria dos programas costuma fazer algum tipo de compressão antes de gravar, seja ela Huffyuv, DV, MPEG ou até DIVX.

A perda de frames pode ocorrer por 3 motivos:

1- a fonte do sinal não envia o sinal completo. Isso acontece quando a fita (por exemplo) está fora de sincronismo e o VCR não é capaz de reconstituir esse sinal.

2- o hardware conversor A/D não consegue lidar com a velocidade de entrada do sinal. Dependendo da qualidade do hardware, pode até acontecer dele não informar essa perda e tocar a bola pra frente. Isso acontece muito em placas de captura de TV pois o que interessa é o sinal "ao vivo", mesmo que perda algum frame.

3 - o computador não consegue processar o sinal recebido pelo hardware. Isso é mais frequente quando o usuário programa o computador para usar a compressão MPEG que é mais pesada. Mesmo usando AVI sem compressão é comum a perda de frames pelo motivo do computador não conseguir escrever no HD a quantidade de dados necessários.

Assim, a perda de frames existe mas não é culpa exclusiva nem do hardware nem do software.

Postado Originalmente por cristianoback@23 de janeiro de 2006, 11:18

Acredito que o conversor, foi feito justamente para fazer a captura em AVI/DV usando o proprio hardware.

Por exemplo uma captura feita por placa de captura o avi DV seria compactado por software, talvez assim dando uma certa perda de qualidade.

Novamente são conceitos separados.

1 - O Conversor faz a captura, ou seja, a conversão do sinal Analógico em sinal Digital.

2 - O formato do sinal digital enviado ao computador é no padrão DV.

Se for uma placa de captura, o sinal gerado pela placa vai depender do projeto de cada placa. Se for uma placa comum, é muito provável que o projeto preveja somente o envio de dados sem compressão. Se for uma placa mais robusta, que tenha um hardware próprio para compactação MPEG, o sinal enviado pode ser em MPEG.

Novamente a questão da qualidade depende de vários fatores.

Se você tiver uma placa de captura das comuns, a maioria dos programas vai permitir que você ajuste brilho, contraste, nitidez, cor, ... e esses ajustes podem melhorar ou piorar a qualidade da imagem.

Num conversor A/D externo, esses ajustes já vão estar predeterminados de fábrica e na maioria dos casos vão ser "o melhor possível". Por isso existe muita gente que defende ainda o uso de placas, mesmo dessas comuns, pois nelas é possível ajustar de tal forma que o sinal fique realmente o melhor possível, mas lembre que esses ajustes são manuais.

A perda existente na compressão do sinal para armazenar no HD depende do CODEC e da forma com que o arquivo é comprimido, como já expliquei nos posts anteriores.

Postado Originalmente por cristianoback+23 de janeiro de 2006, 11:18-->
Entendi perfeitamente sua ideia. Vejamos a minha opiniao.

Se a minha forma de armazenamento for ruim, eu terei: perda de frames, qualidade de imagem ruim, ou imagem boa mas com arquivo muito grande com perda de cores....

Agora se a minha fonte é boa, com um conversor A/D por ex, eu não terei perda de frames, meu tamanho de arquivo AVI/DV sera aceitavel e leve, audio em sincronia com o video, cores mais vivas (espero que sim!!)....

Agora virou uma salada...

Forma de armazenamento é o quê?

Não me lembro de ter falado nenhuma vez sobre perda de cores...

Um conversor A/D não deve ter perda de frames, como já explicado o AVI/DV é de um tamanho aceitável, em sincronia perfeita, e as cores serão muito boas sem a necessidade de ajustes manuais.

Postado Originalmente por cristianoback@23 de janeiro de 2006, 11:18

Minha fonte atualmente não é das melhores pois capturo em uma placa de captura que é embutida na de video, assim sendo gravo em avi sem omcpressao para assim sugar ao maximo a qualidade desta placa...

então, por isso hoje sei que a fonte é a alma do negocio.

Como eu falei, as melhores, mais caras e consideradas Profissionais, são placas de captura e não hardware externos, porém além de absurdamente caras elas necessitam de ajustes manuais.

Sua placa conjugada pode ser adaptada para usar o CODEC Huffyuv que garante compressão sem perda, ou até mesmo algum CODEC DV. Isso não vai pesar quase nada para o micro.

