Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Linio Alan

Dicas IMPERDÍVEIS para acelerar suas conexões P2P!

Recommended Posts

Extraido do site: http://info.abril.com.br/dicas/arquivos/cinco-dicas-para-acelerar-os-downloads-d-1254.shtml

O P2P há muito tempo passou do universo dos micreiros para tornar-se uma das razões para assinar banda larga. Para se ter uma ideia, a estatística mais conservadora indica que 40% do tráfego da internet é da rede de compartilhamento BitTorrent, a mais usada atualmente. Mas, se sua conexão não anda dando bons resultados de download com o P2P, há algumas soluções possíveis, mesmo que uma delas seja confirmar que o provedor de acesso faz traffic shaping para mudar de empresa. Confira, a seguir, algumas dicas para melhorar o desempenho do P2P.

Ajustes automáticos com UPnP

Os roteadores recentes contam com suporte ao padrão UPnP (Universal Plug and Play), que facilita bastante os ajustes de rede para o funcionamento veloz de programas de compartilhamento de arquivos. Mas é preciso ligar essa opção no software usado. No uTorrent, acesse Options > Preferences > Connections e marque a opção Enable UPnP. No eMule, durante a instalação, pressione o botão Configurar Portas Usando UPnP, para que os ajustes sejam feitos automaticamente no roteador. Esse ajustes, no eMule, depois da instalação, ficam em Preferências > Conexão.

Roteador pronto

Se os ajustes de uPnP não funcionam bem com seu roteador, um modo mais rápido de resolver o problema é redirecionar a porta TCP/IP usada pelo programa de P2P diretamente para o PC que compartilha os arquivos. A forma de fazer isso depende da marca e do modelo do roteador, sendo normalmente denominada Port Forwardin ou Virtual Server. Será preciso teclar o número da porta TCP/IP usada (que pode ser obtido nas configurações do programa de P2P), além do endereço IP da máquina, compartilhando arquivos. Para quem se vira bem com o inglês, o site http://portforward.com/ traz instruções detalhadas para dezenas de modelos de roteadores e programas.

Barre IPs que atrapalham

Há muita gente mal- intencionada compartilhando arquivos falsos nas redes P2P. Uma forma de evitar isso é usar o PeerGuardian ( www.info.abril.com.br/download/5271.shtml ). Esse programa mantém uma base de dados de endereços IP que enviam dados falsos ou malware. Quando qualquer programa tenta acessar um IP da lista, a conexão é barrada. Dessa forma, a velocidade de download aumenta, por evitar computadores que enviam dados inválidos, além de melhorar a segurança, interrompendo possíveis infecções. O PeerGuardian também pode barrar acesso a sites suspeitos pelo browser, mas esse filtro pode ser desligado caso o usuário deseje. O programa é automático, dispensando quaisquer configurações adicionais. Já o download das atualizações da base de dados pode ser feito de forma automática ou manual.

Teste de traffic shaping

Com a proliferação do traffic shaping entre os provedores de acesso à internet, vários programas e serviços surgiram para tentar detectar essa prática e orientar os usuários a migrarem para um provedor mais amigável com o P2P. Um deles é o site Glasnost (http://broadband.mpi-sws.mpg.de/transparency/bttest.php). O teste é simples. Basta acessar o site e clicar no botão Start Testing. É carregado um aplicativo em Java que testa uma transferência por BitTorrent, verificando problemas comuns em conexões com traffic shaping. Outra ideia é usar o plug-in Network Status Monitor (www.info.abril.com.br/download/5272.shtml) para o cliente BitTorrent Azureus (www.info.abril.com.br/download/4132.shtml).

Criptografia no ar

Uma forma de evitar o traffic shaping, ou pelo menos dificultar a vida de quem o faz, é ligar a criptografia de pacotes, recurso disponível em vários clientes da rede BitTorrent. No uTorrent, a criptografia fica disponível em Options > Preferences > BitTorrent. Na seção Protocol Encryption, escolha a opção Enabled. Com isso, o uTorrent passa a conectar-se com criptografia, apesar de aceitar dados mesmo de quem não os embaralha. Esse ajuste é o melhor, pois se forçarmos a aceitação somente de conexões criptografadas, a velocidade pode cair, já que nem todos os seeders usam essa configuração. No eMule, acesse Preferências > Segurança e marque a opção Habilitar Protocolo de Ofuscamento.

