Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

AlexandreHDK

Membro Pleno
  • Total de itens

    46
  • Cadastrado em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

4

Sobre AlexandreHDK

  • Data de Nascimento 13/06/1984 (37 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Curitiba
  1. AlexandreHDK

    urgente

    Que é isso, nada é tão urgente assim. E para criar uma livraria, basta mais do que o c. É preciso ter o a, o b, o d, e assim por diante. Depois, temos que juntar estes pequenos elementos, formando as chamadas "palavras" (Oooooohh!). Junte novamente esses novos elementos, e você conseguirá criar as complexas "frases". Uau, que evolução. OK, seguindo, coloque um monte de "frases" juntas, de forma coerente, e crie "textos" (espetacular!). Organize os textos, adicione outros elementos, como índice, numeração de página, etc, e você poderá compor um "livro". Publique o livro, depois tente publicar
  2. O negócio não é tratar com cálculo, e sim com lógica. E o seu problema não tem nada a ver com o devc++.
  3. Quase, faça os send/recv logo após o accept, dentro do while mesmo. while(1) { novosocket=accept(meusocket, outros parametros); // send()/recv() no novosocket. depois, é claro, garanta um close() }
  4. Site ninja que vai te ajudar a resolver o problema de contagem de tempo: http://www.guyrutenberg.com/2007/09/22/profiling-code-using-clock_gettime/ Em relação aos 2 sockets, quando você usa o accept você já tem o socket que irá ser usado os send e recv. Explicando melhor: chamar a função accept faz com que o processo "pare" até que venha uma conexão do cliente, então no fluxo do programa, após o accept você já tem um socket para enviar/receber dados, entende?
  5. Hehe, tem erro sim for (x=0;x<tam;x++){ if (string[x]=ch1){ ch1=ch2; } } troque por for (x=0;x<tam;x++){ if (string[x]==ch1){ // Comparação usando dois símbolos de igual (==) string[x]=ch2; // Você quer substituir a letra dentro da string, e não a variável ch1 } }
  6. Ué, você já usa scanf para outras coisas, então por que não fazer scanf("%s",name); ? E para comparar strings, você não pode simplesmente fazer name == pessoas[i].nome Use uma função de comparação: if( strcmp(name, pessoas[i].nome) == 0 )
  7. Para saber se um ponto está dentro de um triângulo, deve-se considerar o seguinte: Dados p1, p2, p3 pontos que definem um triângulo, se um ponto p4 estiver em cima de um dos pontos ou em cima de um dos lados, ele está dentro ou fora? Eu acho que está dentro, então posso tratar esses casos primeiro. Depois, posso criar mais 3 triângulos, o primeiro formado por p1, p2 e p4, o segundo por p1, p3 e p4 e o terceiro por p1, p3 e p4. Calculo a área dos três triângulos, e se a área bater com a área do triângulo original, então quer dizer que o ponto p4 está dentro do triângulo formado por p1, p2 e p
  8. O seu problema não está devidamente definido. Digo isso porque não existe uma forma padrão de se transformar uma matriz em um vetor. Por exemplo, a matriz 2x2: |a11 a12| |a21 a22| pode ser transformada no vetor (ou matriz 1x4): |a11 a12 a21 a22| ou |a11 a21 a12 a22| Primeiramente, o seu vetor unidimensional deve ser declarado assim: int vetorU[50 * 50]; Vou fazer algo em relação à primeira forma de 'unidimensionalizar": int indice = 0; for( x = 0; x < i; x++ ) { for( y = 0; y < j; y++ ) { vetorU[indice] = matrizA[x][y]; indice = indice + 1;
  9. Cara, fazer a sua lição de casa é fácil para um monte de gente daqui do fórum, só que isso não te acrescentaria nada, o objetivo aqui é todos aprenderem com todos. O que podemos fazer é tirar dúvidas caso o seu código não esteja compilando ou executando de forma não desejada (normalmente é erro de programação mesmo e quem é novo na área não percebe). O meu conselho é: tente fazer primeiro (qualquer coisa, o programa pode ser incrementado aos poucos). Aí certamente surgirão dúvidas, mas poste o que você fez até o momento, não é vergonha nenhuma cometer erros, mas é corrigindo que podemos melho
  10. Aqui tem coisa errada... struct tcadastro { char nome; int telefone; int endereco; // <- não pode ser um int }; Corrigindo o erro acima, você pode fazer assim: scanf("%[0-9a-zA-Z,. ]", &pessoas.endereco); Coloque dentro dos colchetes o que você quiser que o scanf aceite como caracter válido. Ele colocará dentro de pessoas.endereco até encontrar um caracter não definido dentro dos colchetes. No caso acima, ele aceita todos os números, letras do alfabeto, vírgulas, pontos e espaços.
  11. AlexandreHDK

    Dúvida com um arquivo...

    Java? Baixei aqui e o arquivo tem nome 'buttons-dmx.info'. Aqui foi identificado com arquivo do DriverMax. Não cheguei a executar nada não, para mim isto está bem suspeito...
  12. Então o seu problema está na linguagem C: printf(escreve_lcd,"\xDFC"); //Escreve °C na posição pré selecionada
  13. Olá Eu já vi um monte de furos no seu programa. Vamos lá. Função main: nodo *p_elemento = (nodo*)malloc(sizeof(nodo)); Não precisa alocar neste momento, já que a função iniciodados te retorna um ponteiro apontando para uma região de memória válida, então apenas declare a variável p_elemento. for(i=0;i<98;i++) Aqui, o negócio é mudar para for(i=0;i<99;i++) ou para for(i=0;i<=98;i++) Se não, no total você terá 1 + 98 = 99 elementos na lista, ao contrário do que se quer, de 100 elementos. Função inserir: nodo *aux = (nodo*)malloc(sizeof(nodo)); Novame
  14. Dae, será que um strtok não te resolve o problema? char *palavra = strtok(texto, "0123456789/ "); while( palavra != null ) { // rotina de verificação palavra = strtok( NULL, "0123456789/ " ); }
  15. Renan, com tão pouca informação fica difícil ajudar, eu consigo rodar um HelloWorld sem problemas aqui. Mesmo sendo o treco mais simples do mundo, poste aqui como você fez para a genter ter uma ideia melhor.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Aprenda a ler resistores e capacitores

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!