Postado Originalmente por cristianoback@23 de janeiro de 2006, 11:18

Deu para entender a minha ideia?

Converti um arquivo avi sem compressao para avi/DV(minha placa não consegue capturar direto em AVI/DV). O arquivo avi/DV ficou perfeito! não perdeu qualidade, ficou mais leve para a edição, o arquivo que antes era 5,83gb passou a ser 1gb!

No final exportei o AVI/DV com o mesmo presset q havia usado antes na conversao do avi sem compressao para mpeg2, e gravei os dois videos em dvd e fiz a comparação, simplesmente ficou  A MESMA COISA!!!

Exatamente.

Para o uso normal, não há diferença perceptivel entre o DV e o Sem Compressão.

Só fique atento que não é a sua placa que não aceita capturar em DV, mas sim o software que você usa na captura que normalmente restringe isso.

cristianoback@23 de janeiro de 2006, 15:54

Somaniaco, agora você me confundiu!! qual seria a diferença entre o AVI/DV com o DV sem compressao?

Dinho, se me permite continuar com essa loooooooonga resposta,

AVI significa Audio e Video Integrados. Dentro de um arquivo AVI podem ter vários formatos (não ao mesmo tempo, hehehe).

Um arquivo comprimido com o CODEC DV normalmente tem a extensão AVI e então chamamos ele de AVI/DV para simplificar.

Não existe DV sem compressão pois o DV já é um CODEC.

Não sei se confundi mais ou se expliquei. Mas para você não misturar os conceitos, veja se está tudo em ordem e tente perguntar uma coisa de cada vez, ok?

O Dinho está na ativa, assim como outros feras com os quais aprendi tudo...

Abraços,

RedBeard

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

RedBeard

Postado Originalmente por RedBeard+23 de janeiro de 2006, 17:50-->
Forma de armazenamento é o quê?

Fonte de captura, ex:placa de captura, conversor A/D...

Postado Originalmente por RedBeard@23 de janeiro de 2006, 17:50

Não me lembro de ter falado nenhuma vez sobre perda de cores...

Comentei sobre isso porque minha placa de captura em momentos que há cores bem fortes a cor fica branca, já tentei regular as cores manualmente pelas configurações da placa, mas não adianta...melhora muito pouco.

RedBeard@23 de janeiro de 2006, 17:50

Para o uso normal, não há diferença perceptivel entre o DV e o Sem Compressão.

Só fique atento que não é a sua placa que não aceita capturar em DV, mas sim o software que você usa na captura que normalmente restringe isso.

Procurei na internet pelo codec DV e achei um chamado "Panasonic DV"(acho q é isso) e então fiz questao de baixar pois ele disse que aceitava o Virtual Dub para a captura. Instalei, mas quando carrego o Virtual Dub na parte do "Capture AVI..." aparece a seguinte mensagem:

Conhece este tipo de erro?

Todo o resto da mensagem eu entendi, sem complicação!

post-28237-1388490419309_thumb.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cristiano,

Ok, entendi, mas cuidado pois "forma de armazenamento" é bem diferente de "fonte de vídeo digital".

Sobre cores não posso ajudar pois não conheço esse problema (tenho pouca experiência).

Sobre o CODEC DV, na página do Free-codecs ( http://www.free-codecs.com/download/Panasonic_DV_Codec.htm ) fala que funciona com o Virtual Dub, mas não posso afirmar com tanta certeza pois nunca testei.

Tente esse CODEC e se possível os outros que a página cita.

Ok?

RedBeard

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

RedBeard

É justamente este codec que baixei e instalei para fazer o teste, sendo que na hora de entrar no virtual dub ele da aquela mensagem q mostrei acima. Havia lido também sobre isso, mas agora não estou lembrado direito daonde, que falava que placas de captura embutidas com a de video não seriam capazes de capturar em AVI/DV. Mas não tenho certeza sobre isto. Vou dar uma pesquisada e testada melhor aqui, aí então lhe falo melhor sobre isso.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vamos tentar resolver um problema de cada vez, como já disse o Red!!! Se bem que depois de tudo que você disse, Red, não falta muita coisa para se dizer e espero que o Cristiano tenha resolvido suas dúvidas:

