Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Alexx Ares

Membros Plenos
  • Total de itens

    51
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

5

Sobre Alexx Ares

  • Data de Nascimento 21-02-1982 (37 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Santos, SP
  1. @simforoso cara, obrigado pelo relato, realmente aqui é apartamento e só vem 2 fios lá de baixo (aliás, só chegam dois fios lá embaixo no relógio de luz, já vi isso pois deu um problema uma vez no disjuntor lá embaixo que foi trocado). O que tem de curioso aqui é que metade dos apartamentos pegam energia do poste da rua da frente e metade de trás, tanto que uma vez deu problema no transformador da outra rua e metade do prédio apagou metade não.... estou usando exatamente iClamper 5 e pensei que ele sozinho se tivesse pico desarmava, mas pelo jeito a fonte é mais sensível do que ele, ou seja, ela desarmou e ele não (isso se confirmado que foi realmente um pico de tensão que desarmou a fonte, ainda estou observando isso... e pesquisando se não foi, por exemplo, a placa-mãe). Se eu achar algo ou tiver novidades aviso aqui, se alguém tiver mais algum relato da fonte ou placa-mãe que deu mesmo problema, agradeço. Obrigado por todas as respostas!
  2. @Henrique - RJ eu larguei as genéricas e peguei a cx450 justamente para ter mais confiança... @simforoso pessoal da Corsair ja disse que tem 5 anos de garantia (apesar de que eu achava que eram 3...) isso tranquiliza, mas não tira a preocupação de entender o problema para não queimar outra coisa (e mesmo a fonte, uso o PC diariamente, ficar sem ele seria prejuizo até a troca pela garantia). Quando você diz circuito direto seria um unico fio do quadro para a tomada do PC? Ele vai direto na rua ou passa pelo disjuntor geral? Pois onde moro hoje isso foi feito para o ar condicionado... porém, mesmo separado de tudo (assim como chuveiro), ao ligar o compressor "estalava" o estabilizador antigo, ou seja, dava um surto mesmo assim... quero aproveitar essa experiencia e essas dicas para aplicar no apartamento novo (novo para mim, ele é velho e tem esse quadro de luz medonho da foto) e refazer esse quadro aí de forma que proteja o máximo possível tudo... meu PC também fica ligado direto, as vezes desligo quando saio por mais de 3 ou 4 horas por exemplo... ou vou viajar. O que mais queria saber no entanto é se já ocorreu esse desarme da fonte com alguem... a ponto de ter que desligar a chave dela e religar para voltar... o que passou pela minha cabeça agora é se não pode ter sido problema da placa-mãe.... e ao desligar a fonte na verdade cortou a energia da placa-mãe.... por isso "resetou" o circuito, nesse caso da placa-mãe e nao da fonte.... vou pesquisar se acho algum caso parecido.
  3. @Math.Pi verdade, só estou tentando eliminar possibilidades.. o que me deixa mais confuso é a fonte ter desarmado e o filtro de linha da clamper que tem um mini disjuntor não... aliás, eu perguntei isso para a Corsair e não me responderam ainda, se é normal a fonte desarmar... pois como eu disse, o PC desligou (a fonte "cortou" a energia) e não ligava no botão liga do gabinete... só quando desliguei o botão da fonte e liguei novamente que o botão liga do gabinete funcionou... subiu um cheiro rápido de queimado mas sinceramente eu deduzi ser da fonte mas veio do gabinete... bem como deduzi também ter sido por causa de variação na energia, pois sem o antigo estabilizador que estalava quando isso ocorria, hoje não tenho referencia se tem algum pico.... Tá muito estranho isso e eu fico preocupado, apesar de estar aqui trabalhando normalmente sem problema algum, sem cheiro de queimado, a fonte inclusive super silenciosa e "ventando" na grade traseira, bem fria.... acho que estou me preocupando demais por problemas passados...
