Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

eugeniovalenca

Membros Plenos
  • Total de itens

    13
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

0

Sobre eugeniovalenca

  • Data de Nascimento 25-05-1965 (53 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Rio de Janeiro

Outros

  • Biografia
    Analista de Sistemas, Programador VB.NET, Vivencia na área de softwares e hardware
  • Ocupação
    Petrolifera
  1. Tem que resetar a Bios. Eu prefiro remover a bateria, remover os cabos de força conectados a placa-mãe e esperar no mínimo 10 segundos com tudo desconectado, para depois ligar a bateria e os cabos de força de volta. Se não funcionar, tente novamente este processo. As vezes tem que resetar varias vezes para funcionar.
  2. Coloca um Cooler Hoopson SU-COOL 190. Ele tem fluxo de ar de 40 CFM, é silencioso e possui 2 ventiladores grandes, garantindo a refrigeração. Tenho 3 PCs que umam estes coolers aqui em casa e só me arrependo de não ter comprado antes. O preço também é bem abaixo de um Watercooler e acho que é mais garantido do que um Watercooler, pois eu perdi meu último assim PC depois que meu Watercooler da Coolermaster queimou e deu superaquecimento.
  3. Aqui eu montei um Ryzen 1800x com DDR44 3000 Corsair CMK8GX4M1D3000C16, placa-mãe GA-AB350M-Gaming 3 e ficou Top. Mas tem que ir na Bios e definir o perfil XMP para a memória poder funcionar na velocidade correta, pois de saída ela vai funcionar como 2133. Quanto a placa de vídeo a minha é uma Radeon RX580 4GB, que a principio está show de bola.
  4. O site do fabricante da placa-mãe fala que a sua CPU é compatível (CPU List).
  5. Pode ser um dos problemas a seguir: 1 - A bateria pode ter zerado e as configurações de fábrica aparecem sempre que você inicia o PC (veja se a data é de 2013 ou antiga) se for o caso, troque a bateria e insira a data correta na bios. 2 - O Sistema operacional bugou ou algum drive parou de funcionar. para isso entre no modo de segurança e tente restaurar o computador (ligue o computador apertando F8 varias vezes até aparecer um menu e escolha modo de segurança). Na tela do windows no modo de segurança (caso você consiga entrar) siga os seguintes passos: Clique no menu Iniciar > Todos os programas. Em seguida, vá em Acessórios > Ferramentas do Sistema > Restauração do Sistema e clique em Avançar. Aguarde o processo (o computador será reiniciado). Tomara que funcione.
  6. Vá em iniciar, executar e digite: CMD Vai abrir a velha tela do DOS no exemplo a seguir eu vou criar um drive virtual Z: para a seguinte pasta: C:\Teste Então basta digitar na tela do DOS a seguinte frase: subst z: c:\Teste e Pronto a unidade vai estar montada como Drive Z: Para desmonta a unidade basta digitar o seguinte comando na janela CMD. subst z: /d É bem simples Espero ter Ajudado
  7. Na versão Office 97, que tem alguns recursos a menos a as versões mais atuais (mas na é praticamente a mesma coisa), você tem a opção de utilizar o utilitário da microsoft "OFFICE ODE TOOLS", onde ele cria um pacote de instalação executavel como se fosse um programa comum. A distribuição do pacote de instalação criada pelo Office ODE Tools é FREE, ou seja livre de direitos autorais. Na pratica o Office ODE Tools para Office 97 instala uma versão muito enxuta do Access na maquina de destino, juntamente com o mdb, criando atalho no menu iniciar e tudo mais. O instalador é personalizavel, podendo você escolher o icone do programa, titulos, controles ocx e dlls dependentes (caso você queira usar controles externos) e muito mais. Ou seja, você programa em access, pode usar controles externos e distribui sua aplicação normalmente sem deixar nada a dever para os desenvolvedores VB ou Delphi. Veja em http://support.microsoft.com/kb/169813/pt-br as regras para utilização deste aplicativo.