O mais importante é a FONTE de vídeo. E aqui vai uma pequena correção, Red: Exite sim o formato de Vídeo SEM COMPRESSÃO. A Compressão DV já imputa a este vídeo uma taxa razoável, sem muitas perdas perceptíveis aos leigos e é o formato que se tornou conhecido e usado por muita gente. O Formato de Vídeo SEM Compressão já é mais raro, gerados por equipamentos de alto nível e presente geralmente em equipamentos Profissionais, são os formatos HD. Por isso eu havia perguntado ao Cristiano onde ele havia conseguido a Fonte SEM Compressão!! É que hoje a tendência é as pessoas chamarem o DV de SEM Compressão e não é verdade!!! Veja esse gráfico da Cyberlink, onde eles mostram como funcionam o Codec Mpeg4-SP e AVC, aqui podemos ver a differença, em tamanho de arquivo, de um Vídeo SEM COMPRESSÃO (D1) e um com compressão DV e demais formatos:

<div class='bbimg'>%7Boption%7Dhttp://www.cyberlink.com/english/products/powerencoder/images/1hour_video_sp.gif' border='0' alt='Imagem postada pelo usuário' /></div>

Com isso, esa dúvida deve ter sido banida de vez!!! Cristiano um bom Codec DV é o da Microsoft.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Falou e disse.

Realmente há o vídeo sem compressão e a maioria das placas mais baratas (BT 878) podem fazer a exportação para o micro nesse formato. O problema é que o vídeo gerado é tão grande que o sistema não dá conta de armazenar os 90 Gigas por hora.

Cristiano, só para fazer uma correção no que eu disse há alguns dias, o valor correto do tamanho do Vídeo Sem Compressão é esse aí, 90Gigas por hora. O valor que eu havia falado, perto de 40Gigas por hora é com o CODEC Huffyuv.

Se sobrou dúvida, manda que a gente rebate, hehehe.

RedBeard

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Somaniaco e RedBeard

Bem li sua resposta e me convenci, mas fucei um pouco mais e fiquei com mais duvidas!

É o seguinte, vamos por partes!!

Tenho 5 videos todos no mesmo tamanho de tempo: 5minutos.

>>o primeiro video foi capturado sem compressao e tem 5,83GB

>>o segundo video foi convertido a partir do sem compressao pelo proprio premiere em Microsoft dv avi e tem 1,00GB

>>o terceiro video foi convertido a partir do sem compressao pelo procoder com o codec microsoft dv e ficou com também 1,00GB

>>o quarto video foi capturado direto em dv com o codec mainconcept DV e ficou com 1,05GB

>>o quinto video foi convertido a partir do sem compressao pelo procoder com o codec canopus dv e ficou com 1,05GB

>>os videos de codec microsoft e mainconcept sao reconhecidos na minha timeline quando criados pelo presset "DV NTSC"

a partir dos resultados do tamanho de arquivo, eu realmente teria em uma hora +/- 13 ou 14 GB de video DV.

----------

no segundo video:

na hora de exportar ele tem as seguintes informações:

".....de um Vídeo SEM COMPRESSÃO (D1)...."

lendo esta informação do seu post e juntando esta configuração da figura eu tenho um D1(sem compressao)/DV NTSC (0.9)(ate queria saber o que significa este 0.9), ou seja, irei exportar um arquivo avi dv sem compressao.

------------

notei que o video em avi dv microsoft tem mais qualidade que o avi dv do mainconcept dv.

------------

ao criar um novo projeto com o preset DV-NTSC, o premiere captura as informações do arquivo dv importado?para fazer as renderizações de efeito? porque se não, por exemplo, estou trabalhando com um arquivo avi dv capturado com o mainconcept dv, quando for renderizar efeitos, o premiere ira usar o codec padrão dv(microsoft avi dv) para renderizar, sendo que com isso iria dar diferença de qualidade no video original e no efeito renderizado, fazendo que o video ficasse um lixo!

-----------

Aproveitando esta tela:

o que significa:

"Square Pixels (1.0)",

"D4"?

-----------

onde posso conseguir o codec Microsoft DV para a captura?

-----------

Bom por enquanto é isso!!!hehe

post-28237-13884904217205_thumb.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É Cristiano, estou vendo que você quer realmente ficar por dentro!!

