Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Posts recomendados

Existem 3 formas de se foldar com o cliente CPU (SMP e SMP2) no Linux:

- Instalar o Linux no HD (instalação física);

- Rodar o Linux sem instalação no disco, através de um boot por cd (live boot);

- Virtualizar o Linux em cima do Windows usando algum virtualizador. Neste tópico você encontra um tutorial deste modo: http://forum.clubedohardware.com.br/tutorial-folding-alto/791750

Você pode usar a distribuição Linux de sua preferência, neste tópico vou usar o Ubuntu 9.10 por achar que ele tem menos problemas de incompatibilidades que as versões mais recentes (10.04 e 10.10).

LIVE BOOT (APENAS TESTE DO SISTEMA)

Passo nº 1: Baixe a imagem da distribuição de sua preferência. Aqui você pode baixar o Ubuntu 9.10: http://releases.ubuntu.com/karmic/ubuntu-9.10-desktop-amd64.iso

Passo nº 2: Grave esta imagem num CD ou crie um pendrive bootável com ela e dê boot na máquina.

Passo nº 3: Aparecerá uma tela perguntando o idioma de sua preferência. Logo em seguida será perguntado se você quer iniciar o Ubuntu apenas para testes (live boot) ou se quer instalar no HD. Escolha a primeira opção, dê ENTER e espere um pouco até carregar totalmente o sistema. Dependendo da máquina pode demorar alguns minutos. Fique despreocupado, isso não causará nenhuma alteração nos dados do(s) seu(s) HD(s).

Passo nº 4: O sistema está configurado para inicializar com as configurações de rede automáticas (DHCP). Então se na sua rede local existe um servidor de fornecimento de ips (DHCP, os modens já vem de fábrica com este recurso), então o Ubuntu vai adquirir automaticamente as configurações de rede e já vai estar funcionando. Se não houver um servidor DHCP na sua rede, você terá de configurar tudo manualmente nos menus do sistema. Se seu Windows obtém automaticamente o ip da rede, assim como o serviço DNS, então seu Ubuntu obterá isso da mesma forma.

Passo nº 5: Baixe o cliente SMP para Linux nesta página ou por link direto da versão atual (6.34): http://www.stanford.edu/group/pandegroup/folding/release/FAH6.34-Linux64.tgz

Passo nº 6: Por default, o Firefox do Ubuntu vem configurado para baixar tudo na pasta Downloads. Escolha um local para ficar os arquivos do cliente Folding@Home.

Passo nº 7: Agora você precisará abrir o Terminal do Linux e caminhar até a pasta onde você colocou o cliente baixado. O Terminal no Linux é similar ao Prompt de Comando do Windows, ele tem a mesma função. Para abrí-lo no Ubuntu, vá no Menu Aplicações -> Acessórios -> Terminal, ou faça a combinação de teclas “Alt + F2” e digite “gnome-terminal”.

Vá até a pasta onde você colocou os arquivos, digitando o comando “cd” seguido do caminho completo da pasta. Por exemplo, se você deixou os arquivos na pasta Downloads mesmo, basta você digitar:

cd /home/Downloads

Se você moveu os arquivos para uma pasta criada com o nome “fah” na área de trabalho, digite:

cd /home/Desktop/fah

Observe que todas as pastas do usuário estão no diretório /home, então qualquer pasta que você criar neste diretório conterá este início de caminho. É similar ao diretório C:\Users\fulano_de_tal\ no Windows. Fácil, não?

Passo nº 8: Uma vez estado na pasta onde você fez o download, agora é preciso descompactar o arquivo de extensão .tgz que você baixou do site de stanford. Para isso, digite os seguintes comandos:

tar –xvzf nome_do_arquivo.tgz

Na versão atual 6.34 o nome do arquivo é FAH6.34-Linux64.tgz. Após a descompactação aparecerá o arquivo fah6 que precisará ser reconhecido como arquivo executável pelo sistema. Para isso, digite:

chmod +x fah6

Agora, para iniciar o cliente:

./fah6 lista_de_parametros

Agora basta configurar o cliente com seus dados de usuário previamente cadastrado no site de Stanford e pronto!

