Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

O que é importante na escolha de um home-theatre?


jgag

Posts recomendados

  • 2 semanas depois...
Qual a configuração de um home theatre para uma sala de 5mX2,5m, com uma LG LCD 37pol na parede de maior largura?

Crie um cinema em casa

Já é tarefa simples montar um Home Cinema em sua casa. Abaixo, você pode conferir algumas dicas de como fazê-lo. Fatores como a posição das caixas de som, sua altura, a melhor acústica e luminosidade do local são fundamentais para fazer das suas sessões em casa uma verdadeira sala de cinema. Não deixe depois de conferir nossa seção de DVD e Home Theather!

:: ESCOLHENDO A POTÊNCIA DO SISTEMA

O tamanho médio das salas de Home Cinema varia de 12 m2 a 20 m2. Salas maiores necessitarão de Receivers com mais potência e obviamente caixas maiores. Não se deixe levar por especificações técnicas. Ouça as diferenças. Para tanto escute música e trilhas de filmes.

Os Receivers e Sistemas Integrados atuais disponibilizam além do estéreo para a reprodução de música, sistemas 5.1 canais - Dolby Digital e DTS. O sistema Dolby Digital e o DTS são uma evolução do antigo Dolby Prologic da década de 80. Este sistema distribui o sinal em 5 canais separados e um subwoofer. Assim os filmes adquirem um envolvimento e um realismo nos efeitos impossível com o antigo Dolby Prologic.

Em uma sala de até 12 m2 você precisará de um sistema com potência de cerca de 50 a 60 watts RMS por canal (lembre-se que não só a potência do Receiver deve ser considerada: as caixas acústicas devem ser compatíveis com esta potência).

Em salas maiores, até 20 m2, o ideal é de 75 watts a 100 watts RMS por canal. Uma tabela pode ajudá-lo a definir a potência ideal do Receiver e tamanho das caixas acústicas.

Sala .................................... Equipamento

Salas de 10m2 a 12m2 50: 60 watts rms por canal e caixas com sensibilidade de 88 a 90 dB e impedância de 8 ohms.

Salas de 12m2 a 16m2 60: 85 watts por canal e caixas com sensibilidade de 88 a 90 dB e impedância 8 ohms.

Salas de 16m2 a 24m2 75: 100 watts rms por canal e caixas com sensibilidade de 90 a 92 dB e impedância de 8 ohms.

Salas acima de 25m2: 100 a 150 watts rms por canal e caixas com sensibilidade de 90 a 92 dB e impedância de 8 ohms.

DISPOSIÇÃO DO SISTEMA EM SUA SALA

Onde instalar as cinco caixas e o subwoofer em minha sala?

Esta é uma das perguntas mais freqüentes na hora da compra de um Home Cinema. Afinal passamos décadas ouvindo música e assistindo filmes com a ajuda de no máximo duas caixas acústicas.

A tecnologia Dolby Digital e o DTS (Digital Theater Systems) são formados por cinco canais de freqüência extensa totalmente independentes e com 1 canal separado (por isso chamado 5.1) para resposta de baixa freqüência (o Subwoofer). Assim um filme ou um show ganha mais realismo, colocando-o dentro da situação apresentada.

Os cinco canais de áudio possuem funções específicas, o canal central reproduz as vozes dos atores, os frontais (esquerdo e direito) a trilha sonora e todos os efeitos vistos e ouvidos de frente pelos telespectadores. E os canais surround podem reproduzir efeitos especiais, sons de fundo, ambientes de platéia em caso de shows, etc.

Para se tirar todo o proveito desta tecnologia é muito importante disponibilizar corretamente as caixas em sua sala. Assim, será conveniente um planejamento dos móveis e, se necessário, remanejar a disposição do ambiente.

Veja abaixo qual a melhor forma de dispor as caixas acústicas num ambiente de Home Cinema.

wol_error.gifClique aqui para ver no tamanho original.cxacdisposioim0.png

http://img288.imageshack.us/img288/3023/cxacdisposioim0.png

O canal central e as caixas frontais devem formar um ângulo total de 60º quando visto pelo ângulo de escuta (o ouvinte sentado formando uma das pontas de um imaginário triângulo eqüilátero). O canal central deverá estar entre ambos a 30º do canal frontal direito e do esquerdo.

As caixas "surround" deverão ser posicionadas de forma a criar um ângulo de 110º a 120º com a caixa central. Você perceberá que a posição final nos lembra uma circunferência e todas as caixas estão a uma distância idêntica da posição central.

A altura de todas as caixas deverá ser próxima a dos ouvidos quando estamos sentados.

Caixas muito acima do nosso ouvido, no teto, ou atrás de objetos e móveis dificultam a inteligibilidade. Por isso é muito importante o uso de pedestais ajustáveis para um aproveitamento correto de todo o investimento.

O último passo é ajustar o local do Subwoofer. Como as freqüências graves se espalham pelo ambiente (não são direcionais), é preciso um pouco de paciência para se definir o posicionamento do Subwoofer em uma sala de Home Cinema. Deve-se buscar vários posicionamentos dentro do círculo imaginário de posicionamento das demais caixas acústicas, até que o melhor ponto for encontrado (aquele em que o som do Subwoofer estiver equilibrado com o das demais caixas).

Evite encostá-lo nos cantos das salas ou embuti-los em estantes ou prateleiras de vidro ou próximos ao DVD Player, pois baixas freqüências vibram. Deve-se ter um cuidado especial com o ajuste do volume das caixas e do subwoofer, pois o equilíbrio entre todos os canais é importante para um resultado à altura desta nova tecnologia.

A colocação e montagem dos alto-falantes resulta no sucesso de todo o sistema de áudio. Pequenas mudanças no posicionamento dos alto-falantes influem bastante na qualidade final do som.

Soçarba...

Mr. Walker

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Arquivado

Este tópico foi arquivado e está fechado para novas respostas.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Ebook grátis: Aprenda a ler resistores e capacitores!

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!