Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.

albert_emule

Membros Plenos
  • Total de itens

    14.129
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

1.325

3 Seguidores

Sobre albert_emule

  • Data de Nascimento 16-01-1993 (25 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    salvador
  1. Aqui segue um bom oscilador. Basta agora enrolar o transformador. Um núcleo de fonte ATX velha será mais que o suficiente. Terá que esquentar o núcleo em água fervente para a resina amolecer e o carretel soltar. Depois é só desfazer as bobinas originais e enrolar as bobinas adequadas.
  2. 1 Ampére em 300V é uma potência considerável. São 300 watts. No link do site a seguir você encontra um projeto de uma fonte com todos os cálculos necessário; http://sound.whsites.net/project89.htm Também tem todas as explicações.
  3. Olá amigo. Consegui fazer o gerador movido a vapor?
  4. Eu estava aqui pensando que diminuir a tensão mantendo a freqüência, pode ter impacto nas reativas que circulam nas bobinas... Mas a corrente final não ultrapassando a nominal do motor, vai funcionar perfeitamente. Considerando que as perdas que geralmente o motor dá, é em maioria na resistência do cobre e esta perda tem a ver com a corrente, acho que nem fica muito ineficiente. adicionado 7 minutos depois Considerando que um motor de indução é semelhante em funcionamento a um transformador, os resultados de se controlar a potência através da tensão, serão os mesmos que num trafo.
  5. Quais as conseqüências de se controlar a potência de um motor trifásico de indução variando apenas a tensão de zero até 220Vac, mantendo a freqüência fixa em 60Hz? Dá mais perdas? Queima o motor? O que acontece? Tenho pensado neste método de controle.
  6. Não pode. Não funciona assim. Se quer esta potência toda em 12V, compre uma fonte automotiva de 200 amperes.
  7. Já disse. Além dos fios positivo e negativo, nos carregadores rápidos tem um terceiro fios por onde o celular conversa com o carregador e diz a ele se quer tensão e corrente mais alta ou não. adicionado 13 minutos depois
  8. Ao que parece o carregador rápido troca dados com o celular. Pois é o celular que decide se quer carga rápida ou não. Ao que parece o carregador rápido tem o terceiro fio, que serve para trocar dados sobre a carga com o celular. É mais fácil você fazer engenharia reversa de um.
  9. Cuidado com a taxa de amostragem. Eu por exemplo, não compraria osciloscópio com taxa de amostragem menor que 1 Giga. Eu demorei para comprar o meu. Não quis comprar qualquer um com amostragem menor que 1 giga.
  10. Explicação com uma só imagem: É um comparador de tensão. adicionado 4 minutos depois Eu gosto de pensar assim: Se a entrada que tem o sinal de menos (-), é maior, a saída sempre será zero. Se a entrada que tem o sinal de mais (+) é maior, a saída sempre será de nível alto, que vai ter o mesmo valor da tensão de alimentação do CI... Comum dizer também que está no estado de 1. adicionado 10 minutos depois Os diodos nas saídas dos comparadores evitam que as saídas dos circuitos integrados entrem em curto-circuito. Não fosse os diodos, um circuito integrado poderia está em nível alto na saída enquanto o outro estaria em nível baixo. O que tivesse em nível baixo colocaria a saída do que estivesse em nível alto em curto-circuito. adicionado 12 minutos depois O transistor nem precisa dizer que ele amplifica corrente. Os resistores nem precisa dizer que são divisores de tensão.
  11. Para fazer teste em alternador? Até pode. Mas não diretamente. Como eu já disse, o alternador da moto tem uma limitação de corrente natural. Este variac não vai ter a limitação de corrente. Você terá que colocar a limitação de forma artificial. Um resistor de potência por fase por exemplo. Ou um grupo de resistores que serão chaveados para cada amplitude de tensão.
  12. Dá para fazer as contas: Multiplique uma das medidas pela outra e depois eleve ao quadrado. O resultado é a potência em watts. Exemplo do meu trafo. Este da foto com a caneta: Ele tem 2.5 centímetros de largura na perna central. Tem 3 centímetros de altura do empilhamento das chapas... Isso já dá 6,6 centímetros quadrados de área transversal do núcleo.... 6,6 centímetros quadrados vezes 6,6 centímetros quadrados, já dá 43.56 watts... 43,56 watts dividido por 12V, vai dar 3,63 amperes. O meu tem esta capacidade.
  13. É porque um motor de uma parafusadeira destas precisa de 12V por 1,5 a 2 amperes... Seu trafo não está suportando adicionado 1 minuto depois Este transformador seu aí é de 0,5 amperes ou até muito menos. adicionado 20 minutos depois Só um transformador do tamanho deste aí da foto é que iria suportar a sua parafusadeira. adicionado 28 minutos depois Se vocês seguirem a risca o meu tutorial, poderá fazer uma fonte chaveada bem bacana: http://eletronicaedownloads.blogspot.com/2014/06/projeto-e-calculo-dos-indutores-de-uma.html Vídeo de comprovação: https://www.youtube.com/watch?v=WBO3p3ks1dc
  14. Fonte muito barata. Qualquer ferrite vai fazer funcionar. adicionado 2 minutos depois Eu fiz uma versão usando só as peças que se encontra em lâmpadas: Essa não tem a realimentação da saída, pois considerei uma carga fixa. Corrente baixa também. Daí não precisou ter realimentação. O transistor retirei da própria lâmpada. Observe que algumas lâmpadas são de 20 a 25 watts... O mesmo transistor do reator delas, dá uma fonte com igual potência, de 20 a 25 watts. adicionado 3 minutos depois Eu fiz um vídeo desta fonte aí. Depois envio para vocês
  15. Considerando o gerador comercial já pronto para ser comprado, e alguns dados que os fabricantes informam, no máximo o valor do Kw hora fica igual aos das concessionárias. E mesmo assim depende de horários e tal. Bandeiras tarifárias... Ainda tem um problema que o gerador só vai dar sua eficiência máxima numa faixa de potência alta e tem que ser constante. Tirando por mim, que pago o mesmo valor de energia que o amigo que perguntou aí no tópico, não chego a consumir nem 300 watts hora. Isso já deixa tudo inviável. Não terá como usar o gerador na potência ideal. Logo o rendimento energético será baixíssimo. Gasolina é fora de questão. Fica cara em todos os sentidos. adicionado 3 minutos depois Aqui onde moro eu tenho observado um supermercado. Eles ligam o gerador a partir das 5 horas da tarde. Eu julgo que só a partir deste horário é que a energia da concessionária fica mais cara que a energia do gerador. Mas é aquela coisa: Eles operam o gerador na potência ideal. O super mercado inteiro funcionando.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×