Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

gandalfnho

Moderadores
  • Total de itens

    22.607
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

393

5 Seguidores

Sobre gandalfnho

  • Data de Nascimento 21-07-1974 (44 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Novo Hamburgo - RS
  • Sexo
    Feminino

Outros

  • Ocupação
    Programadora
  • Interesses
    Programação, Jogos de PC
  1. Promoção de Volta às Aulas no GOG, incluindo Flash Deals e títulos no Connect.
  2. The Waylanders é um RPG de fantasia da desenvolvedora espanhola Gato Salvaje, que tem como parte de sua equipe Mike Laidlaw, ex-diretor creativo da Bioware responsável por Dragon Age: Origins. Combate em tempo real com uma opção de pausa tática, ele pode ser jogado na clássica visão isométrica vista de cima, mas também pode ser mudada para a perspectiva em terceira pessoa. Apresentando criação de personagens única e um conjunto massivo de 36 classes de personagens baseadas em seis classes básicas e 30 mais avançadas significa que cada estilo imaginável de jogo pode ser acomodado. Sua oferta mais inovativa é a introdução de formações onde personagens irão combinar em formações ofensivas permitindo táticas de combate mais aprofundadas e habilitando aos jogadores jogar o jogo do seu jeito. Características: * Combate em tempo real com pausa tática, criação de personagens e 36 classes (6 básicas e 30 avançadas) * Jogado em visão isométrica vista de cima que pode ser mudada para a perspectiva em terceira pessoa * Inspirado por RPGs como Dragon Age: Origins e Neverwinter Nights 2 * 12 diferentes formações de combate (2 por classe) onde jogadores unem personagens para prover opções variadas e técnicas de combate The Waylanders está em desenvolvimento para PC e previsto para o primeiro trimestre de 2020.
  3. Vídeo de gameplay mostrado durante a Quakecon 2018:
  4. Vídeo de gameplay mostrado na Quakecon 2018:
  5. Preparem as carteiras, a promo de verão do Steam começou e vai até 5 de julho,
  6. CD Project Red revela mais detalhes sobre o seu jogo de role play retro futurista. Cyberpunk 2077 era um dos jogos mais aguardados para esta E3. Revelado finalmente na conferência da Microsoft, desde então que o estúdio polaco CD Project Red tem vindo a adiantar um conjunto de detalhes e características do seu jogo. Ao site Gamespot, a produtora fez saber que o sistema de role play será mais aberto do que um role play com sistema de classes tradicional. As habilidades serão modeladas à medida que progredimos. Por outro lado o jogo está desenvolvido como um jogo de role play na primeira pessoa. Os produtores referem que o jogo não é um shooter mas um jogo de role play. Um produtor responsável pela arte assegurou que a história é muito próxima do cinema negro, inspirado no clássico de ficção científica Blade Runner. O jogador assumirá o controlo de V, um mercenário da perigosa e violenta metrópole Night City, num futuro que é disputado por diferentes corporações empresariais. Será possível definir o seu género, aparência e dados históricos através de um potente editor de personagens. O combate envolverá armas mas terá uma componente corpo-a-corpo muito grande. A equipa aprendeu imenso com The Witcher 3 e tirou daí algumas premissas para o novo jogo, embora seja difícil regular tudo para a primeira pessoa. Haverá três tipos de armas, uma poderosa capaz de produzir imensos danos, e outras tecnologicamente mais avançadas e capazes de penetrar em coberturas. Por fim, haverá armas inteligentes, com mecânicas de aproximação e reconhecimento. Será possível conduzir motas e carros, mas ainda são escassos esses detalhes. O estúdio refere que Cyberpunk decorre numa cidade fictícia, como uma Califórnia do futuro, com bairros diferentes e muita diversidade para que não seja aborrecida a exploração. Se o mapa de The Witcher era muito horizontal, desta vez haverá verticalidade. Por fim, a CD Project Red comentou ainda o sistema de missões. As principais terão um arco extenso, que levarão horas até serem cumpridas. Nelas será possível obter experiência e créditos, enquanto que as missões secundárias darão apenas créditos que poderão ser afectados à compra de materiais e coisas. Os diálogos estão carregados de escolhas que afectarão o rumo dos acontecimentos a longo prazo. Fonte: Eurogamer PT
  7. Dying Light 2 foi anunciado oficialmente durante a conferência da Microsoft na E3 2018. O título terá diversas mudanças em comparação com seu antecessor, sendo o principal as escolhas que você faz e como essas escolhas afetam seu mundo.
