Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

CrocoJet

Membros Plenos
  • Total de itens

    21
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

6

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Porto Alegre, RS
  1. Será que alguem saberia informar o que significa a especificação deste carregador de celular: output DC 5.0V-5.5V 1.0A Se tiver um equipamento que exige uma fonte 5.0V 0.5A poderia utiliza-lo ? Não entendi neste adaptador esta variação de tensão de 5.0V a 5.5V. Qualquer retorno será bem-vindo, Abraços.
  2. ok, faller. Muito obrigado pelas informações. Abraços.
  3. Estava pensando em comprar este nobreak da eaton, num primeiro momento. http://www.eatonnobreak.com.br/index.php?page=shop.product_details&flypage=flypage.tpl&product_id=85&category_id=10&option=com_virtuemart&Itemid=129 No site é informado que suportaria uma autonomia de 15 minutos para uma carga de 1400W, ou seja, um pouco mais de 45 minutos para uma carga de 450W. ps: sempre pensei que o voltampere (VA) fosse equivalente a W (watt), então, neste modelo, esperava potencia disponivel em torno de 2000W.
  4. Oi faller ! Terias alguma recomendação de marca/modelo (durável) ? Abraços.
  5. Oi pessoal ! Se quisesse manter um refrigerador Panasonic inverter ( http://www.panasonic.com/br/consumidor/eletrodomesticos/refrigeradores/nr-bt48pv1w.html) com as seguintes especificações de 220V, 60Hz, 1,4A e potencia de degelo 180W por um periodo de 4 horas na temperatura mínima com consumo de energia de 39 KWh/mês, isso seria possível utilizando algum No-break senoidal on line com dupla conversão ? Toas as opiniões são bem-vidas. Abraços a todos.
  6. Apple ... nem pensar. São $$$$$ ! Estava olhando as placas-mãe Mini-ITX, talvez consiga montar um conjunto com boa performance e baixo consumo de energia. Não é possível que com toda essa tecnologia não se consiga um desktop potente e não devorador de energia. Abraços ps: http://www.techradar.com/news/computing-components/motherboards/8-best-micro-atx-and-mini-itx-motherboards-923069/page:3#articleContent Vale a pena dar uma olhada neste site: http://www.sust-it.net/ All-in-One são bem economicos ... resta saber a performance.
  7. Oi pessoal ! Será que existe tecnologia em hardware (placa mãe, processador, fonte, etc) para desktop com mesmo consumo de energia e mesma performance de um notebook ? Por exemplo, notebook com processador Core i7 com consumo máximo em torno 45W e restante do sistema (monitor, teclado, usb, etc) tendo fonte de alimentação de 90W. Sempre tive em mente que um desktop consome quase três vezes mais energia. Qualquer opinião sobre o assunto é muito bem-vinda. Abraços a todos !
  8. Oi Jorno ! Grato pela explicação ! Notei na tua msg que fazes um potente overclock com Phenom II X4 , rodando a 4637Mhz !! Impressionante ! Tens ideia do aumento no consumo de energia que isso deve gerar ? Que placa mãe legal, permitindo um over potente com essa memoria de 1333Mhz. Isso fica realmente estável ? Abraços !
  9. Qual será o consumo mínimo de uma fonte 600W em "modo suspender" ? Poderiamos afirmar que uma fonte super dimensionada, por exemplo, 1200W gastaria o dobro de uma fonte 600W ? Isto valeria para o modo suspender e o PC em pleno funcionamento ? Abraços !
  10. Será que esqueceram de mim na msg anterior ? http://forum.clubedohardware.com.br/showpost.php?p=5094960&postcount=18495 Abraços !
  11. Será que minha fonte Zalman ZM600 HP aguentaria essa configuração ? - processador Phenom II X6 1100T; - 2 x 4GB DDR3 Kingston 1333Mhz; - 2 placas de video XFX 6950 2GB DDR5; - placa mãe gigabyte GA-880GA-UD3H; - 1 drive optico DVD-RW Sony 24X Sata; - 2 HDs 500GB Sata 7200rpm; - Mouse, teclado & webcam; - Pixelview TV USB; Não pretendo fazer qualquer tipo de overclock, e num futuro próximo pretendo acrescentar mais dois HDs. Aproveitando a msg, existe diferença de consumo com o "turbo core mode" do processador AMD ativado na BIOS? Abraços a todos !
  12. Oi Evandro ! Vamos esperar o verão (mais 30º C) chegar para ver como ficam as temperaturas com stock cooler e turbo em 'on". Os fabricantes querem vender e quanto mais melhor. Nem dá para acreditar que 2011 será o último ano de produção do 1100T, e isso que venderam quase toda produção. Novos processadores chegando ... novas vendas também, melhor deixar o turbo core em off. (rsrsrsrs) Abraços !
  13. Oi Evandro ! Não tem como alterar a configuração dos programas, porque são implementados para single core, ou seja, utilizam somente um único núcleo, alias a maioria deles não tem suporte para multicore. O "turbo mode" foi feito exatamente para isso, compensar processos de programas single core, mas em termos de performance real, não dá para percerber diferença, tanto em processos simples ou mais complexos que não venham exigir muita peformance, porque neste caso, o turbo é desativado automaticamente. Quando a CPU está em 100%, o turbo não interfere, fica desativado. Nem esquenta com isso, de qualquer forma, não pretendo ativar o turbo, não vale a pena. Abraços.
  14. Oi Evandro ! Olha eu não notei diferença em termos de performance nos vários programas que utilizei. Talvez em testes sintéticos isso possa aparecer, mas na real, não se aparece. Talvez tenha me expressado de forma inadequada, então substituindo "com certeza" por "muito provavelmente". Muito marketing rolando com "turbo" ou "boost", etc, e na real este "overclock de fabrica" não traz quase nenhuma vantagem, e gera um aumento de consumo de energia. Abraços
  15. Oi RobsonS ! Estava observando o "VID" ( Programmed operating voltage) com o programa "core temp". Quando o "turbo" na BIOS está ativado, a frequencia de alguns núcleos são elevadas a 3.7GHz, certamente por alguns milisegundos e fica alternando entre os núcleos, de acordo com um percentual de carga no momento (me parece algo em torno 20%) Com este "overclock", o VID chega a 1,4750 V. Desativando o "turbo" na BIOS, a tensão do VID não ultrapassa a 1,350V com carga maior 20% ou em "full throttle". Com certeza, o tal turbo mode deve causar um "envelhecimento precoce" do processador. Abraços.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×