Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

navegantenarede

Membros Plenos
  • Total de itens

    959
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    N/D

Reputação

332

1 Seguidor

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    SP
  • Sexo
    Prefiro não dizer
  1. @marcos Cieri o filtro do Google Play para os aplicativos em questão de privacidade é muito questionável. Não é difícil encontrar alguma notícia sobre aplicativos sendo publicado fora de um padrão amigável para o usuário. Para um aplicativo de e-mail eu acredito que você deve ter uma boa confiança no desenvolvedor para usar. Não tem muito segredo. Procure saber o histórico de desenvolvimento do aplicativo, se ele tem o código livre, qual a empresa por trás do aplicativo e veja também os termos de serviço.
  2. @WellEx isso geralmente as hospedagens compartilhadas tem sim, geralmente você acessa o sistema de webmail pelo endereço webmail.empresadehospedagem.com ou webmail.seudominio.com ou seudominio.com/webmail. Daí é como acessar uma conta no Gmail ou outro webmail qualquer.
  3. @WellEx acredito que numa hospedagem compartilhada não é possível mesmo, o administrador tem acesso à todas as contas. Uma alternativa seria fazer todos usuários usarem um cliente externo que baixe as mensagens e as exclua do servidor, assim você não terá acesso ao conteúdo da mensagem depois de baixá-las. Mas, geralmente, o administrador da conta tem acesso às contas de e-mail no serviço, quando não é por acesso direto, o administrador tem o poder de alterar a senha e acessar a caixa de entrada, etc.
  4. @Gustavo Picoli eu acredito que das auto hospedadas, Magento é a mais amigável, mas precisa de uma hospedagem razoável pra funcionar bem. Outra opção popular é WooCommerce. Dessas plataformas hospedadas já prontas, acredito que seria mais vantagem escolher uma que não cobre por venda, afinal, você já está pagando uma mensalidade lá. Nas auto hospedadas, você paga somente a taxa do gateway de pagamento, mas tem que ver o que é mais vantajoso de acordo com o que você quer vender.
  5. @misterjohn verdade, atualizei com o link.
  6. @UmanoBlu se não tiver drivers otimizados daquele hardware para o sistema operacional em questão, pode haver uma mudança no desempenho sim. Além disso, no caso de um programa para Linux e Windows, um pode ter melhor desempenho que outro a depender de como foi desenvolvido. Essa diferença de desempenho é comum em jogos, por exemplo. No Linux, há também a questão da bateria. Geralmente não existem drivers específicos pra todos os notebooks, então o aproveitamento da bateria é pior. A dica é dar uma pesquisada sobre Linux no modelo do notebook que você tem interesse antes de comprar.
  7. @WellEx você quer restringir o seu próprio acesso nas contas criadas na hospedagem compartilhada, é isso?
  8. @misterjohn vai nesse link e pesquisa por "handbrake", que é um teste do seu interesse, certo? Daí ao lado, nas barras, você tem um valor que significa a quantidade de quadros codificados por segundo e a indicação dizendo que quanto maior, melhor. Nesse teste do HandBrake, o Ryzen 9 3900X consegue codificar/transcodificar um vídeo 1080p com o codec x264 no perfil Faster com framerate 3500Kbps, a 284 frames por segundo, enquanto o i7-6400k realiza o mesmo procedimento a 83 frames por segundo.
  9. @Gustavo Picoli melhor vai depender de muita coisa. Você fala das plataformas auto hospedadas (WooCommerce, Magento, OpenCart) ou já hospedadas (Shopify, Wix, etc)? Sobre a venda, tem que ver qual vai ser o gateway de pagamento, cada um vai ter regras diferentes sobre as vendas. Se for uma loja virtual hospedada, pode ter cobrança por venda também.
  10. @misterjohn qual processador da AMD você está interessado? Em renderização a diferença é bem significativa mesmo, dá uma olhada nesse teste.
  11. @misterjohn o do UserBenchmark faz um apanhado dos jogos mais populares mas acho que somente em peças selecionadas e GPU. O GeekBench somente os testes/pontuações em testes sintéticos. O que essas análises completas fazem é comparar os resulsados e fazer testes com jogos ou programas. Mas te respondendo, pra saber se dá pra trocar por um processador melhor sem gastar muito tem que ver se sua placa-mãe suporta a geração atual da Intel (Coffee Lake/Refresh) ou ver o preço de placa-mãe + processador da AMD. Particularmente, eu acho que não compensa porque a diferença de desempenho é pouca para os processadores mais recentes, principalmente em jogos. Não sei qual é o uso do seu PC, mas a menos que você esteja precisando de mais desempenho em uma tarefa específica, acho que vale esperar para ver o que as próximas gerações poderão trazer.
  12. @misterjohn no teste em questão a comparação é mais de uma unidade de processador, então a comparação é somente entre as unidades que os testadores possuem. Os do GeekBench e UserBenchmark criam um banco de dados com todos os usuários que testam usando o software deles, então você teria uma noção melhor usando dessa forma. Uma forma pra você comparar é no UserBenchmark, que acredito ser a mais relevante por causa do conjunto de dados. Coloca o modelo do seu CPU e você vai ver um ranking, sua CPU está na posição 58, então acho que ainda é um ótimo processador. Os benchmarks são somente uma referência, uma "score" que é dado para um processador, nem sempre reflete o melhor desempenho no uso normal, então é bom utilizar outras referências além dessa.
  13. @misterjohn são outros programas para realizar benchmark, esses mantém um banco de dados de usuários e registram outras características da configuração.
  14. @misterjohn o Cinebench R20 não testa GPU. Bom, acredito que pra comparar com outros benchmarks com a mesma CPU seria melhor usar o GeekBench ou UserBenchmark.
  15. @zlotys minha sugestão seria aprender bem o básico e praticar bastante. Você pode exercitar a lógica no Project Euler, por exemplo e fazer projetos pra colocar em prática os conhecimentos. No GitHub tem alguns repositórios com várias sugestões, como esse.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!