Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

dwatashi

Moderadores
  • Total de itens

    9.790
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    100%

Tudo que dwatashi postou

  1. Considerando o sistema wireless, é "verdade", porque no wireless eles usam uma velocidade teórica. A velocidade real é sempre metade do link informado, por exemplo se o adaptador se conecta a 48 Mbps, a velocidade real será em torno de 24 Mbps. Se considerar os roteadores MIMO (2 ou mais antenas) ou padrões mais novos é comum ocorrer o seguinte, caso algum dispositivo mais antigo ou de menor velocidade entre na rede, toda a rede sofre queda de performance, porque ele precisa mandar pacotes na menor velocidade para atender a todos os clientes conectados.
  2. Se não encontra na Tech, terá que encontrar alguém que a tenha para pedir um backup (dump) da mesma. Chegou a tentar o suporte da Galax, via ticket/email?
  3. Tinha um antigo horariopc que um colega usava, mas necessitava de licença para usar todos os recursos. Outra opção seria algum desses para Cybercafé?!?
  4. Sim é o roteador mesmo. Este possui apenas interface de rede 100 Mbits com fio, logo a velocidade máxima dele será algo próximo disto. Para obter velocidades maiores teria que usar roteador com porta Gigabit e 802.11ac ou ax, mas usar dispositivos com este padrão. Lembrando que a maioria dos móveis não usa MIMO, ele é mais comum em notebooks, smartTVs, porque o MIMO aumenta o consumo de bateria.
  5. Do SSD na execução do Excel e SO e do HD para carregar o arquivo. Se o arquivo for grande, colocar ele no SSD ajuda a carregá-lo.
  6. A Ecotank é mais barata para manter e ofecere maior performance (ppm). A WF é mais cara porque utiliza cartuchos, mas possui fax e pelo que entendi, faz duplex (imprime frente e verso). Depende do que necessita e para o volume de páginas impressas. Se for maior que 1k páginas mês, considere a Ecotank porque sai bem mais em conta.
  7. Parece ser uma placa com chipset Realtek, veja nela se encontra RTL-8139 por exemplo. O driver pode ser baixado aqui no site do fabricante, se este for o caso.
  8. Troque a verifique os drivers de vídeo. Na transição de W8 / W10 alguns drivers causavam o problema citado.
  9. Provavelmente IPS, segundo este review da família A515-54G.
  10. Pelo que vi no Gaming ele aceitava SATA e NVMe, já no GX ele cita apenas NVMe. Dê uma olhada no manual.
  11. Parece que se trata de um notebook com chipset SiS, tente verificar se um dos UniVGA funciona.
  12. Geralmente as telas de mesma série funcionam, mas o ideal é abrir e ver qual o display/tela você tem em seu equipamento. Porque tem vários modelos que podem ser utilizados que são compatíveis.
  13. Utilizo 2 boas alternativas gratuitas, Recuva e Testdisk. O recuva tem interface visual, o testdisk é modo texto. Agora o testdisk consegue recuperar arquivos sobreescritos com mais facilidade, então é fácil um pendrive de 16GB recuperar 32GB, sendo que muitos dos arquivos são cópias sobreescritas/parciais.
  14. Possível até é, mas pode ter alguns problemas para configurar o BT. Porque algumas BIOS/Sistemas usam programas para gerenciar o On/Off do Wireless e podem não oferecer o suporte. Além que alguns também restringem também os cartões/chipsets, mas lembro de ver esse comportamento mais em HP, Dell. Enfim provavelmente terá que comprar e testar.
  15. Para instalar o Windows no SSD é necessário utilizar o modo EFI, pois somente nele são carregados drivers PCIEx para habilitar o armazenamento no boot. O pendrive para este modo também é diferente, muitas vezes o aplicativo da MS não configura o pendrive para EFI, um meio é utilizar o Rufus. Recomendo também remover/retirar o HD temporariamente para que não configure um boot com 2 instalações de Windows.
  16. Verifique a configuração das memórias também na BIOS, utilize o modo de configuração manual em vez de automático. Já vi alguns casos em que as memórias mesmo sendo de mesmo modelo, possuiam SPD diferentes. Nos AMD não sei ao certo porque, essa diferença faz com que ela opte por limitar o uso da memória total. Outros é porque a memória está com defeito, use o memtest para verificar como se comporta. Agora, pode ocorrer no memtest o mesmo que no Windows, não reconhecer toda a memória. Se a placa-mãe possuir outros slots, recomendo testá-las em outras configurações para ver como se comporta.
  17. No caso está conectado diretamente com o modem da operadora? Verificou o cabo/conector? Para o Gigabit funcionar os 4 pares precisam estar OK, se estiverem com algum problema a velocidade passa para o Fast mesmo.
  18. A velocidade não chega tendo apenas um computador conectado aos switchs? Porque a velocidade é compartilhada, se o outros estiverem usando a velocidade é reduzida. O 2824 tem opção de gerenciamento, teria que verificar se não existe alguma regra sendo aplicada.
  19. Geralmente tem um módulo que você instala que quando dá um sinal no facho de luz ele aciona este módulo.
  20. No geral não, porque depois de atualizar ele sobre escreve os arquivos e não faz um "backup" de versão. Agora não atualizar nem sempre é uma opção, porque a microsoft adotou os builds também para limitar o suporte.
  21. Ambos os testes foram com cabo? No wireless pode ser interferência, ou já algum compartilhamento que esteja atrapalhando.
  22. Mais ou menos, porque muitos roteadores que possuem esse recurso usam um sistema de tags, que é mais simples. Ele funciona se o tráfego de rede usar as tags, mas ele nem sempre limita mas prioriza. O problema é que você pode desabilitar as tags e deixa de funcionar. Se por exemplo for tráfego encriptado pode não funcionar por exemplo. E se o link for grande como temos hoje em dia, quando você habilita esse recurso nos roteadores domésticos ele pode impactar na banda final. Por exemplo, tenho um roteador Gigabit, mas tem uns 8 anos, se usar o recurso de velocidade,a banda final não passa dos 30~35 Mbits e hoje temos acessos bem maiores domésticos. (Tudo bem que estou citando um WNR3500 mas ele possui 128MB de RAM/ROM e muitos domésticos não possuem isto hoje.) Enfim apenas quis mencionar que como ele cita "empresa" um roteador doméstico que mostra controle de banda pode não funcionar a contento pois o uso é diferente. No caso seria bom saber qual tipo de internet, quantos usuários, etc para indicar um produto, compreende?
  23. Precisa que o roteador ou um computador distribua a internet, desta forma todo o tráfego passa por um ponto e você pode identificar primeiro qual IP e depois filtrar por usuário por exemplo. Os roteadores domésticos não fazem, alguns até é possível adicionar o recurso usando firmware de terceiros, mas dependendo do equipamento e velocidade de internet é preciso investimento porque mesmo com atualização o hardware é "simples".
  24. 1. Se colocar os roteadores como APs, o gerenciamento ocorre direto pelo roteador NET. Fica mais fácil por exemplo redirecionar portas. 2. Se colocar como roteadores, funciona mas gera NAT sobre NAT o que pode trazer problemas de velocidade, conexão e portas já que um determinado IP local fica criando portas e gerando mais tráfego. 3. Em modo repetidor geralmente se usa o meio wireless, melhora o sinal, mas reduz a velocidade.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Eletrônica

PROMOÇÃO DE QUARENTENA

Aproveite o isolamento social para aprender eletrônica!
De R$ 39,90 por apenas R$ 19,90
Só até as 23h59min desta sexta-feira 10/04/2020

CLIQUE AQUI E COMPRE AGORA MESMO!