• Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   13-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware,

      Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:
        Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas ao formulário abaixo:    Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
Entre para seguir isso  
Seguidores 0
TelmoLessa

Créditos de celulares não p oderão ter prazo de

1 post neste tópico

ALguem sabe mais alguma coisa sobre isso???

Créditos de celulares não poderão ter prazo de validade

São Paulo - O Superior Tribunal de Justiça (STJ) confirmou, nesta

sexta-feira, uma liminar concedida pelo Tribunal Regional Federal

(TRF) de Recife que acaba com o prazo de validade para a utilização

dos créditos de celulares pré-pagos em todo o país. O TRF havia

concedido a liminar por entender ser "abusiva a imposição de prazos

para consumo dos créditos adquiridos pelos usuários". A Anatel

recorreu ao STJ, mas o ministro Edson Vidigal negou o pedido, por

considerar não existirem, no pedido, as exigências necessárias para se

suspender uma liminar.

A Anatel afirmou que a liminar concedida pelo TRF-5 causa lesão à

ordem pública, jurídica e administrativa e à economia pública.

Sustentou ser possível ao usuário do sistema pré-pago recuperar os

créditos. Afirmou, também, que a decisão determina sua aplicação fora

dos limites de competência territorial do TRF-5.

Mas o ministro disse não existir dano à ordem pública ao se

determinarem as medidas necessárias ao cumprimento da decisão, "não se

confundindo a atuação do Poder Judiciário com a substituição da

atividade administrativa".

A autarquia também tentou demonstrar a possível lesão à economia

pública caso as empresas fossem obrigadas a fazer adaptações em seus

sistemas de controle. Foi apontado um possível prejuízo de US$ 600

mil. "O argumento não impressiona, na medida em que se sabe que o

lucro das empresas de telefonia celular ultrapassa, em muito, a

quantia referida (...)", analisou Vidigal. Em seguida, lembrou

notícias veiculadas na mídia revelando, "em princípio, que a situação

econômico-financeira da empresa comporta a despesa com as eventuais

adaptações nos sistemas de controle, sem resvalar ou afetar a economia

pública, de resto também não demonstrada".

http://www.estadao.com.br/tecnologia/telec...4/dez/10/85.htm

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar agora
Entre para seguir isso  
Seguidores 0