Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
henriqueberthem

Fonte regulavel de 0v a 12v !!!!

Recommended Posts

ola galera, estou procurando na net uma fonte que me de até 12v e 3a de saída; e 110v de entrada.

Só que estou apenas achando fontes de 0v a 30v, que para min é muito......

a fonte que achei é esta aqui:

http://www.tugatronica.com/2006/12/04/projectos

Se alguém me explicar como eu posso monta-la, componentes que terei que usar (comprar), posição dos componentes na hora de solda-los, etc......

E quanto +/- gastarei para montar esta fonte do link ???

Fontes de energia, como todos já ssabem, é de grande auxílio para pessoas que estão começando com eletronica.

obrigado

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
ola galera, estou procurando na net uma fonte que me de até 12v e 3a de saída; e 110v de entrada.

Só que estou apenas achando fontes de 0v a 30v, que para min é muito......

a fonte que achei é esta aqui:

"http://www.tugatronica.com/2006/12/04/projectos

obrigado

O link acima não não está funcionando.

Já na fonte indicada pelo silvio.a.s, basta colocar um trimpot em série com o potenciõmetro de ajuste da tensão de saída para limitar em 12V.

É fácil: depois que montar, coloque o pot. no máximo e ajuste o trimpot para 12V. Pronto! Não mexa mais no trimpot.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

o link da imagem que postei, o amigo não conseguiu ver, aqui vai o link direto:

http://i61.photobucket.com/albums/h61/southafrikanse/Tugatronica/fonte.jpg

Qual a potência dessa fonte do link ??? 0v a 15v com 1.5A ??

----> Silvio, a fonte que postastes, pode ser eliminada para trabalhar apenas em 110v de entrada ?? quanto irei gastar +/- com esta sua fonte ?? a tensão dela é de 3A ou 1.5A.

Sou meio iniciante nesse esquemas de eletrônica. por isso quiria montar uma fonte como meu primeiro projeto !!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ahhhhh. beleza !!!!

eu ficaria grato !!!!

mas seguinte, se não for pedir de mais, uma fonte que vá de 0v à 15v e com corrente de uns 5A à 10A estaria bom !!!

pois no futuro, botarei mais uns circuitos nela para ter várias saídas (1 saída trabalahando a 5v, outra trabalhando a 1,5v, etc....) mas não passando da capacidade dela !!!

OBRIGADO.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Posso "aproveitar-me" do seu tópico, henriqueberthem, apenas um pouquinho?

Eu também quero montar uma fonte DC de tensão variável (aliás, duas...), porém, estou com uma dificuldade simples: Todos os projetos que vi até agora, precisam de trafos 12+12 ou 16+16, etc. e eu só disponho de um trafo de 16V, ou seja, tem apenas 2 fios no secundário, que quando eu meço no multímetro, dá 16VAC. Então, alguém pode postar um esquema que use um trafo de 16V com 2 fios no secundário?!?!

Obs: Achei muitas fontes reguláveis por ai (achei mais de 50 diferentes), porém, nenhuma delas eu consegui entender como faria para "adaptar" os "apenas" 2 fios da saída desse trafo em esquemas que pedem 12+12 ou 16+16, sendo que em todos esses esquemas, o trafo é de 3 fios no secundário.

P.S. Desculpe a intromissão da minha dúvida no tópico, fiz isso porque acho totalmente desnecessário eu criar um tópico sobre um assunto exatamente igual ao teu!

falou!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Posso "aproveitar-me" do seu tópico, henriqueberthem, apenas um pouquinho?

Eu também quero montar uma fonte DC de tensão variável (aliás, duas...), porém, estou com uma dificuldade simples: Todos os projetos que vi até agora, precisam de trafos 12+12 ou 16+16, etc. e eu só disponho de um trafo de 16V, ou seja, tem apenas 2 fios no secundário, que quando eu meço no multímetro, dá 16VAC. Então, alguém pode postar um esquema que use um trafo de 16V com 2 fios no secundário?!?!

Obs: Achei muitas fontes reguláveis por ai (achei mais de 50 diferentes), porém, nenhuma delas eu consegui entender como faria para "adaptar" os "apenas" 2 fios da saída desse trafo em esquemas que pedem 12+12 ou 16+16, sendo que em todos esses esquemas, o trafo é de 3 fios no secundário.

P.S. Desculpe a intromissão da minha dúvida no tópico, fiz isso porque acho totalmente desnecessário eu criar um tópico sobre um assunto exatamente igual ao teu!

falou!