Primeiro: A franção entre parênteses, informa os aspect Raio: 0,9 é equivalente a 4:3; widescreen 16:9 equivale a 1,2, isso para NTSC, já em Pal-M os valores sào respectivamente 1,067 e 1,422. Para chegar a esses valores há umas equivalências matemáticas... mas o importante é você ter em mente sempre essa referência.

Continuo achando que você está confundinfo os Codecs: A Mainconcept é concorrente da Microsoft, são programas diferentes!!! Uma vez capturado o vídeo, independente do codec usado para isso, se você for processar novamente esse vídeo através de qualquer outro codec valerá as regras desse novo processo!!!

O Premiere irá sim importar seu arquivo DV...

Na boa, não estou ainda conseguindo entender a sua dúvida!! Mas acho que ficou claro a diferença entre os vários tipos de foramto!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ok, Cristiano,

Vamos por partes menores ainda. hahahah.

Postado Originalmente por cristianoback@25 de janeiro de 2006, 11:26

Somaniaco e RedBeard

Bem li sua resposta e me convenci, mas fucei um pouco mais e fiquei com mais duvidas!

É o seguinte, vamos por partes!!

Tenho 5 videos todos no mesmo tamanho de tempo: 5minutos.

>>o primeiro video foi capturado sem compressao e tem 5,83GB

>>o segundo video foi convertido a partir do sem compressao pelo proprio premiere em Microsoft dv avi e tem 1,00GB

>>o terceiro video foi convertido a partir do sem compressao pelo procoder com o codec microsoft dv e ficou com também 1,00GB

>>o quarto video foi capturado direto em dv com o codec mainconcept DV e ficou com 1,05GB

>>o quinto video foi convertido a partir do sem compressao pelo procoder com o codec canopus dv e ficou com 1,05GB

>>os videos de codec microsoft e mainconcept sao reconhecidos na minha timeline quando criados pelo presset "DV NTSC"

a partir dos resultados do tamanho de arquivo, eu realmente teria em uma hora +/- 13 ou 14 GB de video DV.

Quando você fala TimeLine é do Premiere, certo?

Nesse caso, considerando que o CODEC Canopus está instalado direitinho, no meu entendimento também era para o Premiere reconhecer, mas não tenho tanta experiência. Se isso for realmente um problema, pergunte separadamente.

O tamanho é esse mesmo, como o Dinho explicou até com gráficos (qualquer dia eu conseguirei essa qualidade, hehehehe).

Vou respondendo as outras coisas abaixo.

P.S. Vi que o Dinho também respondeu... Vou tentar falar das outras coisas...

RedBeard

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cristiano,

Postado Originalmente por cristianoback@25 de janeiro de 2006, 11:26

no segundo video:

na hora de exportar ele tem as seguintes informações:

".....de um Vídeo SEM COMPRESSÃO (D1)...."

lendo esta informação do seu post e juntando esta configuração da figura eu tenho um D1(sem compressao)/DV NTSC (0.9)(ate queria saber o que significa este 0.9), ou seja, irei exportar um arquivo avi dv sem compressao.

Pera lá...

Sobre o 0.9 o Dinho já explicou.

Não existe Arquivo Sem Compressão DV. O DV já é uma forma de compressão. Não sei o que esse D1/DV quer dizer mas garanto que não é Sem Compressão.

Dinho, dá um help!

Postado Originalmente por cristianoback@25 de janeiro de 2006, 11:26

notei que o video em avi dv microsoft tem mais qualidade que o avi dv do mainconcept dv.

Esse lance de qualidade é muito subjetivo... Para uns pode ser o tom das cores, para outros pode ser o nível de detalhes, mas é certo que CODECs diferentes podem apresentar resultados diferentes. Use o que melhor combinar com seu gosto.

ok por enquanto?

Red

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por cristianoback@25 de janeiro de 2006, 11:26

ao criar um novo projeto com o preset DV-NTSC, o premiere captura as informações do arquivo dv importado?para fazer as renderizações de efeito? porque se não, por exemplo, estou trabalhando com um arquivo avi dv capturado com o mainconcept dv, quando for renderizar efeitos, o premiere ira usar o codec padrão dv(microsoft avi dv) para renderizar, sendo que com isso iria dar diferença de qualidade no video original e no efeito renderizado, fazendo que o video ficasse um lixo!

-----------

onde posso conseguir o codec Microsoft DV para a captura?

