Imprimir artigo
Teste do Teclado QuickFire XT da CM Storm
por em Testes
Última atualização:
18.804 visualizações
Página 4 de 6

Jogando com o QuickFire XT

Produto Recomendado Clube do Hardware

Sem funções programáveis, o QuickFire XT é mais indicado para jogos de tiro, que exigem menos comandos especiais e macros (que podem ser atrelados a um bom mouse para FPS, por exemplo). Em termos de estabilidade, o peso da chapa de aço e os pés de borracha deixam o teclado completamente imóvel sobre a mesa, sem fugir dos dedos nos momentos de uso mais violento..

Tenha em mente que a tecla Cherry MX Blue é bem audível; portanto, em uma partida com vários amigos em teleconferência, é bem capaz que o microfone capte o som do tec-tec-tec. Por outro lado, os cliques realmente dão a segurança de que os comandos estão sendo executados – ao apertar o G, nós já sabíamos de antemão que a granada ia voar em cima dos inimigos virtuais. O QuickFire TX é muito ágil e as teclas respondem imediatamente a um leve toque, o que torna até mesmo a digitação de longos textos menos cansativa. Por causa disso, é um bom teclado para trabalhar também.

Sentimos falta apenas de um descanso para o pulso e, principalmente, de iluminação; como todo novo teclado, é sempre preciso conferir onde estão algumas teclas, e muitos usuários preferem jogar com luzes apagadas.

A CM Storm conseguiu fazer um teclado de 104 teclas com corpo mais compacto, ideal para usuários que querem um produto de uso misto (para trabalhar também) e que precisam de um teclado numérico, mas que não querem um trambolho que ocupe metade da mesa.

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMOS ARTIGOS
530.124 usuários cadastrados
838 usuários on-line