Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.

Shuen

Membros Plenos
  • Total de itens

    179
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

0

Sobre Shuen

  • Data de Nascimento 10-09-1982 (35 anos)
  1. claudiosuporte, Bom... o negócio do compartilhamento é o seguinte: tanto faz qual o tipo de conexão que você esteja utilizando (speedy home, speedy business, conexão via rádio, etc, etc, etc...) você SEMPRE terá um IP válido na internet - por exemplo 200.x.x.x. Esse IP pode ser fixo (normalmente no caso do plano business) ou dinâmico (é atribuído um diferente a cada nova conexão). Para fazer o compartilhamento para uma rede, você precisa de uma ferramenta chamada Network Address Translation (NAT) ou de um servidor Proxy. Prefiro utilizar a primeira opção, por ser mais simples. No entanto ela por si só não oferece a possibilidade de controles restritivos, como controle de acesso por usuário, etc... Como funciona: Suponha uma rede com a faixa de IP 192.168.0.x e o endereço válido 200.x.x.x. Quando a máquina 1 envia o pacote para o servidor de internet, o NAT troca o IP desse pacote (192.168.0.1) pelo IP válido na internet (200.x.x.x). Quando a resposta chega, o NAT destroca o IP e devolve pra máquina que enviou o pedido. Dessa forma você compartilha um unico endereço válido na internet para uma rede local inteira. Basta, então, você habilitar o NAT. Isso pode ser feito no modem (veja no site www.abusar.org como rotear, ou seja, como habilitar o NAT no seu modem ) ou via algum software, como o Internet Connection Sharing (ICS) do seu Windows 2000. Se for rotear o modem, você deve ligá-lo ao HUB depois de configurado. Se preferir manter seu modem na máquina com o Win2000, entre nas propriedades da conexão e Ative o 'Compartilhamento de Conexão'. Não entendi o que você quis dizer com "liberado para 5 máquinas"... quantos IPs você tem??? É isso aí... poste suas dúvidas a respeito! T+
  2. No seu caso, como você só montou o FTP, então só vai fundionar o ftp://<nome>.no-ip.info Pra funcionar o http, você teria que instalar também um servidor para páginas html, como o Apache. Voltando ao lance das portas... a porta padrão do FTP é a 21... isso significa que se você não especificar, é por essa porta que o navegador vai tentar realizar a conexão! Para especificar outra porta digite-a depois de "dois pontos", como segue: ftp://<nome>.no-ip.info:2100 (neste caso a porta é a 2100) Existe um outro complicador no caso de FTPs... quando o servidor está atrás de um modem ADSL roteado (não sei se é o seu caso), é preciso configurar o servidor FTP em modo PASSIVO!! Verifique no seu programa se existe essa opção pra testar! T+
