Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
gegel

Falhas persistem após atualização contra bugs no

Recommended Posts

Apenas três dias após a Microsoft ter liberado oficialmente o primeiro pacote de correções contra bugs no Internet Explorer 6, os especialistas de segurança alertam que as brechas não foram corrigidas pela companhia.

Batizado de "Service Pack 1", o patch foi liberado na última segunda-feira e contém, segundo a Microsoft, uma série de correções que eliminam 300 problemas no navegador - que foi lançado pela primeira vez com o Windows XP, em outubro do ano passado.

"Isso é muito ruim", comentou Thor Larholm, da Pivx Solutions LLC, consultoria especializada em detecção de vulnerabilidades. "Você pode fazer o que quiser em um site que rode dentro do IE 6. Ele está aberto a qualquer um", afirmou o especialista.

Ele alega que as vulnerabilidades não corrigidas permitem, por exemplo, que hackers aproveitem-se de brechas relacionadas ao modelo de objetos dinâmicos HTML da Microsoft, que comanda a interação com o Windows, caixas de diálogos e frames de páginas Web.

E mais: devido à grande integração entre o IE e os produtos do Office, como o popular programa para mensagens eletrônicas Outlook, há diversas maneiras de levar internautas para visitar páginas controladas por hackers. Embora as vulnerabilidades que ainda persistam não sejam severas, Larholm informou que várias delas facilitam a vida dos hackers para que eles passeiem tranqüilamente pela máquina afetada através do IE rodando sobre o Windows. "Quando combinadas, as brechas são devastadoras", disse.

O maior problema, de acordo com os especialistas, é que o internauta confia no seu browser e a maioria deles sequer tem noção de que uma simples página Web pode ser capaz de acessar seus documentos privados dentro do seu próprio micro.

Um representante da Microsoft disse que a empresa age de acordo com os melhores interesses de seus consumidores e que os analistas de segurança da gigante muitas vezes discordam das conclusões técnicas apresentadas por terceiros.

De qualquer forma, apesar de muitas vulnerabilidades persistirem, Larholm ainda assim recomenda os usuários a fazer a atualização e instalar o Service Pack 1, que pode ser baixado no site da Microsoft.

http://www.microsoft.com/windows....ult.asp

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
Entre para seguir isso  





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×