Ir ao conteúdo
  • Comunicados

    • Gabriel Torres

      Seja um moderador do Clube do Hardware!   12-02-2016

      Prezados membros do Clube do Hardware, Está aberto o processo de seleção de novos moderadores para diversos setores ou áreas do Clube do Hardware. Os requisitos são:   Pelo menos 500 posts e um ano de cadastro; Boa frequência de participação; Ser respeitoso, cordial e educado com os demais membros; Ter bom nível de português; Ter razoável conhecimento da área em que pretende atuar; Saber trabalhar em equipe (com os moderadores, coordenadores e administradores).   Os interessados deverão enviar uma mensagem privada para o usuário @Equipe Clube do Hardware com o título "Candidato a moderador". A mensagem deverá conter respostas às perguntas abaixo:   Qual o seu nome completo? Qual sua data de nascimento? Qual sua formação/profissão? Já atuou como moderador em algo outro fórum, se sim, qual? De forma sucinta, explique o porquê de querer ser moderador do fórum e conte-nos um pouco sobre você.   OBS: Não se trata de função remunerada. Todos que fazem parte do staff são voluntários.

Foxwalt

Moderadores
  • Total de itens

    8.130
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

5.879

Sobre Foxwalt

  • Data de Nascimento 20-05-1996 (22 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Annoying Fox
  • Sexo
    Masculino

Meu PC

  • Processador
    Intel Core i5 4670K @ 3.8GHz
  • Cooler
    DeepCool Maelstrom 120T + Pasta térmica CM Master Gel Maker
  • Placa de vídeo
    Gigabyte GTX 760 Windforce 2GB Triple Fan @ 1267MHz
  • Placa-mãe
    Gigabyte GA-Z87-D3HP-CF + BIOS F7
  • Memória
    12GB (3x4GB) Corsair Vengeance 1600MHz
  • HDs
    2x Seagate Barracuda 1TB 7200rpm
  • SSDs
    Sandisk Plus 240GB
  • Gabinete
    PCYes! Horse Blue Edition + 5 fans 12cm + Cover Rise Wolf SSD + Suporte VGA Rise
  • Fonte
    OCZ ModXStream Pro 600W
  • Extras
    Drive de DVD-RW Asus E-Green, Bluetooth 4.0, Rede sem fio 300Mbps Mediatek
  • Mouse
    Logitech G402 + Mousepad Sharkoon Skiller XXL
  • Teclado
    Cougar 200K Scissor Switch ABNT2
  • Caixas de som
    Logitech Z506 5.1
  • Headset
    Sharkoon Skiller SGH1
  • Monitor
    LG Pro Gamer LED 29" Ultrawide 2560x1080p FreeSync 29UM69G 75Hz 1ms
  • Sistema Operacional
    Windows 10 Pro 64 bits
  • Browser
    Firefox
  • Antivírus
    Panda Security

Meu Notebook

  • Marca
    Asus
  • Modelo
    S46CB
  • Tamanho da tela
    14"
  • Processador
    Core i7 3537U @ 3.1 GHz
  • Chip gráfico
    GeForce GT 740M 2GB DDR3 128 bits
  • Memória
    8GB (2x4GB) DDR3 1600 MHz
  • HD
    500GB 5400 rpm
  • SSD
    mSata 24GB cache
  • Sistema Operacional
    Windows 10 Home 64 bits
  • Browser
    Firefox
  • Antivírus
    Panda Security

Meu Tablet

  • Marca e modelo
    Asus T100TA S Hybrid

Meu Smartphone

  • Marca e modelo
    Microsoft Lumia 640 DTV 8GB + Micro SD Sandisk 32GB Classe 10