  8. 1 - Vá no computador que está instalado o Windows Vista 2 - Abra o painel de controle e clique em "Centro de Rede e Compartilhamento" 3 - Ative a opção "Descoberta de rede" 4 - Desative a opção "Compartilhamento protegido por senha" 5 - Compartilhe um drive ou pasta no Windows Vista. 6 - Voltando ao painel de controle, vá em "Ferramentas Administrativas" 7 - Selecione "Gerenciamento do Computador" 8 - Clique em "Pastas Compartilhadas" 9 - Selecione "Compartilhamento" 10 - Clique com o botão direito do mouse no compartilhamento que contem o nome do compartilhamento (Ex: C, D, E etc...) e selecione propriedades 11 - Vá na guia segurança 12 - Verifique se em "Nomes de grupo ou de usuários" está listado o grupo "Todos". Caso sim, selecione "Todos", e nas permissões pra "Todos" marque todas as opções (menos a opção "Controle Total"). 13 - Caso o grupo "Todos" não esteja listado será necessário inclui-lo, para isso basta clicar em "Editar" e na tela que se abre acione o botão "Adicionar" / Avançado / "Localizar agora" e na lista selecionar "Todos", certificando-se que as opções de acesso (menos o acesso total) estejam marcadas.
  9. 1 - Vá no computador que está instalado o Windows Vista 2 - Abra o painel de controle e clique em "Centro de Rede e Compartilhamento" 3 - Ative a opção "Descoberta de rede" 4 - Desative a opção "Compartilhamento protegido por senha" 5 - Compartilhe um drive ou pasta no Windows Vista. 6 - Voltando ao painel de controle, vá em "Ferramentas Administrativas" 7 - Selecione "Gerenciamento do Computador" 8 - Clique em "Pastas Compartilhadas" 9 - Selecione "Compartilhamento" 10 - Clique com o botão direito do mouse no compartilhamento que contem o nome do compartilhamento (Ex: C, D, E etc...) e selecione propriedades 11 - Vá na guia segurança 12 - Verifique se em "Nomes de grupo ou de usuários" está listado o grupo "Todos". Caso sim, selecione "Todos", e nas permissões pra "Todos" marque todas as opções (menos a opção "Controle Total"). 13 - Caso o grupo "Todos" não esteja listado será necessário inclui-lo, para isso basta clicar em "Editar" e na tela que se abre acione o botão "Adicionar" / Avançado / "Localizar agora" e na lista selecionar "Todos", certificando-se que as opções de acesso (menos o acesso total) estejam marcadas.
  10. Tive o mesmo problema com um hd maxtor. consegui ligar ele pra recuperar os dados. Quando agente consegue acessar os dados pensamos que podemos voltar no HD quantas vezes quisermos sem perigo de consequencias desastrosas, mas... Tente recuperar os dados e depois jogue esse HD no Lixo. Se tentar ligar ele continuamente ele vai derreter a interface de conexão do cabo de força, saindo fumaça e provocando fogo no dispositivo. Por isso muito cuidado. Se quiser tentar ressussitar seu HD, tente seguir os seguintes passos: Tente jampear ele para velocidade de 1.5 ao invés de 3.0. Tente iniciar o computador. Caso não consiga sucesso tente outra alternativa abaixo: Na etiqueta do HD veja os atributos do hd e anote num papel. Inicie o computador e entre na bios antes de qualquer coisa e veja se os atributos do HD estão listados e tente desabilitar qualquer atributo que esteja ligado a velocidade de acesso, alterando o atributo para um valor mais baixo do que o default. Se não funcionar então só mesmo levando em um laboratório especializado. Mas mesmo assim tome cuidado com a possibilidade do hd torrar. fique com o dedo no gatilho pra desligar diretamente na tomada a qualquer sinal de emergência. E por fim: não compre mais maxtor.
  11. Tenho um teclado e uma bateria eletronica Yamaha. No teclado eu uso a interface Mid-In e Mid-Out para gravar ou enviar informação do teclado. Para que você possa fazer isso é necessário comprar um "Cabo Adaptador Interface De Audio Midi X Usb Conector In Out" que pode ser encontrado em lojas de Audio Profissional ou no Mercado Livre. O preço médio está em torno de R$ 30,00 e acredito que deva funcionar em seu aparelho.
  12. RESPOSTA: Se seu notebook tiver interface e-Sata então você poderá comprar uma case com conexão e-Sata para ter desempenho compativel com um HD instalado. Caso contrario você poderá conectar via USB 2.0 com desempenho menos, mas mesmo assim acredito que o desempenho é satisfatório para a maioria absoluta das utilizações (copia de arquivos grandes inclusive). Se desejar comprar o HD de 160, recomendo adquirir uma case que custa em media R$ 25,00 para ao menos aproveitar o HD de 80 GB que você poderá substituir pelo de 160 GB. Entretanto não recomendo você comprar o HD de 160 GB. compre o de 250 GB que está praticamente o mesmo preço. Veja alguns exemplos de preço no site boadica (www.boadica.com.br e clique em pesquisa de preços). Acho que o HD de 250 está em torno de R$ 115,00 (para notebook) e a case R$ 25,00. Caso você opte por não trocar o HD interno e sim comprar uma case veja minhas orientações abaixo, pois tenho uns 5 HDs externos