Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Phynsx

Membro Pleno
  • Total de itens

    27
  • Cadastrado em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

22

Sobre Phynsx

  • Data de Nascimento 28/08/2002 (18 anos)
  1. Bom, vários dos modelos que recomendamos vêm com dois conectores EPS12V, tanto a Core Reactor de 650W, quanto as Leadex III de 550W e 650W, por exceção das Pylon de 650W e 750W.
  2. Algo trágico é que a Cooler Master não tem representação oficial no Brasil e, portanto, também não oferece serviços de garantia nacional. A MWE V2 GOLD é basicamente a MWE GOLD, mas com capacitores melhores e em maior quantidade, mas continua com uma plataforma similar da Huizhou Xin Hui Yuan Tech, que não é exatamente muito bem desenvolvida. A CX utiliza a plataforma GPS, da Channel Well Technology, que é uma plataforma de alta eficiência de entrada, mas que foi modificada para ser um pouco menos eficiente. Os modelos de maior potência têm componentes melhores e melhor dimensionados. O dimens
  3. A Cooler Master V rev. 1 e V rev. 2 são ótimos modelos, feitos pela Chicony Electronics. No entanto, sofrem do "efeito High Power", no qual a empresa se sente na obrigação de utilizar controladores mais baratos e remover a proteção contra surtos e correntes de irrupção (SIP). Fora isso, todos os componentes são excelentes, muitos até mesmo melhores que os da Core Reactor, mas que no fim, não a faz valer a pena, principalmente pela falta da proteção mencionada acima (também conhecida como varistor e termistor), que faz com que o modelo não tenha uma importante de proteção.
  4. A própria empresa é boa o suficiente para nos dar uma pequena dica: Basicamente, a AK500 indica PPFC em uma ocasião, depois APFC, mas a realidade é que não tem um e nem o outro, temos apenas dois capacitores dobradores de tensão e uma retificadora, sem filtro de harmônicos, tranqueira mesmo. A GP-P450B e a GP-P550B estão bem acima disso, o que não quer dizer muito, até porque o dobro de zero continua sendo zero. Ambos são modelos mal construídos, com ventiladores de má qualidade, capacitores horríveis no estágio secundário e transistores de procedência extremamente duvidos
  5. @Ernani94 Ela irá operar perfeitamente com a sua configuração. A Core Reactor é um modelo de duração extremamente longa e alta estabilidade. É claro, não é perfeita, mas é excelente nos mínimos detalhes. Você pode pegá-la sem receio.
  6. Sinceramente, se você quiser uma fonte para o futuro, a MWE V2 GOLD não é uma fonte para você. É um modelo com dimensionamento para uma rotulação de 40 °C, com uma retificação pouco potente para a trilha principal no estágio secundário. Utiliza capacitores de baixa qualidade, da Lelon, neste mesmo estágio e alguns sólidos nem mesmo foram identificados. Apesar dos esforços da empresa em corrigir o projeto da primeira revisão, esse modelo ainda é bem infeliz na escolha dos seus componentes, algo típico da Fusion Power, a sua fabricante. No entanto, essa escolha tende a ser ainda pior. Ai
  7. A potência é suficiente, mas a Cooler Master Elite não é um modelo muito bom. Se você pudesse pegar alguma outra unidade, seria melhor e garantiria uma operação mais longeva para o seu computador. Bom, fontes com trilhas múltiplas não faltam, tem desde uma única trilha até seis trilhas, como na Enermax MaxRevo 1350W. O ideal é que sejam bem implementadas, mas é notavelmente mais fácil fazer isso com uma única trilha.
  8. Apenas reiterando o que foi dito pelo @RS Faria acima, o pico de consumo da GTX 1650 4GB segundo a Cybenetics Labs (Powenetics), foi de 99,23 watts no Furmark. O I3 9100F também não tem um consumo elevado, o sistema inteiro do teste realizado no I3 10100, onde o I3 9100F também foi comparado, acabou consumindo 112 watts no teste de multi-threading (ou seja, é consideravelmente menor do que 112 watts, afinal, nesta conta inclui-se muitos outros componentes). O consumo dificilmente ultrapassara os 200 watts de potência e cada linha deve ter potência mais do que suficiente para alimentar os conec
  9. @demacolvive Então, vou listar alguns dos ruídos que o projeto da MWE V2 pode apresentar sem qualquer problema: 1. Ruído do relé eletromagnético durante o início, algo similar a um estalo. 2. Ruído do oscilador do controlador ressonante, algo similar a um motor. 3. Ruído do ventilador operando em carga baixa, algo similar a um inseto. E também há outros ruídos genéricos: 1. Ruído dos indutores ou choramingo de bobina, algo similar ao segundo ruído citado. 2. Ruído de interferência eletromagnética, algo similar ao primeiro ruído citado.
  10. @Alebrire Dependendo dos conectores que cada trilha alimenta, pode não ser um problema. Se a trilha 12VA estiver alimentando os conectores ATX12V 4 pinos e/ou EPS12V 8 pinos (talvez até o conector ATX12V 24 pinos, mas não é usual) e a trilha 12VB estiver alimentando o restante, não deve ser um problema.
  11. Você pode puxar a corrente máxima rotulada em cada uma das trilhas antes de entrar em sobrecorrente (e desligar após uma certa exigência de corrente). E você pode puxar, de ambas as trilhas ao mesmo tempo, essa potência máxima rotulada antes de entrar em sobrecarga (e desligar após uma certa exigência de carga). A primeira trilha é dedicada a alguns conectores e a segunda trilha é dedicada a outros. Como foi dito acima pelo amigo, essa potência rotulada para ambas é a potência combinada. Também há a potência combinada de 5 volts e 3,3 volts.
  12. @Yan_ A CORE REACTOR seria um modelo excelente para a sua utilização, é estável, tem alta margem de sobrecarga e utiliza componentes de alta confiabilidade, bem dimensionados e com refrigeração intensiva.
  13. @Yan_ Eu acredito que o ideal seja realizar a troca mesmo. Não é um modelo muito estável (a plataforma limita muito os seus resultados e há erros grosseiros de projeto), apesar de ter um excelente desempenho mesmo em carga alta por conta do módulo DC-DC. Apesar da utilização em mineração geralmente ter operação em carga constante, o ideal seria a utilização de um modelo que pudesse garantir uma operação mais confiável.
  14. @Yan_ A bifurcação é na parte exterior, é um cabo principal e uma emenda, parecendo dois cabos separados, mas ambos têm a mesma raiz.
  15. @Yan_ Infelizmente não. Como de costume em modelos mais baratos, é um cabo bifurcado com uma bitola de 18 AWG. Conforme a Cybenetics: o cabo principal tem 530 mm e a bifurcação (que não é crimpada no mesmo conector) tem 120 mm.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Aprenda a ler resistores e capacitores

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!