  3. Cara... Primeiro... acho que você tá instalando coisa demais... por exemplo, no IIS tem uma opção pra FTP e você instalou também o Cerberus... você tem que escolher apenas um servidor, ou deixar os dois rodando em portas diferentes! Segundo, não basta instalar o software apenas... você deve configurá-lo! No caso do FTP, você tem que cadastrar os usuários que terão acesso, qual o tipo de acesso, se será somente leitura ou total, quais pastas você deseja compartilhar, etc, etc, etc... Sugiro que você faça a escolha por UM software e procure no Google um tutorial de como configurá-lo! Terceiro, confirme se sua operadora não bloqueia a porta 21 (não adianta liberar no modem se sua operadora bloquear na central, sacou?) Você pode sempre utilizar outras portas... isso você configura no programa servidor... por exemplo, no meu servidor em Piracicaba: FTP: ftp://<servidor>.no-ip.org:2100 Webmin: http://<servidor>.no-ip.org:10000 Note que o endereço é o mesmo, mas quando eu quero FTP, utilizo a porta 2100... quando quero Webmin, chamo pela porta 10000. É isso aí... continue tentando! =) T+
  4. RP3636, kbps -> kilobits por segundo kBps -> kilobytes por segundo O b (minúsculo) é a unidade de informação do computador, o bit, pode ser 0 ou 1. Um conjunto de 8 bits formam 1 byte, ou seja, 8b = 1B. Assim, se voce tiver a taxa de transferência em kbits, divida por 8 e vai obter a mesma taxa, só que em kBps. Valeu?
  5. Não sei se entendi exatamente sua dúvida... mas enfim... talvez o que eu diga seja útil pra outras pessoas também... Seguinte... Para se navegar na internet, você precisa ter um endereço IP válido nela!! Mas como então um micro numa rede empresarial, com aquele IP padrão 192.168.0.x consegue acessar??? Na verdade, quem faz o acesso é o máquina que está compartilhando a Internet, já que somente ela possui o IP válido na net (além do outro 192.168.0.x que é utilizado na rede local)... Quando sua máquina tenta navegar, ela envia o pedido pro servidor (gateway) e este troca o IP do pacote pelo IP válido na net.. quando o site enviar a resposta, o gateway destroca o IP encaminha ela de volta pro seu micro. Esse processo se chama Network Address Translation, ou NAT. Bom.. isso é um esboço da saída de dados... agora a entrada com NAT é um pouco mais complexa... envolve o que a gente chama de Redirecionamento de Portas. Quando o cara do software acessa o servidor dele... ele o faz chamando o IP (dele) válido na net... quando o modem dele recebe o pacote, encaminha para a máquina correspondente na rede interna, já com o IP atualizado. Esse é um assunto bem amplo... se quiser entender mais como funcionam as coisas.. sugiro que você recorra a literaturas específicas... o Livro "Redes de Computadores Curso Completo", do Gabriel Torres, é muito bom especialmente pra quem está começando... Se quiser se aprofundar, sugiro "Redes de Computadores e a Internet", de James F. Kurose & Keith W. Ross É isso aí... bons estudos!! T+
  6. M4gic... Se o IP tá automatico nas duas placas de rede, não deveria estar aparecendo essa mensagem.... sugiro você verificar no modo seguro se não tem nenhum dispositivo de rede oculto no gerenciador de dispositivos (ative a opção exibir dispositivos ocultos)... Outra opção é remover e reinstalar todos eles (cuidado com os drivers)... pra ver se limpa aquele q esteja utilizando o IP fixo.... é isso aí... poste as novidades... T+
  7. Internet