OS TRUQUES DO TRAFFIC SHAPING

Detecção de pacotes

O cabeçalho dos pacotes enviados e recebidos é analisado. Se for P2P, o pacote é atrasado.

Conexões com tempo fixo

O tempo máximo de transmissão de dados por conexão é diminuído. Com isso, é preciso entrar constantemente na fila de seeders e a velocidade de download cai.

Limite de ligações

É criado um limite de conexões simultâneas, suficiente para navegação, mas baixo para o P2P. Com isso, consegue-se entrar na fila de menos seeders e o download fica lento.

Editado por Linio Alan
Correção de link.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

:) Descobri o Soul Seek. Ele é bem mais lento mas pelo menos não vem com Trojan.

Só serve prá mp3.

O correto da última frase no post anterior seria: "Adeus Gnutella !". A esperança está em outras redes.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

dicas muito boas, mas aqui na minha casa que é NET eu não consigo de jeito nenhum velocidades boas com torrent, só de noite, ja tentei qualquer configuração e nada, as portas do uTorrent eu não consigo configurar, dá sempre que esta fechado a porta, e eu não uso roteador. pc ligado diretamente ao modem da net, tirei o firewall, tirei o anti-virus, desliguei o firewall do windows, sempre porta fechada.... n sei o que eu faço...

na casa da minha mãe que é Velox eu simplesmente ponho la o torrent e em poucos segundos ja ta baixando na velocidade max da banda, mas aqui em casa nada... e segui todos os passos ali, criptografia tambem esta ativada, mas a porta nenhuma funciona.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

esta sua NET e da net mesmo ?? uma enpresa certo?

se for tenta habilitar o UPNP no utorrent se mesmo asim ficar fechada ai desabilita ele e coloca asim

tcp porta 21 udp (não e necessario) porta 22 ou se você nã for navegar a porta 80 ou 8080para tcp mão asim voce não comsegue navegar ja que a porta esta em uso

se der certo posta ae

valeu

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

olha n sei a relação da NET aqui do ES com a "NET", o site é outro é esse:

http://www.ja.net.br/net/site/

n sei se tem os mesmos padroes deve ser uma sub dela... ou sei la o que

o UPNP ja tava marcado, onde mudo as portas tcp e udp?

uma coisa que eu sei é que as portas de numeros menores sao todas bloqueadas, uma vez tentei hostear um site aqui no apache e n da certo, uma porcaria, a pessoa tem que ficar digitando no browser http:\\blablanomedosite:8080 por exemplo, porque a porta padrão n é aberta...

repara as velocidades... se conecta a muito poucos peers... n sei porque na velox eu n faço nada e conecta a mais de 100 seeds cada torrent ja tentei configurar de diversas maneiras que vi em forum purai, la no advanced tb, estou desistindo de torrent aqui,

Editado por Linio Alan
Retirada de link...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

tenta desabilitar o Upnp e utilize portas baixas 22 ,80,25 etc você ja esta ond se troca a porta

valeu

post-131591-13884950457861_thumb.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Extraido do site: http://info.abril.com.br/dicas/arquivos/cinco-dicas-para-acelerar-os-downloads-d-1254.shtml

O P2P há muito tempo passou do universo dos micreiros para tornar-se uma das razões para assinar banda larga. Para se ter uma ideia, a estatística mais conservadora indica que 40% do tráfego da internet é da rede de compartilhamento BitTorrent, a mais usada atualmente. Mas, se sua conexão não anda dando bons resultados de download com o P2P, há algumas soluções possíveis, mesmo que uma delas seja confirmar que o provedor de acesso faz traffic shaping para mudar de empresa. Confira, a seguir, algumas dicas para melhorar o desempenho do P2P.

Ajustes automáticos com UPnP

Os roteadores recentes contam com suporte ao padrão UPnP (Universal Plug and Play), que facilita bastante os ajustes de rede para o funcionamento veloz de programas de compartilhamento de arquivos. Mas é preciso ligar essa opção no software usado. No uTorrent, acesse Options > Preferences > Connections e marque a opção Enable UPnP. No eMule, durante a instalação, pressione o botão Configurar Portas Usando UPnP, para que os ajustes sejam feitos automaticamente no roteador. Esse ajustes, no eMule, depois da instalação, ficam em Preferências > Conexão.

