Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Troquei a pasta termica mas agora piorou


Posts recomendados

Boa noite,

 

Tenho um Dell Vostro 3500 e ultimamente ele estava sobreaquecendo muito e desligando. Como ele já tem 3 anos de idade, acredito que a pasta termica estava seca (Já tinha limpado o cooler e não melhorou). Por isso comprei um Akasa AK-450-5G de prata.

 

Primeiro removi a pasta antiga que estava jogada pelo processador de gpu toda até nos lugares que não eram para estar. Usei alcool isopropilico para retirar a pasta antiga. Limpei também o dissipador de calor com o alcool.

 

Depois apliquei a pasta espalhando com o cartão que vem junto com a pasta de modo a ficar uma camada fina e uniforme sobre a area de contado do cpu e da gpu com o dissipador de calor.

 

Mas para minha surpresa agora piorou, não podia usar o notebook nem por poucos minutos que ja desligava por sobreaquecimento.

Logo abri e apliquei mais pasta, e parece que melhorou. Agora posso usar a internet normalmente no notebook. Mas não posso usar nada mais pesado que o computador sobreaquece e desliga. Principalmente se for algo que use bastante processamento da placa de video (Nvidia 310m).

 

Agora sinceramente não sei o que fazer, já que acredito que apliquei uma quantidade razoavel de pasta. Acredito que mais só facilite vazar.

Notei que a GPU parece estar mais quente que o resto. Pelo everest posso notar que enquanto o CPU fica em torno de 50ºC a gpu fica em 70~75ºC

 

anexo está estas temperaturas mostradas pelo Everest

 

Alguem tem alguma ideia do que eu possa fazer para melhorar isso?

post-649481-0-16498000-1393537418_thumb.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fala Ferraz!

 

Li seu depoimento a respeito da manutenção e vi que a pasta que usou é de boa qualidade e seu procedimento de limpeza também está correto. Só para me inteirar melhor a respeito em relação ao assunto:

 

-Quando você desmontou pela primeira vez o cooler, reparou nesse adesivo, de certa espessura, no local da GPU?

-E em relação ao CPU, há pasta térmica em demasia pelos lados após o "capricho" da segunda aplicação? Pasta térmica em demasia atrapalha muito mais que ajuda nessas horas...

-Quanto a montagem do cooler: está bem fixo à placamãe, exercendo pressão ao chip do processador?

 

Inicialmente suspeito que o problema está no arrefecimento deficiente do chip gráfico. As GPUs de notebook se utilizam de adesivo térmico por causa da lacuna muito grande que normalmente existe entre o chip e o cooler. A pasta térmica em si não consegue transferir calor com eficiência diante esta folga, aí que entra o adesivo de espessura suficiente para ocupar esse espaço e oferecer pressão, aumentando a transferência térmica do conjunto. Se realmente o insumo original era o tal adesivo, é melhor substituir por uma tira do mesmo produto.

 

Se precisar do material, teve um camarada meu que comprou com esse vendedor. Pelo menos parece ser de confiança: http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-542986285-adesivo-termico-original-p-chipset-de-video-de-notebook-1mm-_JM

 

Essas temperaturas postadas na foto são do computador em repouso, Ferraz?

 

Abraço!!

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Fala Ferraz!

 

Li seu depoimento a respeito da manutenção e vi que a pasta que usou é de boa qualidade e seu procedimento de limpeza também está correto. Só para me inteirar melhor a respeito em relação ao assunto:

 

-Quando você desmontou pela primeira vez o cooler, reparou nesse adesivo, de certa espessura, no local da GPU?

-E em relação ao CPU, há pasta térmica em demasia pelos lados após o "capricho" da segunda aplicação? Pasta térmica em demasia atrapalha muito mais que ajuda nessas horas...

-Quanto a montagem do cooler: está bem fixo à placamãe, exercendo pressão ao chip do processador?

