Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.
King31

Aterramento - Dúvida sobre medição

Recommended Posts

Olá.

Estou fazendo o aterramento de uma única tomada onde será ligado um no-break senoidal de 1400VA.

O aterramento foi feito com uma barra de cobre de 2,4m e cerca de 4m de fio 2,5mm. O piso do lado de fora da casa foi quebrado e enterrada a barra um pouco abaixo do nível do contrapiso. (Infelizmente não possuo jardim em minha residência).

Ví que é possível medir se o aterramento está OK através de alguns testes de tensão entre neutro / fase / terra, porém os resultados me deixaram em dúvida.

A tensão nominal da casa é 115V.

Fiz o teste abaixo com o voltímetro diretamente na tomada, sem nenhum aparelho ligado na mesma:

Fase / Neutro = 112V

Fase / Terra = 112,5V

Neutro / Terra = 0,3V

Esta medição foi feita corretamente? Os valores estão aceitáveis?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Se a tua tensão nominal for 115V entre fase e neutro, 112,5V é perfeitamente aceitavel! ...Apenas 2,2% de variação!

Não basta apenas medir a ddp entre terra e fase e terra e neutro... tem que fazer circular uma corrente aí! Precisa ver a resistência que o solo está apresentando para a passagem da corrente.

Da uma olhada neste tópico: Aterramento. Aterra... o que?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou ser meio simplório, mas direto ao ponto!

Sendo só para uma tomada, usando uma haste de 2.4 metros, feita uma boa conexão, estaria despreocupado!

Aterramento é coisa séria, mas também não precisa de exageros técnicos! Basta fazer com cuidado, mesmo sendo de forma simples!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Olá.

Estou fazendo o aterramento de uma única tomada onde será ligado um no-break senoidal de 1400VA.

O aterramento foi feito com uma barra de cobre de 2,4m e cerca de 4m de fio 2,5mm. O piso do lado de fora da casa foi quebrado e enterrada a barra um pouco abaixo do nível do contrapiso. (Infelizmente não possuo jardim em minha residência).

Ví que é possível medir se o aterramento está OK através de alguns testes de tensão entre neutro / fase / terra, porém os resultados me deixaram em dúvida.

A tensão nominal da casa é 115V.

Fiz o teste abaixo com o voltímetro diretamente na tomada, sem nenhum aparelho ligado na mesma:

Fase / Neutro = 112V

Fase / Terra = 112,5V

Neutro / Terra = 0,3V

Esta medição foi feita corretamente? Os valores estão aceitáveis?

Primeiramente, aterramento de hastes independentes (esquema TT) já começou errado. Aterramento desse tipo sem instalação de proteções adequadas não dá proteção contra choques em faltas fase-terra ou seja, um curto-circuito fase-terra (carcaça do equipamento). Segundo, esse aterramento é altamente vulnerável para locais que apresentam uma certa incidência de descargas atmosféricas, especialmente na existência de para-raios nas proximidades. Pode haver um acoplamento entre a malha de aterramento do neutro e seu aterramento local por intermédio das fontes de alimentação do PC, isso tudo de forma destrutiva - adote ao menos protetores que façam a referência entre neutro-terra por meio de varistores de alta capacidade de corrente de surto. Há ainda outros problemas que você pode ler aqui:

http://forum.clubedohardware.com.br/aterramento-aterra-atualizado/659241

Sobre a medição que você realizou, ela é muito simplória e nada diz sobre a qualidade desse aterramento. Primeiro porque você mediu sem carga alguma ou seja, corrente passando pelo fio terra. Um multimetro não joga nem 1 miliamper de corrente no fio para realizar a medição, logo é uma medição completamente imprecisa e apenas denota q há um fio conectado ao aterramento e nada mais.

Ao colocar pra trafegar uma corrente mais elevada, esse aterramento vai mostrar a qualidade do contato com o solo, mas em casa é difícil colocar uma carga considerável pra nos dar uma noção melhor da coisa sem uso de equipamento especializado para tal. Sem contar que esse teste só considera a ação desse aterramento apenas pra frequência de 60Hz, ele se comportaria de forma diferente numa frequência de 180Hz por exemplo ou mais elevada ainda, no caso de descargas atmosféricas... Mas o teste básico com carga que costumam fazer é usar uma carga resistiva de 100W, uma lâmpada incandescente, e liga-la entre Fase-Neutro, tomar a medição e fazer o mesmo entre Fase-Terra e tomar a medição novamente e comparar a diferença entre ambas. Um aterramento abaixo de 10 Ohms, que é considerada uma resistividade relativamente boa, não deveria dar uma queda de tensão muito maior do que uns 3 volts, na verdade com 100W apenas não deveria dar queda de tensão alguma entre uma medição e a outra se esse aterramento tiver uma resistência ideal.