Roteador pronto

Se os ajustes de uPnP não funcionam bem com seu roteador, um modo mais rápido de resolver o problema é redirecionar a porta TCP/IP usada pelo programa de P2P diretamente para o PC que compartilha os arquivos. A forma de fazer isso depende da marca e do modelo do roteador, sendo normalmente denominada Port Forwardin ou Virtual Server. Será preciso teclar o número da porta TCP/IP usada (que pode ser obtido nas configurações do programa de P2P), além do endereço IP da máquina, compartilhando arquivos. Para quem se vira bem com o inglês, o site www.portforward.comtraz instruções detalhadas para dezenas de modelos de roteadores e programas.

Barre IPs que atrapalham

Há muita gente mal- intencionada compartilhando arquivos falsos nas redes P2P. Uma forma de evitar isso é usar o PeerGuardian ( www.info.abril.com.br/download/5271.shtml ). Esse programa mantém uma base de dados de endereços IP que enviam dados falsos ou malware. Quando qualquer programa tenta acessar um IP da lista, a conexão é barrada. Dessa forma, a velocidade de download aumenta, por evitar computadores que enviam dados inválidos, além de melhorar a segurança, interrompendo possíveis infecções. O PeerGuardian também pode barrar acesso a sites suspeitos pelo browser, mas esse filtro pode ser desligado caso o usuário deseje. O programa é automático, dispensando quaisquer configurações adicionais. Já o download das atualizações da base de dados pode ser feito de forma automática ou manual.

Teste de traffic shaping

Com a proliferação do traffic shaping entre os provedores de acesso à internet, vários programas e serviços surgiram para tentar detectar essa prática e orientar os usuários a migrarem para um provedor mais amigável com o P2P. Um deles é o site Glasnost (http://broadband.mpi-sws.mpg.de/transparency/bttest.php). O teste é simples. Basta acessar o site e clicar no botão Start Testing. É carregado um aplicativo em Java que testa uma transferência por BitTorrent, verificando problemas comuns em conexões com traffic shaping. Outra ideia é usar o plug-in Network Status Monitor (www.info.abril.com.br/download/5272.shtml) para o cliente BitTorrent Azureus (www.info.abril.com.br/download/4132.shtml).

Criptografia no ar

Uma forma de evitar o traffic shaping, ou pelo menos dificultar a vida de quem o faz, é ligar a criptografia de pacotes, recurso disponível em vários clientes da rede BitTorrent. No uTorrent, a criptografia fica disponível em Options > Preferences > BitTorrent. Na seção Protocol Encryption, escolha a opção Enabled. Com isso, o uTorrent passa a conectar-se com criptografia, apesar de aceitar dados mesmo de quem não os embaralha. Esse ajuste é o melhor, pois se forçarmos a aceitação somente de conexões criptografadas, a velocidade pode cair, já que nem todos os seeders usam essa configuração. No eMule, acesse Preferências > Segurança e marque a opção Habilitar Protocolo de Ofuscamento.

OS TRUQUES DO TRAFFIC SHAPING

Detecção de pacotes

O cabeçalho dos pacotes enviados e recebidos é analisado. Se for P2P, o pacote é atrasado.

Conexões com tempo fixo

O tempo máximo de transmissão de dados por conexão é diminuído. Com isso, é preciso entrar constantemente na fila de seeders e a velocidade de download cai.

Limite de ligações

É criado um limite de conexões simultâneas, suficiente para navegação, mas baixo para o P2P. Com isso, consegue-se entrar na fila de menos seeders e o download fica lento.

Nosso amigo disse tudo,otimo post.vou acrescentar um dica que talvez ajude .Apos as atualizaçoes do sp2 do xp houve a adiçao de um limite de 10 conexoes simultaneas isso em p2p e´ruim ,usei um programa que peguei na net a um tempo atras e consegui aumentar esse limite ,mas como hoje eu uso mais o windows vista nao consegui um programa que funcione legal então optei por trocar a versao do vista e instalei o vista ultimate que tem um limite de 25 conexoes.O programa que usei foi esse funcionava de boa mas ja faz qse 1 ano que nao o uso http://www.lvllord.de/ para quem tem xp quando executado o programa aparecera o limite de conexao normamente 10 mude-o como queira (cuidado nao adicione valores altos pois o pc pode ficar vulneravel eu usava em 50).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Então ao que parece a Microsoft foi mais "generosa" com o XP SP3.

