Ir ao conteúdo
  • Cadastre-se

Intrudera6

Membros Plenos
  • Total de itens

    443
  • Registro em

  • Última visita

  • Qualificações

    0%

Reputação

332

Sobre Intrudera6

  • Data de Nascimento 29/06/1964 (55 anos)

Informações gerais

  • Cidade e Estado
    Salvador, BA
  • Sexo
    Masculino

Outros

  • Ocupação
    Eng. Mecânico e de Petróleo
  1. Boa sorte, eu "aprendi" C com aproximadamente 50 anos (achando que não conseguiria e por necessidade), e se sua cabeça for boa acho que da para você aprender com mais de 60.
  2. Sim eu me interesso por física e astronomia, num nível básico, mas eu fiquei bastante frustrado quando estive no Atacama e não pude ir no ALMA, estive lá tão perto, cheguei a ver as antenas ao longe. Infelizmente as condições meteorológicas de Salvador são terríveis para astronomia amadora. E se algum dia eu conseguir me aposentar eu vou fazer física, desde o zero, tem tempo demais que eu estive numa universidade, preciso aprender de novo, limite, derivada, cálculo diferencial e integral e etc. (nunca mais precisei e já esqueci a maior parte), estou muito enferrujado e estudar para valer é ótimo para manter a mente afiada, e o ENEM é bem mais fácil (não preciso me esforçar muito para passar). Mas além do risco de não me aposentar, estão destruindo as universidades, elas precisam existir para que eu possa estudar física, numa universidade que preste é claro. Acho que se algum dia a gente tivesse uma conversa num bar ela seria bem interessante. Eu li a respeito de um experimento recente em que foi conseguido um buraco negro sônico, e não é que foi emitido radiação sonora do horizonte de eventos (sônico) exatamente com Hawking prévia, isto é "pouco" para provar a radiação hawking, mas eles estão no caminho certo. A melhor forma de provar uma teoria destas é por analogia, cercando para chegar lá.
  3. Errado! A única coisa que escapa de um buraco negro é a gravidade (e a radiação Halkin, mas isto ainda é um teoria). E isto aumenta a massa do buraco negro.
  4. E=MC^2, nunca dá para fugir disso.
  5. Parece uma aplicação perfeita para supercapacitor, 3 de 2,7V em série e 500F (ou 300F, mas o de 100F deve ser mais que suficiente neste caso) com uma placa para balancear e uma resistência de potência para limitar a corrente de carga dos capacitores, imagino que uma fonte de uns 3 amperes x 7,4V deve ser mais que suficiente (com o supercapacitor)
  6. Intrudera6

    Desumidificador eletrico sem refil

    Na minha opinião, talvez nem o de mais potência possa dar conta do quarto. O volume de ar é muito grande e o quarto não é vedado, mas se a umidade ambiente não for alta, e o quarto sempre for mantido fechado, a porta não tiver nenhum fresta (nenhuma mesmo, nem por baixo), ai neste caso talvez ele dê conta, mas vai ficar muitos dias para que a umidade fique num nível aceitável. E o ventilador pode (e deve) ser limpo da poeira com certa regularidade (quando for observado uma certa obstrução) para que não perca eficiência.
  7. Intrudera6

