Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Athlon_man

Membros Plenos
  • Total de itens

    670
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

22

Sobre Athlon_man

  • Data de Nascimento 21/06/1991 (29 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Fortaleza CE
  • Sexo
    Prefiro não dizer
  1. Foi boa em relação à integrada da APU. Não sei s recomendo pelo preço que está custando. É uma placa bem simples. A que coloquei é, na verdade, do meu pai, assim como as memórias extras. Dei meu desktop pra ele - e sim, ele joga bem mais que eu, tipo todo dia. O dele anterior era bem parecido, com um A10 7850K, mesmas memórias e uma placa-mãe mini-itx da Asus com o chipset A68. A vantagem pra ele foi o dobro de RAM e o clock bem superior da CPU. A placa que sempre quis pra esse desktop quando era meu é a RX 570 Strixx 4GB. Sensacional.
  2. Esses dias coloquei uma GTX 1050 no meu, finalmente desabilitando a gpu integrada. Agora roda a 4.4GHz full time. Dobrei as memórias para 16GB, porém mesmo sendo idênticas, não consegui fazer todas rodarem na velocidade máxima (2133MHz) de maneira estável, então reduzi para 1866MHz. Eu realmente não manjo do OverDrive porque ele nunca funcionou pra mim. Sempre travava.
  3. @Tom Lima 97, boa noite, amigo. Vamos por partes. O A10 7860K (Godavari) é uma APU derivada do A10 7850K (Kaveri). A principal diferença entre eles é o TDP, que é de 95W no Kaveri e apenas 65W no Godavari. Em ambos os casos, as APUs podem exceder esse valor quando utilizando CPU e GPU ao mesmo tempo. Para que isto não ocorra, a CPU sempre diminuirá sua frequência quando a GPU for exigida. Infelizmente isso significa que o Godavari desce ainda mais a frequência em relação ao Kaveri. Eu ainda possuo o meu A10 7860K rodando firme e forte, mas confesso que desisti de buscar uma forma de burlar isso há tempos. A única atividade que consegui utilizar com todo potencial foi aplicações GPGPU, onde se usa a GPU para cálculos intensivos - mas não gráficos. A APU chegou a puxar 110W em carga máxima dessa forma (minha placa-mãe tem um programinha de monitoramento de carga para Windows). A única forma de realmente se livrar disso, que eu saiba, é colocar uma placa de vídeo dedicada e desativar a GPU da APU. Por mais simples que seja a placa, os ganhos serão expressivos. Sobre o overclock da GPU, fiz inteiramente pelo setup. Sua placa-mãe usa o Chipset A68, que é capaz de overclock, porém placas com este Chipset costumam utilizar esquemas elétricos de alimentação mais simples. Isto pode explicar o limite imposto pela sua placa-mãe. A minha mostra opções muito mais altas (até 2000Mhz, se não me engano), que obviamente não são realistas e eu nem sei porque estão lá. rs Eu sei que pode parecer um balde de água fria, especialmente no momento atual em que placas de vídeo estão tão caras, mas a dica é comprar modelos de entrada que não estão sendo afetados pela loucura de preços da mineração, como a RX560 de 4GB, ideal pra um sistema de jogos Full HD. Estou escrevendo isso tudo no celular - sim, estou - e não sei se respondi todas as suas questões, mas acho que é isso. Qualquer coisa, estamos aí. Abraços
  4. @codavara você está certo. Acontece que, na época que fiz o post, eu deixava a própria placa-mãe lidar com as voltagens em geral. Ela até faz um bom trabalho, mas exagera para cima. Por um lado é compreensível, visto que assim ela garante que a maior quantidade de chips vá alcançar aquele clock. Por outro lado é, muitas vezes, desnecessário. Hoje estou rodando, no dia-a-dia, com 1.425v máximo, a 4.4GHz.
  5. Correção off-topic: O Hyper T4 tem ambos os sistemas de presilhas, com backplate e com clips. Vem o kit e você monta com o que for adequado. Mas, sim, ele fica na horizontal. O que acabou sendo uma boa coisa no meu caso, que tenho um gabinete com exaustor em cima. Ficou tão bem alinhado que parece que foi de propósito.
  6. @Contiusa creio que teremos, sim, um modo super simplificado para pessoas leigas, mas, como eu disse antes, isso não exclui a existência de um Setup com configurações mais refinadas. @Maikao100 como o CPU/APU terá em si parte da BIOS, não mais. Uma modificação feita via Over Drive ficará salva dentro do chip como ficaria se fosse feita pelo Setup, em teoria. Sobre o Over Drive em si, acho que vai virar um app mais completo com acesso a mais opções da BIOS, mas isso, lembrando, é puro achismo, apesar de totalmente plausível.
