Entre para seguir isso  
Seguidores 0

Teste do Gabinete Zalman ZM-T3

       
 17.020 Visualizações    Testes  
 3 comentários

O Zalman ZM-T3 é um gabinete mini-torre de baixo custo, suportando placas-mãe microATX e Mini-ITX. Vamos analisá-lo e ver se vale a pena comprá-lo.

Rafael Coelho Editor-chefe do Clube do Hardware

Introdução

O Zalman ZM-T3 é um gabinete mini-torre de baixo custo, compatível com placas microATX (e padrões menores), oferecendo uma porta USB 3.0 e três baias de 2,5 polegadas. Vamos dar uma boa olhada nele.

O Zalman ZM-T3 também é encontrado no comércio sendo chamado simplesmente de T3.

As Figuras 1 e 2 apresentam o gabinete. Ele vem apenas em preto, e o painel esquerdo tem uma área gradeada onde você pode instalar duas ventoinhas de 120 mm (não incluídas).

Zalman ZM-T3
Figura 1: o Zalman ZM-T3

Zalman ZM-T3
Figura 2: o Zalman ZM-T3

Vamos dar uma olhada mais detalhada neste gabinete nas próximas páginas.

Compartilhar



Entre para seguir isso  
Seguidores 0

Comentários de usuários


Parece uma boa opção pra quem vai montar um PC com placa mATX, ainda mais se considerar as poucas opções com fonte na parte inferior do gabinete, falou mais baias para HD e aberturas de ventilção

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Pelo que sei fontes de alimentação no interior do gabinete devem sempre ter o cooler virado pra baixo porque assim o ar frio do chão é sugado e expelido pra fora. Não é à toa que o fabricante colocou um filtro ali. E também evita que acidentalmente caia um parafuso ou alguma outra coisa dentro dela.

 

Uma explicação sobre o porquê disso:

http://www.tomshardware.com/reviews/cooling-airflow-heatsink,3053-4.html

Editado por fmpfmp

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Acho bacana o CdH só fazer reviews do que se encontra no mercado nacional , afinal não adianta nada fazer o review de gabinetes fodasticos como os da Phanteks sendo que quase ninguém poderá comprar no Brasil a não ser é claro que importe, o que tornará o custo do gabinete inviável com aumento absurdo do dólar e impostos.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar agora