Ir ao conteúdo
Entre para seguir isso  

Cobertura do Lançamento do GeForce 6800 (NV40)

       
 37.468 Visualizações    Artigos  
 0 comentários

Veja a cobertura completa do lançamento do GeForce 6800 (NV40).

Cobertura do Lançamento do GeForce 6800 (NV40)
Gabriel Torres Editor executivo do Clube do Hardware

A NVIDIA acaba de lançar a sua mais nova arquitetura. Conhecida pelo nome-código NV40, esta nova arquitetura será usada como base para os novos chips gráficos a serem lançados por esta empresa daqui para frente. Juntamente com o anúncio desta nova arquitetura, a NVIDIA lançou os dois primeiros chips gráficos baseados nela: o GeForce 6800 e o GeForce 6800 Ultra. O lançamento ocorreu ontem (13 de abril de 2004 às 19:00 H ou 23:00 H no Brasil) no Nob Hill Masonic Center, em São Francisco, Califórnia. Nós fomos orgulhosamente convidados pela NVIDIA a participar deste evento. Em nossa cobertura você confere todos os detalhes desta nova arquitetura e dos dois novos chips gráficos lançados.

Cobertura do Lançamento do GeForce 6800 (NV40)
Figura 1: São Francisco, palco do lançamento da arquitetura NV40 (GeForce 6800).

Cobertura do Lançamento do GeForce 6800 (NV40)
Figura 2: Nob Hill Masonic Center, local do evento.

O evento foi apresentado por Dan Vivoli, vice-presidente executivo de marketing, que chamou ao palco primeiramente Jen-Hsun Huang, co-fundador e diretor-presidente da NVIDIA, que falou sobre as estratégias da NVIDIA para o futuro, sendo "programabilidade" a palavra-chave usada em sua apresentação, além de mostrar preocupação de incorporar nos processadores gráficos funções para a casa digital, a partir do momento em que o PC passa a suportar vários padrões para a execução de conteúdo multimídia para o centro da casa do futuro. Huang deu ainda alguns números impressionantes sobre a arquitetura NV40: 1.000 engenheiros trabalharam neste projeto, foram gastos 400 milhões de dólares no desenvolvimento desta nova arquitetura ao longo de 2 anos.

Em seguida foi chamado ao palco Ujesh Desan, gerente-geral de produtos para desktop, que fez a apresentação da arquitetura NV40 e dos dois primeiros chips gráficos que usam esta arquitetura, o GeForce 6800 e o GeForce 6800 Ultra.

Cobertura do Lançamento do GeForce 6800 (NV40)
Figura 3: Ujesh Desan apresenta a arquitetura NV40.

Esta nova arquitetura aumenta tanto o desempenho quanto a qualidade de imagem em comparação ao produto topo de linha anterior, o GeForce FX 5950 Ultra, além de suporte nativo a codificação e decodificação de formatos de vídeo, sendo o primeiro chip gráfico do mercado a incorporar funções de codificação de vídeo tais como MPEG4 e MPEG2 no próprio chip. Desta forma, o NV40 é considerado dois chips em 1, já que incorpora funções antes disponíveis em um chip à parte. A parte de codificação de vídeo é totalmente programável, fazendo com que seja possível "ensinar" o chip sobre um novo padrão de codificação que seja lançado no futuro, através da simples instalação de um novo driver de vídeo.

A qualidade de imagem foi aumentada graças ao uso do novo Shader 3.0. Este novo modelo de programação traz várias novidades, como 65.535 instruções de Vertex Shader (contra 256 do modelo Shader 2.0, que é usado na série GeForce FX), 65.535 instruções de Pixel Shader (contra 96 do modelo Shader 2.0), precisão matemática de 32 bits (contra 24 bits no modelo Shader 2.0) e vários novos recursos não presentes no modelo anterior, como, por exemplo, o Geometry Instancing, que em vez do programa enviar a geometria dos objetos presentes na tela uma-a-uma, envia todas as geometrias de todos os objetos de uma só vez, aumentando o desempenho. A NVIDIA enfatizou várias vezes que o GeForce 6800 é o único chip gráfico existente hoje baseado na nova interface de programação Shader 3.0.

Cobertura do Lançamento do GeForce 6800 (NV40)
Figura 4: Shader 2.0 vs. Shader 3.0.

