Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.

Nishijima_filho

Membros Plenos
  • Total de itens

    549
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

30

Sobre Nishijima_filho

  • Data de Nascimento 15-08-1992

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Jardinópolis
  • Sexo
    Prefiro não dizer

Meu PC

  • Processador
    Ryzen 7 1700 3.9Ghz@1.36v
  • Cooler
    Corsair H110i V2 (4x ML140)
  • Placa de vídeo
    Gigabyte GTX 980 Founders Edition
  • Placa-mãe
    Asrock X370 Taichi
  • Memória
    2x8GB G.Skill Trident Z 3.200Mhz CL15 @ 3.200 Mhz CL14
  • HDs
    2TB Seagate
  • SSDs
    2x 120GB Kingston (Raid 0)
  • Gabinete
    Corsair Carbide 400C
  • Fonte
    Seasonic Focus Plus Gold 750W FX
  • Mouse
    Razer Deathadder 2.0
  • Teclado
    Corsair K55 Gaming RGB
  • Headset
    Xiaomi Hybrid Pro-HD (In-Ear Monitor)
  • Monitor
    LG 23MB35
  • Sistema Operacional
    Windows 10 Pro

Meu Smartphone

  • Marca e modelo
    Zenfone 2 ZE551ML
  1. @Gabriel Reis_761652 Não entendo taaaaanto assim não, mas pesquisei bastante antes de adquirir meu Hardware. Acho que seu over parece estar bom, no entanto, diria apenas que seu 1700X deve conseguir rodar a 3.8 a 1.3~1.32V. O meu 1700 Roda a 3.8Ghz com 1.3V sem problemas. Talvez você até tenha mais sorte de conseguir rodar ele com menos tensão, já vi pessoas conseguindo os 3.8 a 1.22~1.25V, fica a dica caso tenha um tempo para testar. Você não deve se preocupar com a vida útil até os 1.4V eu diria. Alguns lugares dizem 1.45, outros dizem 1.35, então eu fico no "meio termo". Mesmo aos 1.4V, você vai perder vida útil apenas quando seu processador ficar em temperaturas altas por longos períodos. Mas, como vivemos em um país quente, eu prefiro seguir pelo caminho de "antes prevenir que remediar". Manter a tensão o mais baixa possível no clock desejado. Montei o meu 1700 com uma boa refrigeração, e em dias mais frios ou amenos, ele mantém os 3.9 sem problemas. Acabo passando apenas por problemas em dias quentes, onde está acima de 27C dentro de casa, a temperatura passa dos 70C e ele começa a pedir mais tensão se eu usar algum programa MUITO pesado (aka stress testing...). Dentre suas temperaturas, eu diria para ficar de olho na temperatura dos VRMs caso sua placa-mãe tenha um sensor ali. Os Octa cores puxam bastante energia, e a maioria dos VRMs mais fracos em placas B350 sofrem muito com isso, inclusive a queda de vida útil muito acelerada. (Se tiver um sensor, qualquer coisa abaixo de 105~110C deve ser aceitável, se dentro ou acima disso, diminua a tensão/clock) Existem muitos componentes em VRMs que aguentam até 125C, porém os capacitores que ficam muito perto dos MOSFETs ou do dissipador de calor deles normalmente tem capacidade para 105C, principalmente em placas com componentes mais simples/baratos. As configurações automáticas da BIOS (sem over/stock) normalmente são seguras sim. Os picos raros de 1.45V não irão afetar seu chip em longo termo, o que afeta é a tensão constante. Existe sim uma forma de Overclockar com vários "níveis" de OC. Mas você não deve se preocupar demais com isso. Os Ryzen diminuem a tensão quando não estão sob uso de forma automática, mesmo com o AMD Cool'n'Quiet desligado, ele continua diminuindo a tensão enquanto o processador estiver em Idle. As melhorias que você teria por aprender, entender e usar os P-States não é muito grande ou tão válida. Obrigado pelo elogio. Eu não consideraria um nível de Intelecto. É apenas algo que realmente gosto e, não vejo problema em ajudar outras pessoas. Na visão de muitas eu deveria cobrar para fazer isso, mas as informações que citei foram encontradas de graça na internet. Enquanto é compreensível que gastei meu tempo pesquisando para jogar tudo mastigado aqui, eu penso de outra forma. Boa sorte com seu over! Lembre-se de atualizar o "Seu PC" no seu perfil!
