Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Asrety

Membros Plenos
  • Total de itens

    27
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    N/D
  1. Asrety

    C quis com arquivos em C

    Há diversas formas, como por exemplo, criar a variável pontos como global, ou criar ela na main, e passar como referência para as funções. Abaixo é um exemplo passando a variável pontos como referência, e vale lembrar que há a necessidade de usar ponteiro. #include <stdio.h> void jogar(int *pontos){ (*pontos)++; } int main(){ int pontos=0; jogar(&pontos); printf("\nPontos = %d\n", pontos); //pode ver que esse printf resultará no valor 1 return 0; } Agora como variável global não tem muito mistério: #include <stdio.h> int pontos = 0; //variável global void jogar(){ pontos++; } int main(){ jogar(); printf("\nPontos = %d\n", pontos); //terá o valor de 1 return 0; } Ela como o próprio nome dito, será global, poderá ser usada no programa inteiro. Agora só escolher a maneira que irá fazer, boa sorte!
  2. Olá, achei alguns erros, há um printf escrito de forma errada, também tem um detalhe, pois você salva os dados nas variáveis e chama a função ler, sendo que na primeira execução não irá ter arquivo para ler, e também na função de ler o nome do arquivo tá errado, bom desculpa por não poder mostrar direito, mas foram esses os erros que achei.
  3. Não consigo fazer um código agora, mas posso explicar o motivo disso, repare que na função de inserir, você cria o vetor lá, porém ao sair dessa função nada será salvo, e na de ler igualmente, você só chamou a função e dentro dela criou mais um vetor, porém não há nada dentro dele, basicamente foi isso o erro. Solução: Criar o vetor na main e passar como parâmetro das funções, exemplo : void insere(int vet[], int n){ for(int i=0; i<n; i++){ printf("N%d: ", i); scanf("%d", vet[i]); } } void imprimeVetor(int vet[], int n){ for(int i=0; i<n; i++) printf("\n%d", vet[i]); } Utilizando essas funções na main: int main(){ int vet[10]; insere(vet, 10); imprimeVetor(vet, 10); return 0; } Fiz no celular correndo aqui, lembrando que é só um exemplo, mas caso não entenda, estude sobre como passar vetor para função, tem muitos vídeos sobre o assunto, boa sorte nos estudos! 
  4. Não entendi muito bem o porque usar esse monte de ponteiro nesta questão, mas aqui embaixo deixo a função de primo baseado no seu código void primo (int vetor[], int n){ printf("\n\tMostrando os PRIMOS\n\n"); int i,j,div = 0; for (i = 0; i < n; ++i) { div = 0; for (j = 1; j <=vetor[i]; ++j) { if (vetor[i] % j == 0) { ++div; } } if (div == 2) { //veja que o if está fora do segundo for printf("\n%i",vetor[i]); } } } O seu if div == 2 estava dentro do if do segundo for, mas não funcionaria, imagine ai um numero com 4 divisores, o div vai chegar a 2, e segundo sua comparação ele será primo, então para evitar isso coloque o if fora do segundo for, espere terminar todas comparações possíveis e depois sim comparar se div é == 2, e outro detalhe era no seu segundo for, estava indo de 1 até <vetor, mas um primo possui 2 divisores, 1 e ele mesmo, e como ele vai chegar até ele mesmo assim, enfim, esses foram os detalhes que encontrei, boa sorte!
  5. char arq[50]; FILE *f1; printf("\nNome do arquivo: "); scanf("%s", arq); f1 = fopen(arq, "r"); Nesse exemplo aí o usuário que informará o nome do arquivo e sua extensão, ex: arquivo.txt
  6. De nada, deve possuir outras maneiras de fazer e outra pessoa irá te ajudar nessa solução, mas não desista, boa sorte @Gustavo Duarte Barbosa
  7. Estranho, aqui funcionou e lembro que isso resolveria, você ta seguindo essa logica? int num = inicio + rand() % final - inicio; Acima é so um exemplo, e caso esteja seguindo isso, realmente não sei porque está ultrapassando
  8. printf("%d\n", 10 + rand() % 90); Isso poderá te ajudar, uma vez já tive essa dúvida mas me explicaram isso, o rand irá gerar valores de 0 até 90, porém será somado com 10, então o intervalo passa a ser de 10 até 100.
  9. O @devair1010 ali em cima te deu uma lógica que irá funcionar, é tipo pegar uma posição da string e comparar com todas posições, exceto ela mesma, eu utilizaria uma variável de controle para saber quando incrementar, mas tente fazer ai, e mande seu código mesmo não funcionando, se tiver alguma duvida, pergunte também, boa sorte!
  10. Asrety