Foram apresentados vários demos para mostrar a melhoria da qualidade de imagem usando o Shader 3.0 em constrate com o Shader 2.0, além de terem convidado ao palco representantes de várias empresas de jogos, tais como Crytek, Sony, Electronic Arts e Epic para mostrarem os jogos baseados no Shader 3.0 que estas empresas estão desenvolvendo e/ou que já estão prontas para o Shader 3.0. A grande vantagem do Shader 3.0, segundo a NVIDIA, é que os jogos antigos baseados no Shader 2.0 não precisam de ser reescritos para tirarem proveito dos novos recursos do Shader 3.0. Os jogos apresentados incluíram FarCry (Crytek), EverQuest 2 (Sony), Lord of The Rings: The Battle For Middle-Earth (Electronic Arts) e Unreal 3 (Epic). Um detalhe importante é que o motor (engine) do Unreal 3 será usado como base para vários jogos.

Quanto ao desempenho, segundo a NVIDIA o GeForce 6800 Ultra é, em média, 2 vezes mais rápido do que o GeForce FX 5950 Ultra, de acordo com testes executados em laboratório. É claro que em determinados jogos o aumento de desempenho foi maior do que em outros, sendo esta uma média. Para você ter uma idéia, a NVIDIA conseguiu com este novo chip mais de 14.000 pontos no 3DMark03, usando um Pentium 4 de 3,4 GHz (só para você ter uma idéia, os valores máximos que nós conseguimos neste programa até hoje foi 5.900 pontos em um Pentium 4 de 3,4 GHz usando uma Radeon 9800 Pro e 6.400 pontos com uma GeForce FX 5950 Ultra). Realmente impressionante, mas teremos de esperar nossos testes com este novo chip para verificarmos se realmente esta estimativa da NVIDIA se concretiza (clique aqui para ler nossos testes com este chip).

Cobertura do Lançamento do GeForce 6800 (NV40)
Figura 5: Mais de 14.000 pontos no 3Dmark03 com a GeForce 6800 Ultra em um Pentium 4 de 3,4 GHz.

O aumento do desempenho se deu por vários motivos. O chip GeForce 6800 usa uma arquitetura superescalar com 16 canalizações, isto é, ele é capaz de processar 16 pixels por pulso de clock, o dobro da série GeForce FX 5900. Além disto, cada canalização tem agora duas unidades de Shader e uma unidade de textura, sendo capaz de processar oito operações por pixel por clock. Multiplicando-se isto pela quantidade de canalizações, temos uma capacidade total de 128 operações por clock. Realmente impressionante.

Cobertura do Lançamento do GeForce 6800 (NV40)
Figura 6: Arquitetura da série GeForce 6800.

Outros detalhes da arquitetura incluem suporte nativo a precisão matemática de 128 bits, filtro anisotrópico de 16x, interface de memória de 256 bits, suporte a memórias DDR3, fabricação em processo de 0,13 mícron e suporte ao barramento AGP 8x e PCI Express (neste caso, usando o chip conversor da NVIDIA, chamado HSI, High-Speed Interconnect).

O modelo GeForce 6800 Ultra virá com 256 MB de memória DDR3. Já o modelo GeForce 6800 virá com 128 MB de memória DDR "comum" e terá "somente" 12 canalizações, em vez das 16 presentes no modelo Ultra. Além disso, a NVIDIA prometeu para o verão norte-americano (inverno no Brasil) um modelo de GeForce 6800 Ultra com 512 MB de memória DDR3.

Abaixo você confere um modelo de GeForce 6800 UItra apresentado no evento. Repare que há a necessidade de usar dois conectores de alimentação extras e as duas saídas de vídeo são no padrão DVI (que podem ser convertidas para VGA com o uso de um adaptador).

Cobertura do Lançamento do GeForce 6800 (NV40)
Figura 7: Placa usando o GeForce 6800 Ultra, vista de frente.

Cobertura do Lançamento do GeForce 6800 (NV40)
Figura 8: Placa usando o GeForce 6800 Ultra, vista de costas.

Cobertura do Lançamento do GeForce 6800 (NV40)
Figura 9: Detalhe dos conectores de uma placa usando o GeForce 6800 Ultra.

Durante o evento vários parceiros da NVIDIA demonstraram modelos de GeForce 6800 Ultra, entre eles ASUS, Gigabyte, AOpen, Chaintech, XFX, eVGA, Gainward e Leadtek.

Compartilhar



  Denunciar Artigo
Entre para seguir isso  

Artigos similares


Comentários de usuários


Não há comentários para mostrar.



Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×