Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

matheus19

Membros Plenos
  • Total de itens

    48
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

1

Sobre matheus19

  • Data de Nascimento 17-06-1996 (22 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    GO Goiania
  1. @Sérgio Lembo Por que no 2 esquema com 3 transistor foi adicionado o resistor R6 de 10K? Edit: Divisor de tensão né? coloquei um resistor de 330R no lugar do de 10K a tensão máxima do gate ficou em 9.68V, com o de 10K a tensão ficou 13.4V sendo que a tensão de saida da fonte que usei era 14.4V.
  2. @Sérgio Lembo Uma duvida, o R7 não tinha que vim antes do transistor? Outra coisa me disseram que como o GND do arduino vai estar ligado no negativo da bateria, ou seja usando o mesmo aterramento do circuito, o 4N25 perde sua função de isolamento, então simulei sem o 4n25 no proteus mas a tensão no gate do IRF540 não passa de 5V, sendo que a corrente maxima de cada pino do arduino é de 40mA, seria suficiente para acionar o transistor não? Mais uma vez obrigado!
  3. So corrigindo o transistor da primeira imagem é o 2n3771 e não o 2n3773. Então provavelmente liguei algo errado, vou arrumar mais uns irf540 e tentar novamente mas sem o ligar o modulo de ignição junto(2n3771), pois quero que o irf540 faça essa função. Nesse caso como faço para garantir os 10V no gate? pode ser tensão maior , 14V por exemplo? liga direto ou tem que usar um resistor? lembrando que vou usar o 4n25 para acionar o gate do irf540! Valeu!
  4. Uma coisa que observei e que quando testei a bobina sendo acionada fora do carro, numa mesa usando o IRF540 joguei um sinal pwm do arduino no irf540 e a bobina faiscou bonito, ate mesmo acionando usando um pulso enviado por um botão, funcionou beleza, agora quando fui tentar no carro queimei os 3 irf540 em sequencia... Ai pensando 3 coisas que mudam na configuração quando ela esta instalada no carro são: 1-os cabos de vela que são resistivos 2-o negativo da bobina não vem direto do negativo do platinado ele é "liberado" pelo transistor 2n3773 do modulo de ignição ao receber um sinal do platinado. 3-a tensão da bateria que durante a partida chega a ~9.5v (Mas acho que não seria esse o motivo da queima por que na 3 tentativa o IRF540 queimou só de ligar a ignição) Sabe me dizer se existe algum site que eu digito algumas características de um mosfet por exemplo e ele apresenta alguns equivalentes? ara char um mosfet de 600v por exemplo com corrente de no minimo 20A... Vou deixar aqui o esquema do modulo de ignição que esta funcionando a bastante tempo e ate agora não queimou o transistor Alguém consegue identificar alguma proteção contra o pico de tensão da bobina?
  5. Usar o rele só para o corte da alimentação da bobina,da certo sim ate testei com um, mas quero usar o mosfet no lugar daquele transistor 2n3773, pois pretendo que o arduino faça o chaveamento da bobina para controlar o momento exato de cada faísca, agora minha duvidas são: 1-Se eu ligar o arduino na propria bateria do carro usando um regulador de tensão de 5v, vou ter que usar o mesmo aterramento (GND) que a bobina, ali no caso o optoacoplador perderia a função de proteger o arduino? 2- A carga acionada por um FET tem que vim antes ou depois dele? Essa ligação abaixo está correta? vi alguns topicos sobre o irf540 e falaram que o ideal e jogar 10v no gate dele, ai no caso como eu aciono esse FET usando um transistor? Valeu!
  6. @rjjj eu fiz testes usando diodo em antiparalelo mas a bobina para de soltar faísca, porque se não me engano não posso dissipar a tensão do primário, pois ira dissipar o campo magnético armazenado para gerar a alta tensão no secundário, sera que se usar um capacitor igual o que tem no platinado protege o FET igual faz com o platinado? isso faz sentido?
  7. Estou fazendo um modulo que controla a ignição do carro usando um ardunio, porém estou com duvida de como fazer o acionamento correto da bobina, fiz testes usando um IRF540 no teste usando uma lampada 12v de 21w deu certo mas, ao trocar a lampada pela bobina queimou o FET na hora, acbei queimando 3 IRF540, mesmo usando dissipador, fiz uma simulação no proteus e deu erro então provavelmente estou ligando algo errado... Agora me sobrou 3 IRF9540 e estou com medo de queima-los também, ate porque o modo de liga-los muda também né? Segue abaixo o esquema feito no proteus: Ao simular esse esquema apresentou os seguintes erros: Neste esquema estava fazendo um limitador de rpm com o arduino, que numa determinada rpm iria cortar o sinal negativo da bobina , que vem do transistor 2n3773 (um modulo de ignição simples que pega o sinal do platinado e aciona a bobina), ao ligar o pós chave de ignição (positivo da bateria), o fet queimava e entrava em curto na hora, se alguém puder dar uma ajuda agradeço. Obrigado!
  8. @cesardelta1 Bem legal esse carregador do Tomazelli, mas como já tinha comprado os componentes, para esse esse esquema que postei, acabei montando ele mesmo e também preciso que a corrente seja limitada a 3A, pois estou usando uma fonte de notebook, de 20V 3,25A. Fiz alguns testes aqui e esse LM350 mesmo esquenta bastante consumindo os 3A, mesmo usando um dissipador. provavelmente porque o esquema ficou subdimensionado para 3A. Se usar um LM338, será que esquentaria do mesmo modo que o LM350? @Mestre88 Então se for assim eu poderia esquecer o carregador ligado na bateria que não teria problema? Valeu!
