Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Como criar meu próprio console de videogame?


Posts recomendados

@Eduardo de Quadros não entendi bem sua pergunta, você quer simular um console ou literalmente montá-lo?

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Eduardo de Quadros se for da gen atual ( PS5, XSS e XSX ) teria de ter uma 2080S ou equivalente em questão de placa de vídeo, processador seria um Ryzen 7 3700x, placa-mãe não sei muito bem. Segue as specs abaixo:

 

image.thumb.png.c73ffee3fd4585d681299c826326e7bc.png

 

Obs: não consegui encontrar um comparativo entre PS5, Xbox series X e xbox series S. 

 

Não é tão fácil montar um console, pois envolve engenharia de hardware, escolha de peças caríssimas, etc

  • Curtir 1
  • Obrigado 2
  • Amei 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
12 horas atrás, Eduardo de Quadros disse:

Seja de mesa ou portátil, como faço para pensar se ele é da geração atual ou da geração posterior? 

 

Não tenho certeza sobre o que você está a perguntar. É mesmo sobre o que @Yan_ resolveu lhe responder? Você quer criar um XBOX?!

 

Antes daquela resposta eu quis acreditar que você estava pensando num Atari, inicialmente de único jogo, com hardware moderno.

  • Curtir 2
  • Amei 2
Link para o post
Compartilhar em outros sites

@alexandre.mbm Quero criar um console que não tenha a marca de nenhum outro. Sega, Nintendo, PlayStation, Atari e Xbox são marcas.

adicionado 2 minutos depois

Não precisa de engenharia@Yan_ , já posso montar, já sei sistemas operacionais, arquitetura de computadores e desenvolvimento de jogos.

  • Haha 2
  • Confuso 2
Link para o post
Compartilhar em outros sites
16 minutos atrás, Eduardo de Quadros disse:

Não precisa de engenharia

 

Não faço ideia do significado que você colocou nessa afirmação. Como se constrói algo assim sem "engenharia"?

 

8 minutos atrás, Eduardo de Quadros disse:

Farei os jogos iniciais também antes de anunciar o console.

 

Qual console você tem como "referência"?

  • Curtir 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Um videogame nada mais é do que um computador...

Ou seja se criar um jogo para computador, você já terá praticamente um console com jogo.

A diferença é que os consoles mega e snes, atari etc tem componentes dedicados para fazer o tratamento do video, e normalmente estes componentes são feitos sob encomenda (através de muito dinheiro e engenharia).

Os consoles de hoje em dia são praticamente PCs disfarçados.

 

Existe algumas alternativas como esta: https://nootropicdesign.com/hackvision/

os caras programam jogos de um mini videogame em cima de um arduino...

é perto disso que você conseguirá fazer em casa, sem apoio de uma grande empresa pra custear projetos...

 

acima disso só se usar um PC disfarçado tipo um rapberry com um sistema próprio escrito por você e com os próprios jogos... aí não precisaria se incomodar com o hardware (só se resolverem tirar os raspberry de linha, aí seu projeto morre).

 

Vamos pegar um game clássico por exemplo neste tópico o cara queria construir um...

mas como informado para ele, a maioria dos componentes ele consegue comprar, mas tem alguns que são feitos sob encomenda para a empresa (sega no caso) isso não existe para vender.

só se tirar de uma carcaça estragada para usar em outro.

 

Normalmente estas peças sob encomenda tratam a parte do vídeo e as vezes som.

 

Mas caso queira aceitar o uso de engenharia, poderia criar seu próprio game através de um FPGA (com muita engenharia) conforme os links:

 

Mastersystem

http://www.smspower.org/forums/16794-FPGASegaMasterSystemByStudentsAtCarnegieMellonUniversity

megadrive

https://www.analogue.co/mega-sg/

SNES

https://www.analogue.co/super-nt/

Acho que este é o NES

https://www.analogue.co/nt-mini/

  • Curtir 1
  • Amei 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Blumer Celta Para eu estudar FPGA eu não preciso fazer engenharia, pois já estou estudando isso na disciplina de Fundamentos de Sistemas Embarcados. Também estou cursando a disciplina de Microprocessadores e Microcontroladores. Eu faço faculdade de Ciência da Computação e já concluí 76%.