 

Inicialmente suspeito que o problema está no arrefecimento deficiente do chip gráfico. As GPUs de notebook se utilizam de adesivo térmico por causa da lacuna muito grande que normalmente existe entre o chip e o cooler. A pasta térmica em si não consegue transferir calor com eficiência diante esta folga, aí que entra o adesivo de espessura suficiente para ocupar esse espaço e oferecer pressão, aumentando a transferência térmica do conjunto. Se realmente o insumo original era o tal adesivo, é melhor substituir por uma tira do mesmo produto.

 

Se precisar do material, teve um camarada meu que comprou com esse vendedor. Pelo menos parece ser de confiança: http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-542986285-adesivo-termico-original-p-chipset-de-video-de-notebook-1mm-_JM

 

Essas temperaturas postadas na foto são do computador em repouso, Ferraz?

 

Abraço!!

 

São em um repouso razoável, enquanto eu digitava no fórum. Mas mesmo em repouso absoluto a temperatura da GPU não baixa. Fica em uns 70ºC.

Vendo essas informações que você postou acredito que seja isso mesmo. Antes tinha um adesivo térmico que eu retirei para aplicar a pasta (todo lugar que li recomendava tirar totalmente a pasta antiga).

E devo aplicar o adesivo termico e depois por cima a pasta térmica ou somente o adesivo?

Link para o post
Compartilhar em outros sites

De volta!

 

 

 

Vendo essas informações que você postou acredito que seja isso mesmo. Antes tinha um adesivo térmico que eu retirei para aplicar a pasta (todo lugar que li recomendava tirar totalmente a pasta antiga).

 

Ah, é isso então Ferraz, sem dúvidas! Tá certo em retirar a pasta ou o adesivo anterior para uma nova aplicação, o lance é que o adesivo foi trocado pela pasta, aí a pasta não daria conta por causa da espessura que deveria preencher, só mesmo um adesivo térmico de espessura correspondente para o trabalho.

 

 

 

E devo aplicar o adesivo termico e depois por cima a pasta térmica ou somente o adesivo?

 

Apenas o adesivo, Ferraz. A função da pasta/adesivo térmico é só para igualar as superfícies envolvidas para uma troca térmica mais eficiente. O adesivo em si já faz seu papel na GPU numa boa. Quanto ao arrefecimento da CPU, a Akasa 450, corretamente aplicada, é a melhor solução, visto que pelo calor que tá fazendo, a temperatura da CPU está dentro da normalidade.

 

Valeu, Ferraz!!

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Muito boa a explicação do colega, o que comprova que número de "posts" não significa nada quando se precisa de objetividade.

 

De fato deve ser mesmo a falta do adesivo térmico que está provocando o aumento de temperaturas, em um CPU cooler podemos aplicar boa pressão na fixação, coisa que muitas vezes não pode ser feita em notebooks, o adesivo serve para preencher os espaços entre a base muitas vezes empenada do cooler e o processador, coisa que só a pasta térmica e sua densidade não são suficientes para fazer.

  • Curtir 2
Link para o post
Compartilhar em outros sites
 

 

Apliquei o adesivo térmico e realmente melhorou o computador esta mais frio e o cooler esta mais quieto.

 

Mas mesmo assim o computador sobreaquece e desliga quando ligo algo que usa bastante a GPU. Será que tenho que esperar o adesivo térmico "curar"/derreter melhor para ter uma transferência térmica adequada?

 

comprei um adesivo térmico bom então acredito que o problema não seja qualidade. É esse aqui:

 

http://www.waz.com.br/componente/refrigeracao/pasta-termica/interface-termica-laird-tflex-700-series-silicone-pad-16x15x1-5-mdy-tflex760-bulk.html

 

grato

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Opa!

 

Melhorou mas não resolveu, Ferraz?

 

Em relação a qualidade do adesivo, nem sou doido de descordar, porque fiz uma pesquisa a respeito da Tflex e é boa sim. Mas como você a aplicou? (Se você fez como descrevi abaixo, por favor desconsidere a informação e confirme pra mim).

