×
Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

finalgd

Membro Pleno
  • Posts

    92
  • Cadastrado em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

5

Sobre finalgd

  • Data de Nascimento 01/03/1990 (31 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Minas Gerais
  1. Pessoal, finalmente consegui pegar uma boa oferta de black friday e arrematei o 9900kf num preção. Agora precisarei montar o restante do kit. Vi que é ideal usar uma placa-mãe com 12 fases pra esse processador, então obrigatoriamente teria que pegar uma com chipset Z, apesar de não querer fazer over (e nem ter refrigeração pra isso num primeiro instante). Pesquisando pelas placas mãe, o que encontrei agora foram as z390m da gigabyte. Confesso que não gostei muito do número de portas USB atrás dessa placa, e nem o fato de não ter wi-fi (pra uma placa de linha topo de linha). Até preferiria uma full atx, mas tá difícl de achar. O kit que montei foi o seguinte, queria opinião nos preços e se tá valendo a pena pois estava um pouco afastado do mercado de hardware. - placa-mãe gigabyte z390M Gaming - r$911,70 - SSD XPG SX8200 PRO, 512gb, M.2 NVMe - r$475,20 [Esse SSD tem memória dram, diferente do NVMe kingston que está por r$311] - Memória XPG Spectrix D45G, RGB, 8gb, 3600mhz - 246,90 (2x8gb) = 493,80 [tem uma d50g por 290 e uma corsair vengeance por 360 cada pente] Alguma sugestão de alteração? A minha fonte não possui 6 pinos de alimentação pro processador, somente 4, mas é uma fonte que inclusive possui o selo de recomendável aqui do CdH. Creio que não seria problema considerando que não farei over.
  2. A fabricante "entende" que se a pessoa está comprando um kit novo, ela também vai adquirir um chipset novo. E caso ela tenha um chipset antigo, na cabeça dela a pessoa já possuía um processador de geração antiga e está fazendo um upgrade. Isso é tão fato que a amd chegou a vender um "kit de boot" pra fazer atualização de BIOS, dá uma googlada que você vai ver (o que demonstra que existem placas que não possuem essa funcionalidade). A placa desse meu colega na época não tinha essas teclas Q FLASH, por exemplo Por via das dúvidas, eu queria saber quais chipsets já seriam plenamente compatíveis (de fábrica) com processadores série Ryzen 3000 e Ryzen 5000 pra garantia de não ter dor de cabeça. Obrigado!
  3. A questão não é precisar de um "amigo", mas sim um processador de geração passada. Você saberia me dizer se todas placas mãe tem essa funcionalidade de atualizar sem processador? Pelo que vi, as MSI possuem. Eu posso pegar qualquer placa-mãe de chipset A320 (ou qualquer outro chipset de 1º ou 2º geração) por exemplo, colocar a BIOS em um pendrive e atualizá-la sem processador e memória?
  4. Olá a todos! Estou estudando montar um desktop com Ryzen 5000 ou Ryzen 3000. Vou aguardar mais um pouco pela black frauday e ver qual opção será melhor negócio. Tempos atrás, quando um amigo meu comprou um Ryzen 3000, me lembro que a placa-mãe dele não reconheceu o processador e era necessário pegar um processador de geração anterior e atualizar a BIOS para reconhecer. Como moro no interior e não tenho nenhum amigo que possua Ryzen de 2º geração, vocês saberiam me dizer quais placas-mãe eu poderia escolher para os Ryzen 3000 e para os Ryzen 5000 sem depender de um chip de geração passada para atualizar BIOS? Muito provavelmente vou comprar as peças separadas, inclusive tem lojas como a Tera que dão um bom desconto para quem compra para montar em casa. Agradeço quem puder dar um help. abraço
  5. A ideia do SSD é ótima, aliás é algo que pretendo colocar também, mas a placa-mãe é IDE, então fico impossibilitado de fazer esse upgrade. E mesmo que fosse sata 2, o ssd não atua com a velocidade máxima, ficando bem superior quando utilizado numa mobo sata 3 (vivenciei isso por um tempo na minha antiga p5e3). Também esqueci de mencionar que a mobo está com alguns probleminhas, como falha no reconhecimento do HD e driver dvd, fora a lentidão de inicialização (hd). Eu queria montar um Pentium de nova geração, com 4gb, aproveitando gabinete, fonte e leitor de dvd, futuramente instalado um SSD bacana, mas estou meio perdido em relação a qual geração pegar. abraço
  6. @Evandro O computador é um antigo Core 2 Duo E4500, memórias DDR2, enfim, é uma plataforma desatualizada. A fonte é aproveitável, gabinete também. O restante tem que montar. Prefiro o computador mesmo, colocando-se um note e um pc de mesmo preço lado a lado, com certeza o computador teria um configuração bem melhor.
  7. Olá amigos! Estou querendo montar um computador para o meu pai, as atividades feitas por ele são leves, como navegar na internet, ver vídeos e filmes, músicas, edição de textos, imagens e etc. Penso em algo na faixa de 700~1000 reais, somente o computador, os demais itens já temos (monitor, teclado, mouse, etc.). Estava pensando no novo Pentium como processador, mas vi que tem várias versões (e também em diferentes plataformas) e não soube definir qual seria o melhor custo benefício. Abraços
