Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

97lcoutinho

Membros Plenos
  • Total de itens

    70
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

9

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Barra da Tijuca/RJ
  • Sexo
    Masculino
  1. @Sérgio Lembo Por um motivo simples! Terei duas fontes ligadas ao mesmo tempo, gastando luz e seus componentes para nada. Digo para nada porque tenho uma bateria nesse circuito, ou seja, se falhar a bateria irá sustentar. É muito mais eficiente eu manter uma fonte Full Time ON e outra desligada que quando ocorrer algo com a primeira o circuito será alimentado pela bateria e logo em seguida a segunda fonte irá entrar no circuito.
  2. Desculpa, eu esqueci de comentar que estava fazendo o esquema. kkkk Não reparem porque de fato é um rabisco feito no paint. Mas observem como funcionará a redundância!! Observe ainda que do jeito que está conectado, ainda que a fonte 1 pare de funcionar o relé que "monitora a fonte 1" e irá desarmar quando ela desligar, fazendo com que ela ligue a fonte 2, na verdade NUNCA IRÁ DESARMAR porque está retornando energia da bateria que alimentará o circuito. O que eu quero, é justamente algo que não permita que essa energia da bateria retorne para a fonte onde será ligado o relé.
  3. Sim, mas o intuito é justamente promover uma solução em que não fique caro, MESMO QUE O CONTROLADOR NÃO SEJA MUITO CARO.
  4. Não, a bateria fica alimentado o sistema automaticamente o tempo inteiro! A bateria pode ficar ligado diretamente no borne da fonte, uma vez que a fonte ficará regulada na tensão de flutuação da bateria, e também direito no borne da fonte ficará ligado um equipamento. OU seja, enquanto a fonte está ligada ela carrega a bateria e ao mesmo tempo alimenta o equipamento, se a fonte para ou faltar luz, a bateria que está ligada nesse borne continuará mantendo a energia no sistema. Sim, na realidade, quando essa fonte estiver funcionando o relé estará ativo, ou seja, C ligado no N. Aberto, quando essa fonte desliga, ela não mais alimentará o relé, então ele muda para C ligado no N. fechado, e nesse pino será ligado uma outra fonte, que então irá ser ligada (até o momento estava desligada pois não tinha AC chegando nela). Ela vai ficar ligada direto no borne da fonte sim, mas sem lâmpada!! E sim, 13,8v é a tensão de flutuação e carrega a bateria corretamente! Isso está escrito no manual da bateria! Essa tensão (segundo o manual) é a tensão máxima de carga que a bateria suporta e NÃO PODERÁ FICAR LIGADA NA BATERIA APÓS A CARGA COMPLETA.
  5. @aphawk Pode me dar uma dica do caminho certo Paulo? Estou precisando. O único motivo de por o diodo é que antes da bateria, ligado a fonte, haverá um relé para caso a fonte pare de funcionar esse relé irá acionar uma sirene ou algo assim. Se fizer a ligação direta, o relé nunca acionará porque a energia voltará da bateria em direção a fonte (onde está ligado o relé) não permitindo que o mesmo acione.
  6. @Tito Fisher Obrigado pela ajuda. Mas reformulei minha questão, refiz as contas, e cheguei ao resultado de 10ah. Mas agora o grande problema é que a fonte é de 13.8v, com a queda de tensão média do diodo no outro lado chegará 12.46v, insuficiente para carregar a bateria. Então eu preciso de um diodo que permita a passagem de 10ah no mínimo e que tenha a menor queda possível.
  7. Eu vi o datasheet e parece que esse diodo "consome" 0.67v por perna, ou seja, 1,34v para o que eu preciso é muito! Vou utilizar a bateria conectada a fonte regulada na tensão de flutuação, geralmente 13.8v, se eu colocar esse diodo no outro lado chegará 12.46v, o que é insuficiente para o carregamento da bateria na sua tensão de flutuação.
  8. @rjjj Ok. Mas como vai ser instalado em PCB, não posso utilizar o diodo de rosca. Também não poderei utilizar o diodo para alternador de carro sugerido. Novamente eu pergunto, esse aqui: https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-1001650312-diodo-schottky-15sq045-15a-45v-painel-solar-kit-8-pcs-_JM pode ser utilizado?