  2. @Kabiusco 3.7 Com 1.3V no cooler Box é meio difícil de manter... Alguns dos Ryzen pedem mais tensão quando passam de 70~75C e você pode encontrar instabilidade fácil. A maioria dos testes que eu vejo são de lugares frios, ou de pessoas que não estão vendo a temperatura correta (Precisa ver a temperatura no Ryzen Master ou com o HWinfo pela TCTL. Sobre a placa-mãe, diria que fica a seu critério como está pegando apenas um Quad Core. Mas ainda acho que você vai se limitar um pouco em futuros upgrades. Se você conseguir um extra para seu upgrade, pega essa, ela é um pouco melhor pra over e tem os VRMs com componentes melhores que essa Asrock e a MSI que mostrou antes (Apesar de ter a mesma quantia de fases). @BrUn8 Digo a mesma coisa sobre over que o rapaz acima. Vá testando com calma. Tente primeiro 3.6 a 1.18 (tensão stock), não precisa de offset ou overvoltage. Normalmente os Ryzen até conseguem segurar esse clock com a tensão stock. Ele vai ficar mais quente devido aos clocks, mas creio que, dependendo das suas condições de clima, você deve ficar entre a casa dos 70~75C. O Erro F9 costuma ser algo de memória. Já atualizou sua BIOS para a última versão? Infelizmente a Asrock anda atrasando os updates de BIOS para algumas placas, e até o momento, apenas 3 placas pelo que vi receberam o update com o último Agesa. A Taichi tem esse problema de Multibug (basicamente, o multiplicador do processador trava em 11 ou 15.5X quando se tenta fazer over, na maioria dos casos, usar Offset de tensão ajuda). Se você começar a pegar outros erros, procura na net por Asrock Dr. Debug Codes e você deve achar uma lista com os códigos que a placa-mãe te dá. Infelizmente a Taichi não veio com esses no manual... (A minha no caso, creio que a sua também não deve ter vindo)
  3. @zmarkin Rapaz, que triste em. Uma coisa pra te lembrar, é que timing de memória não influencia na velocidade de leitura/gravação dela diretamente. Mas vai influenciar em algumas outras coisas, no caso dos Ryzen, na Infinity Fabric. Esse quanto mais rápido e com menos latência melhor. Mas acho que nos 3.200 você já deve estar tranquilo. @BrUn8 Começe com calma, eu tenho uma Taichi também. Os VRMs dela são tranquilos pra fazer qualquer over. Minha melhor dica é tentar estabilizar seu over sempre com LLC3 ou LLC2. Nunca use o 1, pois ele envia uns spikes de tensão para o processador. Também não te sugiro tentar os 4Ghz de cara com 1.45V (É dentro do recomendado da AMD PRA TESTES e não pra uso contínuo) tente os 3.9 com 1.37V, e caso ficar estável, vá diminuindo a tensão até achar o ponto que você encontra problemas. A Taichi é uma boa placa pra Over, mas ainda tem uns problemas na BIOS que a Asrock diz que vai solucionar na 3.20a. Use tensão por offset ao invés de tensão manual (vai ser chato calcular os valores certinho, mas evita o multibug de ocorrer da BIOS). O que encontrei ser recomendável mesmo para uso contínuo é sempre abaixo dos 1.4V. Sendo o melhor os 1.35V, o que não deve reduzir muito a vida do silício no CPU. @Rodrigo Almeida Soares Eu tentaria usar um LLC um pouco mais "alto" como diz que sua placa-mãe tem 8 estágios, use sempre os do "meio", onde a tensão nunca ficará muito alta, porém nunca ficará muito fraca. Olhe o manual de sua placa para entender qual o estágio maior e o menor. Porém, se o seu over estiver estável com 1.17~1.18V com LLC baixo, não tem porquê mexer. O processador opera de padrão em 1.18V, se subiu para 3.7, uma tensão até 1.22~1.27V não deve apresentar muitos problemas. @Kabiusco Parece ser uma placa meio termo, já ouvi falar algumas coisas ruins da MSI com o socket AM4, mas deve dar conta dos Quad core sem problemas. Eu apenas não recomendaria você fazer um upgrade para um Ryzen 7 e querer over com essa placa. Ela deve dar conta de um R7 em stock sem muitos problemas, mas eu realmente não recomendaria overs muito altos para placas B350 (grande maioria tem VRMs que deixam a desejar).
