Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.

albert_emule

Membros Plenos
  • Total de itens

    13.916
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

1.194

1 Seguidor

Sobre albert_emule

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    salvador
  1. Só tome cuidado com a freqüência. Para IGBTs não use mais que 50Khz.
  2. Uma curiosidade: Participo de um grupo de energia solar OFF-GRID no whatsapp com 256 membros. Muitos usam baterias de carros/caminhões (automotivas). Outros usam estacionárias. Não são muitos que usam estacionárias pois eles olham muito o preço. Alguns dos que usam estacionárias baterias freedom, tem reclamado que as baterias tem durado pouco. Muito menos até que as automotivas. No mesmo sistema, controlador de carga e painel solar e mesmo regime de funcionamento, teve usuário que deu azar com as baterias freedom. Os mesmos usuários que deram azar, ogara preferem só as automotivas. Segue um vídeo interessante que explica as diferenças entre as baterias automotivas e estacionárias: https://www.youtube.com/watch?v=1IXMmvPngBQ& adicionado 4 minutos depois Outra coisa que o pessoal lá do grupo faz é descarregar as baterias a no máximo 11V.
  3. Este controle a seguir pode te fornecer tanto um controle de duty cycle, como um controle de freqüência. O trimpot que está identificado como "ajuste de tensão", na verdade ajusta o duty cycle. Vai de zero até 50% que acredito ser ideal para o seu caso. Só evite que vá até 50% para os IGBTs não conduzirem ao mesmo tempo. Coloque um resistor para limitar um pouco. Um exemplo: Esta limitação das imagens acima é suficiente pros IGBTs não conduzirem ao mesmo tempo. Se for usar frequências tão altas quanto estes 100Khz, não use IGBTs. Use mosfets. Veja um exemplo de mosfet: http://www.timfine.com/DownloadFile/UP_2013614211644922.pdf adicionado 6 minutos depois Este controle é tão bom que ainda tem partida suave no pino 8 e detecção de curto-circuito no pino 10, que atualmente está aterrado. Tem o pino 7 que faz aquele limitador para não chegar a 50% que falei. Mas atualmente está direto sem a função.
  4. Basicamente, se já tem um gerador, vai precisar de um carregador de baterias. Este aparelho chamado carregador é vendido por diversos fabricantes. A dica que dou é buscar um tipo de carregador que chamam de inteligente e automático. Os outros que não tem "auto-controle" digamos assim, seria problemático pro senhor que é "neófito no assunto". Segundo que as baterias de chumbo são sempre carregadas de forma lenta. Cargas rápidas diminuem o tempo de vida útil delas. É padrão das fábricas. Elas não podem ser carregadas por completo em menos de 10 horas. Pois isso já forçaria elas. Então sempre divida o valor de corrente escrito na bateria por 10 horas. Essa é a regra. Exemplo: Bateria de 200AH Dividido por 10 = 20 amperes no máximo. Não há nada melhor que energia solar para fazer isso. Acho muito mais vantagem que um gerador. E por fim uma dica de um site que te dá uma base de autonomia: http://www.mcm.ind.br/pt-br/calculadora/ Veja um exemplo: para um notebook que consome 80w: Um ventilador de 40 watts um frigobar que vou colocar algo em torno de 60 watts: Total 180 watts: adicionado 6 minutos depois Para começo de história, um painel de 270 watts. O painel precisa de um tipo de regulador (Controlador de carga) para regular a tensão (tensão) que vai para a bateria. Para um sistema de 12VC, pode ser usado um tipo que se chama controlador PWM. O único cuidado é que tem muita coisa ruim no mercado. É necessário muita pesquisa para achar uma marca boa. Os controladores PWM não são caros. Posso até pegar uma dica com os amigos de um bom controlador PWM pro senhor, caso se interesse. adicionado 14 minutos depois Pro gerador tem esta fonte aqui. Ela tem ajuste de tensão e ajuste de corrente e serve como carregador de bateria. Para isso, o ajuste de tensão deve ficar em 13.8V Se a bateria for de 200AH, a corrente não deve passar de 20 amperes. A própria fonte mostra os valores de corrente e de tensão. https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-679930918-fonte-automotiva-usina-120-ah-144v-bivolt-voltimetro-2018-_JM