  4. @Math.Pi e @PedraX obrigado novamente. Então, o apartamento atual eu já nem me preocupo tanto pois vou sair, agora dá uma olhada no quadro de luz do novo (foto anexo)... parece filme de terror... já tem um eletricista que vai atualizar isso aí, assim o importante seria alguma dica específica para ele colocar relacionado a informatica, no caso a proteção do meu PC em especial... mas eu nunca tive disjuntor desarmado, nem fio quente pois realmente foi trocado do chuveiro (está adequado até onde sei) mas a máquina talvez não, pois vai no mesmo disjuntor da área e cozinha (lampadas, tomadas, etc.)... são todos daqueles pretos duplos (são separados mas tem que ativar os dois juntos) antigos.... Agora isolando o problema, ontem por exemplo a maquina foi ligada e não deu problema... será que a fonte pode ter vindo de fábrica com problema em algum componente? Pois uma coisa que lembrei é que fiquei 5 dias sem ligar o PC e ele não ligou de primeira... desliguei a chave dela (botão liga desliga da fonte) e religuei e voltou... será que pode ter vindo já com algum vício? A Corsair não responde objetivamente, só pedem para tirar foto pela grelha sem abrir quase impossível mas vou tentar....
  5. @PedraX então, eu não sei... sei que vem 2 fios da rua para o quadro principal lá embaixo com o relógio e um disjuntor.. aí sobe direto esses dois fios para um disjuntor geral e vai distribuindo para outros... se é 127 ou 220 + N isso eu nem tenho ideia... Mas entendi isso que você falou... um eletricista consegue medir o que vem da rua se é suficiente? Para por exemplo provar se a tensão que chega é a correta ou não? Voltando ao assunto principal do tópico a Corsair me respondeu mas de forma simples, só disse que tem proteção de pico acima e abaixo (over e under) e para eu olhar se tem algum componente estufado pela ventoinha (sem abrir claro)... o que acho bem difícil, mas... vou depois tentar desmontar o PC e ver isso... queria apenas entender como funciona essa proteção, ou se estou com risco de perder essa fonte nova logo de cara... Por fim, tem algum equipamento que substitua o estabilizador, ou seja, que tenha essa função de segurar esses picos? Eu pensei que o filtro de linha da Clamper faria algo parecido... mas pelo jeito não, pois ele não desarmou e sim a fonte, passou direto...
  6. @Henrique - RJ sério? já passei para frente eram placas já meio antigas... mas não sabia disso. Como fiz uma doação para um pessoal que recicla e usa o material para cursos e vendas com bazar beneficente, espero que eles recuperem então! @PedraX aqui é 220V mesmo... o chuveiro um eletricista anos atrás ao instalar o ar condicionado trocou a fiação do chuveiro pois eu tinha comprado um mais potente que o antigo (5500w), então está ok... o que não entendo é: se tem pouca energia "na fonte" (vindo da rua), a ponto de "faltar" quando liga junto chuveiro, secadora e por exemplo ar condicionado, como forçar mais energia vinda da rua? Ou entendi tudo errado? Pois na minha visão semi leiga, vem energia por dois fios da rua e ponto.. aí distribui com os disjuntores que apenas desarmam de der um problema naquele ponto específico, certo? Eles não filtram nada né.. são aqueles pretos grandes antigos que quando você liga ou desliga dá um estalão, duro... no apartamento novo vou precisar modernizar tudo (é bem mais velho que esse atual e tem uma chave geral tipo de cadeira elétrica!) então já queria entender melhor isso para justamente proteger, em especial, o PC.... no apartamento atual, na conta de luz diz: convencional B1 residencial monofásico 220V.... -- complementando: já me disseram para acionar a CPFL para pagar custos com manutenção e compra de aparelho, tanto dos PCs como do ar condicionado que estragou uma vez com problemas na linha... seria o caso de estarem fornecendo "pouca energia" ou existe algum padrão ou norma para isso? Posso por exemplo dizer que tenho esses equipamentos e eles "enviarem mais energia" (putz fico até sem graça de falar dessa forma não técnica.. espero que entenda... hahahah)...?
