Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Renato Milani

Membros Plenos
  • Total de itens

    29
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    N/D
  1. @Taffines , eu não me recordo mais do esquema, de quando era autorizada da LG há muitos anos, mas um monitor desses não é igual, mas seu princípio básico não difere muito dos televisores de tubo. Eu verificaria primeiro agora, o flyback, a saída horizontal, incluindo o driver e o próprio ci oscilador, mas as possibilidades não se encerram aí. Sem manual, tem de aplicar seu conhecimento com intuição ou partir para o achismo... Considere também a possibilidade de ter colocado na sua fonte um FSDM novo, mas carimbado (ruim).... Boa sorte.
  2. Pelo data do CI, o zener é de 10V e pelo que consta, quando a tensão nele cai abaixo de 6.0V, a proteção interna ´de sobre corrente é acionada e ele entra em modo de proteção. TROQUE também o foto acoplador, normalmente queima junto. É difícil em placas com pintura, como estas, seguir trilhas, mas verifique TODOS o componentes ligados ao pino 3 e 4 do CI. Levante (tire da placa), pelo menos um terminal de cada um e meça-os. Já que ligou na rede, cuidado com a medição de capacitores.....
  3. Não vou resolver totalmente sua dúvida (acho que tem alguma coisa escondida ainda), mas sim, tentarei ampliar o seu horizonte para que você possa visualizar melhor sua pretensão real. É possível sim e o sistema de controle que eu adotaria, por considerar a mais eficiente neste caso, é o PWM (traduzido, modulação por largura de pulso). Na fonte de 12 V, você conta com 36W e na de 24, com 120W. Dá e sobra. Sob alimentação de 12V, o ciclo ativo será o dobro do ciclo sob 24V. Eu adotaria por exemplo 15% em 24V e 30% em 12V (não é uma relação ideal, mas possível). Já a corrente que é fornecida para manter o brilho total do led, é que não pode ser inferior à consumida por ele, para não haver perda de emissão luminosa. Perceba que ela é muito importante, e nem um pouco desprezível. Note que as informações que nos presta do led, pela corrente e tensão, apontam uma potencia maior do que 5W, no melhor dos casos. P=I² X U, ou "a potencia é igual ao quadrado do produto da corrente, pela tensão" = 7,4W (para corrente = 1,5A e tensão de 3,3V), normal, mas consideremos que há uma perda pelo calor. Um circuito para atendê-lo, entretanto, já é algo mais complicado do que dar minha opinião sobre o que pede, ou seja, de qual forma e como conseguir fazer com que o led não perca rendimento de brilho. A propósito: Eu nasci burro e pelado, como todo mundo. Não tenha vergonha de não saber, e sim de não buscar a informação que satisfaça o que quer.
  4. @Antonio12Junior , o link para o datasheet do CI-> http://pdf.datasheetcatalog.com/datasheet/fairchildsemiconductor/FSDM0465RB.pdf Segundo o esquema na pág 13 deste data, os capacitores que estão no pino 4 devem ser 100nF (em série dá aproximadamente os 47nF do esquema). Com certeza, o foto 817 e o zener ZD 103, foram também. Meça os componentes ligados ao pino 3 (VCC) do ci, provavelmente foram afetados também.
  5. @tom sc isto é um resistor! Como o código de cores dele é composto de 5 anéis, é um resistor de precisão. Mas o anel central está bastante afetado pelo calor. Sua duvida, em parte, acredito que está resolvida. Indutores dificilmente escurecem como esse resistor (excesso continuado de calor) pois rompem antes de chegar neste ponto de carbonização. Também não sei se a cor verde do componente tem a ver com alguma padronização na indústria (como potência ou tecnologia). Este esquema não vai resolver a questão do valor do componente queimado (as tensões de entrada são diferentes - neste esquema é 100V). Mas como não conhecia o integrado e ele me deu uma luz sobre o que é o LNK306, pode, como base, te ajudar também. https://blogs.yahoo.co.jp/m_yokoshima/GALLERY/show_image.html?id=14678956&no=0
  6. Tem este link também: https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-1048808067-placa-lavadora-ge-12-kg-127-volts-_JM
  7. Pois é. Vou acabar ficando obeso, de tanto "comer bola". Acho que é a idade......
  8. @AdrianoA3 , querer que uma opere sozinha até chegar no potencial da outra mais descarregada, para então ambas atuarem em conjunto (se eu compreendi bem sua dúvida), só com um circuito de controle. É como ligar ambas em paralelo, ou seja, ambas fornecerão corrente ao drone, mas proporcional ao seu estado de carga. Como vai haver diferença de energia disponível entre a original e a nova, haverá também um fluxo de corrente que vai da mais carregada para a menos carregada, tendendo a equilibrar as cargas. Esse efeito (criado pela diferença de potencial), talvez não seja interessante à vida das baterias, mas eu realmente não saberia afirmar. Sempre procure usar baterias de mesma potência em paralelo, quando possível e mesmo assim haverá uma série de fatores a considerar. Destruir uma delas, não vai.