  7. O fato de (parte d')a BIOS estar dentro do CPU e poder ser acessado de dentro do SO não significa que não vá mais existir um Setup. Até porque cada placa continuará tendo suas particularidades a serem configuradas. Aliás, eu acho ainda mais bacana poder acessar a BIOS de dentro do SO e fazer modificações em tempo real, caso se confirme. Parte das configurações ficarem salvas no chip também é interessante.
  8. Vendo por outro lado, o SenseMI como um todo pode ser encarado como a popularização do overclock, que, até então, era exclusivo de nós, nerds gordurosos. rs All aboard the hype train!!!
  9. Talvez sua BIOS esteja configurada com o limite de temperatura de 60ºc. Falo porque vi que ele está operando perto disso. Por outro lado, não considero uma opção viável modificar esse limite, já que ele existe para proteger o processador. Eu conseguiria um cooler melhor pra ver como ficava. Aposto alto que o problema seja esse. A maioria dos CPUs da AMD funcionam até os 70ºc. Se for o caso do seu, experimente aumentar o limite de temperatura para ~67ºc. Mas, novamente, isso não é uma solução. É um teste.
  10. @erich8 Cara, eu não faria, por o Rasp 3 já ser bem bom e rápido, mas, caso queira, o Rasp de vocês já tem os dissipadores de calor nos chips? Fazer overclock sem eles seria morte certa para seu Rasp. São bem fáceis de se conseguir. Qualquer loja que venda o Rasp deve vender os kits de dissipadores também. Dá uma conferida nisso antes de ir em frente.
  11. Ah, o C-60.. Tenho um notebook com um. Já usei o mesmo programa, além do Brazos Tweaker (que funcionou melhor, pra mim). O problema em si não é atingir os clocks - apesar de 4.0 ser exagero -, mas o SO. Acontece que se você estiver utilizando Windows ele não vai se permitir utilizar nada além de 30% acima da capacidade nominal da CPU. Ou seja, o máximo de clock que ele consegue "ver" e utilizar de fato do C-60 é 1.33GHz. Mesmo que você passe disso, em qualquer benchmark a diferença para o resultado em frequencia padrão será sempre a mesma. Já pesquisei muito, já tentei editar registro, nunca obtive êxito. Na prática, o C-60 chega fácil aos 2.6GHz, mas você nunca vai tirar proveito dessa frequencia. Só o CPU-Z enxerga. /: adicionado 3 minutos depois Ah, e instale o CPU-Z para verificar se o K10STAT está funcionando mesmo. Comigo não funcionava. Se acontecer com você também, experimente o Brazos Tweaker. Nele você diminui o divisor do multiplicador do clock de cada estado de performance [P0, P1 e P2]. Quanto menor o número, maior o clock final. Se não me engano, 2,75 já te leva aos 1.33GHz.
  12. @lnpott Desculpe o abandono. Pois bem, comprei um cooler bacanudo e resolvi tentar ir um pouco mais longe. Este é o cooler novo: http://www.kabum.com.br/produto/40031/cooler-coolermaster-processador-amd-intel-hyper-t4-rr-t4-18pk-r1 E este foi o resultado obtido até o momento: Comparando com os resultados anteriores: A título de referência, segue abaixo a pontuação de alguns modelos em Stock e do 7860K com overclock: Intel Core i3 4150 3.5GHz [2C/4T] ----- 3304 AMD A10 7850K 3.7GHz [2M/4T] ------ 4413 AMD A10 7860K @4.22GHz [2M/4T] - 4885 AMD FX 8150 3.6GHz [4M/8T] --------- 5007 AMD A10 7860K @4.48GHz [2M/4T] - 5163 adicionado 15 minutos depois @Renato Gamer Amigo, peço desculpas pela demora. Provavelmente você já deve ter montado seu PC, mas, de qualquer forma, aqui vão meus pitacos sobre suas perguntas para registro do tópico. 1. Não considero um erro. Se tiver dinheiro, vá nele. Se não, vá de 7860K. Com um pouco de boa vontade ele até passa a performance do 7890K, mas este, por sua vez, provavelmente iria mais longe. 2. Ele é uma versão que roda nativamente numa frequencia maior, o que indica que, talvez, pudesse ir mais longe no overclock. 3. Ótimo. Já rodo muita coisa no gráfico integrado da APU. GTA V incluso. Com tudo no máximo, a 720p. 4. Eu realmente não tenho como dar certeza, mas se você não desabilitá-la no setup, creio que seja possível utilizá-la para algumas tarefas sim, como acontece com Notebooks com GPU dedicada + integrada.
