Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.

OCCT

Membros Plenos
  • Total de itens

    951
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

561

1 Seguidor

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Fortaleza/CE
  • Sexo
    Masculino

Meu PC

  • Processador
    Intel Xeon E5-2680v2 2.8ghz deca-core
  • Cooler
    Raijintek Evo 120mm
  • Placa de vídeo
    GT 710 2GB GDDR5 32 bits ( temporária )
  • Placa-mãe
    Asus P9x79 LE
  • Memória
    8GB DDR3 1886mhz single channel
  • HDs
    1TB Seagate, 400 GB Seagate
  • Fonte
    XFX 600 W 80 plus
  • Headset
    Sony
  • Monitor
    LG IPS LED 22MP55 21 pol
  • Sistema Operacional
    Windows 10 1803 64 bits
  • Browser
    Chrome, Firefox, Edge, Internet Explorer
  • Antivírus
    Kaspersky Internet Security

Meu Notebook

  • Modelo
    Samsung
  • Tamanho da tela
    14 pol
  • Processador
    E1-1500 1.5ghz dual-core
  • Chip gráfico
    HD 7310 512MB DDR3
  • Memória
    4GB DDR3 1333mhz
  • HD
    500GB 5.400 rpm
  • Sistema Operacional
    Windows 10 64 bits 1709
  • Browser
    Chrome, Firefox, Edge
  • Antivírus
    Kaspersky
  1. @Lost Byte O problema é que i3 8350k 4C 4T está muito caro, acima de 800 reais, enquanto encontramos R5 1600 6C 12T por 785 reais, qualquer coisa é possível fazer overclock nele na faixa dos 3.7 ~ 4ghz e usar DDR4 em maiores frequências ganhando mais fps e emuladores. Aqui no CDH temos a liberdade de compartilhar experiências, ajudar os outros, tirar dúvidas, como já afirmei usei um Xeon v1 e Xeon v2 no Windows 10 1803 com todos os updates, postei até testes em um tópico e os Xeons em stock e overclock não tem diferença nenhuma em desempenho prático e benchs que estressam cpu para com antes dos patchs. Cada hardware específico pode apresentar resultados diferentes em cenários distintos com esses patchs que corrigem os bugs das variantes, no meu caso não.
  2. @Flávio Santana Lima Com certeza recebe apoio financeiro com suporte do software e não é ilegal, Nvidia oferece ferramenta na linguagem CUDA nos programas e ferramentas gameworks nos estúdios de jogos, não é só na Adobe estou comentando em um aspecto global e real do mercado com a grana que Nvidia tem poderia comprar não só Adobe, mas também outros estúdios de programas e jogos. Os desenvolvedores de software poderiam muito bem usar Open CL e de jogos GPU Open, os dois a Nvidia também pode ter acesso, pois são opensource, já usando ferramenta/linguagem proprietária da Nvidia os outros concorrentes Intel/AMD não tem acesso, tem que fazer engenharia reserva para lançar drivers, que demoram mais tempo devido a isto e nunca saem com desempenho bom das Geforce, alguns programas ainda saem bugados com é o exemplo dos da Adobe. Antes do Open CL ser lançado a Nvidia já tava dominando a maior parcela de mercado e depois dele mesmo com o suporte inicial da AMD não surtiu efeito se você dar uma pesquisada pelo menos 70% dos jogos usam gameworks que é código fechado e a maior parte também usa CUDA que também é código fechado, prejudica indiretamente não só a AMD, mas também Intel. Agora a Intel usando placa gráfica integrada Radeon vai movimentar o mercado de software nessa otimização de gpus, os desenvolvedores vão se interessar em otimizar para Radeon e eu não sei se tem algum tópico referente os futuros processadores Intel com RX Vega? tem? Vai sair algum Coffeelake com RX Vega integrada?
  3. @Contiusa As duas coisas, na verdade: + desempenho com funcionar perfeitamente. Os desenvolvedores da Adobe usam linguagem Cuda da Nvidia ao invés de Open CL que é open source e funciona bacana em Radeon e Geforce, mas explora os Tflops a mais e arquitetura das Radeon e o motivo de usarem linguagem CUDA é apoio financeiro da Nvidia, já por parte da Intel eu acredito que é desinteresse mesmo, a AMD com os FX perdeu espaço não só no mercado de hardware, mas também nos de programas, mesmo com Ryzen a Intel ainda tem por grande vantagem a maior parcela de mercado, com o tempo com certeza vão otimizar para Ryzen por eles estarem vendendo bem, não dá tanto trabalho quanto seria se eles tivessem feito para os FX.
  4. @Contiusa Quem for usar adobe é obrigado ir de Intel ou Nvidia para ter mais desempenho, o motivo é falta de otimização para hardwares AMD, os desenvolvedores poderiam muito bem implementar por ferramenta open source otimizações nestes programas e o motivo provavelmente deve ser parcerias com as gigantes ou desinteresse dos desenvolvedores. O povo com essa pressa para atualizar, usei aqui o Windows 1803 e todas as atualizações até maio em um Xeon 2680 v1 e Xeon 2680 v2, nunca tive problemas com desempenho, travadas nem nada, já testei o cinebench r15, r11.5 e cpuz, tá a mesma coisa e para ser sincero usando um novo perfil de energia que é o "desempenho máximo", aumentou um pouco as pontuações neles.