  8. Estou na dúvida entre 3 fones fechados, Cloud Core, Cloud Stinger e SHP 300. Tenho um uso muito variado no pc. Jogo bastante diversos tipos de jogos, não somente FPS, e não tenho mais aquela pegada competitiva, aliás, bem longe disso. Assisto muitos filmes, séries e música também. Portanto, a exigência de um fone semi-aberto não é tão necessária, já que pelos relatos, o shp 80 (semi-aberto) vaza muito som, o que não é interessante pra mim. Eu costumo sempre estar usando voip, e os microfones de lapela infelizmente nunca me entregam uma boa qualidade de áudio. Já tive um Zalman, que estragou, e ele captava muito ruído externo. Atualmente estou com um neewer, que já está com mau contato e também não é lá essas coisas. O cloud perde muito em qualidade para o SHP 300? Consigoo cloud core por 300 reais, numa promoção, e o shp 300 por 180. O fator resistência é fundamental na escolha. O arcano SHP 300 me pareceu extremamente bem construído, com cabo destacável e tudo, já o Stinger me passou uma certa desconfiança, principalmente no microfone dobrável, que se estragar, perde sua única vantagem em relação ao 300. O core não tenho uma opinião formada, o fone em si parece muito bem construído e o microfone não sei... EDIT: Atualmente tenho um HD201, que já está bem desgastado e o achei um ótimo fone pelo custo/benefício (custou 110 na época). Já usei um philips SHP 2700 e não gostei do áudio dele (só pra servir como referência).
  9. Na verdade, eu não preciso desse desempenho pra agora. Pretendo colocar algo do nível da 1070/1080 no ano que vem, mas queria ficar o máximo tempo possível sem upgrades. Comprar o i5 6400 para trocar daqui a um ano não seria uma boa compra... (só dando como exemplo, acho que duraria mais)
  10. Amigos, além dessa opção do i5 skylake, me apareceu uma proposta para levar um kit com i7 4770k, 12 gb corsair vengeance (8+4) com uma placa-mãe h85 (sim, o kit não está apto a over) por R$1400. Peço opiniões de qual seria a melhor opção
  11. @felipepif e @Lucas Visentin Primeiramente, obrigado pelas sugestões! Como você disse, outro item que precisa de um upgrade na minha configuração é a placa de vídeo. Com essa diferença de valores, eu poderia separá-la para gastar com a placa muito em breve. Entretanto, o gargalo maior vem sendo o processador mesmo, que não consegue tirar o máximo proveito sequer da minha 660ti. Sobre a fonte, acho que você está equivocado. Usei ela com placas que gastavam muito energia, como GTX 280 e HD 4870, além disso, sempre a utilizei com um over razoável (40%) no processador e nunca tive problema. A compra dela, inclusive, foi por uma análise feita aqui no CdH na época, em que o produto foi aprovado (https://www.clubedohardware.com.br/artigos/energia/teste-da-fonte-de-alimentação-seventeam-st-750p-af-r35091/) Sobre o desempenho do i5 4570 e o i5 6400, o desempenho deles é muito parecido, e pelo clock maior, o 4570 até ganha por uma mínima margem em alguns jogos. O upgrade se justificaria apenas pelo fato de pegar uma plataforma nova, que me possibilitaria upgrades para i5 e i7 série 7xxx (que serão lançados). Mas, com o lançamento do Zen, não sei se essa plataforma terá longa vida. Aliás, se a intel resolver também aderir ao chipset integrado ao processador, uma nova plataforma com grandes mudanças seria lançada. Isso seria ótimo, já que a limitação que a intel vem impondo ao overclock nessas gerações de processadores beira o ridículo. Infelizmente, até o Zen ser lançado e chegar ao Brasil, demora um pouco, e então é inviável que eu fique sem computador até lá, já que preciso dele não só para lazer. Considerando a chegada do Zen, e esses outros fatores, será que realmente compensa investir em skylake?
  12. Fiz o orçamento, e a configuração com o i5 4570 vai sair por cerca de R$1200,00 (proc usado do meu amigo). O skylake (com i5 6400), vai sair por cerca de R$1700. Vale a pena o investimeno?
  13. Boa noite, amigos! Minha configuração atual, é 100% old school. Possuo uma Asus P5E3 Premium e um Core 2 Quad Q9550, juntamente de 4x2GB XMS3. Pretendo trocar os 3 componentes. O restante da minha configuração é composta por: GTX 660Ti POwer edition, fonte ST-750w AF da Seventeam, SSD e HD's e gabinete já inclusos. Pretendo gastar cerca de 1200 reais para a compra apenas de um processador, placa-mãe e memórias, sendo que consegui um I5 4570 com um amigo por 500, sobrando 700 para placa-mãe e memória, podendo variar um pouco. Gostaria de saber de vocês, se por esse preço, é uma boa pedida esse i5, e caso seja, qual placa-mãe lga 1150 me indicam? Com a chegada das DDR4, esse computador teria uma vida útil muito curta? Estou aberto a sugestões AMD/INtel (outras gerações) Agradeço pela ajuda!

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Ebook grátis: Aprenda a ler resistores e capacitores!

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!