    Desumidificador eletrico sem refil

    Eu uso um (que eu postei pouco acima) que é dito que serve para um quarto, mas tenho as minhas dúvidas se aqui em Salvador (que é muito úmido) ele daria conta, mas dentro de um armário ele é muito eficiente. Ele gasta uns 4 amperes por 12V na potência máxima. Acho que compensa, pois tudo que eu coloco dentro do armário fica bem conservado e seco, coloco entre outras coisas uma máquina DLSR com as lentes (tenho umas lentes meio caras que me custaram na época uns 500 US$) para evitar mofo, aqui em Salvador a umidade é cruel com as lentes. Fico imaginando a quantidade de potes antí-mofo que teria que comprar para substituir um desumidificador com peltier, o meu desumidificador em 1 mês (ou menos se abrir muito o armário) retira uns 500ml de água de dentro do armário, não acho que valha a pena usar potes antí-mofo. Talvez num armário com ótima vedação desse para utilizar algo com menos potência, mas no meu caso não acho que daria certo um menos potente.
  8. @aphawk Um componente bem interessante. A tecnologia ainda está muito longe disso, mas algum dia os super capacitores podem chegar a ficar competitivos em relação às baterias. Nesta situação estes componentes ficarão ainda mais úteis. Mas imagino que para um sistema que tem que operar por décadas a fio sem manutenção, o que não é possível com baterias, e com equipamentos de muito baixo consumo. nestes casos também estes componentes são muito interessantes funcionando com super capacitores e pequenos paineis solares. Isto talvez seja o futuro dos carros elétricos.
  9. Eu uso um destes 100-220V 12V 10A UPS Sw Power Supply W/ Battery backup charging CCTV Security Que ligado numa bateria 12V x 9Ah (ou 7Ah) dá para alimentar qualquer aparelho de 12V por muitas horas. Uso um destes num roteador Live Tim (fibra ótica), que gasta em condições normais por volta de 1A, num roteador WIFI TPLINK dual band (tenho eles em pontos distintos da minha residência) e em qualquer coisa que funcione com 12V. É muito melhor que nobreak, gasta menos energia, custa mais barato, e o que eu preciso mesmo é de uma fonte ininterrupta de 12V CC, para que oscilar e depois retificar, não faz sentido, é melhor mesmo continuar em 12V CC. Já uso esta configuração há muitos anos, funciona muito bem, tem uma autonomia enorme, custa pouco, as baterias são mais baratas, e é bastante confiável. Mas obviamente só dá para usar em aparelhos de 12V ou forçando um pouco a barra, em outras tensões utilizando conversores CC / CC.
  10. @Renato.88 Eu já fui um destes "doidos", eu dei partida num corolla com motor 1.8 com dois conjuntos de 6 (6 x 2 em serie e paralelo) capacitores de 330F (o chinês dizia que eram de 500F x 2,7V, mas na prática mal passavam de 300F), e consegui dar partida sem muita "dificuldade" (derreti umas trilhas antes e tive que fazer uns reforços na PCI que ligava e equalizava os capacitores para aguentar o tranco). O surto de corrente passava de 700A, mas era muito rápido!
  11. Se você pudesse transferir toda a energia do nosso sol (desintegração total) para um capacitor, sem perda (transferência ideal), o capacitor aumentaria a sua massa exatamente no valor da massa do sol, E=MC^2 continua sempre valendo mesmo que a energia seja de 1 joule ou menos, mas nos níveis de energia realmente grandes é fácil de se medir. Mesmo que nas pequenas capacidades de armazenamento (dos capacitores) não sejam possíveis de serem observadas mudança na massa (falta de precisão das balanças), a massa sempre sofre alteração quando se armazena energia ou se gasta esta energia, mas não sei se existirá algum dia uma balança capaz de medir isso? Uma balança deste tipo provavelmente seria capaz até de identificar a perturbação gravitacional de uma pessoa se aproximando dela (sensibilidade realmente enorme). Acho que isto talvez nunca exista (é complicado dizer uma coisa destas, mas talvez nos próximos milhares de anos, ou no próximo século, ou nunca, é muita futurologia para mim).
  12. Infelizmente na natureza (e em laboratório também) é impossível 100% de eficiência, mas a melhoria da tecnologia pode levar a conseguir rendimentos bem perto dos 100%. E quanto maior o equipamento (normalmente) melhor é o rendimento, isto vale para transformadores, motores (elétricos e a combustão), geradores e etc. A física é implacável!
  13. Intrudera6

    Desumidificador eletrico sem refil

    Arranjei um destes com peltier, que dizem que da conta de 1 quarto, mas com a potência que ele tem só deve ser suficiente para secar um armário (o que para mim já é suficiente), mais que isso já tenho as minhas duvidas se vai resolver... Dehumidifier XROW-500A => https://www.ebay.com/itm/Dehumidifier-Excelvan-XROW-500A-Portable-Electric-Quiet-Air-Dryer-Damp-Mould/372649234210?hash=item56c3a00f22:g:tw0AAOSwtHZbmhra&frcectupt=true
  14. E vocês já viram o computador com processador superfluido que foi lançado ?
  15. Dá para dar partida em aeronaves com ele, e também em caso de apocalipse deve resistir ao fim do mundo.

Sobre o Clube do Hardware

No ar desde 1996, o Clube do Hardware é uma das maiores, mais antigas e mais respeitadas publicações sobre tecnologia do Brasil. Leia mais

Direitos autorais

Não permitimos a cópia ou reprodução do conteúdo do nosso site, fórum, newsletters e redes sociais, mesmo citando-se a fonte. Leia mais

×
×
  • Criar novo...

GRÁTIS: minicurso “Como ganhar dinheiro montando computadores”

Gabriel TorresGabriel Torres, fundador e editor executivo do Clube do Hardware, acaba de lançar um minicurso totalmente gratuito: "Como ganhar dinheiro montando computadores".

Você aprenderá sobre o quanto pode ganhar, como cobrar, como lidar com a concorrência, como se tornar um profissional altamente qualificado e muito mais!

Inscreva-se agora!