  4. @João Victor M.D.C Problemas com clocks de memória são coisas bem comuns relacionados ao Ryzen. Considerando que suas memórias são 2.666 CL 15, tenho quase certeza que são ICs da Hynix (você pode confirmar com um programa chamado Typhoon Burner). Hynix consegue clocks altos hoje em dia...só dá um belo trabalho pra manter isso estável. Você pode também tentar aumentar o Reboot Retry das memórias (Não me recordo o nome, e nem sei se é assim que é chamado em placas Asus), isso faz com que a placa tente outras configurações de Sub-timing e as vezes ajuda. Basicamente isso da sua placa reiniciar 3x é algo configurado por padrão das placas, algumas vem com 1x apenas, aumentar esse número na BIOS não causa efeitos ruins, mas você pode terminar com os clocks que quer, mas timings que não irão trazer muitas vantagens. Sei que tem pela internet uma "calculadora" de timings e sub timings, mas não me recordo onde vi e não tentei utilizar pra te dizer se vai ser algo fácil.
  5. @João Victor M.D.C Não disse que sua placa-mãe é ruim, mas sem sombra de dúvidas, existem placas muito melhores no mercado. A questão de sua placa-mãe com o Ryzen Master pode ser apenas empecilho com o programa, então acaba sempre sendo melhor utilizar o Overclock na BIOS mesmo. Não confunda Overclock em BIOS com suporte a programas de Overclock, são coisas bem diferentes. Em nenhum momento eu recomendo a utilização do Ryzen Master para teste de Overclocks estáveis ou continínuos. Sua placa-mãe é uma Asus, e a BIOS dela deve ser fácil e tranquila de se usar para over, utilize essas opções. Não pela conveniência, mas pela segurança.
  6. @Joao Carlos Moreira Lima Esse Vcore tá muito alto para um 1800X, diminui isso pra 1.35V e teste a estabilidade do sistema. A memória você deve precisar aumentar a tensão do SoC, se não fez isso. Ela por padrão fica em coisa de .9~.92, aumenta para 1.1V (Preste atenção onde coloquei os pontos, SoC nos Ryzen tem o controlador de memória, e essas coisas vão embora fácil com tensão alta). @João Victor M.D.C Recomendaria nem tentar utilizar o Ryzen Master. Ele funciona bem com placas mãe melhorzinhas, ainda assim apresenta vários problemas. Tente fazer seu overclock na BIOS, com calma, tente achar alguns tutoriais específicos para a sua placa-mãe, no YouTube deve ter aos montes. Quanto as memórias, tente fazer o mesmo, aumente o SoC para 1.1, colocando no máximo 1.15V na BIOS. (Atualize sua BIOS também, caso ainda não tenha feito isso.)
  7. @João Victor M.D.C Você pode até conseguir clocks maiores, mas vai ter que aumentar a latência das memórias, na maioria dos casos. Não é bem simples de fazer over em memória de forma que realmente apresente ganho e fique estável. @zmarkin Isso é comum. Você aumentou a tensão do SoC? Tente pelo menos 1.1~1.12V no SoC. Verifique também se você está com a tensão das memórias configuradas corretamente. Qualquer coisa, manda um link com o Modelo exato de suas memórias, ou baixa um programa chamado Thaiphoon Burner, executa ele, coloca pra ler a "SPD" das memórias e posta aqui o que ele mostrou.