 

Não é necessário colocar todo o pedaço do adesivo no chipset gráfico, apenas a área correspondente à superfície metálica da GPU igual a da foto que peguei como exemplo:

 

small_GeForce_9650M_GT_F.jpg

 

Um tira cortada correspondente a área metálica onde está escrito "NVIDIA" é suficiente. Se o adesivo compreender a parte de silício do chipset, ele reterá mais calor na região e então...superaquecimento de novo! Mesmo que a área da base da GPU  do cooler seja maior, se oriente pela parte metálica do chip gráfico e o corte na medida do tal chip, beleza?

 

Boa sorte nos procedimentos, Ferraz!

 

Abraço!!

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Opa!

 

Melhorou mas não resolveu, Ferraz?

 

Em relação a qualidade do adesivo, nem sou doido de descordar, porque fiz uma pesquisa a respeito da Tflex e é boa sim. Mas como você a aplicou? (Se você fez como descrevi abaixo, por favor desconsidere a informação e confirme pra mim).

 

Não é necessário colocar todo o pedaço do adesivo no chipset gráfico, apenas a área correspondente à superfície metálica da GPU igual a da foto que peguei como exemplo:

 

small_GeForce_9650M_GT_F.jpg

 

Um tira cortada correspondente a área metálica onde está escrito "NVIDIA" é suficiente. Se o adesivo compreender a parte de silício do chipset, ele reterá mais calor na região e então...superaquecimento de novo! Mesmo que a área da base da GPU  do cooler seja maior, se oriente pela parte metálica do chip gráfico e o corte na medida do tal chip, beleza?

 

Boa sorte nos procedimentos, Ferraz!

 

Abraço!!

 

É então não cortei. Colei ela diretamente no dissipador de calor que já vem com a marca aonde colar o adesivo térmico. Mas não ficou sobrando tanto assim não já que ela era bem pequena (16x15 mm).

Mas se eu abrir agora para cortar o adesivo não vai estragar a aplicação não? Teria que comprar outro?

Estou achando muito estranho isso porque se o excesso de pasta e adesivo térmico piorasse tanto assim, antes era para dissipar menos calor que agora. Estava cheio de pasta térmica cinza tanto na CPU quanto na GPU. Estava cobrindo quase que o chip inteiro, deu um trabalhão para retirar tudo. E agora que está limpinho aplicado somente nos lugares corretos está sobreaquecendo mais rápido.

Se eu abrir um jogo pesado, em menos de 1 min o computador desliga. Antes de trocar a pasta ele ainda aguentava uns 10 min.

 

Só para adicionar mais detalhes esse é o dissipador do meu notebook (achei na internet)

 

V3400%20V3500%20HEATSINK%20FAN.jpg

 

E o adesivo não ficou muito maior que esse na foto, que parece já vir com o dissipador.

 

Essa cor escura avermelhada, será que ele é de qualidade superior ao que eu comprei? você sabe de que material ele deve ser pela cor?

 

O contato do CPU (esquerda), maior vem com muito adesivo térmico, não? E parece não atrapalhar os computadores que vem de fabrica.

 

 

Para você ter uma ideia melhor da área real de contato:

 

CPU:

INTEL-Core-I5-520M-2-4G-3M-1333-TURBO-2-

 

 

GPU:

header_productshot2.png

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Perdão pelo post tardio!

 

Realmente tá esquisito esse negócio, porque não vejo imperícia nos procedimentos e a qualidade dos insumos é boa, não era para ter esse sobreaquecimento tão violento assim. Analisando as fotos que tu passou para cá, deu para ter uma noção maior das superfícies envolvidas. É até idêntico a manutenção de chipsets, ou placas de vídeo ,e ,inclusive alguns notes que eu já fiz, mas também não tô entendendo o que tá pegando aí...