  8. Anthem é a nova aposta de jogo online cooperativo da EA em parceria com a BioWare, conforme anunciado em sua apresentação EA Play pré-E3 2018. O cenário é futurista e coloca os jogadores para controlar personagens entre quatro possíveis classes, com missões cooperativas e tiroteio em terceira pessoa. Há a possibilidade de se unir com outros players em diversas tarefas, bem como participar de grandes grupos de caça. A ideia é que Anthem seja um mundo vivo e adaptado, conforme se evolui na história. O título será lançado em 22 de fevereiro de 2019, para PS4, Xbox One e PC. O primeiro trailer completo e oficial foi focado em seu enredo. O vídeo mostra uma ameaça que pode destruir todas as raças, enquanto "o Anthem é a única coisa que se mantém", ainda que não saibamos do que se trata, exatamente. É neste cenário que a humanidade tenta se manter, construindo equipamentos e desenvolvendo habilidades para poder lidar com os monstros e outras ameaças. Apesar de ser online e multiplayer, Anthem não terá modo competitivo quando chegar - isto é, de jogador contra jogador - algo que deve vir apenas em atualização futura, ou lançamento similar. O objetivo é que todos realmente cooperem em suas missões, construindo o mundo online do jogo, conforme avançam. Apesar de ter elementos de RPG, ser em terceira pessoa e se passar no futuro, Anthem não tem relação com Mass Effect, outra série da EA e também da mesma produtora - a BioWare. Por conta disso, os players não devem esperar por elementos de interpretação, escolha de diálogos e nem mesmo opção de romance com personagens do computador, algo comum em Mass Effect, como um todo. As classes são chamadas de "Javelin", como uma categoria de guerreiro. Mas nem todas foram reveladas, ainda. As já conhecidas são Colossus, com grande poder de ataque; e Ranger, com ataques de distância e tiros. As outras duas, Interceptor e Storm, não tiveram suas habilidades detalhadas, mas podemos imaginar que elas terão poderes bem distintos das duas já confirmadas. Fonte: TechTudo
  9. Rico Rodriguez retorna em Just Cause 4, título que chega em 4 de dezembro ao PS4, Xbox One e PC (Steam). O quarto jogo permanece como um mundo aberto, dessa vez com inimigos mais inteligentes e um gameplay com uma física aprimorada.
  10. O anúncio de The Elder Scrolls 6 foi feito pelo diretor da Bethesda, Todd Howard, acompanhado por um curto teaser e nenhuma informação extra a respeito do game. O vídeo mostra apenas um vasto mundo medieval, enquanto pode-se ouvir uma música que remete ao clássico tema de The Elder Scrolls 5: Skyrim. O game foi apresentado em um trecho da conferência da E3 2018 em que Todd Howard apresentava títulos da Bethesda que estão em desenvolvimento, mas não têm uma janela de lançamento estimada para breve.
  11. Durante sua conferência na E3 2018, a Bethesda anunciou um título futuro, sem previsão de lançamento. Starfield, como foi chamado, será um jogo singleplayer para a próxima geração de consoles e se passará no espaço.
  12. A franquia de Wolfenstein ganhará um novo capítulo com Youngblood. O jogo, que chega em 2019, se passa em Paris, em 1980, e as protagonistas são as filhas gêmeas de BJ, o herói de The New Colossus Fonte: Techtudo
  13. Anunciado como o "shooter" com o maior mundo aberto já visto, RAGE 2 é um FPS (jogo de tiro em primeira pessoa) que se passa em um futuro distópico devastado por um meteoro que caiu e matou milhões de pessoas. O título recebeu um vídeo, onde foi possível ver um pouco do gameplay. O jogador assume o papel de Walker, o último guarda que restou, que combate facções criminosas. Walker segue instruções de um homem que ele chama de "Doutor", mas não foi dada muitas informações sobre ele. O game tem data de lançamento marcada para outono de 2019. Fonte: Techtudo
  14. A sequência do reinício de Doom existe e ela se chama Doom Eternal. O jogo foi revelado pela Bethesda em sua conferência na E3 2018, e plataformas não foram mencionadas – mas é possível que seja lançado para PS4, Xbox One e PC, ainda sem data marcada para chegar. Apenas um primeiro trailer foi apresentado, mostrando que o inferno chegou à Terra, liberando os mais diversos demônios para que o jogador lide, em um cenário verdadeiramente desolado. A Bethesda promete revelar mais durante o evento QuakeCon, que acontece em agosto, nos EUA. Vale mencionar que o trailer exibido não revelou jogabilidade, apenas uma cena em computação gráfica, demonstrando o mundo desolado pelas forças infernais. Contudo, é possível notar que diversas criaturas do game de 2016 estão de volta. Fonte: Techtudo
  15. Trailer do DLC Mooncrash:

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×