OBS 1: Para não perder o trabalho já processado em caso de falta de energia (ou qualquer outra coisa que faça a máquina desligar ou reiniciar), basta dar boot pelo pendrive (ou dar o boot pelo CD e depois conectar um pendrive qualquer) e colocar a pasta do folding no pendrive. Dessa forma, caso a máquina desligue, os arquivos estarão salvos no pendrive e será possível continuar o processamento! :)

INSTALAÇÃO FÍSICA NO HD

A instalação física é tão fácil quanto o live boot. Você apenas vai escolher a opção “Instalar o Ubuntu no HD” no Passo nº 3 e seguir as instruções que virão. Não pense que é complicado, você precisará apenas informar o nome da máquina, nome do seu usuário e senha e informar ao instalador o modo de particionamento do HD escolhido (usar o HD inteiro ou criar uma partição separada para o Linux).

No caso da instalação, há ainda outra forma mais fácil. Emule a imagem do Linux que você baixou e escolha a instalação “dentro do Windows”. Neste modo você não precisará particionar o HD, o Ubuntu será instalado fisicamente sem que seja necessário formatar seu HD no sistema de arquivos do Linux. Fazendo isso, o sistema fará um live boot e depois basta clicar no ícone “Instalar lançamento” na área de trabalho e ele iniciará a instalação.

CONSIDERAÇÕES ADICIONAIS

Você pode compilar seu próprio Kernel otimizado para o folding@home. O colega Gun'ss fez um tutorial sobre isso (para sistemas 32 bits):

Galera' date=' fiz um tutorial, não esta muuuuito organizado mas da pra entender o que interessa.

Saibam que isso pode gerar em erros e fiquem prontos caso aconteça, leia sobre isso antes de continuar.

Eu fiz o passo a passo aqui e deu tudo certo para o meu PC e o de mais 4 amigos, então acho que ta tudo certo.

https://rapidshare.com/files/459204811/compilar-fah.pdf

Boa sorte!!!

O mesmo amigo Gun'ss postou um link para compilação de sistemas 64bits:

Galera

Seguem os links dos .deb para baixar do 4shared.. ;-) (desculpa' date=' Skylord, só vi teu post depois...rs)

linux-image-2.6.38.5_1x86_amd64.deb

linux-headers-2.6.38.5_1x86_amd64.deb

Pelo que entendo de Linux (não muito..rs), é só baixar esses .deb, como 'su' copiá-los pra /usr/src (não sei se precisa ser lá..) e rodar os comandos abaixo :

dpkg -i linux-headers-2.6.38.5_1x86_amd64.deb linux-image-2.6.38.5_1x86_amd64.deb

mkinitramfs -o /boot/initrd.img-2.6.38.5 /lib/modules/2.6.38.5 (esse só precisa se for anterior a 11.04)

update-grub

reboota e deve entrar o kernel novo OK... :D

Se preferir compilar o kernel, montei um 'shell' pra rodar tudo de uma vez só.. é só baixar numa pasta esse shell e o 'fah.tar.gz' que o Guns já tinha disponibilizado antes... entra como 'su', dá um 'chmod 777 newkernel' e roda com './newkernel'.. quando abrir a tela gráfica de configuração do kernel, é só salvar e sair.. seguem os links..

fah.tar.gz

newkernel

Depois me digam se funciona... kkkkkkkkkkkkk testei no Ubuntu 11.04 e funcou.. :D

Instalando o FAHControl:

Ah' date=' CONSEGUI fazer o FAHControl (a tela de controle de todas as opções do F@H) funcionar no Ubuntu!!!! Muito simples resolver o problema.

Primeiro baixa o cliente 7.1.24, porém sem ser o .deb, o .tar.bz2.

[url']https://fah-web.stanford.edu/file-re...ge-32bit/v7.1/

ou se preferir o link direto

https://fah-web.stanford.edu/file-re...elease.tar.bz2

Agora aperte alt+f2 e digite "gksudo nautilus" e coloque sua senha. Vá até a pasta onde você baixou o F@H por um dos links acima, depois de ter extraido o arquivo baixado entre na pasta que você acabou de extrair, depois entra na pasta clientgui > dist e extrai o arquivo que tiver ai dentro.