Vista Starter é limitado em muita coisa, muitos sabem disso na pele.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

e tem progrmas como o GenialGiFT que no win xp sp2 tem um pacht que corrige isso

e tem varias outras formas tabem

ate

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Antecipadamente peço desculpas ao colega que iniciou este tópico, pois não o li completamente. Pelo jeito ele tem muito mais conhecimento do que eu.

Estou escrevendo apenas para desabafar e conferir se estou muito enganado.

Sou do tempo em que o único P2P era o Kazaa. Minha conexão era discada e baixei dezenas de músicas em mp3 por esse sistema. Devo ter pego alguns vírus. Precisava limpar minha máquina uma vez por ano, pois naquele tempo ainda podia-se dar ao luxo de passar sem um firewall e um anti-virus ativo 24 horas.

Sempre utilizei o P2P para baixar exclusivamente arquivos mp3. Mesmo porque, conexão discada não daria para mais nada.

Como os tempos mudaram... prá pior, infelizmente!

Instalei o FrostWire e tentei baixar uma música de meu interesse. Depois de 5 tentativas, achei que o programa não prestava. Todas elas vieram com um Trojan Wimad. 8 tentativas depois, resolvi desinstalar o programa e trocar por outro.

Antes, entrei no site do desenvolvedor e tentei encontrar alguma dica. Talvez minha configuração estivesse errada, meu FireWall fosse incompatível, sei lá! Não encontrei qualquer resposta satisfatória. A presença de Trojans junto aos arquivos mal era comentada. Será que era só comigo?

Parênteses para uma dica: se você pretende cobrar por um programa, tem que dar suporte. Não peça para pagarem nem um centavo por algo se você sequer tem um e-amil de contato. Eu não compro. Mas compraria, tranquilamente, se houvesse essa porta de contato.

Instalei o LimeWire e foi a mesma coisa: só Trojan (tenho o BitDefender - comprado e registrado - que é excelente!). Só que dessa vez tinha uma pergunta exatamente igual à minha, na página do Fórum do LimeWire. E fiquei pasmo com a resposta: TODOS os arquivos mp3 com tamanho 5.611 Kb e 3.462 Kb tem Trojan. Na minha lista de pesquisa, são os que mais aparecem e normalmente nos primeiros lugares. Depois descobri que outro tamanho, próximo de 3.500 Kb também tem.

Enfim, para concluir a história, descobri, pela avaliação de alguns usuários, num site de download (Baixaki), que isso hoje é absolutamente comum. Ou seja, a rede Gnutella está INFESTADA de trojans em tudo quanto é arquivo de filme e música. Depois de 15 tentativas consegui baixar 1 arquivo mp3 sem o maldito trojan.

Parabéns gravadoras, essa batalha vocês venceram. Adeus P2P !

cara, o kazaa nitro baixa musicas sem problemas. e so nao selecionar arquivos da rede gnutella. prefira os do ares q sao certos. eu uso ele ate hj e sem erro.

Editado por BAGA
Ajustes para evitar infração.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

To com problemas com meu utorrent quando vou baixar arquivos grandes 5gb está dando erro "o arquivo excedeu o limite do sistema" mas tem espaço em disco mas fica dando esse erro com arquivos menores está rolando normal alguem ajuda ai valeu

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Experimente redefinir para outra pasta o caminho onde os arquivos serão salvos.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

To usando Fat32 estava achando que o problema é esse também será mesmo?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
To usando Fat32 estava achando que o problema é esse também será mesmo?

A FAT32 não suporta arquivos individuais com mais de 4GB.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

e vei e win 2k ou win xp ou mas recemte ?

se for e so comverter para ntfs

beleza

valeu

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

é o jeito estava pensando em instalar o windows 7 mesmo valeu pelas dicas mans

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

mas e so comverter

veja antes se tem driver de video para win 7 de sua placa

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

nuito fasil troque o C: pela unidade que voce quer comverter

pode demorar um pouco e depois disso voce desfragimenta o disco ok

post-131591-13884951250571_thumb.jpg

Editado por MANOTROLL
folto algo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Em casa, ligado ao speedy 2mb eu pego downloads a mais de 200k tranquilamente, se houver seeds. Mas com o mesmo note pelo wireless da faculdade eu não consigo nem a pau... baixar coisas de sites, tipo baixaki e cia, meu, dá mais de 1 mb de taxa de download. Mas torrent eu não ajusto nem buscando em site gringo...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×