  5. Eu nem colocaria GTX 1070, provavelmente o i5 7400 vai dar gargalo, melhor você pegar GTX 1060 6GB.
  6. Talvez a Intel lance esse octa-core na mainstream e venda pelo preço do 2700x, reduzindo o preço do i7 8700k( otimista ), na verdade ainda sou cético em um octa na mainstream superior em multi-threading um i7 6900k ou i7 7820x e muito menos, ao R7 2700x, no single core pode até ser, mas para ter "multi" semelhante à eles teria que ter o clock all core iguais os deles, já que o ipc tem apenas 5% de diferença, onde vai caber nesse die um octa da Intel superior os seus próprios octas da linha entusiasta(die bem maior) e os Ryzen?(análise realista): Jogos em sua grande maioria foram feitos em engines na época do DX 11 e DX9 que se beneficiam de single core forte e usam até 4 Threads, algumas delas através de update já usam até 8 Threads incluindo os quad 4C 8T, já o DX 12 usa o mesmo código do DX11 com algumas features de baíxo nível, não é api low level nativa, mas em alguns jogos apresenta bugs e fps mínimos piores que DX 11, o Vulkan sim é uma verdadeira api de baíxo nível na plataforma pcs, onde pegaram o código do Mantle e implementaram melhorias, usa mais de 8 Threads e perdendo pouca performance se usar processador de entrada dual e quad com vga forte. A api Vulkan é open source, com apoio da Intel, Nvidia ,AMD, ARM, Qualcomm, google através do Android, poucas engines são otimizadas para Vulkan, até o momento a engine idtech 6 + vulkan usada no Doom 4 e Wolfenstein 2 mostrou um bom uso de várias Threads e através dela é possível usar processadores de entrada com GTX 1080 perdendo pouco desempenho, vejam o este teste:
  7. @Atretador Ainda acho que i9 só na linha entusiasta mesmo. O meu chute é: novo chipset + um possível soquete LGA 1151 v3 + um i7 8800k.
  8. @Atretador Com esse chute ele vai bater i7 6900k e i7 7820x e se isso acontecer nada mais é que "efeito ryzen" se não fossem eles talvez ainda nem teríamos um hexa-core na mainstream e muito menos i9 com 18 núcleos na linha entusiasta.
  9. @Atretador O i7 6900k é 14nm+ usa barramento Anel se não me falha a memória, vem com clock turbo usando 1 core 4ghz será se é possível na mainstream um octa 14nm++ pelo menos com esses clocks? e não se esqueça que pelo histórico na linha mainstream, a Intel foca sempre em aumentar o clock dos processadores e/ou dar incrementos no ipc para terem mais desempenho single, mais desempenho em jogos, o estranho disso tudo é ela focar em um novo top de linha na mainstream com desempenho single inferior os tops as gerações anteriores e com certeza vai dar menos rendimento em jogos. O barramento/arquitetura do i7 7820x(skylakex) é diferente de todo o restante da linha Intel Core, ambas usam nome Intel Core, mas são arquiteturas diferentes, li um artigo no tom's hardware onde foi uma resposta da Intel ao infinity fabric da AMD.
  10. @Atretador Não estou me baseando só pelo clock base, a questão é que o i7 7820x é o melhor octa da Intel, (os Ryzen nem comento, pois tem octas melhores e mais baratos) usa a mesma litografia do suposto novo octa-core que é 14nm++ onde e o die do 7820x é bem maior, ele usando todos os núcleos alcança 4ghz all core e 4.3ghz 1 core, tecnicamente não dá para a Intel fazer algo igual ele ou melhor na mesma litografia em um die bem menor na mainstream mesmo que retirem o igpu, dá para eles fazerem um octa inferior em multithreading um i7 7820x e inferior em single ao i7 8700k , i5 8600k é aqui onde acho estranho, pois a Intel na linha mainstream sempre foca em aumentar clock para mais desempenho single, já que jogos rodam melhor em single e nessa plataforma estão presentes jogadores.
  11. @Atretador Mesmo preço e desempenho inferior ao i7 7820x?
  12. @Atretador Vamos aguardar, ainda acho improvável lançarem no mainstream um octa do nível de i7 7820x, i7 6900k.
  13. @Atretador Clocks muito baixos variando entre 1.7ghz e 2.6ghz, desse jeito não bate nem i7 5960x e muito menos i7 7820x. Ainda não sei o motivo da Intel vai lançar um octa na plataforma mainstream inferior ao i7 8700k em single e multi-thread.
  14. @Matheus Henrique_754360 Acredito que o cpu está em 100% no GTA V por ser dual-core e a gpu se for a HD 2600 XT mesmo como padrão já é usada totalmente acompanhada desse processador, pois é muito antiga.
  15. @Ian Leal Antes da placa pifar, retorna para a bios padrão.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×