Imprimir artigo
SLI vs. CrossFire
por em Tutoriais
Última atualização:
337.566 visualizações
Página 7 de 8

Gerações do CrossFire

No momento existem quatro gerações do CrossFire: CrossFire, CrossFire Nativo, CrossFireX e CrossFire com XDMA..

Primeira geração: CrossFire

A primeira geração do CrossFire tinha dois problemas principais. Primeiro era necessário o uso de uma placa “mestre”, chamada “CrossFire Edition”, que era diferente do modelo convencional vendido no mercado – e tinha um chip adicional chamado “motor de composição” (“composition engine”). Por exemplo, havia a Radeon X850 CrossFire Edition e o modelo padrão Radeon X850 XT. Você não poderia usar duas placas Radeon X850 XT, uma delas precisava ser “CrossFire Edition”.

O segundo problema era que você precisava de um cabo externo para conectar as placas de vídeo, como você pode ver na Figura 5. Este cabo conecta a saída DVI da placa “escrava” em um conector chamado DMS-59 (ou DMS), que tinha um tamanho físico semelhante ao do DVI, mas com mais pinos, ou em conector chamado VHDCI (Very High Density Cable InterConnect), que é um conector originalmente usado por alguns dispositivos SCSI, na placa “mestre”.

SLI vs. CrossFire
Figura 5: na primeira geração, as placas CrossFire eram conectadas através de um cabo externo

SLI vs. CrossFire
Figura 6: conectores DMS-59 (esquerda) e VHDCI (direita), que podem ser encontrados nas placas “mestre” (“CrossFire Edition”)

Segunda geração: CrossFire Nativo

A segunda geração do CrossFire, chamado CrossFire Nativo, resolveu os dois problemas principais encontrados na geração anterior: a necessidade de uma placa “mestre” (já que agora o motor de composição está integrado no chip gráfico de todas as placas de vídeo que suportam o CrossFire Nativo e o CrossFireX) e a questão do cabo, passando usar uma “ponte” para a conexão das placas topo de linha (nesta geração duas pontes eram necessárias) e conexão através do próprio PCI Express no caso de placas de vídeo mais simples.

SLI vs. CrossFire
Figura 7: conectores do CrossFire Nativo

SLI vs. CrossFire
Figura 8: ponte do CrossFire Nativo

Para placas mais simples a ATI decidiu usar a mesma abordagem usada pela NVIDIA: as placas são conectadas através do barramento PCI Express, dispensado o uso de uma ponte externa.

Terceira geração: CrossFireX

A terceira geração, que é usada atualmente, é uma conexão CrossFire Nativo expandida para permitir a conexão de até quatro placas de vídeo baseadas nos chips ATI/AMD em vez de apenas duas. Os conectores e pontes são idênticos aos do CrossFire Nativo, a diferença é como eles são conectados (ver Figura 9).

SLI vs. CrossFire
Figura 9: CrossFireX

A AMD renomeou CrossFireX de volta para CrossFire recentemente.

Quarta geração: CrossFire com XDMA

Como a conexão PCI Express atualmente oferece largura de banda mais do que suficiente para a comunicação entre placas de vídeo, as placas de vídeo topo de linha mais recentes não requerem mais a conexão de pontes, sendo toda a comunicação feita exclusivamente através do PCI Express.

ARTIGOS RELACIONADOS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS EM VÍDEO
ÚLTIMOS ARTIGOS
530.076 usuários cadastrados
1.115 usuários on-line