Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
xfmb

Banda larga brasileira está entre as piores do mundo

Recommended Posts

A banda larga brasileira tem crescido rapidamente, mas a qualidade do serviço deixa muito a desejar. Um estudo feito pelas Universidades de Oxford e de Oviedo, sob encomenda da emprsea Cisco, analisou a qualidade da internet rápida em 42 países e o Brasil ficou em 38º lugar, à frente somente de Chipre, México, China e Índia. "O Brasil está pior do que a gente gostaria", disse Pedro Ripper, presidente da Cisco do Brasil.

Em primeiro lugar ficou o Japão, seguido por Suécia, Holanda, Letônia, Coréia do Sul, Suíça, Lituânia, Dinamarca, Alemanha e Eslovênia.

O estudo teve como base o resultado de oito milhões de testes feitos pelo site Speedtest.net, que verifica a qualidade das conexões de banda larga para consumidores. O índice de qualidade de banda larga, criado para o estudo, leva em conta as velocidades de download (recebimento de dados), upload (envio de dados) e a latência (tempo que um pacote de dados leva da fonte ao seu destino). O estudo não levou em conta o preço da banda larga e a densidade de usuários.

O Brasil fez 13 pontos no índice, que vai de zero a cem. Segundo os pesquisadores, o país precisa ter no mínimo 35 pontos para que seus internautas possam fazer uso adequado dos aplicativos que existem hoje, como vídeos on-line, bate-papo com vídeo e troca de arquivos. Para novos aplicativos, como vídeos em alta definição, seriam necessários 75 pontos.

"A qualidade média da banda larga brasileira está bem aquém do necessário para a web atual", disse Ripper. Alguns países desenvolvidos, como a Espanha, a Itália e o Reino Unido, também ficaram abaixo dos 35 pontos.

Somente o Japão fez mais de 75 pontos. "Por ser o único país com qualidade adequada, talvez as novas aplicações venham de lá", acredita o presidente da Cisco. Os Estados Unidos não ficaram muito bem, em 16º lugar. "A qualidade da internet é um dos temas da campanha presidencial americana", apontou Ripper. Os americanos vêem a qualidade do acesso à internet como um dos pré-requisitos para continuarem liderando o mercado de tecnologia.

As informações são do jornal “O Estado de S. Paulo”.

___

Não é a toa que toda galera está reclamando das operadoras, etc e diversos tópicos hehehe...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Acrescentemos a isso o fator preço, que no brasil é bem superior ao cobrado em inúmeras partes do mundo.

Resumindo, pagamos mais, por menos.

Além do que, o serviço é mt mal distribuído, e em alguns lugares do Brasil, os valores chegam a ser ainda mais absurdos. Ex: virtua 100k R$99,00 virtua 200k R$129,00 velox 300k(eu acho) R$219,00

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

No brasil nao é só uma questao de falta de investimento, é uma questão de monopólio, existem poucos serviços de banda larga, em alguns estados como aqui no ES apenas UM serviço, no caso velox, então eles usam a lógica "ou eles pagam e aceitam nosso serviço de má qualidade de bico calado ou usam internet discada", é simples, eles estão ganhando MUITO dinheiro assim e não querem mudar a situação. Quando isso vai mudar? Quem sabe quando outra pedra daquelas que mataram os dinossauros cair novamente.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

e isso que eles pegaram os dados antigos tb, imaginem se eles fizessem o balanço só de hoje para frente... eles iriam ver a precaridade que está a internet Brasileira na minha opinião a única que salva por enquanto esta sendo a GVT n se sabe como vai ficar depois a qualidade dela tb né... n podemos elogiar muito

o triste disso tudo é que no Brasil nenhum teste desse é feito aqui, porque no brasil ninguém ta nem ai com a qualidade Anatel, governo, Anatel só deixa as operadoras mamarem e ainda temos senadores que só falam besteiras que lutam contra a expansão e a concorrência da internet, o governo tinha que chegar e mudar esse quadro de uma vez desagregando as redes, fazendo um controle de qualidade, acabar com a compra oi-brt, só isso bastaria para o Brasil começar a caminhar para o lado certo e começar a progredir e crescer no serviço de banda larga.

uma coisa boa que esta sendo feita que vai ajudar tb a competição é a Portabilidade numérica, ponto positivo mais tb n ajuda em nada aonde o pessoal n tem opção de escolha, monopólio, aonde se tem só serviços ruins e abusivos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×