  7. @PedraXobrigado, vou dar uma olhada na norma e me atualizar. Aproveitando o assunto (que de certa forma faz parte do tópico) quando liga um chuveiro e a lampada reduz a luminosidade, mesmo estando em outro disjuntor (chuveiro separado, por exemplo, do resto do banheiro) significa o que exatamente? O que eu deveria fazer nesse caso? Pois a energia vem da rua e passa em um disjuntor geral, e dele vai para o do banheiro e do chuveiro.. mas pelo que entendi, o chuveiro está puxando tanta energia do ponto geral que "falta" para o resto da casa... é mais ou menos isso? No caso, o que estalava bastante o estabilizador (e tenho quase certeza foi isso que desligou o meu PC) era a secadora de roupa, que liga e desliga o tempo todo durante o processo e as vezes nessa hora que liga dá uma puxada forte (outro exemplo são ventiladores no verão que quando liga chuveiro ficam mais fracos.....). Tem alguma forma de isolar isso já que, no fim, vai tudo no ponto principal de entrada... ou uma forma de aumentar essa entrada de energia? Ou isso é normal mesmo em apartamentos novos com fiação nova? Desculpe se perguntei alguma bobagem, só um semi leigo tentando entender...
  8. @Math.Pi obrigado, é verdade o apartamento é antigo, sempre teve isso mas nunca tive problema com nenhum equipamento (só o PC antigo e pensei que era mesmo por causa de estabilizador e fonte genérica.. 3 placa mães queimaram (mas num longo periodo de 10 anos) todas com capacitores inchados... Aproveitando, estou de mudança e o outro apartamento também um pouco antigo tem um quadro de luz que parece filme de terror.. tem uma chave manual e umas barras de cobre no lugar de fios.... hahaha... claro que já chamei um eletricista para atualizar aquilo, mas se tiverem alguma dica boa para instalar no quadro de luz que proteja o PC (e eletronicos em geral) ajudaria bastante! Obrigado!!
  9. Pessoal, Obrigado pelas respostas e desculpe a demora em responder, mas agora após alguns meses de uso, posso relatar a experiência até aqui: Estou usando o Ryzen 2200G na placa MSI A320 PRO-M2 com a função de "turbo" do clock ligada, assim ele fica constante em 3.7GHz e o cooler no máximo (para mim sem problema). A memória, usando no perfil "try it!" da placa-mãe em 2933Mhz CL 16-18-18-18-36 em dual channel. Estou usando o Linux Mint 19 e passei sufoco, pois o Kernel não era preparado para os novos Ryzen, nem ligava na instalação, mas pesquisando descobri como instalar, atualizar Kernel, etc.. mas ele tinha uns congelamentos do nada, e identifiquei nos logs que era problema com a placa de video (integrada, APU) e o driver genérico para Linux.... Porém no final de abril a AMD lançou drivers para Ubuntu (que o Mint usa) da APU Vega e instalei... de lá para cá nunca mais tive problemas está perfeito como eu esperava. Em resumo: os problemas que tive foram de sistema e drivers, creio que processador e memória estão totalmente estáveis nessa configuração! Obrigado novamente!!
  10. Pessoal, Por muitos anos usei o "combo" estabilizador e fonte genérica. Perdi pelo menos 3 placas mães, sempre achei que o problema era queda de tensão, falta de luz, etc... aí aprendi aqui no fórum que o estabilizador "envenena" a fonte, e a genérica mata de vez os componentes. Então montei um PC novo com a CX 450 da Corsair, ligada num filtro de linha chaveado da Clamper (o iClamper). Onde moro tem muito pico de tensão, em especial ao ligar aparelhos como chuveiro e secadora. E por isso, o antigo estabilizador "estalava" o tempo todo. Agora, não há nenhum aviso, exceto uma lampada ou outra que apaga um pouco. O problema no entanto, é que pela segunda vez, do nada, o PC desligou sozinho. Na primeira vez ok, horas depois liguei e tudo certo. Estou usando o Linux Mint, nos relatórios nada errado, a energia foi "cortada" mesmo (até pensei que tinha faltado luz, não estava no ambiente no momento). Na segunda vez, eu estava perto (mas não utilizando) e vi o PC desligar, ele estava só ligado sem nada aberto, como eu estava de saida deixei assim e fui embora. na volta porém, apertei o botão e não ligou. Bateu o desespero... Olhei o filtro de linha e não estava desarmado (tudo ligado nele estava ok, monitor, modem, roteador e carregador de celular...).. tentei novamente e nada. Então, desliguei o botão traseiro da fonte e deu um estalo na caixinha de som o que achei estranho... e liguei novamente a fonte. Então liguei o PC e normal... tudo perfeito, porém subiu um cheiro de queimado e parou. Então vim direto aqui para entender se alguém já passou por isso, se essa fonte desarma ao ter pico de tensão, ou se pode estar com problema... pois pelo que entendi após muitas e muitas perguntas e respostas lidas é que essas fontes já estabilizam a tensão de entrada, e com ajuda do filtro de linha eu não precisaria me preocupar... mas estou preocupado agora. Reforçando que não há problema de temperatura (parado fica em 30 a 35 graus, em uso na média 45 a 50 e chegou a 65 quando forcei para testar...), e está configurado tudo para não desligar ou hibernar nem mesmo protetor de tela eu deixo configurado (pois o Mint já tem uma função de trocar o papel de parede... então deixo configurado para trocar a cada 3 minutos na galeria, vira tipo um salva tela, quando saio do PC minimizo tudo e fica lá....). Agradeço desde já qualquer dica e comentário que ajude. Obrigado!!
