Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
Allysson

Hub/switch Lg X Encore

Recommended Posts

n o Switch e melhor q hub porque ele envia os dados para maquina selecionada o hub envia a todos e com isso fica lento (a rede)

huhu

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Os dois modelos que você citou não vão mudar nada. Mas se você puder dar preferência a um Switch... + segurança, + velocidade....

:-BEER

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Esse equipamento que ele ta falando é vendido como Switching Hub. u tenho um da Encore. Comprei para compartilhar o Velox aqui em casa. Nunca me deu dor de cabeça. Só fiquei preocupado quando usei as 8 portas para jogar Delta Force em rede... dava para fritar um ovo em cima dele :ahh:

Até hoje eu não entendi o que é um Switching Hub...

Nas especificações técnicas desse Encore, diz que o equipamento implementa domínio de colisão em cada uma das suas 8 portas. Essa é a característica fundamental de um Switch. para mim é um switch.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Swich significa chave, a função de uma chave é ligar ou desligar, exatamente o que um Switch faz, ele liga a conexão com o computador de destino através do MAC ADDRES da placa de rede e a comunicação é feita apenas para esse destino e não para TODOS como é o caso do HUB.

HUB significa interligar os computadores (rede) é o que faz esse aparelho, interliga os computadores em rede, o seu único defeito é que ao enviar um pacote na rede ele dispara o mesmo pacote para todos que estiverem conectados nele, aonde quem não pediu o pacote descarta o mesmo. Se já estiver havendo uma comunicação entre computadores, ele não leva isso em consideração, e se mandarem um pacote neste segmento ele joga o pacote alí no meio causando conflito de pacotes, havendo a necessidade de retransmití-lo até que ele chegue no destino e com isso há uma grande perda de performance.

Switching hub é um SWITCH com funções de HUB(interlegar computadores em rede), que é a definição mais correta, mas popularmente conhecido como SWITCH.

HUB SWITCH não existe, apesar de anunciados pelas lojas, o nome sugere que é um HUB com funções de SWITCH.

Dizer que um SWITCH é mais seguro é muito relativo, em termos de segurança (qualidade) na transmissão de pacotes ou através de gerenciamento (quando este possui) salvos casos específicos de cada fabricante, com certeza é mais seguro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cara...

o papel do switch é o mesmo do hub (retransmitir pacotes de rede), mas o que diferencia um do outro é que o hub é dito como burro pois ele simplesmente retransmite sinais binarios indiscriminadamente. Já um switch recebe os pacotes da rede e tem a capacidade de entender que aquilo que ele está recebendo é um pacote. Ele lê o pacote e checa o campo DA (destination address), que contém o mac address do destinatário do pacote. Por ele saber quais os micros (mac addresses) que estão pendurados em cada uma de suas portas, ele não precisa transmitir o pacote para todas as suas portas. ele liga, diretamente (faz o switch do circuito) a porta de onde o pacote de dados está vindo com a porta de destino.

Dizer que um equipamento é um switching hub, para mim é redundancia pois todo switch faz o que um hub faz por natureza

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pode ser para no nosso português AndrezimJPA

Switching hub existe e desde que aprendi a trabalhar com redes no Japão o termo é utilizado lá e em outras partes do mundo.

Infelizmente aqui neste aquário que vivemos e das "escolinhas de informática" que alguns fazem, a informação ou é passada de forma errada ou é baseada na opinião pessoal de alguém que acha que sabe alguma coisa.

Aqui não estamos para competir, mas para compartilhar conhecimento. E não sei se você reparou, aqui poucos sabem sobre redes e a maioria são leigos no assunto, por isso pouco importa se você responde com termos complicados, quanto mais simples melhor.

Agora, quanto aos seus comentários....

1 - Existe uma grande diferença entre retransmitir e transmitir um pacote e a única função semelhante ao HUB é a interligação dos computadores em rede.

2 - O SWITCH que encontramos hoje não lê pacote nenhum o que ele faz é ler um frame do campo do cabeçalho do MAC ADDRESS de Destino para endereçar o pacote ao seu destino. O único que conheço que lê frames inteiros são os tipos Store-and-Forward o que a maioria encontra no mercado são Cut-Through, apesar que hoje quase todas as lojas que fui nenhuma soube me dizer a diferença entre eles ou sequer sabiam que existiam SWITCH do tipo Error-free cut-through.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Amigo...

você falou, falou, falou, fez a sua propaganda (não entendi se você quer dizer que sabe mais ou menos ou teve melhor estudo) mas no final não disse NADA

Nenhum switch ou hub transmite pacote. Todos eles (switch e hub) retransmitem. Não entendi o por quê de você ter falado isso, mas...

Como você mesmo sabe, o switch tem a mesma função do hub mas como ele sabe quem é o destino ele chaveia o link entre as portas diretamente entre a porta onde está pendurado o micro que TRANSMITIU o pacote com a porta do micro de destino.

Só uma coisa que você, com seu excelente conteúdo se equivocou foi no fato de afirmar que o switch não lê o pacote. Ele conhece a estrutura completa do pacote ethernet. Se não soubesse, como ele diferenciaria o DA de um pacote do DA de outro? Ou então, como o switch saberia onde começa e onde termina o campo DA?