em minha casa e gostaria de passar um pouco de minha experiencia na compra desses dispositivos. DICAS: Não compre HD Externo Já pronto (N U N C A). Mesmo que seja da melhor marca, da melhor entre as melhores (exeto os feitospelo proprio fabricante do HD)... Um HD Externo nada mais é do que o HD em si com uma plaquinha que serve como mera interface entre o HD e o computador (CHAMADA CASE). Portanto 99% do Hardware é o HD e não a Case. Portanto não se iluda com HDs Externos da IOMEGA, da Leadership entre outras. Só compre se for do proprio fabricante do HD e que lhe de a garantia do proprio HD. Falo isso porque comprei um HD IOMEGA, paguei o olho da cara pensando que estaria livre de problemas (pois um HD para Backup o que vale é a segurança dos dados), pois bem, com um ano e meio de uso ele pifou de forma brutal, instala sem parar e não oferece acesso aos dados. A Iomega me deu um ano de garantia, mas o HD que vem dentro é um Wertern Digital com 3 Anos de garantia se eu tivesse comprado separadamente e montado em uma case propria. Resumindo, Comprei o HD Externo da IOMEGA (que na verdade é Western Digital) muito mais caro e com a garantia 3 vezes menor por este estar enquadrado como compomente manufaturado para terceiros. Existem HDs Externos da Propria Samsung com 5 anos de garantia, da Propria Western Digital com 3 Anos de Garantia (Esses eu recomendo, ou então compre o HD em separado e uma case em separado e basta pedir para a pessoa que te vendou a Case montar ela, eles fazem isso de graça). Assim você vai ter um HD com 3 ou 5 anos de garantia do fabricante. Agora estou sem meu HD, mas com uma grande lição. JAMAIS COMPRAR HD EXTERNO QUE NÃO SEJA DO FABRICANTE, ou se eu precisar, compro a case em separado com o HD em separado (que ai sim vou ter 3 ou 5 anos de garantia no HD). Recomendo que se for HD com tomada (o de 3.5"), você compre uma case (gabinete do HD) com ventilador (sem ventilador ele vai acabar queimando (é batata)). Se você optar pelo HD de notebook (2.5") que apesar de ser mais caro é o que eu recomendo, pois por ser para notebook ele foi desenvolvido para resistir mais achoques e a maiores temperaturas e também por seus componentes aquecerem menos, aconselho comprar cases feitas em alumínio. Alguns fatores podem influenciar a sua compra (entre o modelo de 3.5" ou o de 2.5"). Se for para uso como drive de segurança ou espelhamento onde ele ficara sempre em uma mesa ou local fixo, eu aconselho o de 3.5", pois você poderá comprar os HD maiores de até 1.5t de capacidade por preços mais acessiveis. Se for para uso movel, para usar como um pendrive, aconselho sem duvida o de 2.5", que apesar de ter um custo relativo capacidade/preço um pouco maior, é o drive que com certeza não irá lhe dar dor de cabeça para esse tipo de utilização. Mas fique ligado também nas interfaces de conexão das cases que você irá comprar: Existem as com conexões: - USB 2.0: que são rapidas mas com velocidade inferior a dos HDs instalados diretamente na placa mãe. - e-Sata: tem velocidade praticamente igual as de um HD instalado diretamente na placa mãe, entretanto você tem que ver se seu computador tem esse tipo de porta (é uma porta parecida com uma porta USB um pouco mais fina e mai comprida) - IEE1344 - FireWire: é a menos usual mas tem desempenho superior as USB 2.0. é a mesma porta utilizada pelas filmadoras digitais. HDs que eu recomendo: SEAGATE ou SAMSUNG (qualquer modelo). Western Digital é minha terceira opção (apesar de ter tido um queimado com um ano de uso ela dá 3 anos de garantia nos seus HDs). Maxtroo: dizem que foi comprada pela SEAGATE e também tem 3 anos de garantia, mas pela minha experiencia eu jamais voltarei a comprar essa marca, pois já tive 3 HDs queimados (torrados mesmo - de sair fumaça). Cases que eu recomendo: Cases de 2.5: Estou usando sem problemas continuamente as cases da Maxtro modelo Lagace 2500 e uma case da marca Wise Modelo WSCG-0252-W-SK ambas e-Sata e em alumínio. Cases de 3.5: Eu recomendo a case da Maxtro com ventoinha modelo S3500 ou similar (Sempre com ventoinha). Fonte(s): USO com frequencia diversos drives usb externos.
  13. No manual (inclusive em poster neste site), falam que essa impressora não se dá muito bem com papel glossy. Tente ver no manual o papel mais adequado para esse tipo de impressora.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×