  11. Pessoal, Estou com um SSD de 120GB para instalar o sistema (ubuntu e win10 dual boot). Para armazenar arquivos, um HD de 1TB novo em NTFS (para os dois sistemas conseguirem ler). Já tenho outro HD de 1TB com arquivos (que vou colocar nesse PC novo) e um HD externo (USB 3.0) com cópia desses arquivos (mais uma cópias só das coisas muito importantes em nuvem). Minha ideia é: usar os dois HDs de 1TB (o mais antigo tem 2 anos, é um WD Blue e o novo um Barracuda) em RAID 1 para duplicar tudo automatico (hoje eu faço backup manual no HD interno e externo... quero fazer manualmente só no externo), assim caso um disco de problema o outro salva. Como nunca fiz RAID, gostaria de algumas dicas, por exemplo, se der um pau na placa-mãe daqui uns anos ou se eu quiser tirar os HDs e usar em outro PC, eu consigo ler normalmente os dados em qualquer outro PC? Eu teria 2 HDs idênticos, com os mesmos arquivos em cada um, podendo até colocar cada um em um PC diferente (só exemplo, não teria motivo para fazer isso)?? Ou eles ficam "travados" e só conseguem ser lidos juntos e na placa que controla isso? Existe alguma queda visivel de performance com os dois gravando ao mesmo tempo? Minha placa (MSI 320m PRO-M2) tem duas opções AHCI e RAID, mas me parece que não dá para mudar só para 2 HDs, o SSD também vai pra RAID... isso vai dar problema?? Enfim, estou um pouco inseguro de fazer isso e perder dados ou ter problema futuros.... se for muito arriscado mantenho os dois HDs no PC e faço backup diário como já faço no PC antigo..... (o problema é que se perco o disco principal os dados do dia vão para o espaço junto.... por isso queria tudo gravado em tempo real, duplicado). Obrigado!!
  12. Olá, Estou querendo pegar o win10 pro original, mas o preço como sempre é proibitivo. Hoje é possível usar tranquilamente, mas fica aquela mensagem chata no canto da tela, e outras coisas travadas... queria remover isso. Vi algumas lojas vendendo a chave por preços muito menores... minha dúvida é: isso é realmente verdadeiro??? Por exemplo (não estou fazendo propagando, só é um dos primeiros links que apareceu no Google): https://www.positivokeys.com.br/windows10pro Como eles podem vender uma chave por R$ 99,00 que a Microsoft vende por R$ 809,00?? Sei que produtos em lojas oficiais sempre são mais caros, até o dobro (exemplo: comprei uma impressora HP original pela metade do preço que vendem na loja HP oficial), mas quase 10 vezes mais barato é muito estranho... E o pior que tem lojas grandes famosas vendendo, mas como é "marketplace" tenho medo que seja fraude ou algo assim, mesmo cobrando um preço mais "realista" (cerca de R$ 375,00), exemplo: https://www.americanas.com.br/produto/42836862/licenca-microsoft-windows-10-professional-32-64-bits-coem É agora, tudo isso é fria?? Como posso verificar antes da compra se é algo original mesmo? Alguém já comprou isso? Obrigado!!!!!!
