Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

marotomt

Membros Plenos
  • Total de itens

    67
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

17

Sobre marotomt

  • Data de Nascimento 21/11/1983 (35 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Cuiabá
  1. Para uso muito comum pode ser sim. Mas EU indicaria uma B350/B450 da biostar, por exemplo que custa basicamente o mesmo que uma boa A320 e oferece mais recursos para futuros upgrades.
  2. O 2700 para edição está acima do i7 8700, só não caia na besteira de colocar ele com uma placa-mãe muito simples. Uma boa opção custo benefício é a Biostar x470. E para o pacote Adobe, não abra mão de um SSD. Tenho utilizado aqui um Ryzen 5 2600 + Asus Prime B350-PLUS + 16GB (Quando vou colocar o After Effects, coloco os pentes da outra máquina, ficando com 28GB) + GTX1080 8GB e SSD 480GB. Em resumo, o 2600 para edição é semelhante ao i7 8700
  3. A RX 580 é melhor que a 1060, e para modelagem 3D está no mesmo nível da 1660, pois a largura de banda de 256bit, a quantidade de stream processors e os 8GB de VRAM são mais importantes. Então, estando bem mais em conta, eu ficaria com a RX580 de 8GB ou até mesmo a RX590 que tem vantagens sobre a 1660 para 3D.
  4. Acredito que uma configuração com o athlon 200ge com uma placa-mãe B350 da Biostar vai ser até melhor que o Pentium G, pois c Irá ter mais ou menos a mesma performance, custando menos e com grande potencial de upgrade para o futuro.
  5. @Gabriel Vieira de Novaes pode ir na 570 com segurança, só presta atenção na fonte, pois também sou de acordo com as recomendações do @Hanner , que uma boa fonte é necessária para um hardware atual.
  6. Neste caso, indico pegar a mesma configuração, trocando somente o processador. Mas a Pichau por exemplo não tem máquina montada com athlon 200ge e B350/B450. Então para isso, teria que pegar as peças separadas e montar aí (eu mesmo até prefiro fazer assim aqui), assim consigo ter meu controle de qualidade de tudo e quando precisar acionar alguma garantia, só mando a peça defeituosa.
  7. Precisa instalar o Sistema Operacional na versão 64bit para aproveitar a partir de 4GB. E como seu sistema utiliza vídeo compartilhado, essa diferença de 250mb está sendo aplicada para o vídeo.
  8. @Henrique Yuri Tem placa-mãe X399 a 2400 e Threadripper 1920X (12 núcleos e 24 Thread) com booster de 4.0GHz. Por 2250. Essa configuração dá um banho em qualquer intel Core I7 e só vai perder em desempenho em alguns jogos pra o Core i9 9900k (Que vai custar muito mais que isso). Ainda assim, para todas as outras tarefas, o Trheadripper bate em pé de igualdade com o Core i9. Enfim, se hoje eu tivesse na faixa de 4 mil para investir só em placa-mãe e processador, já tendo todo o restante, pensaria exatamente nesse kit. Terá uma super máquina que ainda terá altíssimo poder de processamento e upgrade futuro! Além de ser uma das plataformas mais robustas que existe, os threadrippers estão no topo da cadeia da linha Mainstream da AMD. Acima deles, só a junção deles em hypercomputação!
  9. @Henrique Yuri Pelo visto está bem confuso mesmo. A respeito da placa-mãe suportar OverClock, é o seguinte. Até uma B350 com bons VRMs suportam overclock (tenho utilizado uma Asus Prime B350-Plus que pode confirmar isso). Mas a questão é o quanto vale a pena investir em placa de gama média, visto que tem um orçamento que pode extrair todo o potencial do equipamento, para indicar um combo Placa-mãe e Processador, o Ryzen 7 2700 (mesmo sem X) e uma X470, como os modelos AORUS ou ROG, pode atender seus anseios, pois a partir de FullHD, o processador não vai ser tão exigido quanto a Placa de Vídeo. E sim, a GTX-1080 dá conta de levar o 1440 a 144FPS (Ela é um pouco superior à GTX-1070TI, que já daria conta do recado também). Com esse orçamento apenas para placa-mãe e processador, eu olharia com carinho para o Threadripper 1950X e uma placa-mãe TR4, talvez encontre algo com o preço que caiba no orçamento. Assim vai poder utilizar alto poder de processamento e as memórias quase infinitas em Quad Channel (já pensou nisso?)