Depois disso entra na pasta que foi criada, e copia a pasta "fah". Vá agora para o diretório:

/usr/local/bin e colque a pasta "fah" ai dentro.

Agora é só chamar o FAHControl que provavelmente está instalado no menu aplicativos > ciência e pronto. Adorei o FAHControl, o F@H precisava urgente dessa ferramenta.

O colega NiloBJ fez o seguinte tutorial para compartilhar um diretório no Ubuntu, para se monitorar o folding pelo HFM a partir de outra máquina.

Passo 1: Abra o terminal

Passo 2: logue como root

Passo 3: Instalar o Samba

#apt-get install samba

Passo 3: edite o arquivo /etc/samba/smb.conf

Passo 4: no final desse aquivo insira as linhas abaixo:

[fah]

read only = no

guest ok = yes

path = /media/cdrom/fah

Passo 5: Salve o arquivo

Passo 6: Reinicie o Samba

#service samba restart

No ambiente de rede Windows deve aparecer um computador chamado UBUNTU.

Acessando existe um compartilhamento 'fah', daqui pra frente igual ao windows.

[]s

Nilo

Uma forma mais fácil de fazer no Ubuntu 9.10 é:

- Instale as atualizações que ele vai sugerir. Isso funciona na versão de teste do sistema também (live boot). Não se preocupe, o sistema não vai instalar nada no seu HD, fica tudo em memória.

- Botão direito no diretório que você quer compartilhar, logo em seguida clique em "opções de compartilhamento".

- Ele vai pedir pra você instalar um serviço, aceite. Logo depois, vai pedir para reiniciar a seção, só clicar em "reiniciar". Não se preocupe, não vai fechar nenhum processo que esteja rodando.

- Pronto, seu diretório já está compartilhado em rede. Pelo ip da máquina Ubuntu você encontra o diretório compartilhado.

OBSERVAÇÕES

OBS 1: Não tenho placas de vídeo nas máquinas que uso para o folding@home, portanto não tenho informações de como foldar com o cliente GPU no Linux. Deixo esta tarefa para os demais colegas, de forma a acrescentar nos próximos posts.

Em breve vou preparar o tutorial para compartilhar diretórios do Linux em rede, para se acompanhar pelo HFM ou demais programas de monitoramento. ;)

OBS 2: Lembre-se de que você pode tirar muitas dúvidas neste site.

Abraços

  • Curtir 3

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou testar no feriado...vamos ver se consigo, não entendo nada nada de Linux, a diferença de desempenho é consideravel?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu não sou participante do Folding @ Home , mas esse dias tive o pensamento:

Acho que o desempenho aumentaria muito se rodasse em uma máquina com Ubuntu Server que roda por linha de comando..

Certo?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito bom RooT, obrigado pelas informações.

Uma curiosidade, se acabar a energia no live CD perco o que está calculando?

RFAG a diferença do Windows para Linux é aprox. 15% melhor no linux.

Skylord normalmente a diferença do Ubuntu com a parte gráfica para o Ubuntu console é de menos que 3%.

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Vou testar no feriado...vamos ver se consigo, não entendo nada nada de Linux, a diferença de desempenho é consideravel?

Sim, é. Vale a pena para quem quer tirar realmente o máximo de desempenho. ;)

Acho que o desempenho aumentaria muito se rodasse em uma máquina com Ubuntu Server que roda por linha de comando..

Certo?

Não aumenta de forma significativa, já testei Ubuntu Server, CentOS modo texto, etc, e não existe diferença considerável para o modo gráfico. Quando existe diferença, chega a no máximo alguns poucos segundos.

Uma curiosidade, se acabar a energia no live CD perco o que está calculando?