    Não conheço o Free Proxy... verifique se ele tem suporte para compartilhamento de POP e SMTP (portas 110 e 25, respectivamente).... O Winconnection faz isso... mas também deve configurar o acesso... Ainda prefiro utilizar o Internet Conncetion Sharing (ICS), do Windows... aí sim, tudo funciona sem configurações adicionais! Se você rotear o modem utilizando o NAT... aí também certeza que funcionará!! T+
  8. Bom... Isso é assunto para livros inteiros!!! rs... mas vamos lá... uma rápida passada em cada uma das coisas que você tem dúvida: Endereço IP: é um número que você atribui a uma máquina. Em uma rede, duas máquinas NÃO PODEM ter o mesmo endereço IP!! Para redes domésticas, é comum adotar a classe C, tipicamente com valores do tipo 192.168.0.x, onde x é um número de 1 a 254.... Ou seja: Máquina 1: 192.168.0.1 Máquina 2: 192.168.0.2 e assim por diante... Máscara de sub-rede: ela é responsável por definir quem é rede e quem é máquina no endereço IP. Não se preocupe muito com ela... apenas utilize a classe C (como no exemplo acima) com a máscara 255.255.255.0 (nesse caso indicamos que apenas o ultimo número, o x do exemplo, vai indicar a máquina) Gateway: grosso modo, é o equipamento que possui conexão com internet! Por exemplo, se você possuir um modem roteado... ele vai ser o gateway da rede! DNS (Domain Name Server): é responsável por converter nomes em números IPs... na prática... é o que permite você digitar www.clubedohardware.com.br ao invés de 69.41.161.35 no seu navegador de internet! =) Servidor DHCP: toda vez que uma máquina entra no Sistema Operacional (Windows, Linux, etc.) e ela tiver uma placa de rede, ela verifica na rede se existe algum servidor DHCP ativo. Se tiver, o servidor DHCP informará qual IP, Mascara, Gateway e DNS o micro deverá utilizar!! Não é necessário, pois é possível configurar tudo na mão, colocando os valores em cada máquina. No entanto, imagine uma empresa com dezenas de micros... fazer o controle dos IPs pode não ser tão fácil... nesse caso o servidor DHCP cuida de tudo, impedindo que duas máquinas adquiram IPs iguais! Bom... apenas o IP e máscara são obrigatórios (entre no prompt de comando e digite ipconfig para ver os atuais). Os demais são necessários quando você tem uma rede com domínio (DNS) ou internet compartilhada (gateway e DNS). Como eu disse, o assunto é muito amplo... se tiver interesse em saber mais, recomendo a leitura de livros... mesmo assim, se tiver dúvidas, coloque-as aqui no fórum! T+
  9. Não me lembro se o modem 500G faz conexão PPPoA.... Se fizer, configura ele como roteador e liga o cabo de rede no roteador Wireless... Assim... numa rede cabeada, você ligaria o modem roteado no HUB, certo?? Ao invés de ligar ao HUB, ligue ao roteador Wireless. Claro que neste caso, você não vai mais configurar o Wireless com seu usuário e senha, mas sim indicar pra ele uma internet com IP fixo (que será o IP do modem). T+
  10. Bom... Se o Windows está achando toda vez q você liga o micro, então tá faltando o driver... Recomendo você utilizar programas tipo o Sandra ou Everest para poder detectar o tipo de equipamento que está sendo detectado, marca e modelo... aí fica fácil ver quem está provocando a mensagem... Outra opção é você retirar as placas PCI uma a uma (ou desativar no BIOS, caso seja onboard) até q a mensagem não apareça mais. Finalmente, você pode entrar no Modo Seguro (ou de Segurança, no Win9X) e remover os itens de Hardware... entrar no Windows normalmente e reinstalar todos os drivers.... T++
  11. ximenessk8, você disse que consegue entrar no seu modem.... isso significa que o programinha do no-ip que você tá utilizando está funcionando!!! O próximo passo é definir como você vai fazer o acesso ao seu Windows XP. Isso é importante porque é preciso saber com quais portas você vai trabalhar... Por exemplo: - Conexão de Área de Trabalho Remota do WinXP: porta 3389 - FTP: porta 21 (*) - SSH: porta 22 - Web Server (Apache ou outro equivalente): porta 80(*) (*) algumas operadoras bloqueiam a utilização dessas portas padrão para planos Home Então... por exemplo... supondo que você queira acessar seu Windows XP através da Conexão de Área de Trabalho Remota.... no modem você deve redirecionar a porta 3389 para o IP que o seu Windows XP está utilizando (aqui sim, deve ser fixo, tipicamente 192.168.0.1). Com isso, toda vez que o modem receber um pacote com essa porta de destino, ele simplesmente encaminhará para o XP, que fará o tratamento da conexão. Outra observação, você tem 2 firewalls no seu micro: o Sygate e o que vem integrado ao WinXP SP2... certifique-se de ter liberado a porta 3389 EM AMBOS!!!!!! Recomendo você começar desinstalando o Sygate e desativando o do XP, para