Ir ao conteúdo

AMD revela detalhes dos novos processadores Ryzen R7 1800X, R7 1700X e R7 1700

       
 19.396 Visualizações    61 comentários

Novos processadores estarão à venda a partir do dia 2 de março deste ano.

AMD revela detalhes dos novos processadores Ryzen R7 1800X, R7 1700X e R7 1700
Flavia Dutra Editora de Notícias do Clube do Hardware

A AMD divulgou as características dos novos processadores para computadores de mesa Ryzen R7 1800X, R7 1700X e R7 1700, desenvolvidos principalmente para jogos. 

Os processadores fazem parte da arquitetura Zen, possuem o codinome Summit Ridge, oito núcleos, 16 threads, utilizam o novo soquete AM4 e têm multiplicador destravado.

O modelo Ryzen R7 1800X tem clock base de 3,6 GHz, clock em modo turbo de 4.0 GHz e consumo de energia de 95 W.                                                  

A versão Ryzen R7 1700X possui clock base de 3,4 GHz, clock turbo de 3,8 GHz e consumo de energia de 95 W.

Já o Ryzen R7 1700 traz um cooler Wraith Spire, tem clock base de 3,0 GHz, clock turbo de 3,7 GHz e consumo de energia de 65 W.

Os novos processadores R7 1800X, R7 1700X e R7 1700 já estão em pré-venda em todo o mundo por US$ 499, US$ 399 e US$ 329, respectivamente. Os preços no Brasil não foram divulgados. Os três modelos estarão disponíveis a partir do dia 2 de março de 2017. 

 

Mais informações

Compartilhar

  • Curtir 7


  Denunciar Notícia

Notícias similares


Comentários de usuários




2 minutos atrás, Flávio Santana Lima disse:

@Vinicius Tanaka pela primeira vez em tempos, parece que é o contrário, ele vai é superar!!

Tabém estou achando isso, os ryzem pelo o que estou vendo aqui vai superar SIM os i7 top da intel

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

@Mazuki3693 Porém é o mesmo receio que tenho com um i7 6800k e o 5650k por exemplo. Eles possuem seis núcleos, no multi core é mais forte que os i7 4790 e 7700, porém no IPC tomam uma surras para os i7 quad. Quero ver como vai ser esse Ryzen  R7 1700 e o ryzen R5 considerando o IPC e overclock.

Editado por Flávio Santana Lima

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Na Kabum ja tem a pré venda que esta saindo à:

Processador AMD Ryzen 7 1700, Octa Core, Cache 20MB, 3.0GHz (3.7GHz Max Turbo) AM4 YD1700BBAEBOX..

R$ 1.646,94

EM 10X DE R$ 164,69 
OU

R$ 1.399,90

15% DE DESCONTO NO BOLETO

 


Processador AMD Ryzen 7 1800X, Octa Core, Cache 20MB, 3.6Ghz (4.0GHz Max Turbo) AM4 YD180XBCAEWOF..

R$ 2.576,35

EM 10X DE R$ 257,63 
OU

R$ 2.189,90

15% DE DESCONTO NO BOLETO

 


Processador AMD Ryzen 7 1700X, Octa Core, Cache 20MB, 3.4GHz (3.8GHz Max Turbo) AM4 YD170XBCAEWOF..

R$ 1.999,88

EM 10X DE R$ 199,99 
OU

R$ 1.699,90

15% DE DESCONTO NO BOLETO

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Flávio Santana Lima disse:

@Mazuki3693 Porém é o mesmo receio que tenho com um i7 6800k e o 5650k por exemplo. Eles possuem seis núcleos, no multi core é mais forte que os i7 4790 e 7700, porém no IPC tomam uma surras para os i7 quad. Quero ver como vai ser esse Ryzen  R7 1700 e o ryzen R5 considerando o IPC e overclock.

 

Vai ser a mesma coisa, por todos os vazamentos até agora, o IPC do Ryzen está semelhante ao Haswell e Broadwell, logo não vai vencer o Skylake/KabyLake clock a clock. Eu imagino que o XFR ajude um pouco o Ryzen nas aplicações/jogos mais antigos que não tem bom suporte a multithread pra tirar essa diferença. Isso não significa que ele não será bom pra jogos, muito pelo contrário, afinal muita gente ainda está usando 4770k/4790k e não veem motivo para fazer upgrade porque esses CPUs levam qualquer VGA tranquilamente.