Salvo engano de minha parte, o Premiere importa qualquer arquivo que esteja com compressão DV e apenas faz os processamentos de imagem sem "reencodar" novamente. Ao menos eu não senti diferença nenhuma ao usar o CODEC nativo do WindowsXP/Premiere ou o CODEC que veio junto com o software da minha filmadora JVC (que eu não sei qual é).

Que eu saiba, o CODEC da Microsoft já vem no Windows. O que pode acontecer é ele estar desabilitado e só entrar em ação quando detectar uma porta FireWire. Mas veja que isso é só especulação. Não tenho certeza.

Dessa mensagem acho que acabou, mas estou vendo q você tá escrevendo mais uma. Vamos lá. hahaha

Abraços,

RedBeard

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Red, na realidade o D1/DV significa que é um Video Digital Sem compressão... Já simplesmente um DV significa que ele foi comprimido pelo Codec DV... a medida que o vídeo for sendo comprimido ele recebe novas nomenclaturas, D1, D3, D4 .... Tudo isso não adianta perder tempo e massa cinzenta... Entendendo o que eu mostrei no Gráfico, assim como os percentuais de Aspect Ratio, é o suficiente:

Existe um Vídeo Digital sem compressão: D1

Existe um video Digital com compressão DV: Pode ser o AVi DV

Existem outras dezenas de formatos de compressão, todos a partir de uma fonte, ou seja, o formato anterior!!!

Veja, você poderá comprir um Mpeg2 para Mpeg4, nada impede..depende do uso que fará para esse vídeo (Telefone celular por exemplo) onde mostrará uma boa qualidade... Você só não poderá reproduzir esse seu Mpeg4 numa TV, que ficará sofrível!!

Disse isso que é para mostrar que FONTE é sempre um formato superior ao formato desejado de saída!!! E a melhor fonte que existe (hoje, não sei amanhã) é o digital sem compressão!! Mas qualquer vídeo pode ser comprimido até que não se veja mais nada!!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por somaniaco+25 de janeiro de 2006, 14:40-->
Continuo achando que você está confundinfo os Codecs: A Mainconcept é concorrente da Microsoft, são programas diferentes!!!

Sim, estava colocando para ter uma comparação de qualidades entre eles.

Postado Originalmente por somaniaco@25 de janeiro de 2006, 14:40

Uma vez capturado o vídeo, independente do codec usado para isso, se você for processar novamente esse vídeo através de qualquer outro codec valerá as regras desse novo processo!!!

Desculpe, mas não entendo sua frase acima!

somaniaco@25 de janeiro de 2006, 14:40

Na boa, não estou ainda conseguindo entender a sua dúvida!! Mas acho que ficou claro a diferença entre os vários tipos de foramto!!!

é que a partir de uma duvida resolvida acaba aparecendo outras!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por cristianoback@25 de janeiro de 2006, 15:43

Desculpe, mas não entendo sua frase acima!

Cristiano.... simplesmente a sua FONTE não importa com que codec foi criado, você tem que se preocupar sempre com os requisitos do seu Codec que está usando para comprimir esta FONTE...Ficou claro?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por RedBeard@25 de janeiro de 2006, 15:21

Que eu saiba, o CODEC da Microsoft já vem no Windows. O que pode acontecer é ele estar desabilitado e só entrar em ação quando detectar uma porta FireWire. Mas veja que isso é só especulação. Não tenho certeza.

Pois é Red, ele pode ate existir no computador mesmo, o bom era se ele fosse visivel no virtualdub, aí meus problemas estariam resolvidos!hehe

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cristiano,

Acho que minha resposta não ajudou a clarear as coisas e agora achei o pedaço de tela que você postou.

A lista que você mostrou são opções para Pixel Aspect Ratio e nesse caso vale o que o Dinho falou. O Pixel Aspec tem a ver com a relação Altura X Largura da tela. Não tem nada a ver com compressão.

Eu realmente estava errado ao achar que existia um D1/DV pois naquelas opções (Pixel Aspect Ratio) D1/DV NTSC significa que tanto o D1 (sem compressão) quanto o DV NTSC (comprimido com o DV no padrão NTSC) usam o Pixel Aspect Ratio de 0.9 .

Legal essa comparação entre os CODECs. Se você tiver oportunidade, poste aqui uma imagem igual (da mesma cena) de cada CODEC mostrando as diferenças q você observou. Vai ajudar mais gente (e matar minha curiosidade pois nunca tive saco pra isso, hahaha).