Meu Console

  • Modelo
    Wii U Deluxe; Wii Deluxe; Playstation 2 Slim

Outros

  • Ocupação
    Graduando em Engenharia Civil na UFMG (9º Período).
  • Interesses
    Engenharia, hardware e jogos, automobilismo, automodelismo, música e guitarra.
  1. @Wilson.Lima Não sei a quanto tempo você comprou o Core i5 7400, mas após o lançamento dos processadores Ryzen e da 8ª Geração da Intel ele não tem sido boa compra, principalmente para streamar. As opções citadas pelo @grievous também são boas, mas eu só pegaria se fosse perto dos R$400,00. A R9 270X e a GTX 760 tem desempenho próximo ao da GTX 1050, mas gastam muito mais energia e não vão ter o mesmo tipo de suporte. Além disso, tem o fato de serem produtos usados.
  2. @Wilson.Lima Já comprou as peças (se sim, informe quando) ou pretende comprar? Sobre a placa de vídeo, tente aumentar um pouco o orçamento para pegar a GTX 1050.
  3. @Vitor CR Ah, ela é usada. Isso explica o menor valor. Há pouco tempo atrás eu encontrei um anúncio dessa mesma fonte usada por R$70,00, mas R$130,00 é aceitável se você não puder pegar uma fonte nova e melhor. adicionado 1 minuto depois Tente fazer upload em algum site de imagens e apenas copie o link.
  4. @Vitor CR Poderia enviar o link? Esse preço está suspeito. A fonte é nova? adicionado 0 minutos depois Fonte genérica é roleta russa, não dá para saber. E se você não enviar foto da etiqueta, não tenho nem como inferir.
  5. @Uoxto Usar single channel corta o desempenho do vídeo integrado quase que pela metade. Para complicar, as memórias são de baixa frequência, o que não ajuda. Você pode esperar menos da metade do desempenho do vídeo integrado do Ryzen 5 2400G da maioria dos testes por aí. Além disso, a quantidade colocada (4GB) é completamente insuficiente para jogos modernos, ainda mais compartilhando com o vídeo integrado, como já mencionado.
  6. É interessante especificar modelos na recomendação, para evitar compras ruins. A EVGA, por exemplo, tem uma fonte de 400W que não é interessante. E é necessário ter cuidado com a Thermaltake. Aqui está nosso teste: Essa fonte só compensa se estiver muito barata e você não tiver como comprar outra. Essa configuração jamais chegaria perto de consumir 200W. Essas calculadoras superdimensionam o consumo, principalmente no caso dessas configurações de entrada. Contudo, mesmo que a máquina precise de muito pouca potência, a fonte genérica ainda pode ser arriscada. Selo 80 Plus é indicativo de qualidade, e apenas isso. Você está correto se estiver pensando que fontes de qualidade geralmente tem o Selo, mas não é regra absoluta. Além disso, a classificação é cheia de falhas:
  7. @Golden999 Favor não abrir múltiplos tópicos sobre o mesmo assunto. Obrigado pela compreensão. TÓPICO FECHADO.
  8. @Bugai A fonte é boa. Mas não por R$250,00. Como disse o @grievous, informe a configuração da máquina que poderemos lhe ajudar na escolha.
  9. Se você for pegar a Thermaltake para analisar, vai encontrar um histórico bem longo de produtos ruins, como: Purepower 500W e TR2 RX 750W. E tem alguns bem piores. Ao mesmo tempo, irá encontrar excelentes fontes deles. Ou seja, a Thermalteke recebeu a denominação meio termo, totalmente justa, por ter, ao mesmo tempo, diversas fontes de boa qualidade e um longo histórico de produtos muito ruins. Enquanto isso, a Corsair lança apenas bons produtos, aprovados em testes e, dessa forma, recebe a classificação de marca recomendada. Sobre suas fontes terem queimado, você pode ter sido simplesmente o sujeito que deu azar. Ou pode realmente ter feito mal uso dos produtos e não sabe disso. Algumas pessoas chegam aqui reclamando que fonte Corsair, PCYes!, EVGA e coisa do tipo queimou mas, ao mesmo tempo, afirmam que usaram estabilizador ou nobreak interativo (que tem estabilizador), o que acaba com a fonte (o manual desses produtos costuma deixar bem claro para não ligar fontes com PFC ativo neles, mas as pessoas não gostam de ler as instruções ou buscar entender mais sobre o funcionamento das coisas). Não estou dizendo que é o seu caso, pois eu teria que conhecer muito bem o contexto para dizer alguma coisa. Já acompanhei diversas experiências com o RMA da Corsair e eles costumam ser elogiados. Você pode, inclusive, descrever melhor o caso para entendermos o que aconteceu. Fonte genérica é roleta russa. Pode não queimar, pode queimar amanhã, em uma semana, em um mês, em um ano... Não dá para adivinhar quando vai explodir, mas podemos fazer um bolão legal. Uma tia minha adora fumar, já faz décadas. E ela está muito bem de saúde. Não quer dizer que fumar faz bem. Da mesma