  8. @João Victor M.D.CA questão não é ser aconselhável ou não. Se suas memórias forem boas, tiverem dissipadores de calor decentes, isso não deve ser problema. O problema real vai ser você conseguir alcançar clocks maiores que os especificados em papel de sua memória, Ryzen ainda é meio complicado de conseguir clocks altos e estáveis. Conseguir, você pode conseguir, mas provavelmente vai encontrar uma tela azul ou shutdown aleatório devido a instabilidade, mas tudo depende da sorte com essas coisas. Tente fazer o over apenas no processador por hora, deixe suas memórias em full stock (sem XMP/D.O.C.P. ou o que lá for que a Asus chama de perfil extremo de memória), e vá fazendo os testes de stress. Quando conseguir uma boa estabilidade no processador, aí sim passe para as memórias.
  9. @João Victor M.D.C Não diria que corre riscos, mas todo cuidado é pouco com Hardware. O Processador tem proteções contra temperaturas muito altas, seu PC reinicia ou simplesmente faz throttling a ponto de esfriar o CPU. Eu começaria tentando nos 3.5, veja se fica estável com a tensão que falei, depois tente 3.6 e talvez 3.7. Você muito provavelmente não vai conseguir 3.8 estável com temperaturas aceitáveis aqui.
  10. @João Victor M.D.C O vídeo em questão é confiável, só não os clocks que ele utiliza por estar em um lugar com temperaturas menores/mais controladas. Tente começar com 3.5 Ghz no Cooler Stock e tensão a 1.15V (a tensão stock é de 1.185V), você irá fazer um pouco de undervolt e overclock ao mesmo tempo mas terá as temperaturas mais controladas. Faça testes de stress e verifique se a temperatura fica aceitável. (65~70C) Boa sorte.
  11. @Rodrigo Almeida Soares Isso não é um problema, é a Função Cool and Quiet com a C6 ativa em seu processador. Elas abaixam o clock e a tensão para o que o processador estiver precisando, economizando energia e esquentando menos. @Wreath ☼ Esse problema é comum das placas mãe Asrock, é conhecido até por eles. Uma forma de "pular" isso, é usando offset de tensão, ao invés de setar a tensão manualmente (não que isso tenha 100% de chances de funcionar...mas aqui acabou ajudando), só atualização de BIOS deve resolver isso no futuro.
  12. @Tahatsu Ambos parecem bons cara, a única coisa que você deve levar em consideração será o uso desses monitores. Novamente, existem jogos que irão tomar vantagem de uma taxa de atualização alta, e outros que isso não irá fazer a mínima diferença. O monitor menor de 24 polegadas e mais caro tem atualização alta, e deve se encaixar no perfil de um jogador de FPS, com jogos do tipo CS:GO. O outro monitor de 27 polegadas é FHD com 60 Hertz de taxa de atualização, o que é bem padrão, o tamanho deverá beneficiar em jogos tipo GTA V e similares, onde a taxa de atualização não é exatamente tão importante, mas a qualidade gráfica normalmente importa mais. Eu faria a escolha baseado nisso, um lembrete é que, mesmo que você não consiga rodar jogos a 144 FPS para o monitor receber a taxa de atualização necessária, normalmente dizem que ainda aparenta ter mais "fluidez" no movimento. Como você está utilizando uma placa Nvidia, complica um pouco no fator do monitor de 27 Polegadas usar FreeSync, que é uma tecnologia de placas AMD/Radeon.
  13. Poderia falar um pouco mais sobre seu perfil em jogos? Tem muitos jogos que vão ter problemas com monitores como o que citou, pois não rodam corretamente, ou melhor, não escalam como deveriam em configurações Ultra-Wide. Se você prefere jogos FPS em que a taxa de atualização irá fazer a diferença, um monitor com taxa de atualização mais alta deverá ser a melhor escolha, sobre isso, existem vários disponíveis na faixa de preço dos R$ 1.500. Agora, se não tem problemas do tipo e preferiria a resolução ao invés da taxa de atualização, você pode optar por monitores Ultra-Wide, como o que citou, ou monitores com resolução maior em formato 16:9. Recomendaria uma visita no site da Dell, eles vendem monitores também, e tem alguns de 24~27 polegadas WQHD que podem lhe interessar.