  13. Então, existe uma opção na BIOS que precisa ser ativada para que o Dual Graphics funcione. Provavelmente estará dentro das opções do "North Bridge" sob o nome de "Alguma coisa"+"Multi-Monitor". Ative esta opção depois de instalar a placa nova no PCI-Express. Se não me engano, o vídeo continuará saindo pelo conector da placa-mãe, então deixe o monitor ligado lá mesmo. Feito isso, ao iniciar o PC, o driver deve reconhecer sozinho. Talvez seja bom atualizar o driver, ou mesmo desinstalar e instalar novamente, só para garantir. Desculpa pela demora em responder. Estive um pouco offline os últimos dias. Qualquer dúvida, pode colocar aqui que quando eu ver a notificação volto para ver. Abraço!
  14. Olá, amigo. As placas compatíveis com o "Dual Graphics" para a sua APU são a R7 240, como você apontou, e também a R7 250. Ambas são placas simples e baratas. No entanto, é válido ressaltar que atualmente a grande maioria dos reviews aponta que é mais vantajosa a instalação de uma R7 260X ou até mesmo placas mais recentes da série R7 300 que tenham um preço próximo dela, já que o ganho de performance com o Dual Graphics não é tão grande. Não tenho em mãos um review do A10 7700K agora, mas tenho este do A10 7850K que mostra o desempenho do Dual Graphics e fala sobre a R7 260X ser uma melhor opção: http://www.techspot.com/review/781-amd-a10-7850k-graphics-performance Abraço
  15. Saudações, amizades do fórum. Faz muito tempo que não posto por aqui. A verdade é que fazia muito tempo que eu não montava um desktop. De volta, no entanto, trago para vosso deleite, em resumo, minhas aventuras com a APU A10 7860K da AMD. Uma APU extremamente competente para quem quer um PC capaz de rodar jogos "aqui-e-ali" sem ter de comprar uma VGA dedicada para tanto. Abaixo, uma breve descrição da peça e da configuração utilizada: -AMD A10 7860K --28nm --Frequência: 3.6GHz --Turbo: 4.0GHz --Socket: FM2+ (906 pinos) --Cores: 4/2 --Threads: 4 --Cache L1 Instruções: 2 x 96 KB 3-way (Compartilhados por 2 threads, cada) --Cache L1 Dados: 4 x 16 KB 4-way --Cache L2: 2 x 2 MB 16-way (Compartilhados por 2 threads, cada) --Cache L3: Ausente --iGPU Radeon R7 (Codenome Spectre) ---Shaders: 512 ---TMUs: 32 ---ROPs: 8 ---Frequência: 720MHz -Placa-mãe: ASUS A88X-Gamer -Memórias: 2x Hyperx Savage 2133MHz 4GB -Armazenamento: Seagate 1TB 64MB cache -Alimentação: OCZ 500W ___________________________________________________________________ Sem mais delongas, vamos ao que interessa. Inicialmente, podemos dizer que esta APU é realmente uma maravilha mesmo para os mais inexperientes em overclocking mesmo com o cooler padrão - que é o relativamente novo e bastante competente "Nearly Silent", mas não o queridinho "Wraith" -, especialmente se sua placa-mãe tiver opções pré-definidas de fácil acesso como a A88X-Gamer da ASUS. Poucos clicks no setup e é fácil conseguir 4.0GHz constante - ao invés de tê-lo apenas no Turbo - junto a 850MHz nas unidades gráficas da APU. [imagem pendente] Indo um pouco mais a fundo, eu realmente queria algo mais para justificar este tópico - rs -, então pus meu longo histórico com overclock na mesa e fui brincar um pouco com opções e voltagens no menu avançado do setup. Aparte da frequência da CPU, que não é lá grande coisa uma vez que ainda estou com o cooler stock e o clima de Fortaleza realmente não favorece riscos, temos abaixo um registro de algo muito próximo do "estado da arte" para a minha configuração. Vejamos o print: Overclock relativo: -CPU: ~16,7% -GPU: ~55,4% -RAM: ~13% -North Bridge: ~11,2% Detalhe importante: Mesmo sem mexer na tensão da CPU, é possível atingir os 4.4GHz facilmente, porém não o faço por questões de temperatura. Por enquanto é isso. Quem tiver experiências/ideias para compartilhar, fique a vontade. Rodarei testes e postarei assim que possível, porém é visível o quanto a RAM está limitando a performance do sistema, então teremos de ter isto em mente quando analisarmos os resultados. O plano é adicionar mais 2 x 4GB assim que possível.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Aprenda a ler resistores e capacitores

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!