    C quis com arquivos em C

    @Mayara Tatiellen Bom dia, olhando o seu código, vi que utilizou arquivo binário para salvar tanto as perguntas e as respostas, então por que na hora de abrir não utiliza isto também? a função fread irá ajudar muito, fiz uma função jogar aqui, pode não estar perfeita mas acredito que irá entender a minha ideia void jogar(){ tpPergunta p; int x, i=0, op, pontos=0; FILE*arq; arq = fopen("bancoquiz.dat", "r"); if(arq == NULL){ printf("\nFalha ao abrir o arquivo."); return; } while(1){ system("cls"); fread(&p, sizeof(tpPergunta), 1, arq); /* aqui o fread lendo uma questão por vez e salvando na variavel p, do tipo tpPerguntas */ if(feof(arq)) break; printf("\n\n\tPergunta %d\n\n", i); printf("\n%s", p.textoPerg); printf("\nAlternativas:\n\n"); for(x=0; x<3; x++) printf("\n%d) %s", x, p.respostas[x].textoResp); printf("\nInforme uma alternativa: "); scanf("%d", &op); if(verificar(p, op)) pontos++; //se estiver correto a resposta incrementa os pontos do usuario i++; //aqui contará quantas perguntas existe no total } float porcentagem = (pontos*100)/i; //calculando a porcentagem de acertos printf("\n\nAcertos: %d/%d \n\n\tPercentual de acertos: %.0f%%\n\n", pontos, i, porcentagem); fclose(arq); } Veja que utilizei uma função de verificar, coloquei ela para tentar dar uma organizada kk ainda da pra deixar bem melhor, sem duvidas, mas a função verificar que fiz está aqui : int verificar(tpPergunta p, int n){ int i; for(i=0; i<3; i++) if(p.respostas[i].ehCorreta == 1 && i == n) return 1; /* se encontrar a correta e a posicao dela for igual a que o usuario informou, então ele acertou, retornando 1 e saindo da função */ return 0; //agora se nao achou nada durante o for, ele errou, e será retorna 0 } Minha ideia ta ai, como disse da para você fazer algo melhor, foi só uma ideia, boa sorte :D!
  11. De nada, quando olhei a maneira que o for tava sendo usado já pensei nessa possibilidade, que na hr de salvar as informações na matriz, tava indo em lugar que nem existia, claro que há uma explicação melhor kk mas pra mim pode ter sido isso, enfim, fico feliz por ter ajudado, boa sorte no seu código!
  12. Na declaração da matriz na main, tente isso: char matriz[ROW+1][COL+1];
  13. @Reila Não prestei muita atenção no que estava falando o erro, mas pelo que vejo é porque você ainda está utilizando o system pause, ou estou enganado?
  14. Sim, nesse código não há necessidades da stdlib.h, e esse system pause pode fazer o que você disse, alguns utilizam esse system pause, ou um getchar no final do código apenas para garantir que o terminal não feche sozinho quando terminar a execução.
  15. Você já tentou fazer algo sobre esse problema? se sim teria como mandar o seu código aqui, para que assim possamos ajudar.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×