  5. Este funciona mesmo. Testado e aprovado. adicionado 2 minutos depois Queria aproveitar a oportunidade para mostrar o inversor feito por mim: https://www.youtube.com/watch?v=yVoh6POjpOA& adicionado 6 minutos depois Agora uma curiosidade sobre transformadores em inversores: https://www.youtube.com/watch?v=9NHGbd2hEVk&
  6. Você conseguiu extrair o código daquela placa? Como? Ou você tem um código qualquer? Gravar o PIC é fácil. Basta comprar o gravador e tem uns procedimentos que tem em vídeos no youtube. O difícil é programar. Ainda mais programar para fazer senoides. Fazer senoides exige muita matemática. Fora que você tem que programar para a coisa toda estabilizar a tensão de saída e ainda adicionar as outras funções. Não sei programar. Eu vou me virando. adicionado 14 minutos depois Verdade. trafo tem seu lado bom. Eu estive vendo preço para fabricação de trafos de 3Kva. Até que não saiu muito caro. Fica nuns R$300,00 a fabricação em casa. 20 quilos de chama de ferro que custam R$150,00 O carretel é R$4,00 comprados direto na fábrica de plastico injetado. É tão barato que me enviaram 3 de graça como amostra grátis. Olha que pode-se fazer um trafo até mesmo sem carretel. Conheço duas fábricas de no-breaks que sempre fizeram trafos sem carreteis convencionais. O fio você compra os carreteis de R$45,00. É bem por aí. Fabricando o trafo em casa acho que até fica mais barato que fazer o conversor DC/DC. Conversores exigem IGBTs que já não são baratos e precisa de 4. Precisa ainda de capacitores de 450V de pelo menos 470uF, uns 2 ou 4, dependendo da potência. Tem o custo da fabricação da placa que fica maior, do trafo e tudo mais. Conversor DC/DC não fica baratinho não. Além de ser mais frágil, pois tem mais peças para dar defeito. Só a mão de obra é menor. Enrolar um trafo é meio complicado trabalho.
  7. https://www.youtube.com/watch?v=diEQzf8gAQA adicionado 10 minutos depois https://www.youtube.com/watch?v=G0DTyLPlbLs
  8. Vai gastar 50 watts por hora. Em 10 horas de funcionamento já seriam 500 watts. Aqui onde moro um equipamento que tenha potência de 1000 watts que fique consumindo durante uma hora, custa na faixa de R$0,70. A hora do consumo de 1000 watts custa isso. Aqui em casa um refletor destes ligado por 10 horas me custaria em energia R$0,35 centavos. Se são 10 horas todos os dias então no fim do mês, depois de 30 dias, me custaria R$10,50.
  9. O seu você eliminou o transformador? Usa conversor? Ou ainda usa transformador? Já estou com projeto para um conversor.
  10. Por essas e outros eu criei meu próprio inversor senoidal de onda pura. https://youtu.be/yVoh6POjpOA
  11. Tem como sim. Só dá trabalho e exige experiência. Teria que rebobinar.
  12. Desse aí eu tinha. Caiu no chão desalinhou a hélice. Não prestou mais Tive que jogar fora. Fiquei com o motor. adicionado 1 minuto depois O motor é de 180 watts, se não me engano. 5 velocidades Na velocidade 5 parece que vai decolar. Mas normalmente na velocidade 1 já é mais forte que todos os ventiladores do mercado.
  13. Faz o seguinte: Liga uma bateria de 12V nesta entrada de bateria veicular. Use a caixa num volume alto que você considere potência máxima e meça a corrente de consumo na bateria. Desta forma será mais fácil.
  14. Para te ajudar eu tentei buscar o esquema eletrônico desta caixa, para ver que CI amplificador ela usa. Mas não achei. Descobrindo qual CI amplificador usa, daria para descobrir a potência real.
  15. Bateria de 12V por 9AH dura apenas 9 minutos a 200 watts. Duvido muito que seja 200 watts realmente. 200 watts em áudio é um negócio extremamente potente. Um alto-falante capaz de suportar 200 watts RMS sem sair fumaça, teria que ter um imã grande e pesado. Não acredita? veja você mesmo: Veja estes dados técnicos deste alto-falante. Este pesa 2,8 quilos. Mas suporta apenas 150 watts RMS 200 watts RMS faria ele sair fumaça. https://www.jblpro.com/ProductAttachments/10PW7_SpecSheet.pdf

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×