 

Nas aplicações MT em compensação o Ryzen é monstruoso, a implementação do SMT é tão boa quanto o HT da Intel, nos testes vazados do Cinebench o Ryzen tem um scaling absurdamente alto dos threads.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Vamos esperar pelos testes, mas creio eu que eles fiquem pau a pau com os Skylikes e Kabylakes tanto em processamento quanto em processamento nos jogos, e isso é muito bom pois voltaremos aos tempos dos Althons e Pentium III/4 quando as empresas reduziam os preços dos processadores e os melhoravam e muito.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Sinceramente estou torcendo muito pela AMD, espero que ela venha retirar esse certificado de monopólio da INTEL, que na minha opinião morreu nessa 6 e 7 Geração.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Pessoal, o indicador de potência (95 W ou 65 W) dos processadores é a potência térmica dissipada TDP ou o consumo elétrico? Na notícia está falando consumo elétrico. Se o consumo for de 65 W então o TDP será menor, não?

Esses modelos 1700, 1700X e 1800X concorrem com quais modelos Intel?

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Bom espero mesmo que a AMD volte com força e consiga competir de igual para igual com a Intel. Mas prefiro esperar os testes, afinal essa mesmo promessa veio na época do FX e que na realidade não se mostraram tudo aquilo que a AMD prometeu. Então prefiro esperar os testes e estou torcendo para que dessa vez a AMD venha com força.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
10 horas atrás, Flávio Santana Lima disse:

@Mazuki3693 Porém é o mesmo receio que tenho com um i7 6800k e o 5650k por exemplo. Eles possuem seis núcleos, no multi core é mais forte que os i7 4790 e 7700, porém no IPC tomam uma surras para os i7 quad. Quero ver como vai ser esse Ryzen  R7 1700 e o ryzen R5 considerando o IPC e overclock.

 

Não se preocupe, testes específicos pra medir o IPC single core já demonstram que o R7 ta no mesmo nível e até supera o do i7 7700

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

@Spinelli superar, e já supera. Os concorrentes diretos de cada processador estão sendo superados pelos Ryzen!!

E esse mito de superaquecer ... veja o vídeo do Gabriel e entenda. Ninguem fala do 7700k da intel que para alcançar os 4,8 GHZ "base" precisa de um WC 100i ao menos ... E com o cooler normal, ou até um WC mais simples, fica em 4.2 para não super aquecer.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Flávio Santana Lima disse:

@Spinelli superar, e já supera. Os concorrentes diretos de cada processador estão sendo superados pelos Ryzen!!

E esse mito de superaquecer ... veja o vídeo do Gabriel e entenda. Ninguem fala do 7700k da intel que para alcançar os 4,8 GHZ "base" precisa de um WC 100i ao menos ... E com o cooler normal, ou até um WC mais simples, fica em 4.2 para não super aquecer.

Verdade o que você disse, tenho um I7 7770 (no K) e tive problemas com superaquecimento, o cooler KZ3 da PCYes não deu conta, chegando aos absurdos 95 graus, fiz o teste também com o cooler box, mas chegou à 100 graus e o pc travou, tive que gastar uma grana preta com Air Cooler mais potente ainda, um 9900Max Zalman, agora fica na casa dos 75 e 80 graus, mesmo assim ainda acho muito, mas fazer o que né, se arrependimento matasse deverias ter esperado um pouco mais pelos Ryzen pra ver o que vai dar.

Editado por Jasiel
Texto com Capslock.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
4 horas atrás, Spinelli disse:

Superar ou Superaquecer? xD

 

Lá vem alguém perpetuar esse mito...

 

 

adicionado 2 minutos depois

Não se esqueçam que há outro tópico sobre o assunto postando algumas horas antes deste: 

Muitas das perguntas que fizeram aqui estão respondidas neste outro tópico. Obrigado.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×