Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.

Dick Trace

Membros Plenos
  • Total de itens

    1.260
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

439

Sobre Dick Trace

  • Data de Nascimento 01-01-1910 (108 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    ---
  1. Mas ele tem culpa por não ter um Plano B decente e já definido caso o processo de 10nm sofresse atraso. Ele era ex-engenheiro de processo e ex-diretor de uma das Fabs da Intel, e por isso tinha condições de saber que o processo de 10nm era ambicioso e arriscado.
  2. Já não compensa comprar o 2400G sozinho, muito menos com uma VGA logo de cara. Apenas o 2200G compensa, seja para usar sozinho (sem futuros upgrades) ou como etapa inicial para futuros upgrades. Se a pessoa quer um PC potente para 3D mas a grana está curta: 1) Pegue inicialmente o 2200G 2) Depois que tiver mais grana coloque uma VGA decente 3) E depois economize para trocar o 2200G por um Ryzen 6/8 núcleos. Então por causa da etapa 2 ainda faz sentido eles testarem uma APU Ryzen com uma VGA high-end, só que não a 2400G, já que as APUs high-end da AMD nunca valem a pena.
  3. CEO da Intel renuncia ao cargo (finalmente!). A razão oficial da renúncia é por ele ter tido um caso com uma funcionária da Intel, o que é contra o regulamento da empresa. Mas quem sabe o real motivo tenha sido outro, algo comum nesses casos, como ter recebido o aviso prévio por causa do desempenho dele como CEO, e tenha preferido pular fora em vez de ser removido. https://www.anandtech.com/show/13005/intels-brian-krzanich-resigns
  4. Placas 8S são grandes com qualquer CPU, já que ainda precisam incluir um monte de slots de RAM e PCI-E para cada soquete. Os atuais processadores Threadripper e Epyc têm 4094 pinos, então se eles suportassem 8S as placas também teriam tamanho igualmente grande.
  5. @brender Não quis dizer que a Nvidia ainda estará usando a Pascal em 2021, mas sim que AMD iria levar todo esse tempo para ter uma VGA que supere com certeza o desempenho das melhores placas Pascal que já existem a dois anos (chips GP102 e GP100). Hoje a Vega 10 perde para uma 1080ti (GP102). A Vega 20 será uma Vega 10 com mais RAM e clocks mais altos, e deve alcançar o GP102 mas não o GP100, só que a Vega 20 será lançada apenas em VGAs profissionais. Depois vem o Navi 10, usado no PS5 e por isso apenas um GPU mid-end, assim como o Navi 14 que virá depois. Então de acordo com o texto apenas o Navi 20 em 2021 será um GPU high-end de verdade, capaz de oferecer com certeza melhor desempenho que qualquer chip Pascal, incluindo o GP100. Só que até lá a Nvidia evidentemente já estará usando outra arquitetura. Usar a Pascal como base era só para mostrar o quanto a AMD está atrás, caso os rumores sejam verdadeiros.
  6. Rumores de que a Intel irá lançar um CPU estilo MCM assim com os Threadripper/Epyc, com dois chips de 18 ou 28 núcleos no mesmo processador, num total de 36 a 56 núcleos. Esse CPU seria chamado CascadeLake-AP ("Advanced Processor", soquete BGA5903) e teria suporte a octa-socket (contra dual-socket nos Epyc). https://segmentnext.com/2018/06/10/intel-cascade-lake-advanced/
  7. Os rumores são de que eles terão o Ryzen 3 2100 e o Athlon 200GE, ambos 2C/4T com IGP Vega.
  8. O link com informações (rumores) mais completas é o da Wcctech, e eles basicamente dizem que a Lisa Su decidiu focar nos CPUs Zen e GPUs para consoles pois são mais lucrativos, deixando para trás o desenvolvimento de GPUs para VGAs high-end. Não ponho muita fé nesses rumores ainda, mas se forem verdade então a AMD conseguirá superar as placas Pascal da Nvidia somente em 2021 quando voltarão a ter VGAs high-end.
