Imprimir artigo
Teste da Fonte de Alimentação Zalman ZM360B-APS
03/04/2008 às 12h08min por Gabriel Torres em Testes
82.552 visualizações
Página 1 de 10

Introdução

Produto Recomendado Clube do Hardware

A Zalman tem uma linha completa de fontes de alimentação de 360 W a 1.000 W. Nós decidimos dar uma olhada no modelo mais simples, o ZM360B-APS, que custa aqui no Brasil cerca de R$ 215,00. Apesar de ser uma fonte de alimentação considerada “básica” e voltada para PCs simples, ela tem PFC ativo, uma ventoinha de 120 mm e dois conectores de alimentação para placas de vídeo, recursos normalmente encontrados em fontes de topo de linha. Mas será que esta fonte realmente pode fornecer sua potência rotulada de 360 W? Será que ela é um bom produto para o usuário médio? Vejamos..

Zalman ZM360B-APS
Figura 1: Fonte de alimentação Zalman ZM360B-APS.

Zalman ZM360B-APS
Figura 2: Fonte de alimentação Zalman ZM360B-APS.

Como você pode ver, esta fonte de alimentação usa uma grande ventoinha de 120 mm de rolamento em sua parte inferior (a fonte de alimentação está de cabeça para baixo nas Figuras 1 e 2) e uma grande grade na parte traseira onde tradicionalmente temos uma ventoinha de 80 mm. Nós gostamos desta abordagem já que ela oferece não apenas um melhor fluxo de ar, mas a fonte de alimentação também produz menos ruído, já que a ventoinha pode girar a uma velocidade menor de modo a produzir o mesmo fluxo de ar de uma ventoinha de 80  mm.

Esta fonte de alimentação tem PFC ativo, um recurso não encontrado normalmente em fontes de alimentação mais simples. O PFC oferece uma melhor utilização da rede elétrica e permite que a Zalman venda este produto na Europa (leia nosso tutorial sobre o PFC em nosso tutorial Fontes de Alimentação). No que diz respeito a eficiência, a Zalman diz que este produto tem uma eficiência mínima de 80%. Claro que mediremos isto para ver se o que o fabricante afirma é verdade. Lembre-se que fontes de alimentação mais caras têm uma eficiência de pelo menos 80%. Quanto maior a eficiência melhor – uma eficiência de 80% significa que 80% da potência extraída da rede elétrica é convertida em potência nas saídas da fonte de alimentação e apenas 20% é desperdiçada, o que significa uma conta de luz mais baixa – só para você ter uma ideia, fontes de alimentação convencionais possuem uma eficiência inferior a 70%.

O cabo de alimentação principal da placa-mãe usa um conector de 20/24 pinos e esta fonte de alimentação tem um conector EPS12V que pode ser dividido em dois conectores ATX12V.

Esta fonte de alimentação vem com cinco cabos de alimentação para periféricos: um cabo de alimentação auxiliar para placas de vídeo com dois conectores de 6 pinos, dois cabos contendo dois conectores de alimentação para periféricos e um conector de alimentação para a unidade de disquete cada e dois cabos com dois conectores SATA cada. Ela também vem com um adaptador de alimentação para ventoinhas, permitindo a você conectar qualquer ventoinha que use um conector pequeno de três pinos em qualquer plugue de alimentação padrão para periféricos.

Aqui a Zalman ZM360B-APS é um pouco diferente de outras fontes de alimentação “de marca” mais simples que vimos recentemente (Seventeam ST-420BKV, eXtream 450 W, Thermaltake PurePower 430 NP e Huntkey Green Star 450 W): esta fonte de alimentação tem dois conectores de alimentação de 6 pinos para placas de vídeo, enquanto que outras fontes oferecem apenas um ou nenhum. Além disso, este produto da Zalman tem quatro conectores de alimentação SATA, o que é perfeito para os padrões de hoje, enquanto que outros produtos que analisamos recentemente oferecem apenas dois conectores de alimentação SATA.

A única coisa que não gostamos foi a maneira como os dois conectores de alimentação para as placas de vídeo foram instalados. Em vez de usar dois cabos separados, eles são conectados juntos no mesmo cabo. Mas isto não é um problema sério para uma fonte de alimentação desta faixa de potência.

Zalman ZM360B-APS
Figura 3: Como os conectores de alimentação de 6 pinos para placas de vídeo são conectados na fonte.

Nesta fonte de alimentação todos os fios são 18 AWG com exceção dos fios usados no cabo de alimentação da placa de vídeo, que são 20 AWG (isto é, mais finos). Nós gostaríamos de ver todos os fios 18 AWG.

No que diz respeito a estética, a Zalman usou acabamento de nylon em todos os cabos e eles partem de dentro da fonte.

Esta fonte de alimentação é fabricada pela SPI Electronics e em seu site não há nenhum modelo idêntico à ZM360B-APS, o que nos leva a acreditar que este modelo é fabricado exclusivamente para a Zalman.

Vamos agora dar uma olhada em mais profundidade nesta fonte de alimentação.

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMOS ARTIGOS
432.655 usuários cadastrados
602 usuários on-line