  • Haha 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Membro VIP

Se quer fazer um console do tipo comercial, estude engenharia eletrônica para projetar do zero as placas de circuito impresso do equipamento. Incluindo o design mecânico dos controles e outros detalhes. Só assim para ficar um produto profissional mesmo GbhmuXl.gif.

 

 

 

As capacidades para os jogos, como memória e velocidade, dependeriam das peças de hardware escolhidas. Recomendo no começo focar em consoles portáteis e treinar o uso de microcontroladores de 8 bits com displays modernos como TFT LCD, OLED etc. Gravar um jogo em EEPROM e rodar através do seu circuito já dá bastante confiança, além da teoria F5Rua4D.gif.

 

 

 

Posteriormente seria feito um upgrade para ARM Cortex-A, por exemplo, tornando o produto comparável ao Raspberry Pi. A diferença é que o hardware e o software internos seriam originais, com sua própria técnica para leitura de jogos etc. Nesse ponto, prosseguir para um console como Playstation torna-se uma questão de protocolos como VGA e HDMI, controle de CD/DVD para os jogos em ROM etc.

 

 

 

Espero ter ajudado GbhmuXl.gif.

  • Curtir 1
  • Obrigado 3
Link para o post
Compartilhar em outros sites

Só o que tem nesse caminho é "engenharia":

 

– engenharia eletrônica
– engenharia elétrica
– engenharia de computação
– engenharia de software
– engenharia de materiais
– engenharia de processos
– engenharia de jogos
– engenharia Tabajara ;)
e sei lá mais o quê...

 

Nenhuma delas é curso, apesar de nomes (significantes) coincidirem.

  • Curtir 2
  • Obrigado 2
Link para o post
Compartilhar em outros sites
5 horas atrás, Eduardo de Quadros disse:

@Blumer Celta Para eu estudar FPGA eu não preciso fazer engenharia, pois já estou estudando isso na disciplina de Fundamentos de Sistemas Embarcados. Também estou cursando a disciplina de Microprocessadores e Microcontroladores. Eu faço faculdade de Ciência da Computação e já concluí 76%.


Uau ... isso que eu chamo de ser super confiante !

 

Você ao menos tem noção de aceleração por hardware de ray-tracing ?

 

Tem noção de translação de sistemas de coordenadas para controlar as visões dos alvos a partir de seus movimentos ?

 

Tem noção da geração dos sinais de vídeo em 4K e como fazer DMA nos buffers de RAM para não dar delays nos vídeos ?

 

Tem noção dos tempos envolvidos no acesso ao Buffer de Vídeo para imagens em 4K com refresh acima de 100 Hz ?

 

Tem noção dos lags envolvidos na operação dos joysticks e semelhantes e os algoritmos usados para “prever” esses movimentos de forma que não se perceba esse lag ?

 

Meu amigo, sou engenheiro eletrônico, participei do projeto de um dos primeiros IBM-PC compatíveis nacional, tenho mais de 30 anos de experiência em projetos de tudo que é tipo, e olha, sou sincero em te responder que NÃO SEI COMO FAZER NADA DO QUE CITEI ACIMA !

 

Não pense que esses cursos que você está fazendo lhe darão mais do que 20% do conhecimento que um curso de engenharia de verdade pode lhe dar ...

 

Faz algum tempo, havia uma faculdade que estava dando um curso sobre Design de Videogames, mas a grade era muito complicada para quem não fosse engenheiro, e o curso não foi em frente.

 

Antes de afirmar que tudo é simples, tente fazer ao menos uma das coisas que lhe passei lá acima.

 

E se tiver êxito no seu videogame, serei o primeiro a lhe dar os parabéns e reconhecer que como engenheiro sou um b...a !


Paulo

  • Curtir 2
  • Obrigado 3
  • Amei 2
Link para o post
Compartilhar em outros sites

bom, com relação à criar o seu próprio consolem o amigo @aphawk fez um excelente resumo sobre desenvolvimento... para criar um circuito integrado ou placa de circuito impresso não existem bibliotecas prontas. A parte de engenharia é bastante avançada se você quer entrar na geração atual, pense que para desenvolver os consoles atuais houve a integração de diversas disciplinas de software e hardware a um nível que muita gente nem sequer imagina.