 

Ferraz, quando você limpou as superfícies, certificou-se em retirar todo o resíduo, principalmente da pasta/adesivo original do cooler? Outra coisa que verificaria era se cooler de fato está exercendo pressão nos chips, isso pode influenciar e muito a troca de calor. Observe se há marcas de depressão na superfície do adesivo, demonstrando contato integral com o chipset gráfico.

 

 

 

É então não cortei. Colei ela diretamente no dissipador de calor que já vem com a marca aonde colar o adesivo térmico. Mas não ficou sobrando tanto assim não já que ela era bem pequena (16x15 mm).

Mas se eu abrir agora para cortar o adesivo não vai estragar a aplicação não? Teria que comprar outro?

 

Se tentar retirar o adesivo do cooler, sim, ira inutilizá-lo, mas se cortar o excesso com o auxílio de um estilete, creio que não perderá as propriedades térmicas por ser uma aplicação recente. Só se na retirada do cooler, parte do adesivo se romper, aí já era.

 

 

 

O contato do CPU (esquerda), maior vem com muito adesivo térmico, não? E parece não atrapalhar os computadores que vem de fabrica.

 

Pois é, mas parte desse adesivo pode até não tocar na CPU, visto que a aplicação de fábrica é no cooler para o contato posterior da CPU. O processador também está superaquecendo, mesmo após os procedimentos, Ferraz? 

 

 

 

Essa cor escura avermelhada, será que ele é de qualidade superior ao que eu comprei? você sabe de que material ele deve ser pela cor?

 

Não, não saberia dizer qual seria a qualidade deste adesivo, mas o que você comprou parece-me muito bom. Não era para isso acontecer.

 

 

 

Será que usar aquelas placas de cobre seria uma boa ideia? (copper shims)?

 

Talvez até se bolar um modo da chapa da GPU fazer mais pressão ao componente pode até resolver. Uma arruela (ou espaçador) entre a cabeça do parafuso de fixação e a chapa de metal do cooler faria com que a instalação do cooler ganhasse mais pressão ao fixá-lo na placamãe. Esse seria o princípio da chapa de bronze entre as superfícies, além de aumentar a área de contato das superfícies. Entretanto, a área, por parte dos chips, já é bastante reduzida, não creio que seria uma grande diferença usar a chapa de cobre só por conta de sua área.

 

Veja também se as hastes de fixação dos parafusos estão alinhadas (principalmente na área do GPU), pois com o tempo, tendem a ceder um pouco devido a pressão exercida ao longo dos tempos.

 

Abraço Ferraz e que a manutenção tenha um bom desfecho!

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Gambiarra de Fabrica isso ai, eu recomendaria arrumar um adesivo térmico grosso porque existe diferença na altura dos DIEs, um cooper shim pode sim ser eficiente se você adaptar corretamente. Sorte ai.

  • Curtir 2
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Perdão pelo post tardio!

 

Realmente tá esquisito esse negócio, porque não vejo imperícia nos procedimentos e a qualidade dos insumos é boa, não era para ter esse sobreaquecimento tão violento assim. Analisando as fotos que tu passou para cá, deu para ter uma noção maior das superfícies envolvidas. É até idêntico a manutenção de chipsets, ou placas de vídeo ,e ,inclusive alguns notes que eu já fiz, mas também não tô entendendo o que tá pegando aí...

 

Também não estou entendendo. Estou quase comprando o kit inteiro do cooler com dissipador de calor que já vem com adesivo térmico. Pelo ebay sairia mais barato que ter comprado a pasta térmica e o thermal gap. Só que demora a chegar.

 

Ferraz, quando você limpou as superfícies, certificou-se em retirar todo o resíduo, principalmente da pasta/adesivo original do cooler? Outra coisa que verificaria era se cooler de fato está exercendo pressão nos chips, isso pode influenciar e muito a troca de calor. Observe se há marcas de depressão na superfície do adesivo, demonstrando contato integral com o chipset gráfico.

 

Acredito que retirei tudo sim, limpei bastante com álcool isopropílico. Limpei com algodão e álcool, passei o algodão até que ele saísse totalmente limpo/branco depois de esfregar na superfície do dissipador.

