Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
pedroh

Vazamento De Código-fonte Da Cisco!

Recommended Posts

O FBI está trabalhando junto com a Cisco Systems para investigar o roubo do código-fonte a partir da rede da companhia, revelou nesta terça-feira (18/05) Paul Bresson, porta-voz do órgão.

Antes da confirmação do roubo, dois arquivos com os códigos do Internetwork Operating System (IOS) da Cisco foram divulgados em um webiste russo. Os dados que foram revelados, porém, tinham tamanho de 2,5 Megabytes (MB), ou seja, apenas uma pequena parte do arquivo total, com mais de 800 MB. O FBI não forneceu maiores detalhes, além da confirmação do trabalho conjunto.

De acordo com uma publicação no site www.securitylab.ru, hackers maliciosos conseguiram as versões 12.3 do IOS depois de “quebrar a rede corporativa da Cisco”.

O IOS é um sistema operacional proprietário que carrega muitas características do hardware de redes que a Cisco produz. A companhia descobriu o roubo na própria segunda-feira (17/05), mas também não forneceu detalhes de como os invasores atuaram.

“A Cisco está consciente daquilo que aconteceu com suas informações proprietárias e do que foi reproduzido publicamente em um website durante o final de semana. A Cisco está investigando totalmente o que aconteceu”, afirmou a companhia em um comunicado. No site russo, a mensagem foi colocada por um internauta chamado “Franz”, que afirmava também trata-se de uma pequena parte de um código roubado.

O incidente envolvendo a Cisco sucede o ocorrido com a Microsoft, em fevereiro, em que o invasor colocou na rede partes dos códigos do Windows NT e do Windows 2000. Na ocasião, especialistas afirmaram que o vazamento do código levou à descoberta de pelo menos uma falha de segurança no navegador Explorer 5, o que poderia favorecer invasões de hackers.

O roubo do código IOS pode ser ainda mais grave, já que os produtos da Cisco freqüentemente são conectados diretamente à internet, e não são protegidos por firewall e outros produtos de segurança, segundo Ken Dunham, diretor de códigos maliciosos no iDefense, nos Estados Unidos.

“Com acesso ao código-fonte, os hackers poderiam compilar e testar rigosamente, assim como os desenvolvedores, e encontrar novas vulnerabilidades ou pontos de ataque”, afirma.

A forma pela qual o roubo aconteceu, entretanto, diferente nos casos da Microsoft e da Cisco. No primeiro, o código vazou pela rede via sistemas de trocas de arquivos Peer-to-Peer (P2P), e passou a ser debatido inclusive em fóruns de discussão online. Já no caso da Cisco, apenas uma pequena parte do código foi colocada na rede, o que indica que os ladrões podem ter a intenção de vendê-lo.

“Parece que eles [hackers] estão tentando legitimar uma tentativa de manter o controle do código e talvez, tentar ganhar algum dinheiro com ele”, revela o especialista.

Fonte IDG Now :bored:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
Entre para seguir isso  





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×