  10. @Angern Pensei em um Ryzen 7 2700, mas aí realmente vou precisar subir a MoBo para a série X (x370 / x470 / x570) para tirar proveito da performance extra que o Ryzen 7 2700 traria. A respeito das memórias, quando preciso, utilizo os pentes do outro PC da Assinatura (o 2200G), ficando com 4 pentes... Só que ultimamente estou utilizando mais o Premiere do que o After Effects, até para animação (Adobe Premiere tem bastante recursos 'escondidos' neste sentido) O Raid-0 ainda penso bastante, pois sacrificar o Ryzen 3 2200G... Mas sei que posso ter realmente um benefício... Então acho que para o final de semana vou providenciar esse RAID-0 (e a velha conversa de "...Se um drive falhar, você perde tudo..." Como tenho HDs de Backup, isso seria o de menos... e outra... já tenho um SSD que, se falhar, perderia da mesma forma. adicionado 21 minutos depois @Angern , @Lucas Xavier Adrião primeiramente, agradeço a todos por dedicarem seu tempo em responder. @RS Faria Sim, já tenho o PC desde Outubro/2018. Olha, para bater o limite deste PC sem usar jogos pesados, não é uma tarefa fácil. Já abri 25 abas no Chrome, enquanto renderizava vídeos no Premiere CC utilizando os núcleos CUDA da GTX-1080 e ele agiu como se estivesse acabado de ser ligado. Como o gabinete é extremamente frio (um AeroCool LS5100), visto que é "todo perfurado", não tenho grandes problemas de aquecimento. A unidade do Ryzen 2600 que tenho aqui é ótima para OverClocks, pois vejo que muitos tem dificuldades em subir o clock acima de 4.1GHz e consigo fazer aqui com certa facilidade, mesmo com o Cooler Box. O CPU, quando estou renderizando pelo After Effects, fica em utilização total, mas isso até um Threadripper vai ficar... Pois é uma característica do After (utilizar tudo o que tiver disponível pra ele) Acredito que o que pode bater o limite mais rapidamente é a velocidade do SSD mesmo. Talvez a RAID 0 possa tirar este "gargalo". Um M.2 por hora, talvez seja um gasto desnecessário, já que disponho de 2 SSDs SATA aqui. Só pra constar, todos os Drivers, Firmwares e BIOS estão atualizados, inclusive a placa-mãe já diz suportar até os Ryzen que estão por vir. Os programas fazem parte do pacote Adobe que tem plano mensal, então manter sempre atualizado não é um problema.
  11. @Lucas Xavier Adrião Já viu a B350-Plus? (É diferente da Prime B350 'comum') Ela tem dissipador nas VRMs e está listada na série da Asus para suporte até para os Ryzen 3000. Já segurei Overclock até 4100MHz, mesmo utilizando o Cooler Box.
  12. @gabriel w Vai na opinião de quem utiliza... Tenho dois A400 de 480GB aqui e são bem condizentes com o preço. Porém, se couber uma indicação, lhe indicaria, caso a placa-mãe tenha suporte, de um SSD M.2 (mesmo que tenha interface SATA rodando por baixo), pois assim evita ter que utilizar cabos. De modo geral, esse A400 entrega boa performance e não tive qualquer reclamação por parte dos clientes que instalaram ele por indicação minha, muito pelo contrário, elogiam bastante a performance e o custo do SSD.
  13. @Matheus_silva08 Qual a placa-mãe que está utilizando? Utilizo um Ryzen 2200G aqui e acho ele ótimo para o que destinei (Artes gráficas)
  14. Olá, amigos. Faço utilização do PC da assinatura para Edição de Vídeos. Pacote Adobe CC 2019 - Abril/2019 (Premiere Pro, After Effects, Photoshop, Illustrator, Autition, Media Encoder) DaVinci Resolve 16, Handbrake, e pacote WPS Office padrão. Sinceramente, não vejo onde poderia melhorar o desempenho atualmente sem precisar comprometer alguma coisa do orçamento. Alguma ideia de melhoria? Configurações atuais: MoBo: ASUS PRIME B350-Plus - USB3.0 e 3.1 / M.2 / 4 slots DDD4 (Dual Channel) / 2 PCI-Express x16 / Dissipador nas VRMs CPU: AMD Ryzen 2600 O.C a 3850MHz (Cooler BOX) Memória: 16GB DDR4 O.C a 3000 (2x 8GB HyperX 2400) Placa de Vídeo: GTX-1080 8GB O.C MSI AERO (Blower Fan) Armazenamento: SSD Kingston A400 480GB SATA3 (Tenho outro igual em outro PC e penso em fazer Raid-0 neste, deixando "apenas" um HD de 2TB no PC de artes gráficas) Tenho outros HDs aqui também para suporte (interno de 1TB e Externos de 2 e 4TB) Fonte: EVGA 700W Selo 80+ Bronze Gabinete: AeroCool LS5100 (com grades Frontal e Superior, fazendo com que o gabinete aja como se estivesse sempre aberto)
  15. @Erick Citero veja os pinos do processador, tive um probleminha parecido e quando fui ver tinha encostado pasta térmica no pino (ainda bem que não era de prata... Ufa!) Solução... Dei um banho com o álcool isopropílico no processador e passei o spray de limpa contato no slot AM4 por precaução, com a placa virada para baixo para escorrer qualquer vestígio e está tudo bem com o paciente!

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!