Sobre a pressão, eu apertei o máximo que deu sem correr o risco de estragar a rosca ou placa mãe.

Se eu desmontar ele de novo verifico essas marcas de depressão.

 

Se tentar retirar o adesivo do cooler, sim, ira inutilizá-lo, mas se cortar o excesso com o auxílio de um estilete, creio que não perderá as propriedades térmicas por ser uma aplicação recente. Só se na retirada do cooler, parte do adesivo se romper, aí já era.

 

É então, estou com medo já que não está fácil de achar esses adesivos na minha cidade, a única loja que achei esses de qualidade melhor só tinha um em estoque quando comprei.

 

Pois é, mas parte desse adesivo pode até não tocar na CPU, visto que a aplicação de fábrica é no cooler para o contato posterior da CPU. O processador também está superaquecendo, mesmo após os procedimentos, Ferraz? 

 

É mas quando fui retirar o adesivo/pasta térmica original da Dell estava coberto de material derretido em cima de quase todo o chip, acredito que seja o excesso.

 

Não o processador está frio, posso rodar o OCCT (programa de stress de CPU) por horas e ele nem chega aos 90º C. Mas se ligar algum programa na GPU, ai a temperatura vai lá em cima na hora. Uma coisa que percebi é que o PCH está sempre quente, isso é normal? ele sempre fica entre 70~80ºC.

 

Talvez até se bolar um modo da chapa da GPU fazer mais pressão ao componente pode até resolver. Uma arruela (ou espaçador) entre a cabeça do parafuso de fixação e a chapa de metal do cooler faria com que a instalação do cooler ganhasse mais pressão ao fixá-lo na placamãe. Esse seria o princípio da chapa de bronze entre as superfícies, além de aumentar a área de contato das superfícies. Entretanto, a área, por parte dos chips, já é bastante reduzida, não creio que seria uma grande diferença usar a chapa de cobre só por conta de sua área.

 

Também não tenho certeza, só percebi que ela poderia ajudar na pressão por adicionar 1,5mm e ser um material de ótima condutividade térmica. Além de ser uma solução razoavelmente barata, no ebay ela custa 1 dolar. E poderia aplica-la com a pasta térmica de prata que já tenho, sem ter que aumentar muito meus gastos.

 

Só não entendi porque a nvidia fez um chip com uma área de contato tão pequena se ela esquenta tanto. O TDP dela é igual do CPU e ela tem área de contato bem menor, cerca de somente 40% da área de contato do CPU.

Agora voltando ao PCH que sempre fica quente, será que isso pode influenciar a GPU? Não é meio alto o PCH ficar a uns 70ºC mesmo em idle?

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cabelo75,

 

Fiz o que você falou, recortei o excesso de adesivo térmico e realmente melhorou muito. Não tenho certeza que ficou excelente, pois tenho que testar mais, mas já melhorou muito.

E realmente tinha ficado muito adesivo térmico sobrando, se eu tivesse verificado isso antes dava para ter recortado em quatro pedaços.

 

A única dúvida que eu fiquei é que na hora que retirei o dissipador de calor o adesivo não ficou grudado nele, ele ficou grudado na GPU mesmo. E não parecia ter grudado o suficiente em ambos. Talvez porque a instalação foi recente, não deu tempo de derreter e grudar direito.

Ai fico na duvida se isso pode ter piorado a transferência de calor, afinal não ficou preso no dissipador e sim na GPU. Mas deu pra ver claramente que o dissipador está efetuando pressão sobre o adesivo térmico, porque a área de contato estava com uma depressão em relação as outras áreas.

Você acredita que devo reaplicar o adesivo? Talvez comprar outro ou usar o resto que eu retirei do excesso do adesivo antigo?

 

grato e muito obrigado pela ajuda. Você realmente me salvou nessa

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nas quebradas!