Sim, perde tudo, a não ser que você configure um backup automático em outra máquina na rede a cada intervalo de tempo. Se a máquina desligar, é só mandar processar o último backup feito, mas para isso é preciso ter um diretório compartilhado em rede da máquina em live boot, e isso eu postarei futuramente. ;)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Se usar um pendrive bootavel e uma imagem live que grave as informações antes de sair, já vi uma assim e testei, não perde o que já foi processado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pessoal,

Pergunta meio besta... Acho que o próprio RooT respondeu, mas mesmo assim fiquei na dúvida.

Eu conseguiria, por exemplo, instalar uma distribuição do Linux e o folding em um pendrive, claro que um pendrive com capacidade para isso, e bootar o pc pelo pendrive, e rodar o folding de lá? Se eu finalizar o folding e depois o pc daria algum problema? Seria algo como um "Live CD" do Linux, só que em um pendrive!

Eu não entendo nada de de Linux, por isso a pergunta! :P

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Pessoal,

Pergunta meio besta... Acho que o próprio RooT respondeu, mas mesmo assim fiquei na dúvida.

Eu conseguiria, por exemplo, instalar uma distribuição do Linux e o folding em um pendrive, claro que um pendrive com capacidade para isso, e bootar o pc pelo pendrive, e rodar o folding de lá? Se eu finalizar o folding e depois o pc daria algum problema? Seria algo como um "Live CD" do Linux, só que em um pendrive!

Eu não entendo nada de de Linux, por isso a pergunta! :P

Alguém respondeu isso, em algum lugar...rs nesse caso, o Linux vai entender que o pendrive é um 'hd' como qualquer outro.. vai foldar sem problema, gravando sem problema e etc... ;)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

tem algum luygar explicando pra pessoas muito lçeigas como se mexe no vmware?

pra depois instalar o linux na maquina virtual e rodar as bigwu pela maquina virtual?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Com 5 segundos de pesquisa no google achei isso:

está em inglês mas dá pra acompanhar pelas imagens.

Outro tutorial: YouTube - Instalando Linux BackTrack 4 na VMware Workstation 7 - http://forum-mastersnet.forumbrasil.net/

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu posso upar uma .config e uns patchs que sempre me renderam ótimo resultado aqui.

No meu sistema que fazia 10k no linux, usando esses patchs e configurações subi para 12~13k PPS.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Manda Gun'ss que eu adiciono no tópico! Poste o conteúdo dos arquivos com a tag spoiler.

Obrigado!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

RooT, essas dicas envolvem a compilação do kernel, eu até poderia compilar um kernel e upar aqui pra galera, porém meu sistema é 32bit e eu nunca consegui compilar um kernel 64bit em um sistema 32bit.

Se você usar Linux e um sistema 64bits, eu te passaria todos os patchs e o config-file usado na compilação juntamente com todos os comandos.

ps: seria mais fácil se usasse o ubuntu ou debian...

ps2: se alguém quiser se candidatar e ajudar a ver se o kernel realmente está ajudando e vale a pena será uma ótima!!! Vamos tirar leite de pedra!!!!!!!!!!!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

issso.. vão providenciando isso de forma que todos possam usufruir...

estou montando uma máquina só pra testar essas coisas...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
RooT' date=' essas dicas envolvem a compilação do kernel, eu até poderia compilar um kernel e upar aqui pra galera, porém meu sistema é 32bit e eu nunca consegui compilar um kernel 64bit em um sistema 32bit.

Se você usar Linux e um sistema 64bits, eu te passaria todos os patchs e o config-file usado na compilação juntamente com todos os comandos.

ps: seria mais fácil se usasse o ubuntu ou debian...

ps2: se alguém quiser se candidatar e ajudar a ver se o kernel realmente está ajudando e vale a pena será uma ótima!!! Vamos tirar leite de pedra!!!!!!!!!!!!![/quote']

Ué, mas você não conseguiria dar boot por um Linux 64bits num pendrive e assim fazer a compilação? Ou então instalar o Ubuntu 64bits na máquina sem precisar formatar o HD?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Irei testar mais tarde :D

Obrigado e Parabéns pelo tutorial RooT!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Ué, mas você não conseguiria dar boot por um Linux 64bits num pendrive e assim fazer a compilação? Ou então instalar o Ubuntu 64bits na máquina sem precisar formatar o HD?