 

Agora com relação à geração do seu console caso você venha a fazer fica mais fácil de lhe responder, as gerações são atribuídas à época de lançamento dos consoles de ponta em questão de processamento, os que são lançados posteriormente são enquadrados nas gerações conforme seu desempenho.

Gerações (Fonte: wikipedia)

Primeira (1972–80)

Segunda (1976–92)

Terceira (1983–2002)

Quarta (1987–2004)

Quinta (1993–2005)

Sexta (1998–2013)

Sétima (2005–2017)

Oitava (2012–presente)

Nona (2020–presente)

  • Curtir 3
  • Obrigado 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Eder Neumann disse:

A parte de engenharia é bastante avançada se você quer entrar na geração atual, pense que para desenvolver os consoles atuais houve a integração de diversas disciplinas de software e hardware a um nível que muita gente nem sequer imagina.

Exatamente !

 

O que um chipset Nvidia ou AMD usado nessas placas de vídeos próprias para jogos faz , centralizando centenas de Cores de processamento de vídeo, dividindo a cena total em dezenas de partes , com processamento quase paralelo para gerar a cena completa, e usando várias API especiais desenvolvidas para isso, é algo que eu duvido muito que um engenheiro consiga entender a fundo todo esse processo. Acrescente a mecânica do jogo, reflexos na água, sombreamento, iluminação, efeitos de explosão, lag de processamento de diversos jogadores simultâneos via Internet, calculo de posicionamento 3d de cada jogador ... é algo muito grande, e mesmo pensando que o hardware já existe, ainda assim as equipes de desenvolvimento de jogos são compostas por dezenas de profissionais altamente especializados em várias disciplinas, como você mesmo disse !

 

Agora, imagine em alguém projetar todo o hardware, e ainda desenvolver os jogos .... sózinho ????  

 

Paulo

  • Curtir 2
  • Obrigado 2
  • Amei 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites
14 horas atrás, aphawk disse:

ainda assim as equipes de desenvolvimento de jogos são compostas por dezenas de profissionais altamente especializados em várias disciplinas, como você mesmo disse !

dezenas nos jogos mais simples, vejamos um que é muito bem aceito hoje em dia:

 (43 minutos de letrinhas passando, tem mais gente nesse jogo do que nas super produções da Marvel)

 

não é querer desanimar o amigo, mas tem um ditadinho muito usado pela sociedade atual que diz o seguinte:

image.png.81207631c2f35b040247643c3ba1a223.png

 

acredito que sozinho o máximo que você vá conseguir desenvolver com tempo de lançar nos próximos 2 anos será algo assim:

 

image.png.c0e20607058c73d407f4d10653e3c545.png

  • Curtir 2
  • Haha 1
Link para o post
Compartilhar em outros sites

@Eduardo de Quadros   para criar seu próprio console de videogame você precisaria criar primeiro um processador para controlar o sistema operacional dele , e este sistema é que iria desenhar as imagens na tela , pois os jogos são apenas isso , imagens que ficam se movendo pela tela , e mais alguns sons ,     mas você pode adiantar em alguns bons tempo , se você usar um processador já inventado e fabricado e que está disponível nas lojas de eletrônica , como os PIC16F84/PIC16F84A , que tem pouca memória , mas você pode adicionar mais através de interfaces  .  ou um maus avançado como Z80 da Zilog inc , bem baratinho R$ 27,00  como nesses links  :

    https://pt.aliexpress.com/item/32862287323.html?src=google&albch=shopping&acnt=494-037-6276&isdl=y&slnk=&plac=&mtctp=&albbt=Gploogle_7_shopping&aff_atform=google&aff_short_key=UneMJZVf&&albagn=888888&albcp=1626568036&albag=65942329430&trgt=539263010115&crea=pt32862287323&netw=u&device=c&albpg=539263010115&albpd=pt32862287323&gclid=CjwKCAjw5Kv7BRBSEiwAXGDElZL1GIqmAP2j4JYkvFqmtRhtUWBDpMO2oOty29Wo43N66nkPWH9W_xoCNMUQAvD_BwE&gclsrc=aw.ds

 

http://www.mrtecnico.com.br/eletronica/processador-zilog-z80

 

ele é bem rápido  Com Clock's  de  4MHZ por segundos .

Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora


Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: ebook Redes Wi-Fi

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!