Ir ao conteúdo

Placa-mãe ASUS ROG STRIX H370-F GAMING

       
 20.867 Visualizações    Primeiras Impressões  
 4 comentários

A ROG STRIX H370-F GAMING é uma placa-mãe intermediária superior para processadores Intel Core i de oitava geração, baseada no novo chipset H370. Confira!

Placa-mãe ASUS ROG  STRIX H370-F GAMING
Rafael Coelho Editor-chefe do Clube do Hardware

Introdução

A ASUS ROG STRIX H370-F GAMING é uma placa-mãe intermediária superior soquete LGA1151 baseada no novo chipset Intel H370, suportando os processadores Core i de oitava geração (“Coffee Lake”). Ela traz iluminação RGB, dois slots PCI Express 3.0 x16, seis portas SATA-600 e três portas USB 3.1, sendo uma do tipo C. Vamos dar uma boa olhada nela!

O recém-lançado chipset H370 é o modelo intermediário superior para processadores Core i de oitava geração (“Coffee Lake”). As principais diferenças entre o novo H370 e o modelo topo de linha Z370, são as seguintes. O H370 não permite a divisão das linhas PCI Express 3.0 oriundas do processador em mais de um slot, tem 20 linhas PCI Express 3.0 controladas pelo chipset (o Z370 oferece 24 linhas), e oferece oito portas USB 3.0 (também chamadas de USB 3.1 geração 1), enquanto o Z370 suporta dez dessas portas.

Por outro lado, o H370 suporta nativamente até quatro portas USB 3.1 geração 2; o Z370 não oferece este suporte. Além disso, o H370 oferece conectividade Intel CNVi, o que significa que ele integra parte do hardware necessário para uma interface IEEE 802.11ac. Assim, uma interface de rede sem fio pode ser implementada por intermédio de um slot M.2 específico (se a placa-mãe utilizar este recurso), com um módulo trazendo apenas os circuitos de RF. O chipset Z370 não suporta este recurso.

Ainda, o chipset H370, diferentemente do Z370, não suporta overclock do processador e da memória. Ou seja, o H370 é voltado a computadores topo de linha, mas onde não há necessidade de overclock nem suporte a mais de uma placa de vídeo.

Assim como o Z370, o H370 suporta seis portas SATA-600 (com RAID 0, 1, 5 e 10), suporte a memória Optane e à tecnologia Rapid Storage.

Apesar de as placas-mãe para esta geração de processadores utilizarem o mesmo soquete LGA1151 das duas gerações anteriores, elas não são compatíveis com processadores Core i de sexta (“Skylake”) e sétima (“Kaby Lake”) gerações.

Você confere a placa-mãe ASUS ROG STRIX H370-F GAMING na Figura 1. Ela usa o padrão ATX, medindo 305 x 244 mm.

asus_H370F-Gaming-01.jpg

Figura 1: placa-mãe ASUS ROG STRIX H370-F GAMING

Compartilhar

  • Curtir 6


  Denunciar Artigo

Comentários de usuários


Rapaz, intermediária com um condomínio de portas SATA é novidade pra mim.

 

Bela placa e artigo!

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Ótima placa ! Uma pena não venderem os dissipadores para VRM e mosfet separadamente.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites
Em 5/14/2018 às 18:18, RBMA disse:

Ótima placa ! Uma pena não venderem os dissipadores para VRM e mosfet separadamente.

Cara, a Asus tinha um programa que você podia recriar essas peças e mandar imprimir em 3D. Não me lembro se eles imprimiam e mandavam pra você ou algo assim. Vou dar uma pesquisada e te mando o link

adicionado 6 minutos depois
Em 5/14/2018 às 18:18, RBMA disse:

Ótima placa ! Uma pena não venderem os dissipadores para VRM e mosfet separadamente.

Achei o link. Dá somente para personalizar a linha ROG. https://rog.asus.com/articles/pc-mods/download-3d-printable-parts-now/

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

A série H seria perfeita se aceita XMP, só por isso sempre pego a série Z, mas eu assim como 90% do pessoal que compra a série Z, garanto que não utilizam nem 20% da capacidade da placa. a H é a série perfeita eu diria, o problema é o preço que se encontra no BR.

Compartilhar este comentário


Link para o comentário
Compartilhar em outros sites


Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário






Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×