Nem sei da da pra compilar o kernel em um Live-CD...

Sobre instalar um sistema aqui... eu tenho somente 10GB livres no computador...

Se ninguém ai quiser brincar eu vou ver se dou meus pulos aqui pra compilar, eu sei que tem como mas só não sei como fazer.

edit1: compilei um kernel teste. É 32bit então não da pra usar o SMP, estou vendo como compilo um kernel 64bit aqui, sai ainda hoje!

No mais, quem quiser testar vai ajudar bastante.

https://rapidshare.com/files/458559970/folding.tar.bz2

No link você vai baixar um arquivo .bz2

Dentro existem 2 arquivos .deb:

linux-headers-2.6.38.3-fah64_64FAH_i386.deb

linux-image-2.6.38.3-fah64_64FAH_i386.deb

Crie uma pasta e extraiam os arquivos nessa pasta e dem um


sudo dpkg -i *.deb

ele vai instalar o kernel, reinicie o PC e no grub selecione o kernel que você instalou e pode começar a brincar.

se quiser pode dar o comando


sudo echo 300 > /proc/sys/kernel/rr_interval

Duas observações, Não me responsabilizo por perdas de dados ou qualquer coisa do tipo. (dúvido que aconteça algo pois eu testei aqui, e já fiz coisa muito pior nesse notebook hehe).

A segunda é que o sistema vai ficar bastaaante preguiçoso. Então é melhor usar esse kernel se não usar o PC para dia a dia.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Guns, esse kernel funciona no Ubuntu 9.10 ou 10.10 ? Ou só no Debian ?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Teoricamente funciona, pois o Ubuntu é baseado no Debian.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Guns, esse kernel funciona no Ubuntu 9.10 ou 10.10 ? Ou só no Debian ?

Olha, eu compilei e testei ele no 11.04, porém tem tudo para funcionar tanto no 9.10 quanto no 10.10...

Não to conseguindo compilar um kernel 64bits, alguém se habilita???

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ahuahsusahusahusah, pensei em meter um Lux no Phenom II 910 e eis que já vejo esse excelênte tópico do Root e o povo todo querendo quebrar a Red Faction. Meu pc ta com o 7 64 e estou inclinado a usar um Ubuntu nele agora que vi esse ganho de 15% então, ele esta só com SMP mesmo então acho que vai ser bom, interessante esse kernel modificado, se soubesse fazer já estaria me habilitando, mas no Lux só instalar e umas configs bem noobs rssss, o povo aqui em casa não me deixa mexer com Lux.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Olha' date=' eu compilei e testei ele no 11.04, porém tem tudo para funcionar tanto no 9.10 quanto no 10.10...

Não to conseguindo compilar um kernel 64bits, alguém se habilita???[/quote']

Guns, se você passar as dicas do que fazer, eu mando bala aqui.. Tô com o Ubuntu 9.10 64bits instalado... ;)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Coloquei para rodar o fah V6 no Ubuntu 11 beta (livecd) em pendrive para fazer testes do "live-pd". Essa maquina está sem HD.

Perdi uma wu no primeiro reset, desliguei assim que mostrou o 0%, pode ter sido isso a causa.

Apaguei toda a pasta e baixou outra, já desliguei 2x e voltou normal, mas desta vez esperei ele passar de 1%.

Está levando +/- 30m por frame na 2686. ( i7 2600k sem OC)

Amanhã posto no topico de pontuação a correta, e da ATI 6870 no v7 tambem. ;)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Guns, se você passar as dicas do que fazer, eu mando bala aqui.. Tô com o Ubuntu 9.10 64bits instalado... ;)

Olha só rapaz... que bom =)

bixo, me manda teu e-mail por MP que eu te passo o passo a passo beeeem bonitinho =)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Olha só rapaz... que bom =)

bixo' date=' me manda teu e-mail por MP que eu te passo o passo a passo beeeem bonitinho =)[/quote']

Porque não faz um PDF ou publica no Docs e posta aqui ?

Compartilhe conhecimento amigo :lol:

  • Curtir 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!