Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

ursinhomalvado

Membro Pleno
  • Total de itens

    55
  • Cadastrado em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

6

Sobre ursinhomalvado

  • Data de Nascimento 25/07/1972 (49 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Joinville-SC
  • Sexo
    Prefiro não dizer
  1. Descobri que é possível fazer ajustes melhores no Painel de Controle da NVIDIA (acesso na bandeja do sistema, ao lado do relógio, na barra de tarefas do Windows). No item "Monitor", em "2.Escolha a Resolução", configurei a resolução para "4K x 2K 3840 x 2160 (nativo)" e "60Hz" Ainda em "Monitor", no item "3.Aplique as configurações a seguir", mudei de "Utilize configurações de cor padrão" para "Utilize configurações de cor da NVIDIA". Depois, em "Formato de Cor de Saída", troquei o "RGB" por "YCbCr444". Ainda que toda a pesquisa que fiz indique que RGB e YCbCr444 sejam equivalentes, a mudança na reprodução de vídeo foi grande. Permaneceu o mesmo nível de detalhe nas áreas claras (que em SDR ficam estouradas, mas em HDR apresentam detalhes) e permitiu muito detalhe nas áreas escuras, que antes eram totalmente pretas. Os tons de pele também ficaram um pouco mais naturais. Testei novamente com o Red Dead Redemption 2 e Shadow of the Tomb Raider. Minha conclusão até o momento é que HDR em jogos está mais para uma promessa. Nestes dois jogos, ativando o HDR, o resultado é péssimo. Também consultei a NVIDIA perguntando se na GTX 1060 6Gb existe um limite em 4K a 60Hz com 8bits. Responderam que sim, esta placa suporta apenas HDMI 2.0, por isso 8bits é o limite para 4K@60Hz. Espero que estes relatos ajudem mais alguém que use o mesmo equipamento que eu, e que esteja buscando ajuda.
  2. Descobri algo que gostaria de adicionar. Percebi que no Windows o "monitor" está configurado para: 3840 x 2160 | 12 Bits | RGB | HDR | 30Hz Caso eu aumente para 60Hz a configuração cai para 8 Bits de cor Caso que mude para 120Hz perco também o HDR. Será uma limitação da GTX 1060 6GB?
  3. Tenho um PC na sala para entretenimento, recentemente substituí a TV Led LCD Full HD por uma LG Oled C1 55 polegadas, com HDR e 4K de resolução. Na TV, configurei a porta HDMI que vem do computador como PC. Segundo descobri, ao fazer isso, tenho a máxima faixa de cores e tons possível. No Windows 10 configurei para 4K com HDR e 200% de zoom. Alguns problemas que estou tentando solucionar: 1. É impossível jogar Red Dead Redemption em HDR. Fica excessivamente contrastado quando no jogo é dia, quando é noite não se enxerga nada. Até agora o que descobri é que o HDR do jogo é uma adaptação meia boca feita da fonte SDR. Não parece haver solução adequada, exceto deixar desligado. Caso alguém tenha alguma dica, agradeço. 2. No mesmo Red Dead Redemption, rodando em full HD, a qualidade da "ampliação" para 4K é pior do que eu esperava. Pode ser um mero problema de expectativa vs realidade, mas se alguém tem alguma dica para melhorar um pouco isso no PC, agradeço. Minha placa GTX 1060 não deve dar conta de 4K, então devo continuar rodando os jogos em full HD por muito tempo ainda. Aliás, vejo que o desempenho do jogo está pior pelo mero fato de a TV agora ser 4K. 3. Uso o VLC para assistir vídeos no PC. Fiz um teste rodando o mesmo vídeo 4K com HDR no VLC e depois colocando num pendrive e usando o player da própria TV. Vejo uma diferença grande de tom (no VLC é tudo mais quente, nota-se principalmente nos tons de pele) e também de detalhe nas áreas escuras (no VLC tem menos detalhe e parece mais escuro no geral). Testei com diferentes modos de imagem (Filmmaker, filmes, jogo, vivo, etc) e a diferença permanece. Não me entendam mal, em ambos os casos o vídeo fica muito bonito, mas o do player da TV parece mais natural e parece ter uma vantagem em termos de faixa de tons. Não senti a mesma diferença rodando "For All Mankind" no app da Apple TV+ da LG e no Firefox no Windows. "For All Mankind" é Dolby Video enquanto que o vídeo que testei é apenas HDR. Não sei se o problema é o VLC, testei rapidamente o 5K Player e não gostei também. Eu cheguei a seguir o vídeo de um profissional de calibragem, mas a configuração que ele sugere era para o PS5 e deixa tudo ainda mais quente. Não estou descontente, a TV é incrível, quero apenas tirar o máximo dela. Meu PC Core i5 4460 3.2 GHz 8 GB de Ram GTX 1060 6Gb