Entretanto o mais importante de um aterramento é a equipotencialização e nem tanto a resistividade da malha local que só seria importante caso esse aterramento voltasse a ficar independente por alguma razão e fosse descarregada uma corrente relativamente elevada no mesmo. A baixa resistividade conseguiria manter as carcaças dos PC's com uma tensão relativamente segura ao toque do usuário. Enfim, recomento que leia o tópico indicado.

Editado por _rau_

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
  • Autor do tópico
  • Agradeço pelas considerações de todos. Rau, lí seu post no tópico e alguns posts espalhados mas, confesso que não disponho de tempo para ler todas as 32 páginas.

    Na verdade eu tinha um aterramento no esquema TN-C, o qual foi desfeito, e além de ler sobre os diversos problemas do esquema eu pude constatar pessoalmente problemas como lâmpadas da casa piscando mesmo com o interruptor desligado. Achei arriscado permanecer com esse modelo e considerei refazer o aterramento no esquema TT pela simplicidade de ser feito (e teoricamente baixo custo).

    Refiz o teste com auxílio de uma lâmpada e realmente os valores estão fora do esperado.

    F/N = 111,3v

    F/T = 96,3v

    Diferença: 15v

    Ok, vamos recomeçar a história então... A instalação elétrica de minha residência tem cerca de 30 anos e os conduítes são extremamente finos, ao ponto que acredito que seria necessário trocar os conduítes se eu quisesse acrescentar uma fiação de 2,5mm para terra nas tomadas, o que seria financeiramente inviável para mim. Por conta disto, um técnico eletrecista (que trabalhava na Eletropaulo) anos atrás sugeriu que eu usasse o aterramento TN-C para toda a casa. Logo após a instalação desse aterramento eu notei diversos problemas elétricos, em especial esse das lâmpadas piscando quando deveriam estar apagadas. O cabo do aterramento estava exposto e foi cortado, com isso os problemas sumiram.

    Agora necessito de um aterramento para um no-break, o qual consta que perco a garantia se for constatado que não havia aterramento adequado. Por conta disto surgiu a ideia de aterrar apenas a tomada deste no-break, como já vi ser feito em inúmeros locais, especialmente pelo pessoal de TI (como você mesmo citou no tópico). Mas realmente eu gostaria que este aterramento fosse algo confiável e que não viesse para piorar as coisas.

    Rau, se eu conseguir diminuir a resistência nesse esquema TT, bastaria que eu usasse um equipamento de proteção adequado para que este aterramento fosse aceitável? Poderia me dar sugestões de equipamentos com tais proteções? Senão, se ainda assim achar que o TT seria um modelo arriscado para este cenário, poderia sugerir um modelo que acha que eu poderia usar sem muitas dores de cabeça?

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    A diferença está elevada. O mínimo que você teria que fazer aí era reduzir esse valor o máximo que puder enficando mais hastes e de forma espaçada, no mínimo o tamanho da haste.

    Entendo a sua situação e sei como é ruim mexer em instalações já existentes e principalmente se for antiga...

    Assim de "bate pronto" não vou saber te explicar a relação entre o esquema TN-C e às lâmpadas piscantes mesmo desligadas no interruptor, até porque vejo isso acontecer mesmo em locais sem uso de aterramento e só posso atribuir a alguma falha de isolação, indução entre fios, etc. Se a remoção do esquema TN-C resolveu aí, que mantenha assim porque TN-C é até proibido em alguns paises, ainda não é no Brasil entretanto, mas visto com muita ressalvas nas normas brasileiras...

    O esquema TT é de fato o mais simples de se implementar e relativamente seguro para usar em residências, desde que se use proteções recomenadas quando se quer efetividade de todas proteções dadas por um aterramento residencial. No seu caso provavelmente não vai ter como adotar um Dispositivo DR, geralmente não tem espaço nos quadros pequenos de metal que comumente são e foram muito usados ao longo das décadas. Mas você pode tomar duas medidas, a de adicionar mais hastes e utilizar antes do nobreak um protetor do tipo Clamper Computer Protector, por exemplo. O único porém é que sem Dispositivo DR se um surto de tensão elevado ocorrer entre neutro-terra e danificar a proteção, seu aterramento virará um TN-C dentro do protetor e só um dispositivo DR detectaria essa falha...

    Editado por _rau_

    Compartilhar este post


    Link para o post
    Compartilhar em outros sites

    Crie uma conta ou entre para comentar

    Você precisar ser um membro para fazer um comentário






    Sobre o Clube do Hardware

    No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

    Direitos autorais

    Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

    ×