Imprimir artigo
Teste do Cooler Zalman FX100
por em Testes
Última atualização:
31.463 visualizações
Página 9 de 9

Conclusões

Depois de testarmos o Zalman FX100, uma coisa nos parece clara: não há cooler passivo capaz de resfriar um processador de alto desempenho, principalmente se ele estiver em overclock. Mesmo com todo o seu tamanho, o FX100 mostrou um desempenho meramente razoável com uma ventoinha (barulhenta, por sinal) instalada..

Montado sem ventoinha, o FX100 não conseguiu resfriar nosso processador, mesmo considerando que o overclock que usamos é leve e que nosso gabinete tem uma ventoinha trabalhando no modo de exaustão em seu painel traseiro, perto do cooler. O processador atingiu o seu limite de temperatura e reduziu o seu clock automaticamente. Talvez ele possa resfriar um processador de baixa dissipação, mas não vemos sentido em usar um cooler tão grande se mesmo o cooler original resfria melhor o processador com um nível de ruído muito baixo.

Nós ficamos muito desapontados com o Zalman FX100. Ele pode ter um visual incrível, mas o seu sistema de instalação e o seu desempenho ainda têm muito a melhorar.

AUTOR
Rafael Otto Coelho
Rafael Otto Coelho
Editor-Chefe

Técnico em Eletrônica, Licenciado em Física e Mestre em Educação, Rafael Coelho é apaixonado por hardware, e trabalha como professor de Física em uma instituição de ensino superior. É também comentarista do nosso podcast e moderador do nosso fórum. Tem como hobby aeromodelismo. Mora em Pelotas/RS.

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMOS ARTIGOS
529.974 usuários cadastrados
1.082 usuários on-line