efeito de testes... Obviamente, pra qualquer que seja a escolha do tipo de acesso remoto, você deve configurar o Windows XP com o Software que funcionará como servidor, ouvindo as requisições. No exemplo dado, a conexão de area de trabalho remota não vem habilitada por padrão e ela exige um usuário com senha! Pra fazer essa escolha você deve ter em mente o que você pretende fazer remotamente. Na Área de Trabalho Remota é como se você estivesse sentado na frente do micro acessado, porém, não permite transferir arquivos do micro remoto para o micro que você está acessando e vice-versa. É indicado pra correções de problemas remotamente. Para tranferência de arquivos entre os micros, recomendo o SSH, por efetuar uma conexão segura e autenticada.... No entanto, talvez seja mais viável trabalhar com um FTP Server ou Web Server, caso a segurança não seja fator muito importante. Bom.. o assunto é muito amplo... coloque suas dúvidas e leia muito... você está no caminho certo... mais alguns ajustes e conseguirá!! Moro em São Paulo e faço a configuração do meu servidor Linux em Piracicaba, através da Internet. Lá estou rodando SSH, FTP e Web, graças às pesquisas na net e auxílio do povo dos fóruns!! É isso aí.. falou!
  12. Olá!! Você já viu se estão se comunicando fisicamente?? Tenta pingar um no outro pra ver o que acontece! ATENÇÃO: O Firewall embutido no Windows XP BLOQUEIA os pings por padrão... pra efeitos de teste você deve desabilitar o firewall para conseguir pingar! Outra forma de testar é você entrar no executar e digitar \\192.168.0.1 ou \\192.168.0.2 (dependendo de qual micro você estiver)... isso deve abrir uma janela com os compartilhamentos... Abraço! Shuen
  13. importado, bom... você usa o AnalogX OU o ICS... eles não são a mesma coisa.... com o AnalogX (q é um proxy) você deve configurar os programas nos clientes... por exemplo, deve configurar o Internet Explorer para acessar a net através do IP 192.168.0.1 e pela porta 6588..... repare q você deve fazer isso EM TODOS os programas q deverão acessar a internet.. o q gera um problema, pois nem todos suportam esse tipo de compartilhamento... Já o ICS trabalha de uma forma diferente.. ele usa um recurso chamado NAT (Network Address Translation)... com ele você deve configurar nos clientes apenas o Gateway e DNS na conexão! Com isso TODOS os programas conseguirão acessar a internet sem alterar configuração nenhuma!! muito bom!! Mas não proporciona nenhum tipo de controle... em geral o NAT (ou ICS) resolve os compartilhamentos para uma rede pequena ou residencial... pois é como se cada micro tivesse uma conexão diretamente ligada a ele... transparente para os programas! Bom... se alguém quiser informação mais detalhada de como funciona o NAT, me escreva, ok? Voltando à sua dúvida... pra ativar o ICS você deve entrar nas propriedades da conexão... você deve ter 3 ícones: - Conexão Local: placa de rede do micro - Conexão Local 2: placa de rede fictícia gerada pela instalação do modem - Speedy: Ícone q permite você digitar o login e senha pra conectar você deve entrar nas propriedades do Speedy e não da Conexão Local 2!!!! Tem um problema aqui: se você usou o CD da Telefônica pra criar esse ícone de conexão não vai conseguir encontrar a parte de compartilhamento.. é bloqueada!! Felizmente o WindowsXP tem o protocolo PPPoE nativo... basta criar uma conexão usando o Assistênte de novas conexões.... por ele dá certo! Bom.. posta aí como está o andamento das coisas, se precisar, gshuen@gmail.com... falou!! Shuen
  14. importado, Repare que quando você instala o modem USB "surge" uma nova conexão de REDE... ou seja, se você sabe como compartilhar a internet com duas placas de rede, então já sabe tudo!! Use o ICS... é muito simples e rápido!!! A menos que queira restrigir ou controlar o acesso compartilhado. O AnalogX tb é muito bom, mas dá um pouco de trabalho pra configurar programas tipo P2P, MSN, E-mail, etc... falou!!!
  15. Olá!! Nosso amigo Perfect já disse praticamente tudo! Só completando... quando você ativa o compartilhamento no Windows XP, ele já atribui o 192.168.0.1/24 automaticamente e ativa um servidor DHCP. Ou seja, basta você compartilhar, ligar o WinXP e conectar no speedy, ligar o Win98 DEPOIS do WinXP e beleza... sua net já deve estar funcionando! Se não funcionar (não raro quando se trata de M$... rs), coloque as configurações IP MANUALMENTE no Win98: IP: 192.168.0.x (x deve ser algo entre 2 e 254) Mascara: 255.255.255.0 Gateway: 192.168.0.1 (que é o IP do seu WinXP) DNS: 200.204.0.10 e 200.204.0.138 (DNS da Telefônica - Speedy) Obs.: é provável que funcione se você colocar 192.168.0.1 no DNS tb!! falou!!

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×