Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Recommended Posts

Bom dia!

 

Gostaria de uma ajuda, tenho um core 2 quad Q8200 com 4 gb de ram ddr2 em dual channel, placa-mãe msi G31M3 V2, ele está com uma placa de video Rx 460 2gb.

 

Me apareceu um kit placa-mãe, processador, e memória, em troca kit por kit e daria mais 100,00 (no caso continuarei com minha placa de video).

 i3 530, 4gb de RAM Ddr3  expansivel até 16 gb placa-mãe asus P7H55-M/BR.

 

Será que daria um mínimo de ganho em jogos antigos, que é o que possuo?

Minha duvida e pelo i3 ser dual core e o meu ser quadcore.

E ter a vantagem de aumentar a memória ram.

 

Grato. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

acho que não vale a pena sair de um quadcore para ir para um dual core, capaz de você perder desempenho nessa troca, o ideal é você pegar pelo menos um i7 2ª gen pra ter um ganho de desempenho nessa troca.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Por uma diferença de 100,00 eu até pegaria esse combo. Mas você vai ficar preso no extinto (à tempos, aliás) ao LGA1156, comprando processadores usados no ML e OLX da vida, esteja ciente disso. Mas imagino que o i3 mesmo sendo dual core mas com 4 threads leve sua RX460 melhor. Não espere triplicar seus fps, mas algo deve mudar sim.... claro que se você pudesse juntar mais uma $$$ e pegar algo um pouco mais forte seria melhor, mas se a grana tá realmente curta, vai firme.

  • Curtir 2

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar agora





Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×