  9. Já podem incluir o nome "Intel" no título desse tópico, pois o CEO da Intel anunciou que em 2020 serão lançadas as VGAs Intel, cujo projeto é liderado pelo Raja Koduri: https://www.marketwatch.com/story/intel-makes-it-a-three-way-race-with-amd-and-nvidia-on-graphics-chips-2018-06-12 A Intel confirmou a notícia via Twitter: https://twitter.com/intelnews/status/1006592543201480706
  10. O supercomputador Summit, dos EUA, feito com CPUs IBM Power9 e GPUs Nvidia Volta, torna-se o primeiro a passar dos ExaOps de desempenho usando os Tensor Cores das GPUs Volta. https://www.scientificcomputing.com/news/2018/06/ornl-launches-summit-supercomputer
  11. O slide é de 2013, com expectativa de paridade nos processos de 22nm e 14nm no primeiro trimestre de 2014, e hoje em 2018 é evidente que o rendimento deve ser excelente. O eixo Y do gráfico está em branco e por isso não mostra o real valor do rendimento no processo (que é segredo). Se a fabricação com uma taxa de erros de 0.1 ("processo bem maduro") resulta em 12x mais CPUs completos do que a sua estimativa de 3 por wafer, então ela não era realista.
  12. Se o assunto é CPU monolítico de 28 núcleos, então por "funcional" eu quero dizer "completo". E os caches, que representam boa parte dos CPUs modernos, já são projetados levando em conta os erros de fabricação que ocorrerão (os GPUs também). Então se erro(s) ocorrer(em) no cache em vez de num núcleo, o local do erro é desativado e o CPU continua intacto com todos os núcleos. O rendimento real do processo é mantido em segredo pelas foundries, e tudo o que o público fica sabendo é que a produção começa apenas quando as foundries julgam que o rendimento é aceitável. Por isso eu citei apenas o número total de CPUs que cabem em cada wafer para mostrar que sua estimativa de apenas 3 chips completos por wafer é irreal. Assim como você não sabia o tamanho dos chips de 28C e agora teve que "reajustar", você também não sabe o rendimento do processo, então só resta ficar chutando parâmetros para piorar o rendimento o máximo possível, mas ainda assim os resultados são sempre bem melhores que 3 chips completos por wafer.
  13. Segundo a Anandtech, um CPU Intel de 28 núcleos tem 698mm² (21.6mm x 32.3mm). Usando um calculador de dies por wafer, o resultado é de 76 chips de 698mm² por wafer de 300mm de diâmetro (como as da Intel). Então ter apenas 3 chips funcionais por wafer significaria que a Intel tem um rendimento de apenas 4%, isso num processo bem amadurecido como o de 14nm, o que é difícil de acreditar.
  14. Sim, mas pelo visto os Skylake, Kabylake, Coffeelake, Cannonlake e Cascadelake tem núcleos iguais, são da mesma arquitetura. Já o Icelake e Tigerlake são da próxima arquitetura, e se os nomes "lake" indicam algo então eles devem ser ainda melhoramentos da arquitetura atual. E pela mesma lógica o Sapphire Rapids e Granite Rapids então seriam da arquitetura realmente nova da Intel para a próxima década. Mas vai saber. As ações da Intel já subiram e caíram muitas vezes no passado. Intel (INTC) - 38 Year Stock Price History
  15. O ex-engenheiro chefe da Intel mencionou a um tempo atrás que o grande erro da Intel foi não ter trazido o Icelake de 10nm para 14nm para eles terem uma maior margem de segurança caso o processo de 10nm sofresse atraso, o que acabou ocorrendo. O atual objetivo da AMD é sobreviver, já o atual objetivo da Intel é manter as margens de lucro apesar dos problemas. A Intel poderia oferecer melhor custo/benefício do que a AMD se ela realmente quisesse, mas aí as margens de lucro sofreriam. Não sei como está atualmente pois não acompanho mais essas coisas, mas até a alguns anos atrás a Intel era uma das poucas empresas que obtiveram lucros em todos os trimestres desde sua fundação a quase meio século atrás.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×