  4. Obrigado a todos que entraram para ler minha questão. O que descobri desde então é que o Dolby Vision é retrocompatível com o HDR padrão. Então ao assistir um conteúdo Dolby Vision numa TV sem a tecnologia eu teria um HDR estático (uma configuração de contraste que é definida para todo o filme ao invés de uma configuração dinâmica que muda para cada frame ou cena). Perde-se um pouco mas ainda haverá HDR ativo. Como não há TV LG na faixa de preço intermediária com full array dimming, acho que a Samsung é uma escolha melhor no geral, mesmo que não tenha Dolby Vision.
  5. Depois de 9 anos com minha LG Led LCD de 42", estou pensando em comprar algo novo. Inicialmente analisei a LG 55Nano86 mas o vazamento de luz com o local dimming me fez desistir. Infelizmente este ano a marca não apresentou um modelo intermediário, ou você fica com a nano86 que só tem leds na base e topo da tela, ou tem que pular direto para a nano90, que começa em 75" pelo triplo do preço, mas oferece full array local dimming. Então passei a olhar Samsung 55Q80T, mas o problema é que não oferece Dolby Vision, o HDR ativo em tempo real. Minha dúvida é sobre o quanto perderei por não ter Dolby Vision. Ao assistir um conteúdo com Dolby Vision a partir do PC ele será mostrado sem HDR? Será mostrado com HDR básico, estático? Alguma outra coisa acontece? E quanto a conteúdo dos aplicativos? Se um aplicativo oferecer conteúdo com a tecnologia da Dolby a TV vai conseguir mostrar (com o suporte vindo do App) ou também não? Alguém tem essa Samsung? Alguém sabe o que acontece com o conteúdo Dolby Vision nesta TV? Perde-se muito sem esta tecnologia? Obrigado.
  6. @proteinfolder muitíssimo obrigado! Deu certinho, ainda que eu tenha me batido pra tirar a bateria. Eu até já havia encomendado um dongle bluetooth, mas agora nem vou precisar. Que alívio ter isto resolvido.
  7. @proteinfolder Agradeço muito por ter feito o seu relato, vou tentar desconectar a fonte e retirar a bateria, se der certo posto aqui.
  8. @misterjohn isso de tentar "atualizar o driver eu também fiz. Apontei para a pasta do driver Bluetooth e a resposta foi que o "melhor" driver já está instalado. Agora que você sugeriu, repeti apontando para a pasta com todos os drivers da placa-mãe, mesmo resultado. Meu PC é mini ITX, nem cogitei colocar um DVD nele... Também tentei remover o item USB desconhecido. Ao mandar ele buscar novo hardware ele traz de volta o fantasma. O dongle é um Logitech, realmente inclui um mouse e um teclado, mas eu uso esse PC na sala e a distância muitas vezes dava problema com o mouse. Me irritei e peguei o outro mouse (também Logitech), Anywhere MX. É mais caro e usa o novo padrão de conexão unificado, o dongle funcionaria com qualquer item Logitech que usa este tipo de conexão, mas o teclado é mais antigo. Resultado: dois dongles!
  9. @misterjohn primeiramente, obrigado por responder. Para eliminar qualquer dúvida, retirei os dois dongles USB do teclado e mouse, liguei um teclado antigo com cabo (que não é USB) e reiniciei o PC. Nada mudou, o dispositivo USB fantasma continua lá. Fiquei apenas com o cabo de energia, hdmi, cabo de rede e antena do Wi-Fi e Bluetooth. Realmente, na minha cabeça, o Bluetooth ficava dentro de Adaptadores de Rede, me enganei. Quanto à outros dispositivos com problema no Gerenciador, não tem nada, até porque, quando um dispositivo tem problema, a "árvore" a qual ele pertence já aparece aberta justamente para mostrar que tem treta ali. É o caso do Controlador USB, que já aparece aberto quando abro o Gerenciador de Dispositivos para denunciar o item anômalo.
  10. Bom dia amigos. De um dia para o outro o bluetooth desapareceu do meu sistema. No dia anterior estava normal, no dia seguinte, quando liguei o PC, recebi um aviso de um "Dispositivo USB desconhecido" (sendo que só tenho o dongle do teclado e outro do mouse nessa máquina) e o Bluetooth sumiu do Gerenciador de Dispositivos / Adaptadores de Rede. Busquei ajuda no Google que me levou a uma página da Microsoft dando algumas dicas que não tiveram nenhum resultado. Fiz a atualização do Windows para a versão mais recente (acho que é a 2004), nada resolveu. Atualizei a BIOS da placa. Não resolveu. Entrei em contato com o suporte da Gigabyte, disseram para voltar para a versão 1809 do Windows e instalar o driver Bluetooth do link fornecido. Como eu já havia avançado para a versão 2004, o Windows só retorna para a versão 1909, mesmo assim fiz o procedimento . Na instalação do driver ficou claro que já tinha essa mesma versão, então optei por desinstalar, reiniciar, instalar e reiniciar. Sem resultado. Segundo a Gigabyte a única coisa que eu poderia fazer seria formatar e reinstalar o Windows a partir de uma imagem com a versão 1809. Bem trabalhoso e eu ainda teria que conseguir esta versão não sei onde. Alguma outra coisa que eu possa fazer? Alguém com o mesmo tipo de problema? Grato pela atenção.