Cut Trough e Store and Forward são métodos de encaminhamento de pacotes. Vou te explicar o que cada um deles faz e ainda te apresentar um 3º método que você não conhece ou esqueceu de comentar (você não precisa ler, já que aprendeu tudo lá no Japão, mas alguém que não conheça e se interesse sobre o funcionamento de switches, vale a pena ler):

PS: Se você tiver algo a mais para dizer, que responda em mensagem particular para mim, pois acho que ninguém aqui quer ler você tentando duelar conhecimentos com os outros membros.

Store-and-Forward

Switches Store-and-Forward guardam cada quadro em um buffer antes de encaminhá-lo para a porta de saída. Enquanto o quadro está no buffer, o switch calcula o CRC e mede o tamanho do quadro. Se o CRC falha, ou o tamanho é muito pequeno ou muito grande (um quadro Ethernet tem de 64 bytes a 1518 bytes) o quadro é descartado. Se estiver tudo OK, o quadro é encaminhado para a porta de saída.

Esse método assegura operações sem erro e aumenta a confiabilidade da rede. Contudo, o tempo gasto para guardar e checar cada quadro adiciona um tempo de latência grande ao processamento dos quadros.

A latência total é proporcional ao tamanho dos pacotes: quanto maior o pacote, maior o delay.

Cut-Through

Os Switches Cut-Through foram projetados para reduzir a essa latência. Esses switches minimizam o delay lendo apenas os 6 primeiros bytes de dados do pacote, que contém o endereço de destino, e logo encaminham o pacote.

Contudo, esse switch não detecta pacotes corrompidos causados por colisões (conhecidos como runts), nem erros de CRC. Quanto maior o número de colisões na rede, maior será a largura de banda gasta com o encaminho de pacotes corrompidos.

O segundo tipo de switch cut-through, fragment free, foi projetado para eliminar esse problema. Nesse caso, o switch sempre lê os primeiros 64 bytes de cada pacote, assegurando que o quadro tem pelo menos o tamanho mínimo, evitando o encaminhamento de runts pela rede.

Adaptative Cut-Through

Os switches que processam pacotes no modo adaptativo suportam tanto store-and-forward quanto cut-through. Qualquer dos modos pode ser ativado pelo gerente da rede, ou o switch pode ser inteligente o bastante para escolher entre os dois métodos, baseado no número de quadros com erro passando pelas portas.

Quando o número de quadros corrompidos atinge um certo nível, o switch pode mudar do modo cut-through para store-and-forward, voltando ao modo anterior quando a rede se normalizar.

Switches cut-through são melhor utilizados em pequenos grupos de trabalho e pequenos departamentos. Nessas aplicações é necessário um bom throughput, mas erros potenciais de rede ficam no nível do segmento, sem impactar a rede corporativa.

Já os switches store-and-forward são projetados para redes corporativas, onde check de erros e bom throughput são desejáveis.

Apenas os switches store-and-forward, ou Adaptative cut-through funcionando no modo store-and-forward possuem a capacidade de suportar mais de um tipo de LAN (como por exemplo Ethernet e Fast Ethernet), pois são os únicos com capacidade de bufferização dos quadros, condição necessária para a posterior conversão do formato do quadro MAC, ou do método de sinalização.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Guest emsys
Postado Originalmente por Allysson@07 jul 2004, 12:34

Gostaria de saber qual é o melhor Hub/Switch?

LG LS3108P

ou

Encore

ambos 8 portas e 10/100.

Obrigado.

Embora os colegas aqui do fórum tenham saído um pouco da questão principal.....

Não posso te falar sobre o LG pois não conheço, mas quanto ao Encore posso lhe garantir que você não vai ter problemas, eu uso 3 deles aqui na empresa 2 são HUBs suitados e um é um hub comum. Nunca tive nenhum problema.

Abraços

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Postado Originalmente por Allysson@07 jul 2004, 12:34

Gostaria de saber qual é o melhor Hub/Switch?

LG LS3108P

ou

Encore

ambos 8 portas e 10/100.

Obrigado.

Eu usei um hub encore aqui daqueles de 100 Reais e a rede ficou um aporcaria. Devolvi para o amigo q me emprestou e comprei um Switch LG3108PA q me custou uns 70 Reais e a rede está supur rápida, as maquinas se acham fácil fácil, compartilhando a banda larga sem dor de cabeça...

É o que tenho a dizer, NA PRATICA, o switch da LG deu de 10 A 0 no hub da encore... Teoria por teoria fico com o switch LG!

Abraços,

Brum

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Cara ...

aqui na empresa, temos 3 desses Mini-switch de 8 portas ...

Vai minha dica, e o motivo:

Já tive problemas com as duas marcas que você citou ... porque eu uso bastante, normalmente são 7 ou 8 conexões simultaneas em cada um ...

O dos que você citou, o da LG foi o único que sobreviveu ... mesmo assim vou trocar ...

o da Encore nem se fala ... quero longe daqui ... (queimou)

A solução que eu achei, e por incrivel que paresça não me saiu cara ... foi comprar um Mini-Switch da "Surecom" ... cara ... não tem comparação ... não quero outra vida ...

Já troquei dois aqui da empresa ... agora tenho 2 Surecom e 1 LG ... mais ainda vou trocar esse para mais um Surecom ...

Sou do Ro de Janeiro ... o preço que encontrei mais barato aqui, foi: R$ 240,00

Um absurdo né? ... pois é ... entrei em contato com a representante Surecom em São Paulo ... e o valor final do Frete + Produto foi: R$ 120,00

E olha que foi Sedex 10!

Espero ter ajudado ...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora
Entre para seguir isso  





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×