Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Excel Fórmulas Excel Qual a diferença


Posts recomendados

Boa tarde a todos,

 

Gostaria de saber a diferença entre a fórmula =SOMA($AT142:AT162) e da =SOMA($AT142:$AT162).

 

Preciso desta informação pois tenho um ficheiro excel que vai buscar valores a outro ficheiro excel, acontece que quando alguém acrescenta linhas ao ficheiro inicial o outro ficheiro desconfigura, a minha questão é qual destas fórmulas devo usar.

 

Obrigado desde já pela ajuda.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Eu não conheço a sua planilha, mas funciona da seguinte forma:

Cada célula da planilha tem uma referencia, como se fosse uma coordenada geográfica.

Por exemplo, quando eu falo célula A1 você sabe que é a primeira linha da primeira coluna da planilha.

Quando você coloca o $ na frente da linha ou da coluna, significa que a fórmula manterá a mesma linha ou coluna original, quando for copiada para outras células.

Por exemplo $A1, significa que não importa a linha para a qual você copiar a fórmula, a linha nunca mudará, será sempre A.

Se você colocar A$1,significa que não importa a coluna para a qual você copiar a fórmula, a coluna nunca mudará, será sempre 1.

Se você colocar $A$1, significa que nem a linha nem a coluna mudarão, para qualquer célula que você copiar essa fórmula, o valor usado para o cálculo será sempre aquele da célula A1

 

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

20 minutos atrás, Hugo Oliveira 84 disse:

@Wal SJC  Obrigado pela ajuda.

 

soma(A1,B1,C1), então se eu quiser garantir que esta fórmula não muda de forma alguma tenho que fazer, soma($A$1,$B$1,$C$1), é isso?

Sim, essa sua fórmula de soma está meio esquisita, mas colocando $ na frente das linhas e das colunas, para qualquer célula da planilha que essa fórmula for copiada, o resultado será sempre o mesmo.

Eu colocaria assim:

=soma(($A$1:$C$1)

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

2 horas atrás, Hugo Oliveira 84 disse:

soma(A1,B1,C1), então se eu quiser garantir que esta fórmula não muda de forma alguma tenho que fazer, soma($A$1,$B$1,$C$1), é isso?

 

Uma fórmula em uma célula só terá a sua sintaxe mudada por interferência manual ou por macro, então a sua fórmula pode ser escrita desta forma soma(A1,B1,C1), e se ela não for alterada por um dos meios citados ela permanecerá inalterada. Ela pode ser escrita =SOMA(A1:C1) também.

 

Quanto ao uso do cifrão ($) o objetivo é dotar a referência à coluna e ou à  linha como referência absoluta, e seu uso só faz sentido se a fórmula for replicada em outras células, se não, seu uso é desnecessário. Sem o cifrão a referência é relativa.

 

Para verificar o seu efeito na prática, coloque em uma célula vazia =A1, em seguida arraste para baixo e para a direita, veja os resultados.

Depois coloque em outra célula =$A1 e em outra =A$1, e em outra =$A$1, arraste para baixo e par a direita, veja os resultados.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

17 minutos atrás, Wal SJC disse:

Isto deve ser algo das versões mais recentes do Excel (após 2013), pois a minha, de 2013, ainda não aceita a fórmula dessa forma, eu acabei de fazer o teste.

O separador é de acordo com as opções regionais do sistema.

 

No padrão Inglês/USA é vírgula.

 

  • Curtir 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

2 minutos atrás, Midori disse:

O separador é de acordo com as opções regionais do sistema.

 

No padrão Inglês/USA é vírgula.

 

Ahhh, ok! Entendi!

Uso o Excel desde que acabou o Supercalc, mas nunca usei a versão em Inglês, não sabia que havia essa flexibilidade.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

19 horas atrás, Hugo Oliveira 84 disse:

 ... soma(A1,B1,C1), ...

 

Embora eu suspeitasse dessa sintaxe, eu não questionei por eu não saber da sintaxe na versão Português-Portugal.