  13. Vou dar uma opinião sincera e de quem fez várias compras separadas nas ultimas semanas: O Mercado Livre é sim um lugar perigoso, e só deve se arriscar quem sabe o que está fazendo. Da mesma forma, posso AFIRMAR que grandes lojas (como Americanas.com e Submarino) hoje são TÃO PERIGOSOS QUANTO o Mercado Livre graças ao tal "marketplace". Já comprei na Kabum por exemplo que é especializada, e me enviaram um HD normal, bem embalado, nota fiscal, etc... tudo certo... MAS veio só no plástico, tipo OEM (não sei se HD é sempre assim).... agora fui comprar lá novamente, mas achei o mesmo produto com preço um pouco menor mas frete grátis nas Americanas em "loja parceira" do marketplace... arrisquei, igual a Kabum: no "plástico" mas bem embalado, nota fiscal, original, funcionando 100%, tudo certinho... Comprei outras coisas, como fonte Corsair CX450 (veio lacrada, original, NF e peguei quase R$ 100 a menos do que tinha em outras lojas como Kabum pois tinha promoção de cashback e frete grátis)... algumas coisas como Fan para gabinete comprei também pois novamente estava tudo abaixo e frete gratis... veio tudo certinho, mas nesse caso, direto da Santa Efigênia (nada contra!), embalagem duvidosa, mas na caixa original, funcionando, tudo bonitinho.... Mercado livre mesma coisa: pesquisei muito, vários vendedores, vi MUITA fraude (estava óbvio, coisas tipo frete a parte que é golpe, reputação zero ou ruim, tempo de venda, etc.), muita coisa com preço duvidoso, mas achei um vendedor bem qualificado, vendendo com nota fiscal, garantia, tudo certinho.. arrisquei, comprei um placa-mãe e chegou tudo lacrado, original, nota fiscal, etc... e paguei também quase R$ 100 a menos que a mesma placa na Pichau (mais barato que encontrei).... memória mesma coisa, nesse caso, estava óbvio que era "importada" (talvez trazendo em viagens), tinha pouco estoque, mas loja com CNPJ, nota fiscal, etc.. arrisquei... veio produto original, lacrado, novo, nota fiscal, etc... e se não viesse, bastava devolver, o próprio Mercado Livre garante a devolução do produto (frete) e do dinheiro.... Então, assim como temos "vendedores" desonestos, e até compradores que cancelam e devolvem tijolos (ver no Youtube vários casos...) e o prejuizo fica com o lojista, é preciso não generalizar e ver que tem gente sim honesta.... e só reputação não quer dizer muito, algumas "grandes" lojas do Mercado Livre, com muitas vendas e boa qualificação não emitem nota fiscal e nem dão garantia maior que 3 meses (que é lei, não está sendo "bonzinho").... então tem que ficar esperto e pesquisar. Resumo: pesquisou, verificou um bom vendedor, comprou, veio com nota, lacrado, sem sinal de uso, etc... ótimo... mas se ao chegar ver um problema, basta devolver e denunciar. Agora se você não está disposto a perder esse tempo todo pesquisando, ou está inseguro, gaste alguns reais a mais e compre com segurança onde conhece e confia, de preferência não na internet, mas naquela loja da sua cidade que se der problema você vai lá pessoalmente e reclama. Só minha opinião, ok?