forma, usar fonte genérica ruim por 3 anos sem ter problemas não quer dizer que esse tipo de produto é bom. Você pode ter dado azar com a Corsair e ter tido uma sorte absurda com a genérica. Todas as informações e classificações neste tópico são baseadas em análises e testes. Não há qualquer tipo de julgamento parcial estilo "fanboy" aqui. Podemos encontrar alguém que comprou fontes da Thermaltake chegando aqui e reclamando que a marca é ruim. Como você pode ver, a análise de casos isolados não é útil para classificar os produtos, mas é muito importante que pessoas como você compartilhem as experiências que tiveram. E qual era o modelo exato dessa Duex? Sim, a Thermalkate comercializa boas fontes. E também fontes ruins. Por esse motivo não tem como sair indicando pela marca, coisa que dá para se fazer com Seasonic, Corsair, PCYes! e outras. Na realidade, mal uso de fontes de alimentação é uma das coisas mais comuns que existem, como expliquei acima. Estabilizadores, shortbreaks, módulos isoladores... É um festival de horrores. Novamente, não estou dizendo que é o seu caso. Mas isso acontece, e muito. Esses equipamentos torturam a fonte até queimar. Nenhum RMA funciona para todos os produtos que retornam. Cada unidade precisa ser desmontada e analisada separadamente. Exatamente. Até mesmo Ferrari pega fogo. Não adianta querer que não ocorram falhas. E isso pode ser o que aconteceu com você: alguém sempre vai ser o azarado de comprar unidades ruins. Seria muito interessante se você pudesse descrever melhor o problema e todo o processo associado, incluindo as trocas de e-mails em questão. Por que eles lhe pediram desculpas? Deixe seu relato para que outras pessoas possam ver.
  10. @Victor Vinicius Costa Se sua fonte for do modelo antigo, então você realmente foi enganado. Se for do modelo novo (o que é mais provável), você não terá sido exatamente enganado, mas não terá feito a melhor compra. A etiqueta fica colada na lateral da fonte...
  11. @Math.Pi É a esse teste mesmo que me refiro. Obrigado por mencionar. Ele mostra claramente ali o que comentei. A fonte é tecnicamente segura, mas produz níveis de oscilações e ruídos bem piores que outras fontes de entrada, como a CX 450, por exemplo. Uma simples PCYes! Shocker 500W, a título de comparação, fonte super de entrada com Selo 80 Plus White, produz menos de 30 mV de ripple em situação de estresse, essa daí chega a bater 80 mV. Além disso, as tensões da PCYes! variam bem menos. E, para completar, enquanto a PCYes! alcança aproximadamente 45ºC, a Gamemax chega a 80ºC. E aí eu pergunto: será que dentro de um gabinete de computador, onde a temperatura é claramente mais alta que o ambiente, essa Gamemax que alcançou 80ºC aí vai conseguir entregar o que promete? E, o mais importante, em segurança? E o legal é o fabricante dessa Gamemax, que é claramente de entrada, escrever na caixa que é uma fonte "high end"... Passa? "Passa". Mas boa essa fonte não é. Não considerando os concorrentes dela. É um produto para se manter distância. Se já comprou, então pode usar. Mas boa compra não é. Ah, e isso considerando que é o modelo novo dessa Gamemax. O primeiro, que é lixo tecnológico, explodiu na bancada de testes do TecLab. E é por isso que eu faria questão de ver a etiqueta disso daí.
  12. @Victor Vinicius Costa O primeiro modelo dessa fonte era ruim. O último que lançaram não é bom, produz níveis de oscilações e ruídos mais elevados que o ideal quando está trabalhando com maior carga, mas está dentro do aceitável para questões de segurança. Nem em sonho que essa fonte é high-end como tiveram a cara de pau de escrever na caixa, mas aparentemente é um dos modelos mais atuais e, portanto, é segura.
  13. @Luis_Claudio Sua antiga fonte com PFC ativo não deveria ter sido ligada nesse tipo de equipamento. Ela durou até demais. A nova vai acabar tendo o mesmo destino se continuar usando isso. No manual do nobreak deve ter uma seção avisando para não conectar fontes com PFC ativo nele. Quando há fornecimento de energia, o estabilizador desses nobreaks arrebenta a fonte. Quando não há fornecimento de energia, a onda retangular também arrebenta a fonte. Ligue sua fonte diretamente na tomada e observe se há alguma mudança.
  14. @Dion10 Você fez bem em trocar a fonte genérica. Essas porcarias são como roletas russas: pode não explodir, pode explodir amanhã, em uma semana, um mês, um ano... Dificilmente alguém acertaria, mas daria para fazer um bolão. Sobre os adaptadores, o ideal é não usar. E você não vai precisar disso, creio eu.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×