Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
nelsonxp

Cracker que atacou NASA culpa ETs por crime

Recommended Posts

Reuters

Quarta-feira, 30 de julho de 2008 - 10h30

LONDRES - Um programador britânico que invadiu sistemas da NASA diz que estava obcecado para descobrir ETs.

Um especialista em computação britânico, acusado de ter cometido “a maior infração em rede de computadores de todos os tempos” será extraditado para os Estados Unidos, país prejudicado pelo seu crime.

Gary McKinnon foi preso em 2002 após promotores norte-americanos o terem condenado por acessar computadores ilegalmente, incluindo máquinas do Pentágono, da Marinha e do Exército dos EUA e de sistemas da NASA, causando danos estimados em 700 mil dólares.

McKinnon disse em 2006 que era apenas um “nerd” que queria descobrir se os extra-terrestres realmente existiam e ficou obcecado em investigar redes militares em busca de evidências.

Os advogados de McKinnon alegaram que mandá-lo para os Estados Unidos violaria seus direitos, seria um abuso e teria o objetivo de "processá-lo por causa da sua nacionalidade e das suas opiniões políticas".

A Suprema Corte britânica decidiu em abril de 2007 que ele devia ser extraditado. Mas em outubro, três juízes lhe deram permissão para encaminhar seu caso a Câmara dos Lordes, a mais alta instância do Poder Judiciário no país.

Se for considerado culpado nos Estados Unidos, McKinnon deve receber pena de 70 anos de prisão e terá que pagar multa de até 1,75 milhão de dólares.

http://info.abril.com.br/aberto/infonews/072008/30072008-6.shl

Editado por Evandro
removendo tags oriundas do site

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ao ler o título achei que ele diria ter sido induzido pelos amiguinhos verdes..

Bem, cada país com seu acordo.. mas tenho minhas dúvidas quanto aos prejuízos que ele causou.

Agora entra um outro ponto, como ele vai pagar a multa estando preso ? :confused:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Puttss.. Isso e uma injustiçaa Com o coitadoo.

Os EUA tinha q valoriza esse Cara!:)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Puttss.. Isso e uma injustiçaa Com o coitadoo.

Os EUA tinha q valoriza esse Cara!:)

Se fosse Israel o cara tava feito..

O que acho injusto são esses acordos de extradição, antes o cara tivesse matado alguém, ok, ele cometeu um crime mas não a ponto disso.

Queria ver é uns políticos americanos julgados em Haia por seus crimes de guerra.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×