Você pode usar o mesmo esquema, só vai mudar um pouco na parte da retificação, ao invés de montar em onda completa você vai fazer uma retificação em ponte, com 4 diodos, o resto do circuito não muda nada.

http://www.burgoseletronica.net/fonteemponte.htm

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

BELEZA silvio !!!!

Agora me diga uma coisa.

Essa fonte que postastes, se eu pagar um "transformador" de 12v por 10A, a tensão máxima na saída será a tensão máxima de entrada, correto ?? então se eu pagar um transformador de 30v por 20A a tensão a corrente será de 30v por 20A também ??

Outra, neste circuito que postaste, o transformador será de 3 fio, tem como fazer um que seja de 2 fio ?? também estou com a merma dúvida que o Igor tem. Li o texto que o jefersonap postou mas não entendi nada !!!!!!

PS: Se eu chegar na loja para comprar os componentes e pedir para o cara:

dois 1N4004, um 1000uF, um 470r, um 2k2, um 1k, um BC548, um TIP31, um LED qualquer

ELE VAI ME DAR OS COMPONENTES CERTOS ??

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acabei de vir da loja de eletrônica. O cara me deu os seguintes preços:

2 114007 (não tinha o 4004 como foi mostrado na imagem) = 0,20

1 1000uF = 0,30

1 LED = 0,30

1 470r = 0,05

1 2k2 = 0,05

1 1k = 0,05

1 BC 548 = 0,30

1 TIP31 = 1,60

TOTAL = 2,65

1 TRAFO 12V / 6A = 95,50 (******, não sabia que era tão caro !!!!!!, vou ver se não consigo um em algumas sucatas........)

A placa e a caixa para por a fonte eu não perguntei, mas não deve passar de uns 10,00 .

Se for possivel, poste a modificação do circuito para que trabalhe com fonte de 2 fio, e não com fonte de 3. Ou um circuito que converta-o.

OBRIGADO

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Acabei de vir da loja de eletrônica. O cara me deu os seguintes preços:

2 114007 (não tinha o 4004 como foi mostrado na imagem) = 0,20

1 1000uF = 0,30

1 LED = 0,30

1 470r = 0,05

1 2k2 = 0,05

1 1k = 0,05

1 BC 548 = 0,30

1 TIP31 = 1,60

TOTAL = 2,65

1 TRAFO 12V / 6A = 95,50 (******, não sabia que era tão caro !!!!!!, vou ver se não consigo um em algumas sucatas........)

A placa e a caixa para por a fonte eu não perguntei, mas não deve passar de uns 10,00 .

Se for possivel, poste a modificação do circuito para que trabalhe com fonte de 2 fio, e não com fonte de 3. Ou um circuito que converta-o.

OBRIGADO

mas ,já esta o modo de ligar com trafo sem "a derivação central",tu viu a imagem?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A questão do transformador de 2 ou 3 fios no secundário pode ser vista abaixo. Todos os citcuítos são equivalentes. O primeiro, com 2 fios no secundário do trafo, possue retificação de onda completa através de 4 diodos. O segundo, com mesmo transformador, é retificado também com 4 diodos, só que esses estão integrados dentro de uma ponte retificadora. O terceiro trafo, tem 3 fios no secundário e, desse modo, pode fazer a retificação, em onda completa, com somente dois diodos.

Todos os três circuítos são equivalentes. Aqueles dois com transformador de dois fios somente terão a tensão de saída 1,4 volts mais baixa que aquela do circuíto com tre´s fios no secundário, pois tem dois diodos de queda a mais no circuíto.

Retificador.jpg

Abraço...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Caro amigo henriqueberthem... Veja qual foi seu primeiro pedido...

ola galera, estou procurando na net uma fonte que me de até 12v e 3a de saída; e 110v de entrada.

Que logo logo mudou para :

Essa fonte que postastes, se eu pagar um "transformador" de 12v por 10A, a tensão máxima na saída será a tensão máxima de entrada, correto ?? então se eu pagar um transformador de 30v por 20A a tensão a corrente será de 30v por 20A também ??

A potência da fonte no primeiro pedido era de 36 Watts... Já no segundo evoluiu para 120 Watts, com pretensão, quem sabe, para 600 Watts. Quase 17 vezes o pedido inicial...

Toma cuidado, até porque um trafo que te dê essa tensão e corrente de 30V x 20 A deve custar uns R$ 250,00 e pesar quem sabe uns 8 kg.

