Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Rogério Ottoni

Membros Juniores
  • Total de itens

    5
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    N/D
  1. De fato muitos conceitos ou tecnologias parecem boas num momento pontual do desenvolvimento mas ao longo do tempo se perdem na pratica .
  2. Teoria é uma coisa , pratica é outra , resistencia , condutividade , temperatura , pureza de material , bilhões de transistores de silicio juntos num mesmo chip , mas enfim acho que ainda tem um bom espaço pra eles melhorarem conexões , linguagem de programação e outros fatores que juntos fazem uma placa de video .
  3. infelizmente algumas coisas nunca vão mudar , processadores potentes precisam de muita eletricidade , a tecnologia consegue converter as perdas termicas e reatancias em trabalho computacional efetivo , da pra colocar mais transistores num mesmo espaço , mas o que cria os zeros e uns que fazem toda a magica acontecer ainda vem do deslocamento de eletrons . Alias eletrons tem 0,25 nm de largura o que nos leva a crer que talvez estejamos perto de atingir limites fisicos de litografia uma vez que com 5 nm precisariamos de apenas 20 eletrons alinhados pra tingir essa largura . Em 2007 uma 8800 ultra usava 90nm de litografia . adicionado 8 minutos depois Como eu sempre digo nunca vai existir custo x beneficio realmente efetivo num lugar chamado Brasil porque aqui todo mundo quer levar vantagem e onde existe vantagem não existe beneficio .
  4. Aqui no Brasil esse negocio de informatica é igual carro , o sujeito quer comprar um carro importado mas mal tem dinheiro pra pagar os impostos anuais ou ate mesmo trocar os pneus que se desgastam rápido de tanto faze rolé so pra tirar onda então é mais ostentação do que utilidade real mesmo . . Com relação ao teste , ate que é legal mas realmente a intel so deu uma polida do que ela ja tinha na geração anterior então na pratica não compensa muito pular a geração a menos que o cara tenha a opção de vender um rim e um pulmão porque só o rim não paga rsrsrs. No mais , a gente que é mais velho do tempo em que a intel lançou o pentium com seus incriveis 100 megahertz em 1994 fica maravilhado em ver como as coisas evoluiram nestes 25 anos no campo dos processadores , pena que a evolução da humanidade de um modo geral seja muito mais lenta, mas isso é outra historia
  5. Sem ilusão gente ... essa placa vai ficar acima de R$4000 por muito tempo e talvez ate R$5000 , alem disso como em outros casos de hardware de alto desempenho os modelos antigos não vão cair de preço antes de 3 anos , não nessa droga de lugar chamado Brasil .

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×