Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.

Rafasordi

Membros Plenos
  • Total de itens

    499
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

32

Sobre Rafasordi

  • Data de Nascimento 06-03-1981

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    São Paulo, SP
  1. Experimente testar esse HD em outra máquina.... Talvez utilizando uma case externa... Substituir a fonte também um teste válido.... troque os cabos... Infelizmente esse tac tac é um sinal de que o HD está com os dias contados.... pode existe uma solução através de empresas especializadas.. mas o procedimento é custoso... e quase nunca dá bons resultados...
  2. O HD mecânico sempre foi o grande vilão das velocidades dos PC's... ele chega a ser limitante até mesmo em redes de alto desempenho.... por isso nasceram os arranjos raid e as tecnologias de cache...
  3. você usa windows 7? Vai em painel de controles; opções de energia Procura pelas opções de suspensão (normalmente clicando no plano) e depois clique em opções avançadas... Procure pela opção HD, e depois tente desativar.. ou colocar o tempo em zero....
  4. Existe um tópico fixo aqui qu eexplica a tecnologia do SSD. Sim, a diferença é realmente brutal..... Explicando rapidamente: HD's normais utilizam partes mecânicas e tecnologia magnética para gravar e ler os dados.... como existem partes mecânicas, a latência, a velocidade de rotação, a tecnologia de gravação, entre outras, afetam a velocidade final dos dados... SSD são 'porções de memória' (imagine um pendrive grande)... eles não tem partes mecânicas... e os dados são gravados em matrizes de memória, controlados por uma unidade lógica otimizada...
  5. Não existe necessidade de usar o chkdsk em SSD's.. o controlador deveria ser responsável por fazer as verificações de integridade... Pelo menos eu não rodaria com a opção /R.. já que o utilitário pode fazer muitas gravações no disco para corrigir possíveis erros de tabela de partição inúteis... já que o controlador ja deve ter feito uma realocação delas.... Enfim.. como o chkdsk sempre também para testar o sistema de arquivos, se você sentir a necessidade de utiliza-lo, eu recomendaria que utilizasse sem flag.. ou com a /f...
  6. Esse atributo do smart indica o número de tentativas de início de rotação (spin) que o disco teve que fazer, até poder atingir a operação adequada... ele é um número incremental e, por vias naturais, nunca é resetado, ou seja, ele vale pra vida inteira do disco... eu não sei qual o numero de alerta, mas sei que pode ser, realmente, o disco com defeito... Faça o seguinte: - Troque os cabos sata; - Troque o cabo de energia; - Mude o HD de posição e o aparafuse corretamente; - Faça uma verificação (chkdsk); - Experimente copiar um arquivo muito grande e fique monitorando o nível de ruído do disco; - Se puder, substitua a fonte para testar....
  7. Barulho de disco girando e alguma tremulação é natural.... o que não seria, se fossem muito altos e acompanhados de estalos e/ou batidas.... Experimente retira-lo da do gabinete... depois coloque em outra posição (outra baia) e o aparafuse adequadamente....
  8. Uma ideia é utiliza-lo como cache.. Se você tiver uma placa mãe intel recente, com o Smart Response, pode fazer isso de forma bem simples.. procure sobre a tecnologia no google... o ganho de desempenho é bom... Se você puder comprar outro SSD sem problemas, então invista em um de pelo menos 120Gb, SATA III (sua mobo tem q ter sata III) e instale o windows nele.. o HD mec serviria como disco de arquivos gerais...
  9. Eu não sei qual é o desempenho desse disco, em geral.. sei que é um bom disco... Mas, se você sente que, após formatar, o desempenho não é o mesmo, recomendo que faça uma varredura por blocos defeituosos.... e utilize vários programas diferentes para verificar o desempenho dele...
  10. Bad Blocks não fazem barulho... HD's com barulho têm problemas muito maiores.. normalmente quando existem uma imensidão de setores defeitusos.. ou algum problema mecânico.... A dica do Henrique é valida.... Uma outra coisa pra se tentar é formatar e fazer um zero-fill...
  11. Tudo isso depende das especificações e capacidades da controladora de raid... Algumas constroladoras desfazem o arrranjo se você desplugar o disco.... outras permitem q você desplugue, e você pode remontar depois sem problemas.. outras permitem remontar, mas você pdoe ter dor de cabeça na hora de acessar os dados... outras permitem q você utilize mais de um arranjo.... Recursos como "hot swap" e gerenciamento avançado remoto podem ajudar....
  12. - você precisa montar um arranjo e criar uma "unidade" com o arranjo... normalmente a montagem do arranjo é feita em um utilitário pós-bios... apertando uma combinação de teclas.. na minha ECS essa combinação é ALT+F2... mas isso varia muito.... - Depois de feita a configuração acima, você precisa, em alguns casos, de um disco com o driver da controlador para que o setup do sistema reconheça o arranjo... após reconhecer, você pode particionar como um disco comum... e instalar como um disco comum... - Lembre-se que o raid 0 não tem redundância.... se qualquer disco der problema, você vai perder o arranjo todo...
  13. Algumas considerações: - Não existem diferenças entre os modos que você formatou os discos... Tão pouco existem vantagens e desvantagens... - Formatação física não existe mais... o disco já vem fisicamente formatado... - Citando acima, o zero-fill é algumas vezes "confundido" como formatação física ou de baixo nível... Ele é recomendado em casos de discos com muitos erros lógicos (bb's, e bc's) e pode solucionar/abreviar alguns problemas... Se o disco está novo, e sem problemas, não existe razão pra isso... uma razão um pouco satisfatória seria a venda do disco para um terceiro, a fim de "tentar" esconder os dados antigos.... - você nunca vai conseguir deixar o hd totalmente zerado.... mesmo com o zero-fill.. o disco sempre vai estar com "marcas" de usado.... - A duvida é: porque você gostaria de fazer isso (zero-fill e esse esquema maluco de formatação física-zf-física-blablabla)??? - Sabe a diferença entre a formatação rápida e a comum? R.: Elas são iguais.. a diferença é que, na formatação comum o gerenciador faz uma verificação pela superficie afim de encontrar bloco ruins e marca-los.... - Você vai formatar o disco para instalar novamente o sistema, correto?! então, porque não utilizar o próprio instalador (setup) do sistema pra isso??? O instalador do windows 7 (e 8) tem a capacidade de particionar o disco (dividir os espaços, se for necessário), e ele já formata no padrão utilizado pelo sistema (inclusive criando aquela pequena partição de recuberação). Se for o linux, o gparted (ou o fdisk) tem capacidade parecida.... com um maior leque de opções... e, mais, se a distro for ubuntu, o wizard de instalação permite que você particione, formate, instale, e espere tomando um café.... Realmente não existe justificativa de tirar o disco da máquina para formatar.. é claro, se esse realmente for seu caso....
  14. Qual o modelo do seu HD? Qual a idade dele? Esses estalos (ou estalos) são indicativos de falhas eminentes. Recomendações: - Procure no google por: "verificar o disco com o chkdks". Realize os procedimentos e observe os resultados; - Faça backup (urgente) de seus dados importantes.
  15. É o mesmo processo de HD's mecânicos. Basta você re-instalar o windows, através do cd de boot, selecionar a undade do SSD e, quando solicitado, pedir para formatar.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×