Outra questão que deves saber na hora de projetar uma fonte linear ajustável. Vamos supor que queiras uma fonte de 0-30 Volts com 10 Ampéres. Quando a tensão da fonte tiver em, vamos dizer, 1 volt e estiveres demandando 10 Amperes, a potência que terá que ser dissipada em cima de teus transistores série poderá facilmente alcançar uns 350 Watts. talvez tenhas que colocar ai uns bons 5 a 6 transistores em um bloco dissipador bem grandinho, com ventilador na cuca parapoder manusear essa potência. Não é fácil.

Comece modestamente. Faça uma fonte de que tenha de 12 a 15 volts no máximo, ajustável não desde zero, mas sim desde 1,25 ou 1,5 Volts. Faça-a com o menor número de peças possível. Use um CI regulador (dica: use o LM338 da National) . Faça uma fonte simples e robusta, sem frescuras.

Veja ai uma aplicação de uma fonte ajustável com esse CI que te recomendei...

Fonteregulvel.jpg

Reduza a exigência. Faça uma fonte de 0-15 Ajustável. Coloque um trafo de 16 Volts x 3 Amperes. Coloque o CI em um bom dissipador, pois o mesmo terá que dissipar uns 50 Watts no pico do consumo, com a mais baixa tensão regulada na fonte, fornecendo a mais alta corrente. Se o dissipador não for bom o suficiente o CI irá fazer uma redução de corrente para se auto proteger. Esse CI é tido como indestrutível, ou "à prova de *****". Bom, se conseguires destruí-lo. Bem... deixa prá lá...

Além do circuíto acima, só tens que colocar mais um trafo, a ponte retificadora e um condensador eletrolítico. Só... E a fonte está pronta.. O potenciômetro podes usar um de valor de 4K7, no lugar de 5K.

Se conseguires comprar escolha o encapsulamento TO3 (igual ao do 2N 3055). Nesse caso terás uma fonte com capacidade de fornecimento de até 5 Amperes, com um bom dissipador. Veja ai:

LM338_Encapsulamento.jpg

Boa sorte...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

amigo Faller, eu não vejo onde estas teorias vão ser úteis neste tópico,o pessoal só está querendo montar uma fonte de bancada simples e barata,para fazer seus circuitos e aprender com isto,tanto que eu postei a que achei mais adequada,monte uma mais simples que esta,respeitando o pedido do pessoal. Desculpe-me, mas a teoria esta acabando com a prática.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
amigo Faller, eu não vejo onde estas teorias vão ser úteis neste tópico,o pessoal só está querendo montar uma fonte de bancada simples e barata,para fazer seus circuitos e aprender com isto,tanto que eu postei a que achei mais adequada,monte uma mais simples que esta,respeitando o pedido do pessoal. Desculpe-me, mas a teoria esta acabando com a prática.

Meu amigo silvio.a.s. Sinceramente não vi a menor razão para esse seu comentário. O que fiz foi mostrar ao montador novato que ele mesmo estava sonhando pois sua demanda iniciou com 12 V x 3 A e já se enveredava para alguma coisa perto de 30V 20 Amperes. O que fiz questão de frizar é que ele mantivesem os pés no chão... quanto à minha sugestão de trabalhar com um CI (um único, de 3 pinos)... Isso é muito audacioso será??? Isso me parece ser o modo correto de se iniciar. Não é necessário que ele passe por circuito discreto de péssima regulação, sem realimentação alguma, cuja estabilidade é duvidosa, sem proteção alguma que evite a queima imediata do transistor no caso de um curto circuíto acidental, dos lides da fonte. Não, definitivamente me parece que não é necessário que ele passe por isso. O circuíto que apresentei como solução tem 5 peças, o seu tem 4 peças... qual a diferença disso???

É fácil de entender que os montador novato necessita poupar e muito na elaboração da sua fonte de bancada. Aquele seu circuito não passaria pelo primeiro curto circuíto, normal em bancada de serviço. É possível que em um ano ele tivesse que trocar o transistor de saída algumas vezes, por queimar .

Deve ter alguma coisa que eu não tenha lido ai acima nesses posts...Até vou ler novamente... Acho que descobri... Em um determinado momento você entendeu, sem ninguém pedir, que o circuito deveria ser muito simples (veja bem, ninguém havia pedido isso) E então você se dispos a colocar ai esse seguidor de emissor que de longe lembra uma fonte ajustável, porém sem estabilidade de tensão e dependente da corrente. Um verdadeiro potenciômetro amplificado.

Está certo que a demanda era para montar o primeiro circuíto, para quem não tem muita experiência.. Mas poderia ser um circuíto simples e não simples e ruim também...poderia ser simples e bom... Veja que a demanda de corrente do solicitante, já beirava os 20 Amperes e com 30 Volts de excurssão na saída. Será que esse seu circuíto estaria preparado para tal. Nem o meu está, mas a teoria que penso ter proferido era na tentativa de tirar da mente do montador a ideia de fazer uma fonte com essa demanda toda.