 

Ferraz, realmente esse último post que tu mandou me tranquilizou, porque, para ser totalmente honesto, já começava a ratear nas ideias aqui a respeito deste sobreaquecimento da GPU Nvídia, da qual teimava em não resolver. Tudo conspirava ao seu favor: procedimentos corretos, qualidade dos insumos e paciência de ver e rever a instalação...Já começava a me perguntar se o suporte da parte que compreende a solução gráfica estava com problemas. Ainda bem que era questão de apenas recortar parte do adesivo para que ficasse de dimensão eficiente.

 

No caso do adesivo ter aderido no chip ao invés no cooler, não há problemas. Só complicaria se houver uma manipulação na área onde há de fato o contato, como teria que retirar alguns pedaços, é só ter cuidado em não rasgar o adesivo na extração e colar a parte mais "intocada" possível no lugar. Se o procedimento recente está rendendo melhor e as temperaturas estão sob controle, creio que tá tudo em ordem e não será necessário uma reaplicação do adesivo. A reaplicação só será necessária se continuar os desligamentos ou se a temperatura da GPU alcançar níveis preocupantes.

 

É um prazer ajudá-lo, Ferraz! Sempre que pintar dúvida, fique a vontade em perguntar.

 

Abraço!!!

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

A utilização do Cooper Shim ou calço de cobre como eu comentei se faz eficaz não somente pelo aumento da pressão, mas porquê o cobre absorve mais calor por polegada quadrada do que o alumínio, sendo muito mais eficaz no arrefecimento deste tipo de CPU/GPU.

  • Curtir 2
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá, aplicar a pasta térmica é um procedimento que pode resolver esse problema.

 

Mas além disso, não precisa ser exclusivamente a pasta térmica ressecada, pode ser vários outros motivos, são muitos as causar que podem ocasionar o desligamento. Ficaria muito grande o tutorial, então vou deixar o link,  se quiser conferir vai lá e veja.

 

clique aqui e veja o tutorial que achei.

 

 

Fonte: onotebook.com.br

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • mês depois...
  • 9 meses depois...

Segui este tutorial na época. Usei uma placa de 1mm de espessura. Que comprei no eBay na época bem barato, algo em torno de US$ 1,00. Mas talvez você encontre no mercado livre também ou em lojas de eletrônica.

http://forum.notebookreview.com/dell-xps-studio-xps/268081-dell-xps-m1330-nvidia-geforce-8400m-gs-copper-mod.html

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • mês depois...

Boa tarde a todos, reli o tópico todo algumas vezes. Aparento ter o mesmo problema que o seu, a diferença que meu notebook não desliga. Eu possuo um CPU e GPU, fiz a limpeza corretamente e coloquei pasta termica achando que iria resolver o aquecimento e "falta de potência". Frustrado fiquei quando vi que o resultado foi por alguns minutos, a pasta térmica aplicada corretamente se espalha pela CPU E GPU e não fixa corretamente. Então hoje coloquei a fita térmica, somente em cima da parte espelhada com umas sobras... E não percebi nenhuma diferença.

Alguém pode me ajudar? 

Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • 1 ano depois...
  • 2 semanas depois...

caro amigo...

concordo no geral com todas as recomendacoes aqui dadas.

mas ja pensou que essa temperatura nao e a correta?

que talvez ate seja um programa instalado que esteja em conflito com alguma coisa,e provoque essa medicao.

experimentou medir as temps com outro programa?

eu tenho um colega que apos aplicar a pasta termica,as temps subiram 15 c graus.

depois de varios despistes,era um programa chamado aida extreme que estava a dar valores errados.

enfim se aplicou pasta de boa qualidade,se apertou corretamente o dissipador a board,se a grafica esta devidamente limpa,

so me resta duvidar dessas temps,e para isso recomendo desinstalar todo o software de medicao e analise,tal como advance  system care,tune up,etc e tentar de novo todo o processo..nao esquecendo que formatar ajuda e muito..esta e a minha humilde opiniao.

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisa ser um usuário para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Aprenda a ler resistores e capacitores

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!