  14. Olá! Sou muito novato em overclock (nunca fiz), e estou com uma série de dúvidas que talvez um de vocês que tenham experiência possam me ajudar... vou tentar resumir aqui mas detalhando o máximo possível. Estou com a seguinte configuração: APU Ryzen 3 2200g MSI a320M PRO-M2 G.Skill Ripjaws F4-2400C15D-16GVB (são 2 pentes de 8GB, kit) SSD Kingston A400 120GB placa-mãe atualizei a BIOS logo que liguei: 7B84v15 de 30/01/2019 Não alterei o processador, rodando padrão 3.5Ghz. Memória por padrão começou em 2133 sendo na caixa vendido como 2400. Até aí tudo bem, já tinha lido sobre isso, e essa memória disponibilizou 2 padrões XMP, 2133 e 2400 ambos com 15-15-15-35, então ativei o 2400. Instalei win10 e testei o básico. Assistindo um video tela cheia fullHD do Youtube, a tela ficou preta em 10 minutos (o que já me deixou P da vida), pesquisei e vi que ocorre isso por causa dos drivers, atualizei todos e nunca mais (por uns 3 dias) deu tela preta. Ok. Então, na placa-mãe tem na BIOS um tal de "Memory try-it!" com várias configurações de clock/timing padrão. Tentei uma qualquer de 2667 e acessei windows normal, naveguei, etc.... instalei de teste o Fortnite (que é relativamente leve, já que a APU não é grandes coisas para jogos - e o objetivo do PC não é esse, apenas para teste), rodou engasgando muito (baixo FPS) em qualidade alta (que veio por padrão no jogo), reduzi para média mas ficou "quadriculado", deixei médio mas com resolução fullHD (1920x1080) e rodou "bonito" e suave (bem próximo do PS4). Aí tentei passar para 2933 (que é padrão do Ryzen pelo que andei lendo). Tem 3 perfis no "Memory try-it!" para 2933: 1. 14-16-16-16-34 2. 16-18-18-18-36 3. 18-20-20-20-38 No primeiro perfil, instalei Ubuntu, win10, naveguei, tudo perfeito. Porém, ao tentar jogar Fotnite deu crash, o jogo travou e o relatório da Epic não conseguiu registrr o motivo, desconfiei da memória. Baixei para o segundo perfil citado acima, e rodou perfeito, porém engasgou um pouco (mais do que no 2667) mas não travou, ou seja, a memória realmente influenciou nisso. Passei um Memtest (via pendrive, dando boot) que demorou 4 horas na configuração 2933 16-18-18-18-36 e zero erros. Agora minhas dúvidas: - Sinceramente, na prática, não senti diferença alguma dando overclock... pelo contrário, engasgou mais no jogo (apesar de nesse caso eu achar que foi a conexão). Como posso realmente verificar alguma melhoria (algum teste prático de dia a dia, não benchmark só para ter números)? Pretendo usar esse PC para trabalho, usando bastante programação e alguns programas gráficos (e pretendo usar Linux), vou sentir diferença no dia a dia? - Existe algum problema, no sentido de estragar algo, vida util, etc. em manter essa configuração acima do padrão? Ou já que não tem diferença visível no uso comum, melhor deixar o 2400 mesmo? - Se a resposta das duas perguntas acima forem positivas, ou seja, posso usar em 2933 sentindo diferença e não vai estragar nada, por que então vendem memórias em 2933 (ou 3000) beeem mais caras?? Se basta um overclock??? - Por fim, toda dica ou sugestão será muuuito bem vinda!! Obrigado!!!!
  15. Olá, Gostaria de uma opinião sincera de vocês: tem alguma diferença de qualidade entre as DDR4 HyperX da Kingston (que eu já conheço há anos e confio) e as GSkill Ripjaws V (que eu achei muito mais bonitas visualmente e um pouco mais baratas, mas nunca usei...)?? Vou comprar 2 pentes de 2.400Mhz de 8GB cada, totalizando 16GB, para dual channel no Ryzen 3 2200G em placa MSI A320M PRO-M2. O objetivo é trabalho, nada de games, mas muitas janelas, maquina virtual, editor de imagem, talvez video e 3D mas secundário.... e se der claro um game simples ou filme mas não é o foco. Também pretendo usar o processador no padrão (sem overclock), já as memórias pretendo tentar aumentar a frequencia... Aí entra a segunda dúvida: Encontrei um par de HyperX 2666 por R$ 90,00 a mais que o par de 2400 (tanto HyperX como Ripjaws na faixa de 550 o par)..... Será que vale a pena, vai dar realmente alguma diferença gastar a mais pela 2666? Pois vi muita gente e video mostrando overclock de memória 2400 para 2666 e até 2933 que é o limite do Ryzen 3 (eu acho não tenho certeza).... nunca fiz overclock de memória... Então resumindo: 1. Kingston ou GSkill? Ambas 2.400 CL: 15-15-15 1,2V. 2. Pentes de 2.400Mhz CL: 15-15-15 ou de 2.666Mhz com CL: 16-18-18?? Toda e qualquer informação e opinião vai ser muito válida!! Muito obrigado!!

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!