  11. Tenho um computador na sala com um teclado e mouse sem fio Logitech K220 / M150. É um conjunto que usa o mesmo receptor. No sofá eu fico a uns 2,60m de distância do PC, mas atualmente coloquei um cabo extensor USB para que o sensor fique um pouco mais próximo. Mesmo assim o mouse falha bastante, especialmente se minha perna estiver no caminho, quando o trago para o assento do sofá, já que estou desenvolvendo uma dor no cotovelo ao usar o mouse no braço do sofá. Tem algum mouse que funcione bem a esta distância? Um mouse bluetooth teria mais condições de atender a minha necessidade? (Uso o Joystick do PS4 no PC sem problemas da mesma posição). Agradeço se alguém puder recomendar algum produto que resolva o problema.
  12. @Douglas Da Silva Navega Essa Seasonic é mais alta que a minha fonte atual que tem 4cm de altura. Ficaria grudada na placa de vídeo. Mesmo assim obrigado pela dica. adicionado 7 minutos depois @GusGraf Obrigado pelas dicas. Não estou no nível de preço nem do seu gabinete atual nem do futuro, mas este Sharkoon me agradou, bom preço e bastante clean. Vendo no Youtube parece bem mais apertadinho do que o meu atual, imagino que é em função da fonte ter tamanho padrão.
  13. Meu PC: Mini ITX montado num case EVGA Hadron Air. Fonte: vem com o case. É uma EVGA 500W 80 Plus Gold num formato especial para caber neste gabinete (22 x 10 x 4 cm) placa-mãe: Gigabyte H97N-WIFI Processador: Intel Core i5-4460 3.2GHZ Memória: 8GB (2 x CORSAIR 4GB DDR 3 1600MHZ) Placa de vídeo: ZOTAC GEFORCE GTX 1060 6GB Armazenamento: 2 HDDs un de notebook que aproveitei do meu PS3 e um novo de 3,5 Minha fonte parece ter queimado outra vez... como meu gabinete vem com a fonte (formato especial) e pelo que procurei não vende só a fonte, estou pensando em comprar outro com uma fonte mais "comum". Alguém recomenda um gabinete Mini-ITX ou compatível que seja compacto e bonito (quanto mais discreto melhor). Se puderem recomendar uma fonte também agradeço. Meu setup não passa de 300W segundo a calculadora da MSI. Vou focar em custo benefício, mas vou analisar todas as sugestões.
  14. Tenho um post aqui de 2017 quando minha fonte definitivamente havia queimado. Mandei pra California e a EVGA trocou por uma nova. Continuo com o mesmo PC: Mini ITX montado num case EVGA Hadron Air. Fonte: vem com o case. É uma EVGA 500W 80 Plus Gold num formato especial para caber neste gabinete (22 x 10 x 4 cm) placa-mãe: Gigabyte H97N-WIFI Processador: Intel Core i5-4460 3.2GHZ Memória: 8GB (2 x CORSAIR 4GB DDR 3 1600MHZ) Placa de vídeo: ZOTAC GEFORCE GTX 1060 6GB Armazenamento: 2 HDDs un de notebook que aproveitei do meu PS3 e um novo de 3,5 Desta vez o PC apagou a tela e parou as ventoinhas, ficou só o LED no botão liga-desliga. Agora, quando tento ligar, a ventoinha do processador dá umas voltas e logo para, só fica o LED aceso. As ventoinhas do case não se movem. Não faz nenhum barulho. Tentei medir a tensão no conector da placa de vídeo. Dá zero. Retirei a placa de vídeo e liguei na onboard. Nenhuma mudança. Retirei os pentes de memória. Nenhuma mudança, nenhum barulho. Só a ventoinha do processador é que dá umas voltas. Será que a fonte queimou outra vez? Tem algo que eu possa verificar? Alguma dica pra eu ter certeza (além de conseguir outra fonte pra testar)? Se a fonte queimou vou ter que trocar o case porque a EVGA não vai dar outra e essa fonte é do tipo 1U, fonte normalmente usada em servidores. A EVGA preparou especificamente para este case (a fonte vem com o case).
  15. Acabo de mudar para um apto novo (alugado). Aparentemente tem terra, padrão novo de tomadas. Eu uso um protetor contra surto da Clamper (link para o produto). Todos os equipamentos da sala estão neste filtro. Recentemente percebi que a TV faz ruído quando alguém está no banho. Já lí o texto que informa que a culpa é do chuveiro eletrônico. O que quero saber é se este filtro da Clamper deveria filtrar o ruído (obviamente não está filtrando). O que posso fazer? Tem algum filtro barato que possa usar antes do produto da Clamper (considerando que preciso das tomadas que ele oferece para ligar tudo - TV, telefone sem fio, modem, roteador, computador, PS4 - além da proteção contra surto tanto para tomadas quanto cabo e modem/telefone)?

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Redes-Wi-Fi-capa-3d-newsletter.png

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!