  9. Olá pessoal, estou com duvida sobre um esquema, de um Carregador de Bateria de Chumbo Ácido, queria que o pessoal mais experiente em eletrônica, desse uma olhada no seguinte circuito: Link: http://blog.novaeletronica.com.br/carregador-de-bateria-de-chumbo-acido/ Minha duvida é a seguinte: O LM350 limita a tensão de saída em 3A? Pois a fonte que vou usar para alimentar o circuito, tem saída de 20V e 3,25A. Ele realmente vai flutuar a bateria quando carrega-la? O LED apaga ou acende quando carrega? No circuito tem um erro no símbolo do Q1, está como (NPN), mas o BD 140 parece que é (PNP), procede? Obrigado pela ajuda.
  10. No caso são os valores dos resistor que ajustam a tensão de saída né? como e feito o calculo? Ali ta escrito Vout=1,25 (1+R2/R1) mas não entendi direito
  11. Geralmente eu faço pesquisa em inglês quando não acho algo, mas dessa vez nem passou na minha cabeça que algum outro carro fora do Brasil usaria o mesmo sistema. Obs: Não tinha visto o vídeo ate agora, muito interessante! Caso o LM7810 apresente algum problema, eu substituo ele com o LM317.
  12. Era justamente como eu imaginava, ele não regula a tensão para 10V direto, mas ficava oscilando abrindo e fechando o contato, numa determinada frequência, que mantém os ponteiros estabilizados, mesmo com motor ligado, tentei varias vezes tentar regular o que eu tenho mas não funcionava direito, ele enferrujou por dentro e não estava tão eficiente quanto novo, as vezes contanto abria e demorava pra voltar, ou não abria o contato. Muito legal esse achado! Devia ser a coisa mais barata, pequena e funcional que existia na época!
  13. Boas Novas pessoal, fiz alguns testes com o LM1810 e ele aguentou o tranco mesmo com o tanque cheio, ele está regula a tensão para 9,8V. Tive que ajustar o painel para trabalhar com os 9,8V (10V) pois tinha mexido antes para funcionar com 12V, fiz ajustes também no sensor de nível (boia), levantando ou diminuindo os limitadores: Levantando a boia ate o limite ajustei o limitador até marcar tanque cheio. (fiz o mesmo abaixando ate o limite para marcar tanque vazio, mas esqueci de tirar foto) Desmontei todos os componentes do regulador novo que eu comprei (que não funcionou) e coloquei o LM7810 dentro na carcaça do regulador para servir de dissipador. Nos testes o LM7810 não esquentou muito. Andei com o carro é agora está marcando corretamente sem variar a leitura conforme a rotação. Outro detalhe e que o marcador de temperatura quando estava funcionando com os 12v com motor quente ele marcava quase no máximo, mesmo o motor não estando superaquecido. Agora ele quase chega no meio, o que me faz acreditar que o painel realmente funciona com 10V. Espero que o LM7810 aguente o consumo dos medidores, minha medição do consumo do painel não foi precisa pois meu multímetro está com problemas. Enfim espero que o problema esteja solucionado, e que o LM7810 não queime Obrigado pelo ajuda de todos!
  14. Na verdade o marcadores tanto de Temperatura quando de combustível, são resistências enroladas em volta de laminas bimetálicas, que fazem os ponteiros moverem, de acordo com a resistência dos sensores de temperatura e combustível, ou seja com o tanque cheio a resistência da boia diminui fazendo o ponteiro de combustível subir. Então eles devem consumir algo de 2A, certeza que não tem nada em curto, pois com o estabilizador antigo ele funciona, mas varia a leitura conforme a rotação do motor, por causa da variação da tensão, já que o estabilizador antigo não está funcionando. Edit: A primeira vez eu testei com o LM7810 eu tinha feito a ligação invertido e acho que deve ter estragado o LM7810, por isso não tinha dado certo, refiz o teste com um outro LM7810 e ele entregou 10V estabilizado para o painel, porém como tem pouca gasolina no tanque a corrente consumida pelo painel é pouca, agora não sei se irá aguentar quando o tanque estiver cheio e a temperatura estiver alta, pois a corrente irá aumentar. Caso o consumo do painel ultrapasse 1A, existe alguma forma de aumentar a corrente de saída do LM7810? Pensei nesse esquema que tinha achado, e substituir o LM7812 pelo LM7810, só que acho esse esquema ficaria um pouco grande, alguém tem ideia de algum esquema para aumentar a corrente de saída do LM7810 mais simples que essa? Obrigado a todos pela ajuda!
  15. Refiz a montagem do esquema do Mestre88 mantendo o diodo, agora ele está funcionando, medindo no multímetro regula a tensão em 12V (provavelmente errei alguma etapa da montagem anterior) mas ao ligar no painel a tensão cai para 2v. Ricardo, na verdade cheguei a conclusão de que ele funciona com 10V, o primo próximo do Chevette o Opala, a tensão dos marcadores é de 10v. Um usuário do fórum Opaleiros do Paraná (Link do topico) teve mesmo problema e resolveu usando um LM7810, também alguns Gols, Passat utilizam estabilizadores com saída 10V.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×