  14. @Atretador Puts cara, pior que não jogo Dota, então não conseguiria fazer testes que seriam úteis nesse sentido... Conseguiria postar as configurações que usou no over dessa GPU sua? Preciso tentar fazer um over na minha 980 @Juliano Kloss Tem um programa chamado Project Mercury, que faz o mesmo que esse Proccess Lasso, porém aparentou ser mais "fácil" de usar. Eu não cheguei a testar nenhum dos dois, o Windows precisa receber atualizações que melhorem o uso dos CCX e SMT dos Ryzen. A atualização FCU melhorou um pouco no Windows 10, mas ainda não está tão aperfeiçoado assim. Para o resto do pessoal, eu fiz uns testes de Overclock com a minha configuração depois que peguei uma fonte nova, e vou citar alguns resultados. Um lembrete é que, nem todo chip funciona/overclocka igual, e você pode precisar de mais (ou de menos) tensão se for testar essas configurações. Os testes foram feitos com a tensão SoC em 1.106V e LLC3. Notei que não houve necessidade para deixar isso em 1.15V como alguns lugares normalmente falam, mas isso pode ter a ver com o IC das memórias que tenho (Samsung B-Die). Mais que isso (1.2V) não me garantiu estabilidade com as memórias em 3.333 Mhz e Timings/Sub-Timings reduzidos, porém consegui estabilizar a 16-16-16, o que gerou perdas se comparado aos 3.200 Mhz 14-14-14 que mantenho atualmente. Lembrando que o chip que estou usando é um R7 1700, e o mesmo tem tensão "stock" de 1.1875V. 3.5 Ghz--->1.07V---> LLC4 (Vdroop 0.975V) 3.6 Ghz--->1.1875V--->LLC4 (Vdroop 1.08V) 3.7 Ghz--->1.22V--->LLC4 (Vdroop 1.15V) 3.8 Ghz--->1.28V--->LLC3 (Vdroop 1.23V) 3.9 Ghz--->1.36V--->LLC2 (Vdroop 1.337V) As placas AsRock tem configurações de LLC ao "contrário" de algumas outras produtoras, tendo o LLC5 como o mais baixo, e o LLC1 como o mais alto. Vdroop para quem não sabe, é a queda de tensão que seu processador tem durante uso alto (Stress), o LLC mais alto irá compensar isso jogando mais tensão no processador. Todas as voltagens acima seguram pelo menos 5 Horas no OCCT modo CPU: Linpack com instruções AVX aqui. Caso o resto do sistema esteja completamente estável, você pode conseguir rodar em torno de 10 Horas no Prime 95 Small FFT sem problemas. (Ou simplesmente utilize a forma de testar que deseja) Eu ainda estou esperando algumas atualizações da AsRock para a BIOS, pois a Taichi tem alguns problemas ao setar voltagens, e as mesmas precisam ser colocadas através de Offset para funcionar em praticamente qualquer over acima de 3.6 Ghz aqui. Com um certo trabalho, eu já consegui os 4 Ghz, mas a questão de setar as voltagens fica sempre dando problemas nesse clock. Se, durante os testes você ainda tem erros onde o Software apenas para, ou os Workers (Prime) encontram erros, isso normalmente significa que suas memórias não estão estáveis. Apesar de não ser sempre o caso, aqui meu PC apenas reinicia caso não tiver tensão o suficiente para os testes de Stress. Lembrando que, nenhum dos testes acima é garantido que vai funcionar, e precisei de várias horas testando para conseguir estabilidade nessas voltagens.
  15. @Parrô Essas memórias são mais carinhas mesmo. Samsung B-Die com latência baixa, é basicamente uma das melhores memórias pra extrair o desempenho dos Ryzen. Tempos atrás em 2012 paguei 650 em um kit 4x4GB Corsair Vengeance de 1.600 Mhz XMP, apesar de caro, pra aquela época eram ótimas memórias. Mas em virtude de outras coisas, sim, as memórias subiram demais, e esse deve ser um bom motivo que aqui no Brasil a disponibilidade de memórias de alto desempenho caiu. Difícil alguém que queira gastar assim.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×