  9. Apenas para teste comprei dois diodos na loja aqui perto de casa, o mais potente que eles tinham é de 6A, modelo 6A10. Comprei dois, posso liga-los em paralelo para obter 12A de corrente total? Fluindo 6A em cada um deles? Obrigado.
  10. Excelente! Mas que enviei o link no ML, serve? Diz que ele é para placa solar, mas poderia ser utilizado para essa aplicação? Obrigado!!
  11. Boa tarde Pessoal, estou com a seguinte dúvida: Preciso de um diodo (ou algo que assuma o mesmo papel) que não permita que a tensão retorne. Esse circuito deverá permitir a passagem de corrente entre 10ah - 15ah, e 13.8v. Existe algo além de diodo para essa função? Qual diodo eu poderia utilizar? Estive olhando esse diodo aqui, mas não sei se poderia utiliza-lo em paralelo para passar mais energia por eles. Ps.: esse componente não pode "rouba" muita energia porque a tensão de flutuação da bateria não é muito abrangente, geralmente fica entre 13.5v - 13.8v. Grato pela atenção de todos.
  12. Agradeço muito a ajuda de vocês!! Não resta mais dúvidas.
  13. Ahhhh, acho que entendi!! Vê se é isso: Nesse caso eu não preciso colocar, já que vou utilizar DPS. Correto? Esse componente servirá para caso ocorra algum problema na parte DC 12v, tipo uma sobrecarga de energia (por parte até mesmo da própria fonte e tal). Já esse componente (que poderei utilizar entre as linhas DC 12v e 0v, além das linhas de vídeo) visa proteger o sistema caso haja uma descarga elétrica vindo da fiação da câmera em direção a placa, ex: raio. Só mais uma pergunta... Como você mesmo falou, o terra do poste é diferente do terra da fonte porque ela isola o terra internamente e com isso o referencial de 0v é diferente. A pergunta é: se houver a queima da fonte de alimentação, a linha GND que sai da fonte e vai para a PCB não mais existirá, correto? Porque a fonte está com defeito e não mais fornece as linhas 12v e 0v, então, o varistor não tem mais referencial de 0v!! Certo? Mais uma vez eu lhe agradeço muito pela atenção!!
  14. Excelente explicação! Obrigado pela atenção!!! Bom, de fato, se houver algum raio nas proximidades do cabeamento será difícil de dissipar a tensão induzida com essas proteções. Com relação a rede elétrica, acho que essa sim será a minha maior preocupação! Mas quanto a isso planejo colocar um DPS nos dois polos AC e com aterramento próprio! Creio que será suficiente, além claro de aterrar a carcaça do DVR. Vou acabar colocando apenas dois varistores nessa minha placa! Uma ligando o +12v no aterramento e outra ligando o GND no aterramento também! Sei que isso seria uma redundância, mas como não impactará em nada, creio que é bem vinda essa redundância. Grato pela atenção.
  15. @K.e.V. T.a.G Muito obrigado pela sua resposta!!! Segue em anexo uma imagem que mostra mais ou menos a minha ideia. Vou utilizar um cabo de rede UTP, e como são vários cabos juntos, será que preciso aterrar todos? Ou aterrando apenas aqueles que passam energia já seria o suficiente? Alias, o meu foco, é na parte elétrica do esquema! No caso, quero proteger a linha +12v e GND para caso ocorre um surto na rede elétrica ( o que seria mais provável do que um raio caindo numa câmera de vigilância e retornando energia pelo cabo da mesma) e esse surto passe pela proteção e aterramento da fonte (geralmente essas fontes são da China) que o surto não chegue até a câmera e seja aterrado nessa PCB organizadora. Esse é o maior intuito! Observe que quando se trata de energia só há duas veias, uma de GND e outra de +12v ligando todos os respectivos bornes em comum, então, acredito que no caso de utilização desse varistor, irei colocar um em cada uma dessas duas veias as conectando no aterramento, correto? Agradeço muitíssimo sua atenção!!!

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×