Já que surgiu a dúvida, consultei há pouco um usuário de Portugal e ele informou que o separador utilizado é o ponto e vírgula, conforme transcrito abaixo.

Então a fórmula postada pelo @Hugo Oliveira 84 deveria ser ~~~> soma(A1;B1;C1)

E na versão Inglês ~~~> SUM(A1,B1,C1)

 

"... em Portugal o separador de argumentos é o ponto e virgula ";", exactamente SOMA(A1;B5;V9)"

 

  • Curtir 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

3 horas atrás, osvaldomp disse:

 

Embora eu suspeitasse dessa sintaxe não questionei por eu não saber da sintaxe na versão Português-Portugal.

Já que surgiu a dúvida, consultei há pouco um usuário de Portugal e ele informou que o separador utilizado é o ponto e vírgula, conforme transcrito abaixo.

Então a fórmula postada pelo @Hugo Oliveira 84 deveria ser ~~~> soma(A1;B1;C1)

E na versão Inglês ~~~> SUM(A1,B1,C1)

 

"... em Portugal o separador de argumentos é o ponto e virgula ";", exactamente SOMA(A1;B5;V9)"

 

Agora sim, funcionou sem precisar mudar nada!

A fórmula que eu costumo usar e essa sua, ambas funcionaram, sem precisar mudar padrões regionais, idioma, nada.

Tanto uma como outra podem ser usadas no Excel, em idioma português.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Uma vez mais obrigado pela ajuda de todos.

 

A questão é que eu tenho dois ficheiros de Excel, e sempre que alguém acrescenta uma linha ou coluna, o segundo ficheiro fica desprogramado. O que eu estou a fazer, tal como já havia dito, é por exemplo soma($a$1;$a$2;a$3), mas será que há uma fórmula que faça o mesmo trabalho mas sem dar tanto trabalho :)

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

3 horas atrás, Hugo Oliveira 84 disse:

Uma vez mais obrigado pela ajuda de todos.

 

A questão é que eu tenho dois ficheiros de Excel, e sempre que alguém acrescenta uma linha ou coluna, o segundo ficheiro fica desprogramado. O que eu estou a fazer, tal como já havia dito, é por exemplo soma($a$1;$a$2;a$3), mas será que há uma fórmula que faça o mesmo trabalho mas sem dar tanto trabalho :)

Sim, é: soma(a1:a3)

No caso são apenas tres células, mas no caso de serem 40 ou 50 células, isso faz uma enorme diferença, você só precisa digitar duas referências, em vez de digitar 40 ou 50.

Isto, claro, se todas as células forem vizinhas e sequenciais.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

16 minutos atrás, Wal SJC disse:

Sim, é: soma(a1:a3)

No caso são apenas tres células, mas no caso de serem 40 ou 50 células, isso faz uma enorme diferença, você só precisa digitar duas referências, em vez de digitar 40 ou 50.

Isto, claro, se todas as células forem vizinhas e sequenciais.

Ou seja, posso fazer por exemplo desta forma, soma($A$1.......;A25;......................$A$50) , certo?

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

4 horas atrás, Hugo Oliveira 84 disse:

A questão é que eu tenho dois ficheiros de Excel, e sempre que alguém acrescenta uma linha ou coluna, o segundo ficheiro fica desprogramado.

 

Se em um arquivo Excel A você tem uma fórmula, exemplo SOMA(A1:A20), que faz referência a outro arquivo Excel B, e se no arquivo B for incluída uma linha no intervalo A1:A20, o que exatamente você deseja:

1. que a fórmula continue considerando SOMA(A1:A20)  ou

2. que a fórmula passe a considerar a SOMA(A1:A21) ou

3. outra ?

 

Sugiro que você disponibilize aqui no fórum amostras dos dois arquivo Excel, com as fórmulas originais, e descreva com exatidão na própria planilha o antes e o depois de incluir linha e ou coluna.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisa ser um usuário para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas comunidades sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

Aprenda a ler resistores e capacitores

EBOOK GRÁTIS!

CLIQUE AQUI E BAIXE AGORA MESMO!