Agora, cuidado: não existe "Formato DV sem Compressão".

Um arquivo com extensão AVI pode ter como conteúdo uma série de "tipos", entre eles:

- vídeo sem compressão

- vídeo comprimido com Huffyuv (que não tem perda)

- vídeo comprimido em DV

- vídeo comprimido em Divx

etc... pode até ter vídeo comprimido em MPEG com extensão AVI.

Entenda direito os formatos de arquivo para depois partir para as diferenças entre os sistemas de TV.

Tamos aí.

RedBeard

PS. você não tá usando o Premiere?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cristiano, agora eu fiquei preocupado!!! Estamos falando a um bom tempo de formatos disgitais e você me manda agora VIRTUAL DUB!!! O quê que você está fazendo com isso? Você queria tanto um DV de alta qualidade, e está falando de Virtual DUb?

Me diz uma coisa: O quê realmente você está querendo fazer e quais as ferramentas que você tem na mão para fazer? Explica isso para nós para que não fiquemos falando coisas que você não vai entender, por pensarmos que você já tem uma certa bagagem, levando em conta o nível das suas dúvidas!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Galera, só para não pairar mais dúvidas quanto a relação de Compressão entre formatos, e seus vários tipos, vou colocar aqui embaixo uma tabela que deve encerrar de vez as dúvidas!!!

FORMATOS DIGITAIS

<div class='bbimg'>%7Boption%7Dhttp://i9.photobucket.com/albums/a55/somaniaco/ForamtosDigitais2.jpg' border='0' alt='Imagem postada pelo usuário' /></div>

Não xinguem...vou aumentar a foto....esperem

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Hehehehe...

Somaniaco

o Porque do uso em Virtual Dub:

O principal de tudo porque ele é leve, tenho em mente que se perco frames, não é por causa do programa que faz a captura que comeu toda a memoria na hroa de carregar,

se uso um software que captura direto em mpeg, perco muitos frames, pois todo o processamento da conversao em tempo real do mpeg se da a partir do software(tenho certeza disso pois minha placa de captura é embutida com a de video e sei que ela não ajuda em nada!!)

tendo a situação acima então...só posso capturar em avi!!!

aparece todas as informações necessarias durante a captura, uso do processador, mb em disco, mb usados....etc

ao instalar codecs, huffyuv, mainconcept dv, etc.. já aparece numa listinha lá bem agradavel e de fácil manuseio.

e não tem nada de frescuras!!!

é por isso! entendes?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ok,...veja a Tabela que publiquei na página anterior!!

Então você usa o Virtual Dub só mesmo para Captura!!

você faz captura por Placa!! Porque usa ainda esse sofrimento!!!! Essqueça perda de Frame "Isso não te pertence mais"!!! isso não existe mais!!! Reveja seus métodos e melhore sua Performance, pois já tem conhecimento para isso!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É isto mesmo que eu quero!!! só não jogo fora pela janela porque ela é embutida! se não como irei usar o computador?! hehe

Vejo que a minha melhor opção hoje seria de comprar um conversor A/D, da Canopus que tem o Audio Lock para evitar a perda de sincronia de audio e frames perdidos.

vou dar uma estudada na tabela!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por somaniaco@25 de janeiro de 2006, 15:57

Cristiano.... simplesmente a sua FONTE não importa com que codec foi criado, você tem que se preocupar sempre com os requisitos do seu Codec que está usando para comprimir esta FONTE...Ficou claro?

ficou claro, o encoder final faz muita diferença, mas eu discordo na parte de que qualquer codec na captura sirva, pois segundo meus testes...

a imagem do mainconcept dv comparada ao microsoft dv(consegui este arquivo convertendo um avi sem compressao para microsoft dv), tem perdas de cores e uma leve diferença a mais de ruidos na imagem. por isso que se pudesse capturar(por placa de captura) direto em microsoft dv avi a minha imagem seria muito melhor!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cristiano,

Eu tenho uma FireWire na placa mãe que funciona bem. Entrei no Virtual Dub e não encontrei o CODEC Microsoft.

Antes de desistir do CODEC, verfique se outro programa de captura não pode usá-lo.

Abraços,

RedBeard

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
Entre para seguir isso  





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×