Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.

LMolinari

Membros Plenos
  • Total de itens

    264
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

111

Sobre LMolinari

  • Data de Nascimento 27-06-1963 (55 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    São Paulo/SP
  • Sexo
    Masculino

Outros

  • Biografia
    Formado Técnico em Eletrônica. Áreas de maior interesse: computação/microprocessadores/microcontroladores/programação, manutenção e montagem de micros.
  • Ocupação
    atualmente bancário, eletrônica como hobby
  • Interesses
    Eletrônica, Linux, Programação C.
  1. Claramente, você não especificou o IP da máquina destino, isto é, daquela que vai hospedar o servidor. Veja o campo IP, que aparece em vermelho na imagem que você anexou.
  2. Rapaz, se o que você procura é se qualificar, tenho alguma opinião a respeito. A Tecnologia é extremamente dinâmica. Tudo muda o tempo todo, então não se qualifique para fazer apenas uma coisa (por exemplo, consertar impressoras), pois essa coisa pode deixar de ser lucrativa de uma hora para outra. E não adianta chorar depois. Qualifique-se em uma ÁREA. Pela descrição de suas preferências em seu post original, sua ÁREA é Eletrônica. Então considere seriamente um curso técnico oficial, Técnico em Eletrônica.
  3. Rapaz, fiz uma pesquisa rápida na Internet e observei que esse multímetro sair por uns R$ 24,00. Será que vale a pena se estressar para consertar?
  4. http://www.circuitstoday.com/lightningsurge-protector-circuit-using-gas-discharge-tube-gdt https://dmohankumar.wordpress.com/2015/06/01/lightning-arrester-design-note-26/
  5. Não sei se entendi direito... O MS-DOS foi escrito para rodar em microcomputadores da família IBM-PC, que usam processadores X86, uma arquitetura distinta e completamente diferente da dos microcontroladores AVR. Nem mesmo o FreeDOS, que foi em grande parte escrito em linguagem C, rodaria sem ser recompilado com enormes adaptações, se é que isso é possível. Agora, se você está querendo desenvolver um pequeno SO inspirado no DOS para usar num AVR, talvez seja possível. E por outro lado, se o "embarcado" fosse na verdade uma placa baseada em X86 (tipo atom), e não um AVR, poderia usar o FreeDOS.
  6. Está me parecendo um diodo (SMD). Só não dá para dizer o tipo ou o modelo.
  7. Se você quer aprender mais sobre manutenção em ELETRÔNICA, a dica de primeiro multímetro que dou para iniciantes é: compre o multímetro mais barato. Por quê o mais barato? Por um motivo simples: minimizar o possível prejuízo. É comum principiantes destruírem o instrumento por utilizarem a escala errada nas medições. O que é preciso nesse caso são escalas para medida de resistência, corrente e tensão (CC e CA). Esses dois que você selecionou vão servir muito bem no início. ANTES, procure cursos ou tutoriais sobre como utilizá-lo. Posteriormente, se houver interesse ou necessidade, pode adquirir um modelo mais sofisticado.
  8. @K.e.V. T.a.G As quatro operações básicas podem ser suficientes para um curso livre ou profissionalizante, mas não para um curso técnico, especialmente os da área industrial. Para estes, aptidão para matemática, lógica e física é essencial. E o conhecimento deve estar no nível médio, pelo menos. Corrigir deficiências no ensino de matemática e física é possível, os livros estão todos por aí para quem se dispuser a estudar. O problema é ter aptidão. Outro conhecimento necessário nessa área é língua Inglesa, pelo menos para leitura. E, reforçando o que disse o Ricardov acima, a Wikipédia é o pior lugar para você aprender Eletrônica. Aqui no fórum já foram postados links para as apostilas utilizadas nas ETECs de São Paulo, dê uma busca por elas. PS.: Análise de cicuitos em CC e análise de circuitos em CA são pré-requisitos para eletrônica básica. Não tem como "pular" essas duas...
  9. O que você está fazendo de errado é o seguinte: Quando você digitou "jogos" sem nada mais e pressionou a tecla ENTER, o interpretador de comandos tratou JOGOS como um comando e procurou um JOGOS.BAT,, JOGOS.COM ou JOGOS.EXE no disco. Não encontrando, deu aquela mensagem de erro. Para navegar pelos diretórios, você usa o comando CD ou CHDIR, como por exemplo: Se o drive e o diretório atual forem C:\ então o comando seria esse: CD JOGOS ou CHDIR JOGOS O uso é quase o mesmo do cmd do Windows, a diferença é que o DOS 6 não suporta nomes longos de arquivos.
  10. https://support.microsoft.com/pt-br/kb/2999226
  11. Segundo o manual, não basta apenas apertar o botão MemOK, é preciso mantê-lo pressionado durante algum tempo, até que o LED comece a piscar.
  12. O nome correto era PRATEX. Era, se não me engano, uma solução de iodeto de prata a uns 5% que, quando aplicado ao cobre, deixava-o com um aspecto prateado e com alguma proteção contra a oxidação. Sumiu das Lojas de material para Eletrônica faz alguns anos.
  13. A demora é exagerada sim, e essa mensagem do Windows, acredite, deve ser levada a sério. Já passei por isso. Então, faça o mais rapidamente possível o backup de seus dados. Depois, substitua o HD.
  14. Minha primeira impressão também foi de que se tratava de um acoplador óptico. Mas dê mais informações sobre essa placa, de que aparelho é e qual a função?
  15. Para se qualificar em Eletrônica, o caminho mais correto, que te confere um DIPLOMA de verdade no menor tempo possível, é um curso técnico oficial. Se você já possui o 2º grau, pode fazer o curso em 1 ano e meio, mais algumas centenas de horas de estágio, variando conforme a escola (algumas também tem TCC). Um link do Senai aí do Rio: Senai Rio Há também boas escolas técnicas estaduais e particulares, é só pesquisar. Um alerta: Só se dá bem num curso desses quem tem aptidão para física, matemática e lógica. E como o GT disse acima, não se aprende a coisa do dia para a noite.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×