Mas de qualquer modo, me retiro mesmo sem saber o porque desse seu queixume sobre um monte de teorias que eu tenha proferido...

Realmente não entendi e se sugeri o circuíto foi na melhor da boa vontade de ensinar alguma coisa fácil de montar (tem igual número de pontos de solda que o seu circuíto, tem proteção contra curto circuíto, tem proteção térmica, é indestrutível) Quero ver a estabilidade da tensão desse teu circuíto sugerido quando for demandado uns 3 Amperes. Nem sequer falaste para o montador em colocar esse transistor de saída em um dissipador. Acho que desse modo ele vai queimar antes até do curto circuíto na saída.

Tô fora... nesse tópico só opino sob a demanda exclusiva do postante do tópico.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

caro amigo,volto a repetir´: poste "uma fonte simples e barata.

Quanto ao transistor queimar,pode sim,mas tú não se deu o trabalha de ver a imagem que eu postei,Esta bem claro e sem edição: TIP com dissipador.Aprenda a ler antes de escrever.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

CALMA GALERA !!!!!

Vocês tão levando muito a sério isso ai.... não que eu não esteja também ..........

Como disse, esses 30v e 20A era só uma "supocisão", para ver se eu havia entendido sobre o trafo de entrada.....

-----> MAS VOLTANDO AO PROJETO:

Primeiramente, to pensando em usar uma fonte que me dê SE POSSÍVEL, 0v à 12v e a 10a (para garantir, claro que não vou "tascar" direto um trafo de 10a, mas um de uns 3A..... 4A...... ou até quem sabe 5a) até por que esse trafos "grandes" são um pouco caro em relação a CUSTO x BENEFÍCIO.

A fonte que to pretendendo montar, tem que aguentar BASTANTE TEMPO LIGADA, +/- 1 mês ou mais......

Pois usarei ela para ligar, HUB's, roteadores, modem ADSL, e tudo que a fonte aguente ligar numa boa (não ligados todos juntos, ou só o HUB, ou só o roteador,etc...). Mas que aguente ficar bastante tempo ligada.

Hoje também pedi para um amigo meu ver se me conseguia um transformador pra min colocar no circuito.

Eeeeee......vamu posta ai galera, todos são bem-vindos para ajudar !!!!!

EDIT:

SILVIO, esta sua fonte aguenta quanto de Amperes e tensão ??

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Meu amigo silvio.a.s. Sinceramente não vi a menor razão para esse seu comentário. O que fiz foi mostrar ao montador novato que ele mesmo estava sonhando pois sua demanda iniciou com 12 V x 3 A e já se enveredava para alguma coisa perto de 30V 20 Amperes. O que fiz questão de frizar é que ele mantivesem os pés no chão... quanto à minha sugestão de trabalhar com um CI (um único, de 3 pinos)... Isso é muito audacioso será??? Isso me parece ser o modo correto de se iniciar. Não é necessário que ele passem por circuito discreto de péssima regulação, sem realimentação alguma, cuja estabilidade é duvidosa, sem proteção alguma que evite a queima imediata do transistor no caso de um curto circuíto acidental, dos lides da fonte. Não, definitivamente me parece que não é necessário que ele passem por isso. O circuíto que apresentei como solução tem 5 peças, o seu tem 4 peças... qual a diferença disso???

Realmente não entendi e se sugeri o circuíto foi na melhor da boa vontade de ensinar alguma coisa fácil de montar (tem igual número de pontos de solda que o seu circuíto, tem proteção contra curto circuíto, tem proteção térmica, é indestrutível) Quero ver a estabilidade da tensão desse teu circuíto sugerido quando for demandado uns 3 Amperes. Nem sequer falaste para o montador em colocar esse transistor de saída em um dissipador. Acho que desse modo ele vai queimar antes até do curto circuíto na saída.

Se me permitem uma intromissão (como sempre faço, hehehe):

Faller, acredito que o Silvio quis dizer a mesma coisa que eu pensei (e não disse) quando li seu post: Você explicou muita coisa que não será útil para "soldar a pecinha "A" no ponto "A" e soldar a pecinha "X" no ponto "X"". Você fez uma verdadeira aula teórica - não que isso não seja ótimo - porém, confundiu até eu! Se me permite um conselho: Trate os foristas daqui como se todos não tivessem curso de eletrônica, use apenas linguagem simples e prática, teoria demais atrapalha na hora de "pôr a mão na massa". Falo isso, porque na teoria é só soldar seguindo o esquema que vai dar sempre certo, quando que na prática não é bem assim - por experiência própria, posso dizer que existem N problemas até fazer o circuito mais simples funcionar, principalmente pra quem não tem curso de eletrônica ou tem apenas o curso "ultra-básico"! ;)

Voltando ao assunto:

Uma dúvida interessante sobre os possíveis transformadores que podem ser usados nesse projeto: Tendo um transformador usado, e sabendo apenas onde é o primário e onde é o secundário, como posso descobrir quantos amperes ele aguenta se não tem nada escrito???