  9. Ok @Mestre88 , concordo, mas perceba que no seu caso, os resistores têm 4 anéis, e não 5 como no caso do resistor do@Luís Roberto C. da Silva, o que muda a forma de como lidamos com a posição e função das cores na composição do valor do resistor. Sou mais por desconfiar que o fabricante usou o prata no lugar do acinzentado e adotar 15,8R 1% como valor do componente. Acho que agora cabe ao @Luís Roberto C. da Silva voltar aqui depois do conserto, e dizer o valor do resistor.
  10. @PedroCane , não é por que um componente está em uma posição semelhante, que deva ser igual. Eu volto a montar o provável código das cores do primeiro resistor (o queimado), de acordo com a tabela de cores para 5 anéis, ou seja: 1º, 2º e 3º anéis, são valores que se interpreta direto (em sequência), o 4º anel é o multiplicador e o 5º, é a tolerância. Da tabela que eu postei tiramos: 1º anel - marrom, valor 1; (número seco!) 2º anel - verde, valor 5; (número seco!) 3º anel - cinza valor 8; (número seco!) (veja que prata não é uma opção existente na tabela para 3º anel, e o @Sérgio Lembo confirma não ser branco). Cabe lembrar que a China não é um exemplo de qualidade, mas o prata fica perto...... 4º anel - dourado valor 0,1; (multiplicador) 5º anel - marrom valor 1% (e aqui eu comi bola de novo na segunda postagem que fiz considerando-o preto); (tolerância) Temos então para o primeiro resistor fotografado (o queimado), 158 (dos 3 anéis iniciais) X 0,1 = 15,8R com tolerância de 1% (do 5º anel - marrom). De toda sorte, como é, segundo o@Sérgio Lembo , um resistor de limitação de corrente (está ali por segurança), deve haver outros componentes, de potência, com problemas nesta fonte. Meça os FETs, diodos e foto acopladores, antes de religar a rede nela. Quanto à potência, pode ser sim, perfeitamente um resistor de 5W. Por foto, não tive noção do tamanho exato da peça, por isso arrisquei 2W. Cuidado e boa sorte!!!
  11. Isso só reforça a minha teoria de que DEVO consultar um oculista, antes ter de comprar uma bengala branca ou cão treinado. Agora, convenhamos: 3º anel prata, só serve pra criar confusão para técnicos e entre eles.....
  12. Na verdade, eu comi bola!! 1º anel Marrom =1 2º anel verde = 5 3º anel cinza = 8 (ou branco) = 9 (não existe 3º anel prata) 4º anel dourado (multiplicador) = 0,1 5º anel preto (tolerância) = 1% (não existe 5º anel marrom) Logo: 158(ou 159) X 0,1 = 15,8R com tolerância de 1%. Será que acertei agora? Concordo com o Mestre88 que é resistor pela própria codificação na placa. Agora, estou contigo, Sergio, no tocante a colocar um jumper no lugar, isso nunca se deve fazer. Colegas, cá entre nós, que quizumba nós acabamos fazendo com a intenção de ajudar, né?
  13. Perfeito, então o problema, volto a sugerir, que foi erro do uso do prata, no lugar do cinza, ou branco - Achou que não dava pra eu piorar isso......??? Marrom = 1; Verde = 5; Cinza (ou neste caso prata) = 8; (Distingue com nitidez esta? No meu note, eu não consigo ter certeza e nem culpo o monitor, pode ser meus óinhos, e se fosse branco, seria 9) Dourado (tolerância) = 5%; Marrom = 100ppm Compondo 158R 5% 100ppm para terceiro anel cinza ou 159R 5% 100ppm para 3º anel branco por que para terceiro anel não existe cor prata, então de qualquer forma, a tinta das cores é falha ou errada. O certo mesmo ainda é buscar o esquema ou uma fonte igual, funcionando.
  14. Bora, moçada, chega de briga e vamos fazer um curso de mandarim.....O componente deve ser chinês, né? Na falta de tinta cinza em Shei Lá Hond (cidade do fabricante do "componente"): traduz aí o prata como: não tem tu, vai tu mesmo. . Brasileiro, além de criativo, é debochado todo!!!!!
  15. Pois é, eu também estranhei o componente, mas por uma das fotos achei que poderia ser um metalfim (muitas vezes usados como fusistores - o que corrobora a indicação do Sérgio no uso como sensor de corrente). Mas, fiquei curioso e fui pesquisar, achei esse código e supus que o erro seria terem usado o prata, no lugar do cinza (ou acinzentado). Posso estar também enganado. Só uma fonte original e boa em mãos para medir ou o esquema, vão dirimir esta questão. Não sou o dono da verdade!! Notem que o prata nunca é usado nos 3 primeiros anéis.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×