Outra coisa: Para descobrir quantos amperes o trafo em questão aguenta, posso fazer um teste, colocando aparelhos que possam consumir potência dele de forma que dê pra aumentar o quanto o aparelho vai "puxar" do trafo - como exemplo, um módulo amplificador de FM que ao aumentar o volume, aumenta também o consumo (em amperes) - dai fico medindo com 2 multímetros a tensão DC e a corrente em DC na sua saída e quando essa tensão abaixar do valor normal dele vai ser o máximo de corrente que ele aguenta e ai é só ver o valor que o módulo está consumindo no multímetro que foi ligado em série entre a fonte e o amplificador, na escala Amperes em DC. Minha "teoria da medida prática" está correta ou errada???

Espero que um dia (talvez) fiquem prontas minhas 2 fontes DC variáveis! Cada dia sei menos, puts, é um verdadeiro mar de confusões, meus neurônios (o Tico e o Teco) já sobrecarregaram e fundiram, pois não eram "à prova de idiotas", como é o CI do faller... :P

falou! :D

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Então, vou sair pra conprar os componentes daqui a pouco !!!!

Vou fazer a fonte que o silvio postou, por ser a mais fácil de se montar, e até por que como sou INICIANTE EM ELETRÔNCIA, vai me ajudar bastante montando fontes simples e depois ir aumentando as capacidades.

Sobre o trafo, acho que vai ser de 2 fios, se for seria como no anexo ??

Tem problema se eu colocar o 1N4007 no lugar do 1N4004 ??

POR ENQUANTO O CIRCUITO É ESTE:

projetofontekp1.th.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

eu não ia mais postar aqui ,mas sou obrigado a dizer ,não monte o circuito desta forma,tú vais explodir o eletrola.Olá estou editando para dizer que tem hora que aparece duas imagens neste post acima (n°20),a imagem de baixo (a imagem de baixo parecia estar correta,mas agora não a vejo.Bem,a forma correta é esta:

[ATTACH]53993[/ATTACH]

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
agora sim amigo a imagem de baixo está correta.

Imagem de baixo ???? qual ??

E por que vai estourar o eletrola na imagem que eu postei ? por causa da maneira que eles estão ligados os diodos (1N4002), se apenas por isto, eu monto eles da maneira que tu postou no primeiro circuito. Segue outro exemplo de como irei ligar o trafo ao circuito. se estiver errado avise-me !!

POSSO SUBSTITUIR o 1N4004 pelo 1N4002, e o capacitor de 1000uF pelo de 2200uF (para min poder substituir, vou ter que medir a saída da fonte, correto ? :confused:)

PS: por que não iria mais postar ? to precisando de uma ajuda ai !! :)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Voltando ao assunto:

Uma dúvida interessante sobre os possíveis transformadores que podem ser usados nesse projeto: Tendo um transformador usado, e sabendo apenas onde é o primário e onde é o secundário, como posso descobrir quantos amperes ele aguenta se não tem nada escrito???

Outra coisa: Para descobrir quantos amperes o trafo em questão aguenta, posso fazer um teste, colocando aparelhos que possam consumir potência dele de forma que dê pra aumentar o quanto o aparelho vai "puxar" do trafo - como exemplo, um módulo amplificador de FM que ao aumentar o volume, aumenta também o consumo (em amperes) - dai fico medindo com 2 multímetros a tensão DC e a corrente em DC na sua saída e quando essa tensão abaixar do valor normal dele vai ser o máximo de corrente que ele aguenta e ai é só ver o valor que o módulo está consumindo no multímetro que foi ligado em série entre a fonte e o amplificador, na escala Amperes em DC. Minha "teoria da medida prática" está correta ou errada???

Caramba, pessoal, tem horas que me sinto invisível por aqui... Ninguém notou minha dúvida? Ô Silvio, poxa, explica essa duvida ai que não é só minha, é de muita gente que quer usar trafos usados (sem etiqueta das especificações) e que quer saber como descobrir a corrente do "tal" trafo!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×